Car.blog.br

Pesquisar este blog

Dez carros 2.0 com motor mais fraco que o do Golf 1.0 TSI

Categorias: , , , , 55 Comentários

A Volkswagen do Brasil lançou no mês passado a nova versão de entrada (veja preços, desempenho e consumo desse carro clicando aqui) do Golf, o Comfortline TSI, equipado com o moderno motor de três cilindros 1.0 TSI Flex, que oferece um torque máximo de 20,4 kgfm entre 2.000 RPM e 2.500 RPM, e potência máxima de 116 cavalos com gasolina, e 125 cavalos com etanol, sendo o primeiro Golf brasileiro equipado com um motor 1.0.


O VW Golf é um carro que tem no Brasil uma imagem de esportividade, resultado não só do seu icônico design, mas também das versões GTI, e essa aura pode parecer conflitante com um motor "1.0". Ocorre que este motor do hatch alemão não é um "1.0" qualquer, mas o melhor 1.0 turbinado do mercado, com o torque (força) elevado e que supera muitos motores 1.8 e 2.0 de carros vendidos no mercado brasileiro. Neste artigo relacionamos abaixo os veículos 2.0 com motor mais fraco que o 1.0 TSI do Golf.

Jeep Compass 2.0 2017 Flex

Jeep Compass 2.0 Flex

O novo Jeep Compass Flex 2017 adota um motor 2.0 Tigershark que, quando abastecido com gasolina, oferece um torque máximo de 19,9 Kgfm, que é 2,45% menos que os 20,4 kgfm do Golf 1.0 TSI abastecido com gasolina. Com etanol o motor do Compass tem 20,5 kgfm, ficando 0,1 kgfm acima dos 20,4 do Golf 1.0 TSI também com o combustível vegetal.

Ford EcoSport 2.0


Outro carro que fica abaixo do Golf 1.0 TSI quando o assunto é torque é o Ford EcoSport, cujo motor 2.0 aspirado da versão topo, Titanium, ostenta 19,7 kgfm de torque máximo - número 3,43% menor que o do Golf 1.0 TSI.

Novo Honda Civic 2017 Flex


O novo Honda Civic 2017, em suas versões Sport, EX e EXL, adota um motor 2. Flex com 19,5 kgfm de torque, mesmo com etanol, o que é 3,43% menos que os 20,4 kgfm do Golf 1.0 TSI Comfortline.

Nissan Sentra 2.0

Nissan Sentra 2.0 2017

Ainda no campo dos sedãs médios 2.0, o Nissan Sentra 2017 adota um motor 2.0 com 20 kgfm de torque com etanol, número 1,96% abaixo dos 20,4 kgfm oferecidos pelo 1.0 TSI do hatch médio da VW.

Mistsubishi Lancer 2.0


O Mitsubishi Lancer GT 2.0 também tem um motor com menos torque que o Golf 1.0 TSI. O motor do japonês tem 20,1 kgfm - 1,47% menos que o do Golf 1.0 TSI.

Toyota Corolla 2.0 Altis


E o Corolla Altis? O sedã médio mais vendido do Brasil usa um motor 2.0 VVT-i com 20,3 kgfm de torque com etanol, 0,5% menos que os 20,4 kgfm do Golf.

VW Jetta 2.0 8V Flex


Dentro da linha VW, o Jetta até 2015, assim como o Golf 2.0 Sportline 2014, usava um motor 2.0 com 18,9 Kgfm de torque - 9,8% menos que o atual 1.0 TSI do Golf 2017.

Renault Fluence 2.0 Flex


O Renault Fluence é outro carro 2.0 cujos 20,3 kgfm de torque são 0,5% menores que o oferecido pelo Golf 1.0 TSI.

Hyundai Elantra 2.0


O Hyundai Elantra 2.0 tem um motor quatro cilindros aspirado que oferta 20 kgfm de torque quando abastecido com gasolina - o que é 1,96% menos que o ofertado pelo Golf 1.0 TSI.

