A Nissan lançou neste ano de 2020 a nova geração do sedã médio Sentra no mercado argentino, e prepara sua chegada ao Brasil no ano que vem. Importado do México, sem imposto de importação, enfrentará VW Jetta, Toyota Corolla e Honda Civic.
Esta nova geração foi totalmente reformulada, adotando uma estética agressiva - bem diferenciada do aspecto conservador dos modelos anteriores. As medidas mudaram: ele mede agora 4,64 metros de comprimento, e tem uma largura de 1,81 metros (5,5 cm a mais que o antecessor), enquanto o entre-eixos passa a ser o maior do segmento, com 1,71 metros (ganho de 1 cm).
A maior largura e entre-eixos resultaram em um interior mais espaçoso, contando com bancos mais anatômicos e com ajustes elétricos nas versões topo de gama. O aspecto geral é de maior modernidade, e há também um avanço significativo em termos de qualidade de materiais de acabamento.
A nova central de informação e entretenimento é do tipo flutuante, com tela de 8", compatível com Apple CarPlay e Android Auto. E fica posicionada na parte superior do console central mais largo e amplo.
Na traseira o espaço é adequado para 3 passageiros, mas o modelo deve uma saída de ar-condicionado para esse compartimento - assim como está presente em modelos até mais baratos, como o Virtus, da VW. O porta-malas comporta 467 litros.
O modelo vendido na Argentina adota o motor 2.0 aspirado, com injeção direta, com 143 cv, associado com transmissão CVT. No Brasil deve contar com o mesmo propulsor, porém com tecnologia Flex, o que deve fazer subir a potência para além de 145 cv. A performance, segundo testes da revista Quatro Rodas com o modelo argentino é correta: 0 a 100 km/h em 10,2 segundos, velocidade máxima de 202,1 km/h. O consumo ficou em 9,8 km/l em cidade, e 13,2 km/l em estrada.
No quesito recursos de assistência, traz sistema start-stop de desligamento automático de motor em paradas temporárias, seis airbgas, hill-assist, controle de estabilidade, sistema de frenagem autônoma de emergência, alerta de colisão e de fadiga do motorista, alerta de esquecimento de objetos no banco traseiro. Os modelo top contam com faróis em LED, sensor de pressão nos pneus e câmera de visão periférica 360º.



Na Argentina o novo centra foi lançado em 4 versões: Advance M/T (1.890.000 pesos - R$ 125 mil); Advance CVT (1.995.000 pesos - R$ 132 mil); SR CVT (2.435.000 pesos - R$ 161 mil); Exclusive CVT (2.450.000 pesos - R$ 162 mil).

O novo Sentra deveria ter sido lançado no Brasil em 2020, mas com a pandemia os planos foram mudados. Não há definição oficial da Nissan do Brasil, mas especula-se que o lançamento deve ocorrer em 2021.

83 Comentários

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

  1. Enquanto a VW prepara um sedã 100% elétrico para 2021, a Nissan ainda não conseguiu sequer um motor turbo. piada.
    visual emperiquitado, vai envelhecer em 3,17 segundos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainn...concorrente do virtus...

      Excluir
    2. Engraçado que agora você só fala de carro elétrico, ninguém liga pra essa merda, queremos carros mais equipados e com segurança...

      Excluir
    3. Carro elétrico? VW? E os golf elétricos, q a VW parou de trazer. Acorda Barrichello

      Excluir
    4. será q em 2021 ainda teremos jetta por aqui ou já vao empurrar o msi nele tbem? kkkkkkk

      Excluir
    5. Enfrentar Jetta com motorzinho de Ford KA? Tá de brincadeira a Nissan. Motor velho, do tempo do êpa, ultrapassado, aspirado e com 143 CV? É até uma ofensa da Nissan dizer que pretende concorrer com o Jetta. Não concorre nem com o Jetta Turbo 1.4 de 150 CV, quem dirá com o novo 2.0 Turbo de 231 CV e 35 kg de torque. Melhor nem vir para o Brasil. Mais um fiasco.

