Car.blog.br

Pesquisar este blog

Renault Kwid é apresentado em detalhes em Buenos Aires

Categorias: , , 54 Comentários

A Renault fez o lançamento oficial do SUV compacto urbano Kwid no Salão do Automóvel de Buenos Aires, onde mostrou exemplares de todas as versões foram exibidas.

Novo Renault Kwid 2018

O Renault Kwid, que já pode ser encomendado em pré-venda no Brasil, é a aposta da Renault para disputar o segmento de acesso no Brasil e nos demais mercados da América Latina para os quais o modelo fabricado em São José dos Pinhais será exportado.

Novo Renault Kwid 2018

Segundo a Renault, o Kwid é um SUV compacto urbano, o que parece um contradição em termos, já que SUV´s são modelos associados ao uso off-road, mas o fato é que sua distância livre do solo, de 18 cm sugere que o modelo terá uma desenvoltura maior para enfrentar as vias de baixa qualidade que encontra-se no Brasil, com muitos buracos, crateras, valetas e lombadas.

Novo Renault Kwid 2018

Ocorre que há alguns meses atrás a versão vendida na Índia do Kwid foi submetida a um teste de impacto pelo órgão de segurança automotiva Global NCAP, e o modelo foi reprovado em três testes consecutivos, com e sem airbags, tendo obtido zero estrelas, em função da fragilidade da carroceria - algo que não converge muito com a proposta de um SUV.

Novo Renault Kwid 2018

A Renault do Brasil, na oportunidade, emitiu comunicado oficial informando que a versão do Kwid fabricada no Brasil recebeu modificações para atender às normas e padrões de segurança locais, com um acréscimo de cerca de 140 Kg ao peso.

Novo Renault Kwid 2018

Essa massa adicional decorre de reforços estruturais que foram adicionados em aço de alta resistência, tornando o modelo brasileiro 20% mais pesado do que Kwid indiano, passando de cerca de 700 Kg no asiático, para cerca de 840 Kg no latino-americano.

Novo Renault Kwid 2018

Até mesmo os bancos são mais resistentes. O banco do motorista do Kwid fabricado no Paraná é nove quilos mais pesado que o do indiano, mas não para por aí, já que o Kwid brasileiro conta com âncoras Isofix de série, que é o recurso mais seguro para cadeiras infantis.

Novo Renault Kwid 2018

Todos os Kwid nacionais virão de série com quatro airbags: duplo frontal frontal (exigido por lei) e duplo lateral, algo ausente em todos os concorrentes. Mas ainda fica devendo controle de estabilidade (ESP) e de tração.

Novo Renault Kwid 2018

Assim, tais ajustes permitem à Renault colocar seu carro como um "SUV compacto", uma jogada de marketing que tem como objetivo surfar na onda de vendas de SUV´s no Brasil, oferecendo o modelo desse tipo mais barato do mercado.

Novo Renault Kwid 2018

Apesar das alterações, o Renault Kwid nacional adota mesma e nova plataforma global da Renault Nissan Alliance, conhecida como CMF-A, mas com cerca de 80% composta por peças novas desenvolvidas pela Renault Tecnologias Américas para os mercados brasileiro e latino-americano.

Novo Renault Kwid 2018

É importante ressaltar que o Kwid, a despeito de ter sido reprovado pelo Global NCAP, é um carro que já está sendo vendido em muitos mercados emergentes, e é um sucesso de vendas na Índia.

Novo Renault Kwid 2018

Preços

No Brasil, a montadora posicionou o modelo com preços muito agressivos, ao menos na pré-venda, com a versão de acesso, Lide, abaixo de R$ 30 mil reais - R$ 29.990 reais, contendo airbags frontais e laterais, Isofix para cadeira infantil, indicador de troca de marcha e de condução.

Novo Renault Kwid 2018

Logo acima temos o Kwid Zen, que parece ser a configuração de melhor relação custo x benefício, precificada em R$ 34.990 reais, e já trazendo itens essenciais como direção assistida elétrica, ar-condicionado, travas e vidros dianteiros elétricos. Opcionalmente pode vir com sistema de som com Bluetooth e entradas USB e auxiliar, e nesse caso o preço vai a R$ 35.390 reais.

Novo Renault Kwid 2018

O topo de linha é o Kwid Intense, que na pré-venda está sendo ofertado com o Pack Connect, e preço de R$ 39.990 reais, e traz ainda retrovisores elétricos, faróis de neblina, sistema multimídia com tela de 7 polegadas e sistema de navegação integrado, abertura elétrica do porta-malas, rodas diferenciadas e chave dobrável, entre outros itens.

