Car.blog.br

Pesquisar este blog

Renault Fluence 2015: preços caem até R$ 8.000 reais

Categorias: , , , 11 Comentários

Além da redução de preços do Novo Duster 2016 (veja aqui), a Renault do Brasil deu ao seu sedã médio Fluence preços mais atrativos, com reduções nominais de até R$ 2.100 reais em relação ao preço na época do lançamento da versão atual, em novembro de 2014, e de R$ 8.000 reais sobre a tabela de maio de 2015.

Novo Renault Fluence 2016 - Preço

Desde o lançamento (nov/2014), o Fluence já tinha sofrido dois aumentos de preços. A versão topo de linha, Privilegè, por exemplo, aumentou de R$ 82.990 no lançamento (novembro de 2014) a R$ 84.390 em janeiro de 2015 (veja aqui).

Novo Renault Fluence 2016 - Preço

Em maio deste ano subiu novamente (veja aqui), para R$ 88.890 reais. Agora, em junho de 2015, o preço ficou mais barato que no lançamento: R$ 80.890 reais.

Novo Renault Fluence 2016 - Preço

A configuração de entrada do Fluence, o Dynamique 1.6 com transmissão manual, teve preço estipulado no lançamento de R$ 66.890.



Em janeiro de 2015 subiu para R$ 68.290 reais, e, em maio de 2015, foi a R$ 71.890 reais. E, agora, custa R$ 65.990 reais.

Tabela de Preços - Renault Fluence 2015 - Junho

ModeloVersãoPreço atualPreço de lançamentoPreço em maioRedução
Fluence 2016
Dynamique M/TR$ 65.990R$ 66.890R$ 71.190-R$ 5.200
Dynamique CVTR$ 69.990R$ 71.890R$ 73.990-R$ 4.000
Dynamique Plus CVTR$ 73.990R$ 74.890R$ 76.990-R$ 3.000
Privilège CVTR$ 80.890R$ 82.990R$ 88.890-R$ 8.000

Postagens relacionadas:

11 comentários:

  1. Rapaz, nunca pensei que veria reduções de verdade no preço. OK que aumentou pra caramba o preço desde que foi lançado, mas com a redução atual está mais barato que no lançamento, relativamente pouco, mas está.
    Será que os tempos vão mudar ou é apenas culpa do mal estar atual do mercado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Rafael, difícil dizer, mas aqui em SP tem concessionária vendendo o Fluence de entrada por R$ 59900 no cash.

      Excluir
    2. Sempre há descontos para quando se compra a vista, aqui em Belém tem concessionárias ofertando o Sentra SL por 71 mil a vista, bem abaixo do preço de tabela.
      Mas bem, torço para que seja uma mudança no cenário dos preços, pois aposto minhas fichas que com uma redução de preço generalizada as vendas melhorarão substancialmente.

      Excluir
    3. Redução de verdade? Ainda está longe de ser "de verdade".

      Excluir
    4. Se o top está custando menos do que no lançamento, anos atrás, com dólar mais alto, inflação do período e ainda aumento do ipi sim, é redução.
      O mesmo vale para a versão básica, mesmo preço do lançamento considerando inflação do período, dólar mais alto e aumento de ipi.

      Excluir
  2. Torço para q vendam mais com isso e as outras marcas façam também!!

    ResponderExcluir
  3. New fiesta sedam mais caro vai morar nas concessionarias

    ResponderExcluir
  4. Bastante positivo este cenário de redução de preço. As montadoras viram que não adianta e chorar nos pés da Dilma para pedir redução de IPI, neste momento não rola. Se querem reduzir alguma coisa agora vai ter que ser o preço.

    ResponderExcluir
  5. A versão de entrada não tem motor 1.6. Tem motor 2.0. Por sinal, anda muito mais do que o concorrente da VW, o Jetta com motor de Santana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, mas ambos têm péssimos indicadores de consumo de combustível, infelizmente. Ao meu ver, nesse campo de sedãs grandes, Corolla e Civic continuam sendo as melhores opções.

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.