Hyundai Tucson 2.0


Voltando ao campo dos SUV´s, temos o Hyundai Tucson 2.0 Flex 2017, cujo motor oferta 19,7 Kgfm de torque - 3,43% menos que o Golf 1.0 TSI.

Mitsubishi ASX 2.0


Ainda entre os utilitários, relacionamos o Mitsubishi ASX 2.0 CVT, cujos 20,1 kgfm de seu motor 2.0 são 1,47% menores que os 20,4 do Golf 1.0 TSI.

Hyundai ix35 Flex


Na linha Hyundai, o ix35 2017 flex tem um motor 2.0 que, quando abastecido com gasolina, despeja 19,2 kgfm de torque, 6,37% menos que o 1.0 TSI do Golf.

Fiat Toro 1.8 Flex


Há também uma penca de veículos com motores 1.8 com torque menor que o Golf 1.0 TSI. É o caso da Fiat Toro Freedom Flex, cujo motor 1.8 EVO tem 19,3 kgfm de torque - 5,39% menos que o do Golf 1.0 TSI.

Jeep Renegade 1.8 Flex


O próprio Jeep Renegade Flex vem com um motor 1.8 similar ao da Toro, porém com 19,1 kgfm de torque - 6,37% menos que os 20,4 kgfm do Golf.

Ford Fiesta 1.0 EcoBoost


Finalmente, podemos comparar o motor 1.0 TSI do Golf com outros 1.0 turbinados. O do Fiesta 1.0 EcoBoost tem 17,3 Kgfm - 15,2 % menos que o do Golf 1.0 TSI.

Hyundai HB20 Turbo


O Hyundai HB20 Turbo tem um motor três cilindros turbinado que oferece 15 kgfm de torque com etanol, 26,47% menos que o 1.0 TSI do Golf.



Relação peso/torque : ranking

A tabela abaixo traz o cálculo da relação peso/torque de diversos modelos 1.8 e 2.0 comparados aos números do Golf 1.0 TSI. A relação peso torque indica quantos Kg de massa cada Kgfm de torque do motor precisa empurrar. Assim, quanto menor esse número, melhor, pois indica menos peso para cada Kgfm produzido do motor, ou seja, carros com menor relação peso/torque serão mais ágeis, mais rápidos nas acelerações e farão retomadas de velocidade de forma mais rápida e segura.

RankModeloTorque [Kgfm]Peso [Kg]Relação peso/torque [Kg/Kgfm]Desvantagem para o Golf 1.0 TSI
1VW Golf 1.0 TSI20,4121859,7-
2Hyundai Elantra 2.0 (Gas)20120060,0-0,5%
3Fiat Punto 1.818,9117662,2-4,0%
4Toyota Corolla 2.0 2016 CVT20,3129063,5-6,0%
5Mitsubishi Lancer 2.020,1129064,2-7,0%
6Honda Civic 2.0 Sport19,5127565,4-8,7%
1VW Golf 2.0 Sportline18,4121365,9-9,4%
2Nissan Sentra 2.0 CVT20132766,4-10,0%
3Renault Fluence 2.0 CVT20,3137267,6-11,7%
4Fiesta 1.0 EcoBoost17,3117868,1-12,3%
5BMW 320i 2011 2.020,3139068,5-12,8%
6Hyundai i30 1.818,2125068,7-13,1%
7Mitsubishi ASX 2.020,1138568,9-13,4%
8Hyundai HB20 Turbo15105370,2-14,9%
9Chevrolet Cobalt 1.817,1121871,2-16,2%
10Ford EcoSport 2.019,7140471,3-16,2%
11Jeep Compass 2.0 (Gasolina)19,9143272,0-17,0%
12Jeep Renegade 1.8 Flex19,1139372,9-18,1%
13Chevrolet Cruze 1.8 Sport 618,9143676,0-21,4%
14Hyundai ix35 2.0 Flex (Gasolina)19,2149277,7-23,2%
15Hyundai Tucson 2.0 201719,7154978,6-24,1%
16Fiat Toro 1.8 flex AT19,3161983,9-28,8%

A tabela acima mostra que, de todos os modelos calculados, o Golf 1.0 TSI é o que apresenta a melhor relação peso/torque.