Novo Renault Kwid 2018 Intense - interior

Haverá ainda uma versão aventureira, Outsider, a qual será apresentada em 2018, e cujas imagens já tinham sido divulgadas no Salão de São Paulo, e também se fez presente em Buenos Aires.



Em termos dimensionais, o Kwid tem dimensões similares ao Up! 2018: comprimento de 3,68 metros e entre-eixos de 2,42 metros, com o diferencial da distância livre do solo de 18 cm. O porta-malas, de 290 litros, é 5 litros maior que o do Up!.

Novo Renault Kwid 2018

Mecânica

O Renault Kwid adota também o motor de três cilindros ScE 1.0 lançado recentemente pela marca para equipar o Sandero e o Logan, com 12 válvulas e bloco de alumínio, mas sem o sistema de variação de fase do comando de válvulas, o que resultou em uma queda de potência, que caiu a 66 cavalos (contra 79 cv no Sandero) quando abastecido com gasolina, e 70 cv (82cv no Sandero) com etanol.

Novo Renault Kwid 2018

O torque também ficou menor, passando a 9,4 e 9,8 Kgfm, com gasolina e etanol, respectivamente (10,2 e 10,5 Kgfm no Sandero).

Novo Renault Kwid 2018

Entretanto, como o peso do Kwid de 840 Kg é cerca de 170 Kg mais leve que o Sandero, é provável que o Kwid demonstre, na prática, desempenho superior ao do Sandero.

Novo Renault Kwid 2018

Os dados de consumo em cidade divulgados pela Renault estão entre os melhores do segmento: 15,2 km/l com gasolina e 10,5 km/l com álcool.

Conclusão

Os preços da pré-venda do Kwid colocam o Kwid como segundo sub-compacto mais barato do Brasil, atrás apenas do Chery QQ, evidenciando uma boa relação custo x benefício. Além disso, o Kwid tem um design que lhe confere uma aparência de robustez que tende a agradar o consumidor.


Entretanto, há apenas 400 unidades disponíveis para pré-venda, e não se sabe se esses preços serão mantidos posteriormente. Ademais, uma avaliação de segurança por parte do Latin NCAP seria importante para conhecer a eficácia dos reforços estruturais aplicados ao modelo nacional.

54 comentários:

  1. gostei muito do designe desse kiwd...axo quê vai fazer sucesso, e o preço está bom...quero ver quando vai chegar nas lojas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faria ainda mais sucesso se oferecesse câmbio automático por mais ~R$ 3 mil reais a mais.

      Excluir
    2. Tá bom nada, por 20 mil já estaria caro.

      Excluir
    3. Edilson sobre os pneus é só trocar por 185/70R14 ou 195/70R14.

      Vai ficar interessante pra proposta.

      Excluir
    4. Pneu 195/70/14 ficou louco!!! o carro já é alto, o ideal seria 185/60/14 daria melhor estabilidade e não altera o consumo.

      Excluir
    5. Vamos esperar o teste do Latim NCAP

      Excluir
  2. Esse carrinho vai vender como água.

    ResponderExcluir
  3. Qual o tam dos pneus? 175 ou 165? Parecem bem finos. Esse carro tem grande chance de ser um sucesso principalmente por causa do preço, design e pelo fato de ser altinho (Suv). Vamos aguardar para ver se realmente presta.

    ResponderExcluir
  4. Vai ser sucesso, e a concorrência deverá se mexer urgentemente; especialmente a Chery pois muitos dos possíveis compradores do New QQ Flex irão no Kwid, uma prova de fogo só novo departamento de marketing e vendas diretas. Aliás, CarBlog não irá publicar as contratações da Chery Brasil ? Dois ex-VW, com larga experiência no mercado automobilístico nacional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas a concorrência do Kwid serão up e Mobi.
      QQ nem conta, não tem mercado significativo.

      Excluir
    2. QQ é irrisório no mercado, as grandes nem sabem que ele existe, pois não é um concorrente.

      Excluir
    3. Cara, justamente por isso um dos modelos que mais poderá perder vendas será o New QQ, e o New QQ tem crescido nas vendas, justamente agora. Mês passado vendeu 288, e sem ter ainda o dedo do novo departamento de marketing da empresa.

      Excluir
  5. Interessante o carrinho. Apesar da redução de potência do motor, parece adequado ao peso e proposta do Kwid. Gostei da oferta dos 4 air bags também.

