Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW T-Cross: SUV chega para enfrentar HR-V e Creta - teste

Categorias: , , , , , 44 Comentários

A Volkswagen do Brasil lançou neste final de fevereiro de 2019 o T-Cross - seu primeiro SUV compacto, e o primeiro veículo desse tipo fabricado no Brasil. Neste artigo relacionamos todos os detalhes e impressões da versão Highline 250 TSI Automática.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho - traseira

A alemã é uma das últimas das grandes montadoras de automóveis a adicionar um SUV compacto à sua gama de modelos. Entretanto, isso não é exatamente uma surpresa essa demora.

Volkswagen T-Cross Highline Vermelho Crimson

Em nível mundial havia algumas restrições de produção, e a marca queria que o seu SUV compacto convergisse exatamente com o que os consumidores desejam. A julgar pelas impressões iniciais eles conseguiram.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

A Volkswagen chegou atrasada ao segmento, mas isso já aconteceu outras vezes. Aproveita-se a posição de domínio de mercado para observar a reação dos consumidores, e chegar com um produto que responde às críticas aos concorrentes. "Normalmente, nós não somos os primeiros em um segmento, mas geralmente somos os melhores", diz Felix Kaschutzke, diretor mundial do projeto do T-Cross, em entrevista à imprensa européia.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho - interior

O Volkswagen T-Cross brasileiro é um pouco diferente do europeu - o nosso é cerca de 9 cm maior - diferença que está no entre-eixos, que se reflete em mais espaço para os passageiros. A plataforma MQB-A0, suspensão, design, e interior são os mesmos.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho  - interior - painel

"O que garantimos com o T-Cross é torná-lo um verdadeiro SUV, com características de SUV, como a posição do banco e versatilidade, esta é a prioridade número um que temos com o carro", acrescentou. "Esta é a diferença entre este carro e outros concorrentes - estamos fazendo isso de forma diferente".

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho - espaço traseiro

Na gama atual da VW Brasil, o novo SUV T-Cross fica posicionado abaixo do Tiguan, estabelecendo competição em um dos segmentos mais competitivos do mercado brasileiro da atualidade.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

O Volkswagen T-Cross chega para disputar a preferência do consumidor com os SUV´s compactos - Honda HR-V, Jeep Renegade, Hyundai Creta, Caoa Chery Tiggo 5x, Ford EcoSport e Nissan Kicks.

Volkswagen T-Cross 2020 - teto solar

Para "marcar" os concorrentes, ele chega com uma gama de três versões de acabamento, T-Cross 200 TSI, T-Cross 200 TSI Comfortline, T-Cross 250 TSI Highline, com preços começando em R$ 84.990 reais (T-Cross 200 TSI M/T), chegando a R$ 109.990 reais (T-Cross 250 TSI Higline A/T).

Volkswagen T-Cross 2020 - painel

Há ainda uma série de pacotes de opcionais que pode elevar o preço do modelo topo de gama a mais de R$ 126 mil reais.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho - porta-malas

As versões 200 TSI compartilham a mecânica das versões topo de Polo e Virtus. Ele é baseado na mesma plataforma MQB A0 e mede 4,2 m de comprimento e 1,57mm de altura, o que o torna 14 cm mais longo e 11 cm mais alto que o Polo.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

A distância entre-eixos é 8,6 cm mais longa que a do Polo, e empata com a do Virtus - o que garante um espaço interno para passageiros impressionante, sobretudo em face das dimensões externas.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

Como ele é mais alto, o motorista senta-se em uma posição 13 cm mais elevada que a do Polo - criando a desejada sensação de segurança e domínio tão apreciada em SUV´s.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

A Volkswagen preparada ainda um novo SUV, já confirmado com nome Tarek, que será fabricado na Argentina a partir de 2020, para fechar a lacuna dimensional e de preço que existe entre o T-Cross  e o Tiguan.


Estética SUV

O VW T-Cross conta com uma carroceria com linhas angulares e retas, transmitindo uma impressão de solidez. Os arcos das rodas, o perfil quadrado e o capô alto dão ao T-Cross uma aparência de SUV mais proeminente do que qualquer um de seus rivais.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

Ele também é um carro prático (comprovamos em nosso teste-drive acomodando cinco malas de adultos): o porta-malas tem 373 litros (73 litros maior que o VW Golf) - pode se expandir para 420 litros com encosto do banco traseiro deslizado para frente. Com os encostos rebaixados, o volume chega a mais de 1.300 litros.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

"O T-Cross é versatilidade - esse é seu foco número um", diz Felix Kaschutzke, diretor mundial de projeto do T-Cross. "Este carro foi projetado para famílias pequenas e jovens, o carro é muito versátil para esses tipos de clientes."