Conclusão

O downsizing dos motores é um processo de substituição de propulsores aspirados de grande deslocamento (1.8 e 2.0) por motores menores (1.4 e 1.0) turbinados, que oferecem potência e torque superiores e consumo menor.



O próprio Golf já foi um dos pioneiros desse processo com o motor 1.4 TSI, e agora, com a chegada do Golf 1.0 TSI (com preço de R$ 74.900 reais), há ganhos adicionais de eficiência neste que é o primeiro médio brasileiro com motor 1.0.

Postagens relacionadas:

55 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiesta 1.0 Ecoboost (que possui maior torque q essa b# de Golf)

      Favor pesquisar antes de relichar. O Fiesta 1.0 EcoBoost tem 17,3 kgfm de torque, bem menos que os 20,4 kgfm do Golf.

      Excluir
    2. Golf bebe álcool queridA, não esqueça

      Excluir
    3. Os haters piram com esse Golf.
      Pior que nem adianta falar que o Golf 1.0 TSI tem mais torque com álcool, porque o motor é tão bom, que os 20,4 kgfm vem com gasolina ou com etanol. Tanto faz.
      E o motorzinho do fiesta? Só 17,3? Pior ainda o da Hyundai: 15..
      Vixi: engenharia da gordolândia uns 15 anos atrás da VW. E da coreana uns 25....

      Excluir
    4. Isso eu concordo com carlota, mesmo na gasolina o torque e otimo. esses TSI sao fantasticos

      Excluir
    5. Fica claro que o motor TSI para o golf foi construído para ter alta performance quase como um esportivo, longe disso o motos ecoboost aclamadíssimo na Europa e no mundo, alias é o motor mais premiado da Europa nos últimos 10 anos.
      A ford deve fazer o mesmo que a vw fez com o golf quando colocar esse mesmo 1.0 turbo no focus, aí sim, poderemos comparar força e eficiência.

      Excluir
    6. alias o ecoboost do reino unido que alimenta o focus tem 20,4kgfm

      Excluir
    7. A Ford fez uma gambiarra no 1.0 EcoBoost no Brasil. Primeiro que o motor da Ford é importado da Hungria, enquanto o 1.0 TSI do Golf é feito em São Carlos, em SP.
      Segundo que o motor do Golf é flex, enquanto o 1.0 EcoBoost da Ford é só gasolina.
      Terceiro que o motor da VW tem 20% mais torque, e isso faz toda a diferença.
      A Ford fez um paper-launch com o 1.0 EcoBoost, com um motor importado, gasolina e inadequado para beber o gás-álcool no Brasil.
      Então, não compare. VW tem o melhor 1.0 TSI do Brasil e do mundo.

      Excluir
    8. Você devia postar seu comentário tupiniquim lá na Europa. Acho que eles não sabem disso.