    ResponderExcluir
  6. Muito bom. Torço para que esses carros de R$ 30-40 mil sejam sempre bem equipados e que a Toyota traga algo Daihatsu para acirrar a concorrência. Quanto mais equipada e concorrida for essa faixa mais pressão será colocada no segmento superior, pois o consumidor começa a dar uma espiadinha e se perguntar se não um veículo desse já o atende.
    Achei interessante outra foto que mostra que se houver a remoção dos bancos traseiros o Kwid fica parecendo uma picape com cobertura. Fiquei imaginando alguns comerciantes optando por ele ao invés de uma picape de verdade.

    ResponderExcluir
  7. Pelo menos o design é bonito, tem um bom espaçamento em seu segmento, acho que vai decolar.

    ResponderExcluir
  8. Bonitinho esse carro, o exterior e o interior são simples e bem acertados. Deviam colocar uma opção com motor mais potente pra quem não gosta de lerdeza. Fazer ultrapassagem com um 1.0, cheio e com o ar ligado, é uma adrenalina no pior sentido da palavra.

    ResponderExcluir
  9. A questão é: o que esse carro inova? Nada.

    Ele chega ao mercado e já inferior ao Up! em TUDO.

    Esse Kwid tomou zero estrelas no Global NCAP, enquanto O up! foi testdo 4 vezes e levou 5 estrelas em todas.

    Fora o fato que o design do Up! é muito superior e estético que esse Kwid.

    O Up! tem mais espaço interno, porta-malas equivalente.

    O Up! tem ainda um motor 1.0 mpi com 15 cavalos a mais que o Kwid. E o Up ainda tem a versão TSI.

    Então, esse Kwid é um lançamnto #fail. É pior em tudo que o Up!, que já está no mercado há 3 anos.

    Kwid? Piada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O povão não esta nem ai para crash tests e segurança. É bonitinho? Ta valendo!!!!! Infelizmente. Vejam a segurança do líder do mercado. Enquanto todos aceitarem produtos de má qualidade, cada vez mais as montadoras iram economizar e entregar produtos frágeis como esse e irão lucrar cada vez mais. E no final o que temos é simplesmente mais mortes no transito, que poderia ser totalmente evitadas. Triste isso

      Excluir
    2. Outra coisa que observo é a diferença da abordagem de lançamento do Up! para o Kwid.

      O up! é carro cheio de qualidades estéticas, de acabamento, ótimo espaço interno, o melhor motor da categoria, o mais econômico e o de melhor desempenho, mas no lançamento a VW ressaltou o que? SEGURANÇA!

      E não foi só da boca para fora. Ela submeteu o Up! ao teste do Latin NCAP antes de chegar ao mercado, e o Up! foi eleito o carro mais seguro do mercado brasileiro.

      Já a Renault faz o que? Vende o sub-compacto como se SUV fosse, e diz que melhorou a segurança do Kwid, mas não temos nenhuma prova de que isso de fato ocorreu. Então, na boa, lançamento #fail.

      Excluir
    3. Idai? O Kwid é bem mais barato, isso que é conta para a maioria dos consumidores da classe C e D.

      Excluir
    4. O Up definitivamente não é bonito e tem preços elevados... Não adianta ter mecânica boa, se o design do carro não for atrativo e se o interior também não atrair os clientes... O design é a primeira impressão passada pelo veículo, e o que faz Onix e HB20 venderem bem. Enquanto o Up mantiver preço elevado para o que oferece, continuará vendendo menos que os concorrentes...

      Excluir
    5. O up! é o melhor compacto em termos de design. Muito superior ao HB20, veja:
      http://www.car.blog.br/2015/05/volkswagen-up-design-superior-ao-do.html

      Excluir
    6. Concordo com tudo menos no item design.
      Cara o Up é horrível, por dentro e por fora

      Excluir
    7. Horrível são Mobi e Ka,minha tia tem um Ka 1.5,indiquei o Up tsi pra ela,ela falou que queria distância de 1.0,ela nem test drive no TSI fez,se fizesse tinha ido de Up tsi que além de andar mais é bem mais econômico que o Ka 1.5.

      Excluir
    8. Carlos, o up! é um carro superior em tudo (só duvido que seja superior em espaço) mas também é muito mais caro. O objetivo da Renault não é tirar vendas do up!, mas sim que o Kwid vire o queridinho dos populares, aliando espaço razoável, preço barato, manutenção barata, robustez e aspecto de aventureiro. A Renault não está nem aí para o up!, até mesmo porque no ultimo ranking de vendas, estava em posição 20. Para a maioria dos consumidores (eu me excluo) o Kwid tem uma proposta muito mais interessante que o up!