      Excluir
  2. Enfrentar Jetta, Cerato e Arrizo 6, as moscas brancas da categoria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É porque para brasileiro só presta corolla...

      brasileiro é igual a burro de carga...

      Excluir
  3. Respostas
    1. Geta?
      Este lixo é vendido ainda?

      Excluir
    2. Jetta é o mais vendido dos menos vendidos, dentre eles, Cerato, Arrizo 6 e o finado C4 Lounge.

      Excluir
    3. Vão disputar quem vende menos.

      Excluir
  4. Eterno coadjuvante da dupla Corolla e Civic. Pelo menos ficou mais bonito que ambos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vender mais não traduz ser o melhor veículo. Por essa linha sofrível de pensamento,o ônix seria o melhor carro? kkkkkkkk Agora, quem conhece motor, jamais trocaria um turbinado por um aspirado. Resumindo.... GLI é o foguete a ser batido.

      Excluir
    2. Sensato é o CHUPA MINHAS BOLAS..
      Mesmo raciocínio de idiota.
      Diz aí my balls....
      Ze RUELA

      Excluir
    3. Para bater o tal foguete primeiro ele precisa vender. Além do que o fiasco do gli concorreria com a linha Nismo da Nissan, modelo que não existe na linha Sentra.

      Excluir
  5. Na traseira o espaço é adequado para 3 passageiros, mas o modelo deve uma saída de ar-condicionado para esse compartimento - assim como está presente em modelos até mais baratos, como o Virtus, da VW. O porta-malas comporta 467 litros.

    O Jetta ñ tem saída de ar condicionado para o banco de trás. O Virtus tem e o jetta ñ. Vai entender.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque o Virtus é um geta, e o geta é um Virtus.
      Portanto são inúteis, LIXOS.

      Excluir
    2. Jetta nas versões 1.4Tsi também não tem troca de marchas atrás do volante, enquanto Virtus tem essa opção.

      Excluir
    3. Na Highline,na Comfortline é opcional?

      Excluir
    4. Na minha opinião o fator mais relevante é o número de vendas, termômetro de aceitação do produto pelo consumidor. Não adianta ser o melhor, ganhar todos os comparativos e não vender. vira mico e a montadora tira de linha. Fato!

      Excluir
  6. Coitado do Jetta... Sua briga será mesmo contra Civic e Corolla.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O imbecil, nem saber comprar reo vc sabe. Jetta sempre vendeu mais que o Sentra seu imundo andador de 206. Verme nojento.

      Excluir
  7. Sentra? Civic? Corolla? Não são carros de luxo, e muito longe de serem esportivos, com seus sofríveis motores aspirados. Essas bagaças perto de um GLI parecem mais carroças puxadas por animais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só concordo com uma coisinha...
      Pergunte ao ASNO WAGEN, como é puxar um id3.

      Excluir
    2. Sensato = My BALLS...
      Ignorem...
      É o bobo da corte

      Excluir
    3. Unknown é o fufuca !!!! Kkkkkkk

      Excluir
  8. Respostas
    1. Claro que será o verme vagabundo. Jetta sempre foi melhor e sempre vendeu mais que o Sentra do Jaspion. Seu doente, gosta de ser currado né? Imbecil.

      Excluir
  9. Nissan Sentra concorre com Corolla, Civic e Cruze, nos EUA só perde para Corolla o que é normal porque é o carro mais vendido do mundo, Sentra vem para brigar na parte de cima e não com Jetta ou Arizzo ou C4, esses carros não vendem nada aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele compete sim com Jetta, para de defecar seu animalzinho, e quer ainda respeito? Seu verme, Jetta comete sim com Sentra, aliás, é bem melhor que o Sentra e vende mais em qualquer lugar do mundo. Deixa de ser idiota, vc é só mais um Imbecil, pobre é invejoso.

      Excluir
  10. Ficou muito alinhado, pena que a motorização é a mesma de 10 anos atrás, está ultrapassada, mesmo sendo aspirados Honda e Corolla atualizaram seus motores com mais torque, economia e potência, muito próximo aos motores turbo e em algums casos até superior, mas é realmente muito bonito o carro.

