Car.blog.br

Pesquisar este blog

Daihatsu DN Trec chega até 2020 para enfrentar o T-Track

Categorias: , , , 35 Comentários

A Toyota prepara o relançamento no Brasil de sua marca de baixo custo Daihatsu. O modelo que marcará a volta é o SUV compacto DN Trec, que chega até 2020.

Daihatsu DN TREC

O Daihatsu DN TREC usa a plataforma DNGA, simplifica em relação à TNGA do Prius, C-HR e Novo Corolla 2019.

Daihatsu DN TREC

Em termos dimensionais o Daihatsu DN TREC mede 3,98 metros de comprimento, 1,69 metro de largura e 1,60 metro de altura.

Daihatsu DN TREC

A mecânica virá do Etios, ou seja, um quatro cilindros 1.5 Flex de 107 cv, associado com transmissão automática de quatro marchas.

Daihatsu DN TREC - interior

O interior tem um aspecto "high-tech", com cluster de instrumentos digital e visual minimalista.

Daihatsu DN TREC

O estética do Daihatsu DN TREC foge do padrão "microcar" japonês dos outros modelos da marca e usa uma linguagem menos exótica.

Volkswagen T-Track x Daihatsu DN TREC

O Daihatsu DN TREC enfrentará no Brasil o Volkswagen T-Track, SUV do Up! que chega na mesma época.

35 comentários:

  1. Ficou muito bonito em design, o seu habitáculo é requintado, dá aspecto de carro premium, essas lanternas traseiras casou muito bem e são harmônicas com a carroceria, vai ser pedreira.

    ResponderExcluir
  2. Já chega inferiorizado perto do T-Track. O VW T-Track terá motor 1.0 TSI turbo de injeção direta, e esse Daihatsu aí com motor do século passado. Piada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se motor vendesse carro up não tomava benga do Mobi mês a mês.

      Excluir
    2. Em 2020 até o TSI estará ultrapassado!

      Excluir
    3. Exato.
      Carro não é só motor.

      Aliás, pós-venda do Up! vai de mal a pior! ...

      Excluir
    4. Acontece que tem os compradores sem nenhum conhecimento de carro e que insiste em adquirir esse monstrinho do Mobi, com 01 estrela no Crash-test !!!

      Excluir
    5. Primeira vez q essa moça fala algo q presta

      Excluir
    6. Vendas depende de um série de fatores. O Mobi vende pelas condições de financiamento e preço, não pela qualidade. A Fiat está no vermelho no Brasil, vende para não parar a produção.
      Quanto ao Daihatsu, percebe-se nos detalhes que é carro de baixo custo. Hyundai Creta se apresenta melhor do que isso.

      Excluir
    7. Mobi nem devia ser citado

      Excluir
    8. Vendas dependem de uma série de fatores, sim.
      Mas quem acha que as maiores justificativas estão na proposta x preço, e negligencia o pós-venda, é isso que verificamos em diversos produtos da VW BR, principalmente, naqueles mais lucrativos e rentáveis para a marca (Golf, Jetta, Passat, Amarok) ...

      Excluir
    9. O maior problema da VW é a lentidão nos lançamentos, o primeiro SUV da VW Taigun até hoje não foi lançado, depois que lançam e vendem o pós venda é decepcionante. E alguns ainda insistem em dizer que não sabem porque o Corolla vende tanto, só desenhando mesmo.

      Excluir
    10. Quanto mais Mobi vende, mais luxo para reciclar depois.

      Excluir
    11. A gente já sabe o que acontece; começa a vender aqui, depois para e o cliente fica na.mão.

      Excluir
    12. Pós-venda é um dos fatores que influenciam a venda e foi o que eu disse. Porém, no Brasil, pesa muito a renda do consumidor, que é baixa. A estratégia da Fiat nos últimos anos foi atender a essa faixa de consumo, com produtos de baixo custo e baixa qualidade. Essa faixa se tornou a mais prejudicada com a política econômica fracassada do PT (estímulo ao consumo). Produtos de baixo custo não vendem tanto quanto há 5-7 anos atrás. VW está lançando produtos de melhor qualidade para atender uma faixa de consumo mais abastada, que não sofreu tanto os efeitos da crise.

      Excluir
  3. Há a questão do preço... Outra coisa a mecânica do Etios é excelente, econômico, robusto falta design. Vai um ser Toyota de 2° linha.

    ResponderExcluir
  4. Não me entusiasmo nem um pouco com esse segmento de "suvinhos", que pra mim são uma desculpa para as marcas terem mais lucros com menos custos, mas é excelente ver mais uma marca chegando ao mercado brasileiro e ampliando o leque de escolhas ao consumidor.

    ResponderExcluir
  5. A Toyota já e segunda linha. Seria a terceira linha dela .

    ResponderExcluir
  6. T-Track killer! Vai vender igual pão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai sim, igual o Etios...

      Excluir
    2. Vai vender muito mesmo! O Etios é feio e tem quem compre imagine esse que é bonito?

      Excluir
    3. Aproveitem e profetizem as vendas do Polo e do Virtus

      Excluir
  7. 1.5 de 107 CV? Meu Senhor! Que desastre!

    ResponderExcluir
  8. Vai vender bem sim, mas vai depender do preço, das condições de pagamento oferecidas pelo banco Toyota e se é q realmente vão colocar nas concessionárias da marca.

    ResponderExcluir
  9. Carrinho interessante. Acho que faria sucesso no Brasil.

    ResponderExcluir
  10. É engraçado certas previsões. Vejo vários especialistas.

    ResponderExcluir
  11. Vamos ver quem vai competir com quem, do jeito que a Vw é lerda pode a Toyota lançar primeiro.

    ResponderExcluir
  12. Será o SUV compacto com a plataforma mais moderna à venda no Brasil, derivada da TNGA.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.