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho - interior - espaço

Para manter os preços competitivos, não será oferecido em versão com tração integral. Todos os modelos T-Cross serão de tração dianteira. No Brasil os motores disponíveis são o 200 TSI de 128 cv e 200 Nm de torque, e o 250 TSI com 150 cv e 250 Nm. O 200 TSI pode ser associado, apenas na versão de acesso, a uma transmissão manual de seis marchas. Todas as demais configurações adotam o câmbio automático de conversor de torque e seis marchas.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho - painel digital

No interior, o design geral é reconhecível do Polo e do Virtus; uma tela sensível ao toque central no painel dá acesso a todas as funções do carro e é oferecida em dois tamanhos: 6,5 e 8,0 polegadas. O painel digital de instrumentos da VW, chamado Active Info Display, também está disponível como opcional para as versões 200 TSI Comfortline e 250 TSI Highline.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

A variedade habitual de opcionais da VW comporá o intervalo de versões no Brasil. No lançamento há uma série especial First Edition, limitada a 1000 unidades. De série, todos os modelos contarão com rodas de liga leve (tamanhos variam de 16 a 17 polegadas), Bluetooth, ar-condicionado, quatro portas de carregamento USB, seis airbags, controles eletrônicos e estabilidade e tração. Entre os opcionais há o sistema Park Assist 3.0 (auxiliar de estacionamento em vagas paralelas e perpendiculares) e teto solar.

Desempenho e consumo

O VW T-Cross 250 TSI Automático acelera de 0 a 100 km/h em 8,7 segundos, retoma de 80 a 120 km/h em 6,1 segundos, e atinge 198 km/h.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho

O consumo em cidade é de 11 km/l de gasolina, chegando a 13,2 km/l em estrada. O quadro a seguir compara seus indicadores com o de seus principais concorrentes.


Modelo
Consumo EtanolConsumo Gasolina
Média Gasolina
CidadeEstradaCidadeEstrada
VW T-Cross 250 TSI A/T7,79,311,013,212,0
Honda HR-V 1.8 CVT7,78,611,012,311,6
Citroen C4 Cactus 1.6 THP A/T7,28,910,412,611,4
Jeep Renegade 1.8 A/T6,98,610,012,010,9
Caoa Chery Tiggo 5X 1.5T A/T6,78,09,811,710,7
Hyundai Creta 2.0 A/T6,98,210,011,410,6

Na prática, o T-Cross é um carro muito ágil e responsivo, que ganha velocidade com extrema facilidade. E ele faz isso de forma suave e progressiva, consubstanciando-se em um carro leve e confortável de ser conduzido em cidade, e seguro em estrada.

Volkswagen T-Cross 2020 Vermelho - painel

A direção é muito leve em cidade, e a assistência diminui à medida que sobe a velocidade, tornando-o seguro em estrada. A suspensão adota um ajuste que privilegia o conforto.

VW T-Cross: SUV chega para enfrentar HR-V e Creta - teste

Entretanto, mesmo com suspensão macia, o comportamento em estrada é exemplar. Sendo um SUV com centro de gravidade elevado, a carroceria não rola nas curvas - mesmo em tomadas mais esportivas - redundando em confiança para o motorista.

Conclusão



O Volkswagen T-Cross é um dos últimos SUVs compactos a chegar ao mercado, cerca de 16 anos depois do pioneiro, o Ford EcoSport. Mas ele chega com credenciais para se tornar a referência: mecânica moderna, segurança classe mundial, ótimo acabamento, design atualizado e com personalidade, conforto, versatilidade e praticidade.

44 comentários:

  1. Se essa barra acendesse ia ficar muito top o efeito a noite

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeira coisa q chamou atenção, realmente ficaria top

      Excluir
    2. Mas na foto, com ela acesa, é luz de freio? Imaginava que não acenderia nada nela. Mesmo sendo somente freio ficou bem bacana.

      Excluir
    3. Tirou a foto com flash pra refletir e parecer que está acesa.

      Minha opinião: esse carro é muito inspirado no pug 3008.

      Excluir
    4. Sim ou concerteza?

      Acho que a inscrição "T-CROSS" poderia vir em led no meio e acendesse qd o carro estivesse ligado e o logo abaixo ou acima dela.
      Vi esse carro rodando na orla do Rio no fim de semana. Realmebte já aparenta um porte bem menor, mas impõe presença. Chamou atenção... parecia um mini tiguan reestilizado da geração passada. Deve ser carro de show room. As rodas que aparentemente sao pequenas, ficaram bem.
      Mas acho que o aro 18 ficaria ainda mais TOP, Premium...

      Excluir
    5. Acho que daria pra personalizar colocando led em nylon por dentro... Mas acho que as normas de trânsito não permitem

      Excluir
    6. A VW não quis pq interferia na legislação

      Excluir
  2. Esse carro vai vender bastante mais também não e nada demais !!!!

    ResponderExcluir
  3. genti....lindo....designer....tô apoplético!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Cadê o freio de estacionamenteo eletrônico???