      Excluir
  2. N concordo com a vw em colocar em um golf um motor 1.0 , msm sendo eficiente como é ! Por ser um golf , podia ter parado no 1.4 acima !
    Mas q é mt.bom esse motor sem dúvidas , a vw deveria colar ele no fox ,Voyage e etc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até a geração passada o Golf de longe mais vendido era o 1.6 8v que gerava 104cv e 15,4kgfm e era querido pois este motor entrega este torque todo (que não é grande) em rotações bem baixas o que deixa o carro bem esperto ao menos uma condução cotidiana (gera menos cv que um 1.4 GM porém o comportamento de ambos é muito diferente), inclusive este motor estava na versão "sportline" que é um carro que em boas condições de conservação tem ótima liquidez mesmo hoje já que é bastante querido pelos fans de Golf.
      O criticado Golf 1.6 16v de 120cv trata da evolução do Golf antigo com a evolução do motor antigo portanto nesta linha fazia sentido o MSI.
      O 1.0 tsi tirando a cilindrada que é irrelevante entrega mais torque que um motor 2.0 como exemplificado e ainda ao invés de ser lá na casa dos +4000rpm você tem toda a força pouco acima do ponto morto, agora quando você esticar a marcha só nas altas rotações que a cavalaria faz diferença (todo o resto é o torque que manda) e 125cv para +/-150cv não é nada muito evidente já que por compensação tem um motor consideravelmente mais leve dando melhor peso potência. Colocar um motor de corolla ou civic no Golf só traria vantagem na velocidade maxima já que nesta hora a cavalaria faz diferença, todo o resto o "milzinho" faz melhor, sem contar a diferença possível de consumo que na mesma tocada já é mais econômico, se for na maciota então, muito mais.
      Por falar em cilindrada, sabe os carros de fórmula 1? São 1600cc, mesma cilindrada dos fusquinhas, não precisa falar mais né!

      Excluir
    2. Falou e disse. Este novo TSI de 1 litro tem tudo pra dar certo. Nas grandes cidades entao com cambio automático será show. O Up TSI é um foquetinho imagine um Golf. Não vejo a hora de guiar esse Golf. A vantagem do TSI 1.0 sobre o TSI 1.4 é wue nao tem turbolag.

      Excluir
    3. Só podia ser uns 5 mil mais barato
      Gente endeusando Golf e dizendo que não pode ter motor 1.0 é ignorancia...
      Era melhor o motor do Santana 2.0 né? hauahuahu

      Excluir
  3. Os motores 1.0/1.2 turbinados são a nova tendência no mundo todo e vieram pra ficar. São mais ecológicos, eficientes e econômicos que os aspirados.
    Estamos no século XXI, tempos de motores de baixa cilindrada e turbinados.
    Em pouco tempo, os de maior cilindrada e aspirados serão coisa de museu, assim como o carburador, por exemplo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qualquer motor a combustão é coisa de museu.

      Estamos no séculos XXI, tempos de motores elétricos.

      Excluir
    2. O problema, Lucas, dos motores elétricos é um só: autonomia.
      Sem dúvida nenhuma, algum dia, a tecnologia dos motores elétricos com autonomia vai chegar.
      Mas, neste momento, a tecnologia dos turbos com pouca cilindrada já está consolidada e aplicada em cada vez mais modelos, em economia de escala, ao contrário dos elétricos, que, por causa da pouca autonomia e a falta de estrutura para implantar em grande número, pontos de recarga, sem contar o custo altíssimo, ainda engatinha.

      Excluir
    3. Para min o futuro estará dividido entre carros turbo de pequena cilindrada e hibridos plugin. Pois 100% elétricos será dificil em razão do grid transmissão sem capacidade e o investimento é muito grande. As celulas de combustível tem mais chance de dar certo penso eu.

      Excluir
    4. Carro a hidrogênio não tem segurança se ocorrer algum acidente feio e explodir não é só o carro que vai pro saco como o que estiver em volta,a instalação de um posto é hidrogênio é cara,o carro a hidrogênio é bem mais caro que um elétrico(só ver os preços do Tesla 3 e do Mirai),carro elétrico não tem aproveita eletricidade como um carro elétrico a bateria,pra se ter total autonomia é preciso uma pressão muito alta,que hoje nenhum posto tem,o Mirai no Japão não vende quase nada,inclusive a Toyota quer desovar o carro pra Taxistas lá,a Honda também aposta no Hidrogênio,nunca mais falaram no Clarity,a Tesla em um mês recebeu 300 mil Encomendas do Modelo 3 e a Volks vai colocar nova Bateria no E-Golf com autonomia pra 300 km.