      Excluir
    9. Tenho um take up e o carro é muito bom (menos a suspensão), e gostei bastante desse Renault. Até hoje o melhor carro que eu tive foi um Clio, provavelmente o kwid não terá as mesmas qualidades do Clio, mas deverá vender bem, até porque a Renault é bem vista atualmente pelos brasileiros. Para os desinformados o kwid será o carro de entrada da Renault e vai disputar mercado com o gol, mobi e até o celta.

      Excluir
    10. O UP é muito caro para um carro pequeno, simples!

      Excluir
  10. É difícil aguentar uns caras que defendem certas montadoras como se fossem sócios, são todos compradores em potencial não tem nem veículo andam de busao e vivem criticando outras montadoras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. RICK91 9115 de junho de 2017 12:09
      Idai? O Kwid é bem mais barato, isso que é conta para a maioria dos consumidores da classe C e D.

      Essa é exatamente a mentalidade do brasileiro

      Excluir
  11. Parece o Kwid tá incomodando demais "certas4pessoas".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ta incomodando os defensores da VW que acham o up! O melhor do muuuuunnnndoooo

      Excluir
    2. Up, na Categoria dele é o melhor sim.
      Disparado.
      Não tem nada no mercado que se aproxime do Up em tecnologia e segurança.

      Excluir
  12. Que lixo !!! O SUB dos SUBCOMPACTOS.

    Tem corte de custos pra todo lado nesse projeto, desde um tanque de apenas 38 litros, rodas com 3 parafusos, um esguichador do parabrisa, um limpador no parabrisas, botões do vidro no painel... isso é a UNO Mille da renault.

    Estão dizendo que o carro tem um bom preço, com o kit dignidade pula para 33 mil Reais, nunca pensei que falaria isso, mas o MOBI tem mais qualidade que essa coisa e custa 34,990 mil na parte de ofertas com o kit dignidade, básico sai a 30,990.

    ResponderExcluir
  13. Se for robusto e durável pode se tornar o novo Mille.

    ResponderExcluir
  14. Quando vocês do Car Blog vão comentar o resultado do Audi A3 no Longa Duração da Quatro Rodas? Considerado o melhor motor da história no teste, hora de comemorar o resultado do prata da casa.

    ResponderExcluir
  15. Desculpe Carlos mais você é um aprendiz, nunca teve nem up e nem qualquer outro carro da vw,tenho um up tsi e tive um onix e fox, o vw up é um carro muito eficiente e seguro só isso, do resto é muito caro e não é confortável, até carros populares dos anos 2000 tem mais conforto que um up, resumindo o up é um carro simples e objetivo para o dia dia, quem quiser conforto tem que comprar um carro de categoria do onix, fox, hb20, paguei 43000 no meu up tsi em 2016 e o carro está muito caro, acima de 52000,com esse valor temos até o Fox como melhor opção.

    ResponderExcluir
  16. Esse carro deve vender muito msm ... quem xompra vai ta pouco se importando cm segurança e tal .... o UP é superior sem dúvidas ate no preço .. e isso que pega .... o preço .. muito elevado demais ...

    ResponderExcluir
  17. Se não levar bomba no LNCap e apresentar desempenho/conforto em um nível aceitável vai ser ma boa compra pelo preço pago.

    ResponderExcluir
  18. Esse carro vai vender bem pelo preço,se brasileiro preocupasse com latin ncap o ónix não seria líder de vendas!!!.

    ResponderExcluir
  19. Público alvo de kwid, up, onix e cia não liga pra crash test. Importa o preço. Salvo um ou outro autoentusiasta com condições pra ter mais de um carro e usa um carrinho desses pra ir e vir do trabalho.

    ResponderExcluir
  20. vai vender muito , mais se for levar em conta custo beneficio new qq leva uma pequena vantagem pelos seus acessorios ..

    ResponderExcluir
  21. Em questão de marca os brasileiros vão querer a renault por questão de confiança, a cherry tem que mostrar confiança em seus produtos.

    ResponderExcluir
  22. alguém pode me dizer porque a potencia caiu em relação ao SANDERO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dinho na matéria na parte mecânica tem explicado por detalhes (...sem o sistema de variação de fase do comando de válvulas, o que resultou em uma queda de potência, que caiu a 66 cavalos (contra 79 cv no Sandero) )

      Excluir
  23. Se o UP era mico por nao vender nada, agora mesmo q vai encalhar, aqueles q buscam carro entre 30 e 40 mil nem vao mais pensar em UP ja que ele ultrapassou a barreira dos 40 contos. Dá-lhe Kwid!

    ResponderExcluir
  24. essa tampa de porta malas vai sofrer do mesmo problema do honda fit, pois não tem proteçaõ suficiente e pequenas manobras com encostão podem marcar a tampa....

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.