    ResponderExcluir
  11. Que pena, merecia um motor melhor...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quer correr....
      Compre um fórmula um.
      150 cv tá bom demais.
      Ótimo acabamento...
      Ótimo carro.

      Excluir
    2. O problema nem é a cavalaria, mas sim esse maldito cvt, chega a ser perigoso um câmbio desses na estrada.

      Excluir
    3. Isso é verdade. Câmbio CVT é péssimo em carros grandes e mais pesados. Só insistem nesse câmbio porque é barato,mas é barulhento e detona o desempenho desses carros.

      Excluir
  12. Gentii getta saiu de linha em 2017, não vende mais 🤭

    ResponderExcluir
  13. o melhor carro que ja tive em conforto, porem, tem seus pecados: motor defasado e rede ruim de atendimento, teve um problema crônico no ventilador do motor e infelizmente a nissan não chamou para recall. de resto o carro é confortável, muito conforto para viajar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comprei um Sentra novo em 2012. Paguei 50 mil Dilmas na época. O carro ? Maravilhoso ! O pós-venda me fez ter a certeza de jamais comprar um Nissan novamente.

      Excluir
    2. Hoje com o dobro desse valor nem leva um carro dessa mesma categoria.

      Excluir
    3. Verdade amigo, desvaloriza muito

      Excluir
    4. Paciência se vc só teve lixo hahaha

      Excluir
  14. Meu Cronos HGT pela metade do preço só perde em 2 airbags para esse aí, e ainda tem 525 litros de porta-malas e câmbio Aisin.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você comparou cronos com sentra??? Pqp

      Palio travestido de zero km com central multimídia.

      Eu li isso?

      Excluir
    2. Mostra que você não entende nada de carros.

      Excluir
    3. Cronos? Não ganha nem do Voyage, nem do Virtus. Imagina do Sentra que compete com Jetta?

      Brasileiro compra carro e acha que o dele é um Rolls Royce

      Excluir
    4. Só faltou o argumento Mano, mas o que esperar de alguém como você?

      Excluir
  15. É engraçado ver as apzetes dizerem que esse belo carro será "currado" pelo Jetta 😂😂😂
    Ser currado é vender 50 unidades a mais mensalmente?
    Imagina o que o Cruze faz vendendo o dobro do Jetta.
    Sem falar no Civic que vende o triplo.
    E o poderoso Corolla que vende 10x mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Matemática da Dilma Anta e economes do Bolso Asno fazendo escola para Apzetes.

      Excluir
    2. E? A mocinha do Janjão naoneswice a VW, que locura cara. Deixa dês de imbecil, seu verme doente.

      Excluir
    3. E? A mocinha do Janjão não esquece a VW, que locura cara. Deixa de ser tão imbecil, seu verme doente. Vagabundo filha puta. Otário!!

      Excluir
  16. Porque a Argentina recebe os lançamentos antes do Brasil, maior mercado consumidor de automóveis do continente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Argentina sempre foi mais "europeu" que o Brasil.

      Excluir
    2. Acho que tem menos exigências burocráticas mesmo, como homologação de um órgão análogo ao Inmetro, ou se houver talvez ocorra de modo mais rápido. Além disso o carro vai prá lá sem precisar que a motorizaçâo seja flex, que nesse caso é uma especificidade somente nossa. Sei lá, não sei. Sei não...

      Excluir
  17. Depois desse lançamento o jetinha já pode dar adeus ao Brasil

    ResponderExcluir
  18. Quando esses motores 1.0 turbo começarem a abrir o bico irão lembrar do Sentra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na Boa diz a, não sou fã de volks ou similar com motor turbo 1.0, mas ........... Tem 3 anos que escuto essa história de motor 1.0 turbo abrir bico..

      Excluir
    2. Tenho um 1.4 turbo que está completando 6 anos. Até agora só manutenção preventiva básica e uma descarbonização de válvulas. Tá com 80 mil Km. De resto, muita economia de combustível e ótimo desempenho. É só não ser relaxado com o carro que vai longe.