      Excluir
    5. Talvez as células levem duas décadas para tornar realidade, mas é futuro. No fundo mesmo serão os híbridos plug in, o Golf GTE, não acredito no e-Golf e similares para o Brasil mesmo com autonomia de 300 até 500 km, pois não há infraestrutura e energia elétrica no grid para abastecer automóveis. Os hybrid plug in sim eu apostaria.

      Excluir
    6. Pra mim o futuro vai ser híbrido plug-in e elétrico a bateria,carro a hidrogênio eles testam há décadas e não conseguiram resolver o problema da segurança,custo de implantação de postos a hidrogênio,como aproveitar melhor a eletricidade e da pressão do gás pra se ter toda autonomia do carro,já os carros elétricos que existem há mais de 100 anos na época só não foram pra frente devido a baixo autonomia e ausência de postos de recarga,já os carros elétricos no últimos anos venceram o problema da baixa autonomia e baixo desempenho,só o Tesla S P100D tem autonomia de 613 km e faz de 0 a 100 em menos de 3 segundos,estão vencendo o problema da rede de recarga,no Japão já há mais postos de recarga de elétricos e híbridos PHEV do que postos de combustível,nos EUA há 13 mil postos de recarga de carros verdes,e inclusive o preço dos elétricos tem diminuido,um Renault Zoe na França custa pouco mais de 20 mil Euros.

      Excluir
    7. Lro, tomara que os carros eletricos sejam viaveis neste pais, será muito interessante ver avenidas e estradas com o minimo de ruido e gases de combustão. Quem viver verá. Sds

      Excluir
  4. O Golf TSI 1 LITRO dá uma lavada na concorrência, se a VWB segurar o preço votará a ser sucesso. A turma da janela insiste em reclamar de um Golf vir equipado com um motor pequeno mesmo reconhecendo sua eficiência. Não interessa o que existe por baixo do capuz, e sim quando se pisa no acelerador tem-se resposta imediata com retomada forte e ascendente e, parece que este Golf tem. Carro que passa bom tempo longe das bombas de gasolina, com certeza o Golf é. Benvindo o Golf 1 litro, bela opção para quem procura um carro solido, confortável, rápido sendo econômico e, muito mas muito seguro..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O desempenho do Golf 1.0 TSI é inquestionável, só estar faltando o câmbio automático para ficar perfeito.

      Excluir
    2. Você estar (sic) escrevendo como índio, e estar (sic) assassinando o vernáculo. Então você estar (sic) precisando estar (sic) voltando a estar (sic) assistindo as aulinhas de Língua Portuguesa para parar de estar (sic) escrevendo tanta bobagem.

      Excluir
    3. Carlos:
      Ele é alemão, e não domina 100% da escrita em Português.

      Excluir
  5. Estou com bastante dúvida se quando for adquirir meu VW, se adquiro um Jetta 1.4 comfortline ou um Golf 1.0tsi mas até lá me decido, rsrsrsrs.... Os dois são uma verdadeira máquina...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se precisa de porta malas pra carrongo de bebê ou a Cara Metade sempre leva a casa junto va de Jetta caso não semore Golf outro nivel construtivo um projeto mais atual.

      Excluir
    2. Jetta é mais presença, tem espaço de sobra, motor de 150 CV. E se quiser economizar um pouco, pega a versão Trendline, importado do México.

      Excluir
  6. Nesse comparativo, se também levarmos em conta a relação peso/torque, a diferença se torna abissal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso fica claro no tempo de 0 a 100 km/h, onde o Golf 1.0 TSI é o mais rápido que todos os listados, com tempo de 9,7 segundos.
      É incrível, mas este Golf 1.0 TSI flex vendido no Brasil é melhor que o 1.0 TSI da Europa e melhor também que o Audi A3 1.0 TFSI.

      Excluir
  7. Compare com o 1.0 do gol agora... É muita tecnologia. E também compare preço.. Tem desempenho e preço de carro com motor maior.

