O Grupo Stellantis confirmou que ainda em 2021 serão lançados no Brasil odelos de propulsão elétrica das marcas Fiat, Jeep, Peugeot e Citroën.
Stellantis confirma lançamento de modelos elétricos da Fiat, Jeep, Peugeot e Citroen no Brasil
No caso da Fiat, o modelo escolhido será a Novo Fiat 500, já ofertado na Europa, com propulsão exclusivamente elétrica.
Stellantis confirma lançamento de modelos elétricos da Fiat, Jeep, Peugeot e Citroen no Brasil
Já os modelos da Jeep serão híbridos plug-in. Dessa forma, no segundo semestre chegam o Jeep Compass Hybrid Plug-in.
Stellantis confirma lançamento de modelos elétricos da Fiat, Jeep, Peugeot e Citroen no Brasil
Conjuntamente, deve chegar o Renegade Hybrid Plug-in.
Stellantis confirma lançamento de modelos elétricos da Fiat, Jeep, Peugeot e Citroen no Brasil
No âmbito da Peugeot, o modelo que reprentará a eletrificação será o e-208.
Stellantis confirma lançamento de modelos elétricos da Fiat, Jeep, Peugeot e Citroen no Brasil
O presidente da Stellantis para a América do Sul destacou que, ao lado do avanço na eletrificação, a Stellantis continuará apostando no etanol, combustível com o qual podem ser atendidas limitações muito rigorosas de emissões. “O Brasil tem uma tecnologia muito avançada e uma cadeia de produção muito bem estruturada no etanol, que constituem uma vantagem competitiva relevante”, assinalou.

14 Comentários

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

  1. Quando o renegade eletrico eo compass com 240cv for fabricados em pernambuco o preço vai ficar bem mais em conta

    ResponderExcluir
  2. Esse Fiat 500 elétrico é uma piada. Menos de 300 km de autonomia. E menos espaço que o E-up.

    https://1.bp.blogspot.com/-Vzgsg1AfVZM/YFqTu3e2-mI/AAAAAAAAswQ/f6viO7XsmvE2CRP9JD2hvWFZS50E0CKSQCLcBGAsYHQ/s2048/Volkswagen-ID4%2B%25282%2529.jpg

    E enquanto a Stellantis lança híbridos, VW terá um ID.4 100% elétrico para o BRasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rsrs
      Aí quando essa piada da Volks tb despencar nas vendas, depois que a Volks tb comprar toda a produção e aquele mimimi todo, se vai dizer que faz sentido pq é a vez do Id5 né ? Sem mais
      Vamos ver como o id3 se comporta daqui pra frente ja que caiu 80% de suas vendas.

      Excluir
    2. Olha a Carlota se doendo pq a Stellantis saiu na frente no Brasil kkkkk

      Excluir
    3. Id 3 teve uma pequena queda porque começaram as vendas do ID4. Dããã. Povo não entende nada de mercado mesmo. putz;.

      Excluir
    4. 80% é uma pequena queda? O que aconteceu foi os desavisados foram atrás da novidade em um marca totalmente noob no assunto. Tomaram bomba quando demoraram quase dois anos para receber um carro que agora passa a maior parte do tempo parado. Os compradores de elétricos viram na prática a inferioridade da linha id e voltaram a comprar Leaf, Zoe, Bolt e Yesla, que saonos elétricos já consolidados e funcionam de verdade.

      Excluir
    5. Elon Musk era um moleque e a VW já tinha carro elétrico,o ID.3 foi apresentado em setembro de 2013 e um ano depois já estava no mercado,e em 6 meses a VW sozinha resolveu praticamente todos os problemas dele,ID.3 inferior?vê a lista de equipamentos do ID.3 pelado e a do Leaf vendido no Brasil,um carro que custa 260 mil e não tem sensor de estacionamento e a bateria não chega a 240 km,ou o Bolt que passa dos 270 mil e não tem ACC nem como opcional,a GM mexeu no Bolt com medo do ID.3 e a autonomia dele não chega a 420 km enquanto tem versão do ID.3 que chega 550 km,deixa lançar o ID.2 que adeus Zoe.
      Tesla?aquela dos muitos acidentes da condução semi-autônoma que no caso dela leva ao hospital e cemitério

      Excluir
  3. Esse peugeot 208 com o motor 1.0 turbo da stellantis vai acabar com a vida facil do GOL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O da Fiat só chega no final de 2021. Até chegar no Peugeot, o Polo já estará na nova geração.

      Excluir
  4. Stellantis digna de aplausos com o respeito ao consumidor brasileiro nesse ponto, apesar dos preços, os quais não culpemos somente as montadoras, mas também o governo desgovernado...

    Às fanzetes VW, me digam um único veículo Pi-H ou elétrico vendido no Brasil, até Nissan vende o Leaf.

    Não me venham com seus comparativos esdrúxulo e ridículos, vou sempre à Europa e nossa realidade é muito distante da de lá. Mesmo assim, Nissan e GM foram lá e trouxeram seus elétricos.

    Audi, essa não vale e nem a Porsche, vamos falar dos mortais, dos carros comuns que precisamos utilizar no nosso dia a dia.

    Se a eletrificação não for para as massas, para os grandes volumes, é só jogada de MKT pra esconder escândalos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Stellantis quer repetir os erros da Toyota apostando na tração a hidrogênio que é perigosa e cara,a VW também pensava em carros a hidrogênio e não falou mais nada disso.

      Excluir
  5. Todos perfeitamente dispensáveis. Não vão vender nada. Quem viver, verá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se tivesse grana converteria meu Up pra elétrico

      Excluir
    2. Se tivesse grana não teria um Up…

      Excluir

Postar um comentário

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

Postagem Anterior Próxima Postagem