    ResponderExcluir
  5. Respostas
    1. Sim, o Tiguan é o SUV mais vendido do mundo.

      https://www.car.blog.br/2018/03/ranking-100-carros-mais-vendidos-do.html

      Excluir
    2. Eu vi o RAV4 nesse teu link como o mais vendido do mundo... mas essa reportagem é de mais de 1 ano atras...

      Excluir
    3. SUV mais vendida do mundo em 2018 foi RAV4 seguida da Tiguan, agora esse ano ai ja nao sei dizer se a Tiguan esta na frente, mas ate final do ano muita coisa pode acontecer....

      Excluir
    4. Negativo.

      RAV4 continua na liderança e esta nova geração irá ampliar ainda mais as vendas do modelo...

      Excluir
    5. Continua sendo o RAV4 o mais vendido... gosto da VW mas não gosto de fake news...

      Excluir
  6. Respostas
    1. T-Cross líder???
      Venderá bem, mas não chegará na liderança.
      Talvez o pódio, num 3o lugar bem competitivo ...

      Excluir
  7. A carro vai estremecer o chão da concorrência. Segurança, tecnologia, desempenho e design imbatíveis. Se não brigar pela liderança em 4 meses, o brasileiro precisará ser estudado. FATO.

    ResponderExcluir
  8. Respostas
    1. jeep tem ótimos descontos para cnpj e produtor rural, pega muito mercado, salvo engano t-cross não tem nada. Então, não é tabela x tabela que conta. Supondo que o vw "empate" no valor, o jeep ganha num baita desconto, mesmo sendo melhor, se for o caso, o valor fala mais alto.

      Excluir
  9. Não vi nada de excepcional principalmente pelo valor cobrado. O Tiggo 7 tem tudo isso e muito mais por um valor mais competitivo.

    ResponderExcluir
  10. Bonito, bom, mas o preço... novo corola híbrido manda lembranças

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Era só o que me faltava... Pai do céu....

      Excluir
    2. Publico alvo de Crossovers não compra sedã, por melhor que ele seja. Se comparar todo os "SUVs" compactos com sedãs de mesma faixa de preço, os sedãs sempre oferecem muito mais.

      Excluir
  11. Ficou Bonito. Que Cidade é Essa Muito Linda...

    ResponderExcluir
  12. Seu carlos! O Tiguan não foi o suv mais vendido em 2018, pesquise bem e verá.eu perguntei se sabe qual foi o carro mais vendido a particulares na Europa,vou responder! É o Sandero.

    ResponderExcluir
  13. E a nova BLAZER Chevrolet vai ser vendida no Brasil? E qual sera o preço?

    ResponderExcluir
  14. Essa faixa está parecendo a lanterna do Gol CL e GL 1987/1988. Tinham uma lanterna enorme, mas só acendia a pontinha...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá mais pra do Gol GTi que era fumê... tb me lembrou a lanterna do Apollo, o clone do Verona ...

      Excluir
  15. Com o carro na cor mais escura a faixa preta atraz some, e deixa o visual muito melhor.

    ResponderExcluir
  16. A verdade dos fatos é que o T-Cross 1.0 TSI (200 TSI) anda no mesmo nível de Creta 2.0 16v. Então o T-Cross 1.4 TSI não tem competidores no momento.

    Quem quer prova, basta olhar o Acelerados. Polo e Golf 1.0TSI humilharam o Civic 2.0 automático, Corolla 2.0, Creta 2.0, etc. O HR-V 1.8 é uma piada, o 1.0 TSI da VW muito à frente.

    Fora que o motor 1.0 TSI bebe muito menos que todos os aspirados.

    então, entre os concorrentes atuais, o T-Cross tem preço de R$ 99.990 reais. Tá mais barato que todos.


    Sobre o T-Cross 1.4 TSI, não tem concorrentes.

    O T-Cross tem mais espaço que o Compass interno e é muito mais prático.

    O T-Cross 1.4 TSI HUMILHA o Compass gasoline o diesel. O Renegade Diesel é outra piada. Foi testado no Acelerados e o desempenho é ridículo.

    ResponderExcluir
  17. Desafio alguém a fazer 6,9km/l etanos na cidade com um Renegade.

    ResponderExcluir
  18. Grande parte das vendas de SUV é feita por vendas diretas, principalmente PCD. Infelizmente a VW não quer concorrer nessa fatia de mercado. Creta, Renegade e Kicks agradecem.

    ResponderExcluir
  19. O carro tem ótimo motor e consumo, mas o seu visual não empolga. Pelo contrário, essas rodas são sem graça, e suas linhas e seu acabamento interno são muito comportadas. Quero deixar claro que não estou dizendo que o carro é ruim, pelo contrário, tem muitos méritos. Mas design e acabamento são itens relevantes e até mais decisivos que consumo/desempenho para quem pode gastar 100k num carro.

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.