    ResponderExcluir
  8. É realmente é de tirar o chapéu, bater palmas pra VW . Que esses motores 1.0 Tsi (do Up), TSI 1.0 (do Golf) e 1.4 não fiquem apenas no Golf e Up.. Parece até artista de cinema , não vai em qualquer "favela", não anda em qualquer carro ... Enquanto a VW ficar mesquinhando, isolando, limitando esse motor a uma "MEIA DUZIA DE CARROS" , vai continuar amargandos poucas vendas .. Ajeita o Golzinho, o próprio fox, voyage e coloca esse motor 1.0 TSi que vai abalar o mercado ... Acho o que falta é mesmo é certeza da durabilidade, ou bala na agulha pra bancar esse motor em todos os carros e nem precisa mais de motor 1.0, 1.6 aspirados, PRA QUÊ?? se o TSi anda mais que 1.6 e bebe menos que qualquer 1.0 aspirado"!! Então, o que falta?? Falta é EVOLUIR A CABEÇA das pessoas que tem PRECONCEITO COM 1.0 , mesmo esse 1.0 dando pau em qualquer 2.0 ... SIMPLES ASSIM, falta é o povão (na grande maioria ignorante) que acha que 1.0 é motivo de piada, ou coisa do tipo.. BORA lá , quem nunca teve, um dia vc ainda vai ter um 1.0 .hheheheh

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enquanto a VW ficar mesquinhando, isolando, limitando esse motor a uma "MEIA DUZIA DE CARROS"

      O motor 1.0 tsi está em mais de 50% dos Up! vendidos. Já são quase 30.000 vendidos desde o lançamento.

      Então, por favor, pesquise antes de relinchar orelhadas.


      Ajeita o Golzinho, o próprio fox, voyage e coloca esse motor 1.0 TSi que vai abalar o mercado ...

      Como é fácil opinar, não? Parece que estala um dedo e os carros são trocados de motor. A realidade é bem diversa.

      Acho o que falta é mesmo é certeza da durabilidade,

      O que vc acha ou deixa de achar e um monte de estrume tem o mesmo valor.
      Já são dezenas de milhares de motores 1.0 TSI flex no Brasil e centenas de milhares desses motores no mundo, o mesmo motor do Golf e Up! nacionais, em Golf´s na Europa, Audis na Europa e China, e Skodas e Seats;. E problemas ZERO. Esses motores 1.0 TSI da VW tem uma durabilidade absurda, sem qualquer problema.
      E ainda no Brasil são disparadamente os mais confiáveis e robustos do mercado, e os mais potentes e econômicos também.

      Fatos, apenas fatos.

      Excluir
    2. Depois que se anda no Up TSI qualquer preconceito em relação a motor mil é desfeito na hora pertence ao passado. O melhor motor hoje da VWB é o 3 cilindros aspirado nao baixa uma gota de óleo ao longo dos 10 mil km. Se abastecer com gasolina adulterada (em posto BR eu vi) o mpi 3 cilindros aceita engasga fumaceia e depois vai e é só limpar o sistema com etanol ele ta novo denovo. Excelente motor.

      Excluir
  9. O unico defeito do 1.0 TSi eh o preço praticado atualmente, infelizmente.

    Mais nao adianta... quem mete o pau fala sem saber. Tem que se ter em mente que esse carro visa economia com pouco mais de requinte.

    Eu se fosse a VW, tiraria todos os motores 1.0 e 1.6 aspirados e colocava 1.0 TSi de 105cv e 1.0 de 125cv em todos os carros da Linha Gol, Fox, e no caso da Saveiro acho valido ate ter o 1.4 TSi como uma opção ja que saveiro demanda mais força. Mas mesmo assim o 1.0 de 125cv e 20,4kgfm de torque eh beeeem mais forte que o atual 1.6 16V.