      Excluir
    3. Bullet, até onde eu sei o 1.4 é ótimo. O problema está com o 1.0.

      Excluir
  19. Já tive um, carro confortável, razoavelmente econômico no consumo, mas o pós vendas, a desvalorização e a aceitação no mercado de usados, fazem você pensar em outras marcas na hora da troca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pós-venda da Nissan ultrapassa todos os níveis do ridículo. Consegue ser pior que o da Fiat.

      Excluir
  20. Este blog...eu tenho acompanhado de perto este novo Sentra e sei q nao ha nada definido pra datas no Brasil. E o titulo ai do texto diz q sera lancaddo em 2021..mas no final do proprio texto o blog diz q nao tem nada definidido e q "especula se " q sera lancado em 2021....piada ne. E ainda, pra fechar com chave d ouro, ainda diz q ele vem pra enfrentar o Jetta....rsrs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas vcs vivem aqui, vc mesmo Sandro, vive falando asneira aqui, está em todas. Se não gosta, pq entra? Gosta de levar no toba mesmo né? Seu pau no cu

      Excluir
  21. C esse 2.nada dá nem cheiro p Jettão

    ResponderExcluir
  22. Não bebê, ele não chega para enfrentar o Jetta. Chega para enfrentar Corolla e Civic, talvez brigue mesmo com o Cruze. Jetta é mais no fim da tabela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só se for de vendas (ohhhhh), porque de motorzinho de dentistas, esses aí são especialistas, né? Compra um ônix sedan que lhe satisfaz. Vende mais que esses... kkkkk

      Excluir
    2. Sensato sem sensatez.....
      Insiste neste TAL de JETTA...
      Até o POLO Gol possue este motorzinho de dentista 1.4.
      O Insensato persiste em querer comparar geta voiagi, com sedã de verdade.

      Excluir
  23. Belo carro, belo interno e de uma bela marca, mas entendo que quem quer um médio hoje busca uma motorização atual, assim como Jetta, Cruze e Corolla são, turbo ou aspirado com injeção direta e ciclo Atkinson.

    ResponderExcluir
  24. Promete ser um carro interessante, não deve dar susto ao Corolla tampouco ao Civic, mas como um sedã médio japonês, é mais uma boa alternativa pro público que ele é visado. Pena que os preços não são mais atrativos como antes, sendo que ele era o concorrente mais "em conta" das 3 marcas nipônicas.

    ResponderExcluir
  25. Manchete mentirosa...
    Texto ridículo....
    Blog parcial tendencioso....
    Lugarzinho especial para risos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E vc entra aqui só para ser currado então? Se não gosta, pq entra? Otário

      Excluir
  26. Nunca pensei ser possível ter tantos conhecedores , especialistas em um só lugar ,comentários muito relevantes

    ResponderExcluir
  27. 2.0 aspirado com um pouco mais de 140 cv, sendo que tem injeção direta e no caso, ainda será flex? Fraco! 1,71 m de entre-eixos? Acho queriam dizer 2,71 m...sobre o desempenho correto do motor, eu diria uns 165 - 168 cv e 22 - 22,5 kgfm na gasolina e 170 - 175 cv e 23 - 23,5 kgfm no etanol.

    ResponderExcluir
  28. Belo carro,interior bonito. Quanto ao motor, eu tenho um carro com CVT e para o uso diário é bem bom. A potência é suficiente para o meu bolso e para nossas estradinhas nacionais em sua maioria. Eu compraria!

    ResponderExcluir
  29. É porque a maioria dos Brasileiros são iguais aos burro de carga com aquele cabresto que não deixa enxerga para lado...

    Só presta corolla kkk...

    ResponderExcluir
  30. Comprei o primeiro versa topo de linha 2021 De são Paulo não tem pra ninguém vai de GM Fiat é tudo mais que não vem nada de mais nesses carros pra mim a melhor compra que já fiz top de mais ..detalhe na estrada 170 sem esguelhar

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

Postagem Anterior Próxima Postagem