Car.blog.br

Pesquisar este blog

Produção do Focus na Argentina será encerrada até 2019

Categorias: , , 36 Comentários

O Ford Focus atual terá produção encerrada na Argentina em breve, até 2019. O hatch-médio da montadora americana Ford é fabricado em versões hatch e sedã.

Produção do Ford Focus na Argentina será encerrada até 2019

A estimativa é que a nova geração do Ford Focus chegue ainda este mano, mas há dúvida sobre o local de fabricação: se continuará em Pacheco ou se será fabricado em algum local na região sul-americana. A nova geração não será apresentada no Salão de Genebra no próximo mês. Somente em Abril que será revelado oficialmente.

Produção do Ford Focus na Argentina será encerrada até 2019

A Ford passa por uma de suas maiores mudanças, desde que a marca foi criada. A montadora decidiu cortar todos os gastos em produções que não geram lucro e também já dispensou o Ford Fusion e o Fiesta do mercado americando. No México, a montadora praticamente entrou em crise após o megainvestimento de US$ 1,6 bilhão ser cancelado no país, para fazer o Novo Focus.

Produção do Ford Focus na Argentina será encerrada até 2019

Como se não bastasse, a montadora também perdeu a produção do Fiesta. A PSA foi questionada se teria entrado em contato com a montadora americana para formar uma possível aliança estratégica na América Latina ou na região sul. O CEO da empresa francesa, Carlos Tavares, disse que a companhia está "muito aberta", tornando uma possível parceria com outro fabricante da região.

Produção do Ford Focus na Argentina será encerrada até 2019

Ainda não se sabe o certo se o Novo Focus chega ao Brasil. Provavelmente sim, pois as vendas estão boas. Registraram 4.756 unidades vendidas em 2017, enquanto o modelo sedã vendeu 6.163 unidades.

36 comentários:

  1. Enquanto isso, o Golf segue rijo e forte. Com geração 7,5 chegando logo mais, com motor 200 TSI câmbio AT, podendo explorar um mercado potencial de mais de 6.000 carros/mês.

    Focus? Jamais testei, nunca gostei, achei ruim, fraco, lento e mal acabado, portanto não recomendo nem para meu pior inimigo. Pensou em Focus? Vá de Golf!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você deve ser comediante, só pode.

      Excluir
    2. Já foi, ultimamente já está bem batidinho e sem graça

      Excluir
    3. Golf não será mais produzido no Brasil. Virá do México até 2019 e depois importado da Alemanha como G8. Talvez nem chegue mais por aqui a Linha 18.
      Quem viver verá, e vai saber o que será do Golf tupiniquim.
      Um grande carro o Golf 7 , certamente o melhor carro do mercado, que a própria VWB encarregou-se de matar por falhas de marketing e projeto (decisões técnicas absurdas) de engenharia. Será substituído aqui pelo SUV que sairá do Paraná.

      Excluir
    4. Espera até sair o novo Focus MK4 para ver o banho. Motor 3cil 1.5T, vai humilhar a concorrência.

      Excluir
    5. Esse Eddie até um tempo atrás dizia que o Golf nacional deixaria de ser fabricado aqui, e estava na torcidinha para o Golf vir do México, pois, assim, ele achava que o Golf voltaria a ter a transmissão mais barata (DSG) e barulhenta e a suspensão menos robusta (multilink), mas com nome que ele acha bonitinho (como todo repetidor de mimimi dsg/multilink que se preste).

      Mas aí eu tive que lembrar ele que o Golf Variant vem do México também e vem com a mesma suspensão do Golf nacional, e o mesmo câmbio.

      Então agora ele está na torcidinha que venha da Alemanha.

      Sim, sim, claro, claro, a VW vai ser idiota o suficiente para deixar de produzir o carro no Brasil, já com linha de produção montada, produto adaptado, fornecedores certificados, para trazer o carro importado em EURO e com imposto de importação de 35% e ainda se submeter a cota total de 4.800 unidades anuais, acima das quais entra mais 30% de IPI.

      Claro, deixariam de ter o motor 200 TSI Flex com câmbio automático AISIN (Não tem esse câmbio na Alemanha) que é a principal arma competitiva da VW aqui.

      Sim, sim, se tivessem idiotas na VW Brasil, eles fariam isso. Mas não tem não. Então o Golf continuará a ser produzido aqui.