    Enfim, tao com a faca e o queijo na mao e outro facao na guela do consumidor, kkk pois os precos estao altissimo ai no BR.

    Nao sei se a caixa tiptronic seria legal com 1.0, talvez devessem repensar e colocar o DSG7 banhado a oleo ja usado nos A1 e A3 aqui na Alemanha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Golf 1.0 TSI é o hatch médio mais barato do mercado. Não sei como podem reclamar de preço. Em dólar tá mais barato que o vendido na Alemanha.
      Então, o fato é que o Golf 1.0 TSI está barato.



      Eu se fosse a VW, tiraria todos os motores 1.0 e 1.6 aspirados e colocava 1.0 TSi de 105cv e 1.0 de 125cv em todos os carros da Linha Gol, Fox, e no caso da Saveiro


      Como é fácil opinar! A opinião não leva em consideração as limitações. Vc acha que estala um dedo e num passe de mágica os carros vão tendo seus motores trocados?

      É necessário um longo trabalho de engenharia, testes, desenvolvimento e produção, fora as etapas posteriores de lançamento, marketing e etc.

      As pessoas opinam como se estivesse a seu dispor uma quantidade infinita de dinheiro, engenheiros, fábricas, operários e etc. A realidade não é assim.

      É necessário priorizar. E é isso que a VW está fazendo.

      Excluir
    2. Concordo.
      Não há escala de produção para implantação dos 1.0/1.4 turbos em toda linha.
      Isso demanda tempo e, principalmente, um mínimo de demanda em escala, uma vez que seu custo de produção é mais elevado que os aspirados. E aí também entra outro problema do mercado: o baixo poder de compra do brasileiro!
      Motores turbo são mais caros e o mercado local não absorve e não entende essa tecnologia.
      Recentemente, tivemos a oportunidade de analisar e estudar um briefing sobre o efeito da baixa renda do brasileiro sobre o mercado de carros de alta tecnologia e o panorama é bem pessimista nesse aspecto.

      Excluir
    3. O motor TSI turbo aumenta o preço do Up em 4k, é muito dinheiro. Assim, o mercado para o 3 cil MPI aspirado ainda é muito grande. Quem roda só na cidade o aspirado atende muito bem.

      Excluir
  10. THE VERY BEST, continua anos luz à frente da concorrência.

    ResponderExcluir
  11. O que muda do motor turbo do Up para o Golf? Alguem sabe? Pelo que li as 2 alterações são o mapeamento eletronico do carro, o UP TSI é voltado para a economia, o Golf é voltado para desempenho, já vi matérias de UP remapeado que ganhou 20 cv, e acho que o cambio dos 2 são diferentes o up tem cambio mais longo o golf mais curto, isso procede? Alguem pode confirmar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Golf 1.0 TSI usa câmbio é manual de seis marchas, com embreagem redimensionada; no up! TSI, a caixa é de cinco velocidades.

      O Motor do Golf tem 19% a mais de potência e 21% extras de torque em relação ao up! turbo.

      O Motor 1.0 TSI do Golf teve inúmeras alterações e foi testado em mais de 1 milhão de quilômetros rodados.

      Em resumo: a Volks aumentou a densidade do ar para elevar a força e ampliou a vazão dos gases para intensificar a energia.

      O motor do Golf 1.0 TSI tem novas válvulas de escape com inserto de sódio para facilitar o resfriamento, a integração do intercooler ao coletor de admissão para reduzir o "turbo lag", as novas velas e junta do cabeçote, a carcaça do turbocompressor mais robusta (feita de liga de aço) e o redimensionamento do sistema de arrefecimento para conter o calor gerado pela potência elevada.

      O Golf 1.0 TSI tem, inclusive, dois radiadores: o principal para o motor e o auxiliar para o intercooler.

      E não dá para colocar esse motor no Up!, na realidade nem precisa, pois o Up! TSI já anda muito. Seriam necessários muitos ajustes para o motor caber no up.

      NO Gol e Voyage, sim, caberia sem problemas.

      Excluir
  12. O golf e o melhor hatch médio do mundo não se pode ter dúvida disso. No Brasil não é que ele esteja caro é que todos os carros estão com preços absurdos pq aumentaram muito mais do que todos os salários. Mas olhe o preço de um fiesta ecoboost e de um golf 1.0 me diga qual é a diferença de preço e de qualidade?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um Golf TSI 1 litro será muito superior ao Fiesta Ecoboost, nem pensar. Quem comprar fiesta pra deixar de comprar Golf é só porque não gosta da VWB, do pós-venda, etc.

      Excluir
  13. Nos testes de desempenho feito no auto esporte esse golf 1.0 anda muuito mais que o modelo 1.6 aspirado, em retomadas a diferença é gigante.

    Não tem nada a ver com a matéria, mas alguém sabe dizer quantos % de potencia perderia esse golf usando um câmbio AT tiptronic? Já ouvi alguém dizer que rouba até 15% de potência, é isso mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O motor não perderá nada de potência, continuará com os 20,4 kgfm de torque e os 125 cv. A única coisa que o Câmbio tiptronic usa um pouco da força do motor para funcionar o conversor de torque.
      Entretanto, isso é teoria. Na prática, por exemplo, o golf 1.4 TSI tiptronic nacional foi mais rápido e mais econômico que o golf 1.4 TSI DSG importado. Mas o Golf nacional ganhou 10 cv..ok, pode ser a explicação.
      Sim, acho que o golf 1.0 tsi com cãmbio at será marginalmente mais lento, mas não muito. O automático fará de 0 a 100 km/h em 10,5 segundos, coisa de 0,7s mais lento só que o mt6.

      Excluir
    2. Pois é, eu tb acredito que ainda assim vai manter um bom desempenho. Só espero que o preço também se mantenha.

      Excluir
    3. Concordo, o desempenho será apenas um pouco menor, talvez desprezível.
      Meu medo, que os caras que colocam os preços do Golf 7 aqui no Brasil façam besteira mais uma vez e matem o carro de vez. Entendo e aceito que o Golf standard é muito melhor e mais equipado que os top de linha da concorrência, mas os incautos (digo leigos) não entendem isso e não pagam mais pelo Golf e pra piorar eles querem agora SUV porque o vizinho tem um, então, a VWB não poderá exagerar no preço do Golf TSI 1 litro Auto, se não, pode desmontar a linha de montagem do Golf e deixar pro New Gol ou pro VW SUV, Golf no Brasil, acabou. Incrível se isto acontecer aqui no Brasil com o hatch mais vendido no Mundo e só terá um culpado, a VWB.

      Excluir
    4. Esses incautos não percebem os detalhes de acabamento superior de alguns modelos, em especial do GOLF, aí compram um carro só porque é "bonitinho".

      Excluir
    5. Realmente, depois de um bom tempo eu fui limpar meu Golfão Highline alemão por dentro, aspirei e passei pano úmido em cada canto do carro, o acabamento das peças plásticas, botões, revestimentos usados nos banco, no teto e colunas, os encaixes, o material utilizado, é tudo de primeira, beira a perfeição. O Golf só não é Linha Premium da VWB porque ela não quer.

      Excluir
  14. VW Golf, espetacular em todos os seus modelos!!!

    ResponderExcluir
  15. Excelente matéria, me tirou várias dúvidas e aumentou ainda mais a vontade de ter um Golf 7, seja 1.0 ou 1.4 ou mesmo o GTI (claro, né?, rs), cara, esse carro é fantástico! Um dia terei um, se Deus quiser!

    ResponderExcluir
  16. Eu tb acredito que os motores aspirados estão com os dias contados. MOtores pequenos turbinados será a tendência. SAo econômicos e ágeis. ACredito que o Golf será um marco inicial dos bons motores turbinados que devem aparecer nas outras marcas.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.