      Lembrando que a VW Brasil já afirmou que não há qualquer plano de encerramento da produção do Golf no Brasil.

      http://www.car.blog.br/2017/07/nao-ha-planos-de-interrupcao-de.html

      E com a chegada da versão 200 TSI Automática, o Golf disputará um mercado de 6.000 unidades mês.

      Excluir
    6. E ainda bem que a VW continuará a fabricar o Golf no Brasil, pois o nacional é superior ao importado em tudo. A caixa AISIN do Golf nacional é superior em tudo ao DSG, e tanto é assim que é mais cara, como dito pela Schaeffler, que produz as peças do DSG:

      http://www.car.blog.br/2017/09/schaeffler-vende-dsgpowershift-no.html

      A transmissão de Dupla Embreagem a Seco foi desenvolvida pela Schaeffler com o objetivo de combinar as características das transmissões mecânicas e automáticas, como maior conforto, menos consumo de combustível e menor custo, quando comparada a uma transmissão automática.

      O Golf TipTronic tem melhor desempenho em pista que o Golf DSG, veja o Golf/A3 TipTronic enrabando o Golf DSG na písta:

      http://www.car.blog.br/2016/10/audi-a3-sedan-nacional-supera-golf-14.html

      Além disso, Golf DSG tem uma revisão de 2.500 reais a cada 60.000 km, enquanto o câmbio TipTronic dos Golf/A3 nacionais não precisam de manutenção JAMAIS.

      Desempenho e consumo

      http://www.car.blog.br/2016/01/golf-14-tsi-flex-automatico-2016.html

      Como podemos ver acima, o Golf 1.4 TSI TipTronic nacional anda mais, e foi mais econômico que o Golf 1.4 TSI DSG-7, segundo medições da Quatro Rodas e do INMETRO.

      Então, o sujeito que fala que o DSG é mais eficiente que o TipTronic não sabe o significado da palavra "eficiente", pois os números dos testes mostram o Golf TipTronic anda mais e bebe menos que o Golf DSG, ou seja, o Golf TipTronic é o mais eficiente.

      Fora o fato que o TipTronic não demanda manutenção, enquanto o DSG exige uma revisão de 2.500 Reais a cada 60.000 Km.

      Em resumo: Golf nacional superior em tudo aos importados!

      Excluir
    7. Moçoila...
      quantos textos longos, chatos e sem conteúdo que preste...

      Excluir
    8. Único problema do golf é o preço atual, foi lançado com um preço bem competitivo agora está muito caro pelo que oferece.

      Excluir
    9. Errado. O Golf TSI Comfortline custa R$ 77 mil e é bem barato. O único problema dele é não ter câmbio automático.
      Quando tiver, pode cobrar R$ 85 mil que vai vender feito água.
      basta ver o Polo 200 TSI, menor, que vende quase 7.000 carros por mês, custando entre R$ 70 e R$ 80 mil.

      Excluir
    10. Como você é fanático e lunático, o Golf mk7 veio como um suprassumo de tecnologia para o Brasil e com um preço imbatível, coloque na sua cabeça, quem está falando é um consumidor, o Golf perdeu tecnologia e aumentou absurdamente seu preço, sem agregar valor tecnológico algum.

      O resto é bla bla bla de fã boy

      Excluir
    11. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    12. Lubrificaçao do câmbio DSG a cada 60 mil km custa 1.200 reais.

      Excluir
    13. Tenho um Focus SE 2017 e afirmo que é um ótimo carro, muito confortável e seguro, e baixo consumo de combustível. Quanto ao acabamento interno houve uma grande evolução em relação à geração anterior. Eu recomendo a compra, o Focus possui um ótimo custo benefício dentro da sua categoria.

      Excluir
    14. E sem contar também que com o valor do seguro de um Golf dá para pagar o seguro de 2 Focus...

      Excluir
    15. nada me leva a comprar esse carro com esse câmbio. A Ford empurra o carrinho com algumas promoções, mas até nos USA é extremamente criticado, representando baixas vendas. Veja os números em queda no mesmo periodo janeiro (http://fordauthority.com/fmc/ford-motor-company-sales-numbers/ford-sales-numbers/ford-focus-sales-numbers/):

      Year Jan
      2018 6,610
      2017 9,577
      2016 12,977
      2015 18,478

      As vendas estão em 1/3 mesmo com promoções pesadas nos USA.

      Excluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Focus com câmbio power...., apertado, motor com respostas lentas (em relação a modelos similares). Muito longe de outros modelos do mesmo segmento. O mercado soube reconhecer bem suas deficiências. Ford Fiesta é outra lástima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca dirigi, mas entrei e senti como é estreito. Não sou grande nem gorda, mas a minha vivência com outros modelos já diz muito. Quanto ao câmbio, é só ler nos sites do Brasil e EUA. Já tive 2 Mercedes Classe A e agora tenho um Peugeot 2008 THP (motorização turbo, 06 ar bags, ESP, GPS, Teto panorâmico). Então, espaço, economia, desempenho, acabamento e segurança posso afirmar com muita garantia, o Ford Focus passa muito longe.

      Excluir
    2. As respostas do Focus são bem mais rápidas do que quaisquer outros modelos 2.0 aspirados do mercado hoje. E em termos de equipamentos, tem muito mais que qualquer 2008.
      Sugiro dirigir um antes de afirmar qualquer coisa.

      Excluir
    3. Você deve estar brincando. Peugeot 2008 eh estreito apertado e com teto baixo. E nunca que um cambio manual é mais rápido que um dct.

      Excluir
    4. Equipamentos não significam necessariamente qualidade, vide a estratégia da Fiat e seus penduricalhos para mascarar a péssima qualidade. Ford Focus pode ter até alguns equipamentos, mas o modelo não tem o principal câmbio. E, o motor, as respostas são bem lentas numa ultrapassagem até pelo famoso câmbio problemático. Um Turbo 2008 sobra em relação ao Fordeco. Experiência própria em condução de ambos os veículos Ford do Governo Federal e 2008 THP próprio. Se o modelito fosse bom de mercado, não estaria sendo anunciada sua morte.

      Excluir
    5. Pode ser até apertado para algumas pessoas, mas é mais folgado que o Focus. Pode até ser mais rápido o dct, mas primeiramente deve funcionar apropriadamente o qual não é o caso do Powershit.

      Excluir
    6. Para o carro ser bom, precisa ser bom de mercado? Qual sua lógica? Explique o caso Ônix então, sabichão!!!

      Excluir
    7. Pessoal dá opinião pelo que lê, não pelo que testa. Nunca teve um, nunca dirigiu um e fica falando baboseira com base no que os outros falam, bem coisa de brasileiro.

      Excluir
  4. Tirando o câmbio vagabundo sera que este carro é tao ruim assim? Porque muito bonito ele é.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Está indo embora por causa do câmbio bomba PowerShit?

    ResponderExcluir
  7. O problema é o preço. Muito caro esses hatch medios. Os consumidores estão preferindo os suv. A ford deveria fazer um focus suv. Mais alto, pneus de suv. Venderia bem mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hoje trabalho com um pau velho...entenda se bem...carro velho...assim ando me arrastando pela estrada...outro dia uma Suv IX35 me ultrapassou diria uns 110 km.h numa entrada de curva de Serra e pude observar...é nitido o desacerto do chassis e suspensão...o Suv parece que vai decolar ou descolar da pista, oscila muito na entrada de curva...muito ruim. Por isso quem gosta de carro compra hatch ou sedã médios nunca um Suv.

      Excluir
    2. Eddie, tua observação se refere a uma unidade específica em determinado momento. Há Suvs e Suvs. Um bom Suv tem controle de estabilidade o que até pouco tempo sedãs como, por exemplo, Corolla nem cogitava apesar do apelo de seus consumidores. Pode ser também uma questão de manutenção daquele veículo sem contar outras outras variáveis. Suvs têm muitas qualidades, especialmente na questão de resistência às pistas esburacadas de nossas estradas, pois comumente possuem pneus mais largos e demais apetrechos para fora de estrada, o que é muito conveniente. Mesmo que não dirija fora-de-estrada é muito útil.

      Excluir
    3. Parmera...nunca guiei Tiguan mas acredito que seja um carro estavel. Já o resto nao sei não. Tudo se resume a posiçao centro de gravidade e suspensão. Sempre um hatch médio.

      Excluir
  8. Ford Focus
    Ontem, hoje,e sempre nada a reclamar
    Ótimo carro

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.