Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Chevrolet Tracker 2021: fotos, preços, consumo

Categorias: , , , 79 Comentários

A Chevrolet do Brasil lança oficialmente no mercado brasileiro o NOVO TRACKER. O modelo chega com novo design, tecnologias de segurança e conectividade como Wi-Fi e alerta de colisão com sistema de frenagem autônoma de emergência. Segundo a GM, é também o mais econômico do segmento graças à nova família de motores turbo.

Novo CHevrolet Tracker 2021

O Novo Tracker foi completamente atualizado e passa a ter maior oferta com o início da produção local. O modelo também amplia seu leque de configurações, permitindo competir nas faixas com maior demanda comercial. O desenvolvimento do novo SUV global da Chevrolet foi baseado desde em pesquisas de engenharia até estudos de inteligência de mercado, incluindo clínicas com clientes.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - interior

O Novo Tracker tem um porte de SUV e oferece tecnologias como o Wi-Fi e o alerta de colisão com sistema de frenagem autônoma de emergência.

Novo Chevrolet Tracker 2021

A GM do Brasil quer ampliar sua base de clientes com o Novo Tracker, cujas vendas já começaram nas mais de 500 concessionárias da marca pelo país.

Novo Chevrolet Tracker 2021

O Novo Tracker chega com duas opções de motorização turbo (1.0T e 1.2T), duas opções de transmissão de seis marchas (manual e automática) e quatro opções de acabamento (versão de entrada, LT, LTZ e Premier).

Novo Chevrolet Tracker 2021

Para a carroceria há um leque com sete opções de cores, incluindo a de lançamento Azul Power, exclusiva do modelo topo de linha.

Design

O Novo Tracker cresceu em comprimento (12 mm) e na largura (15 mm), enquanto a altura foi ligeiramente reduzida para dar proporções mais contemporâneas.

Novo Chevrolet Tracker 2021

Começando pela lateral, é possível notar a silhueta pautada pela aerodinâmica. Descendo, observa-se que o Novo Tracker ganhou uma terceira janela na coluna C, ampliando a visibilidade em manobras.

Novo Chevrolet Tracker 2021

Pouco mais embaixo, há uma linha ascendente que conecta faróis, maçanetas e lanternas. Os vincos acentuam o estilo e também trazem um efeito de luz e sombra muito interessante.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - traseira

A parte inferior da carroceria foi uma das que recebeu maior atenção dos designers. Ela reforça o aspecto de robustez. Toda a base dos para-choques, das portas e dos para-lamas contam com uma moldura escura que acentua a distância do veículo em relação ao solo.

Novo Chevrolet Tracker 2021

No centro, a peça é trabalhada com elementos tipo 3D típica dos veículos utilitários. Também tem caráter funcional, pois ajuda a proteger a lataria. Outro ponto marcante fica por conta do formato mais quadrado das caixas de roda.

A porção lateral costuma concentrar boa parte da força e da identidade de um SUV. Também por este motivo o Novo Tracker vem equipado com rodas de alumínio de série. Na versão Premier elas são de 17 polegadas com superfície usinada, fundo cinza metálico e aros “flutuantes” cromados para combinar com outros acabamentos em mesmo tom. As rodas trazem cinco parafusos para, além de maior poder de fixação, permitir uma perfeita harmonização.

O modelo também impressiona pelo seu aspecto tecnológico, destacado inicialmente pelos faróis Full LED. Seus projetores para luz baixa e alta têm poder de iluminação de duas a três vezes maior que sistemas tradicionais, o que se traduz em maior segurança. Os faróis trazem ainda luzes de condução diurna (DRL) e um sistema de luz auxiliar lateral que amplia em 11% a área iluminada em manobras e curvas. A luz de sinalização dianteira também é de LED, fica no para-choque e se diferencia pelo formato verticalizado.

O Novo Tracker chega com a mais recente linguagem de design dos SUVs globais da Chevrolet. O capô é marcado por vincos para dar maior rigidez à peça. A grade superior é mais estreita e acomoda a gravata dourada, enquanto a inferior é mais larga para ajudar na refrigeração do motor, com destaque para o formato estilizados das aletas. Já na base do para-choque há um aplique em cor diferenciada.

Na versão Premier existem LEDs também nas lanternas traseiras, agora bipartidas. À noite, criam uma espécie de assinatura luminosa que facilita a identificação do veículo. Como cada uma das partes conta com múltiplos LEDs, o efeito luminoso é idêntico ao de veículos premium.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - lanterna traseira

A tampa traseira foi completamente redesenhada, seguindo o mesmo padrão estético das demais superfícies. Para valorizar os vincos da área central e o logo Chevrolet, o suporte da placa do carro foi deslocada para o para-choque, que acomoda ainda refletores, a luz de neblina e um extensor, que, como na parte dianteira e o rack de teto, vem pintado em cor diferenciada.


A GM oferece ainda um pacote de acessórios com mais de 30 peças exclusivas.

Interior

As maiores dimensões externas combinadas com o entre-eixos 15 mm alongado e a redistribuição dos elementos mecânicos refletiram em um maior aproveitamento do espaço interno.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - interior

Os traços horizontalizados reforçam a sensação de amplitude do painel, que está mais largo e foi levemente rebaixado para dar uma maior sensação de domínio da direção. O design da peça foi pensado para a melhor visualização dos instrumentos pelo motorista. A tela central de LCD de oito polegadas tipo pedestal, por exemplo, que é o grande protagonista e, assim como toda a porção central do painel, fica levemente inclinada para facilitar o acesso aos comandos.

Novo CHevrolet Tracker 2021 - cluster de instrumentos

O quadro de instrumentos concentra as informações mais relevantes. O velocímetro e o conta-giros contam com grafismos e ponteiros iluminados por LEDS. No meio há a tela de TFT colorida, que exibe o nível de combustível e quais ocupante traseiros estão ou não com o cinto de segurança afivelados. Ali fica também o visor do computador de bordo de até 14 funções, entre elas o indicador de distância do veículo à frente, o monitoramento da pressão dos pneus e o percentual da vida útil do óleo.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - interior - espaço traseiro

As partes que o motorista mantém maior contato, como o volante, garante boa empunhadura e permite ajustes de altura e profundidade. Sua base reta foi pensada para dar maior liberdade no embarque e desembarque.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - interior - central multimídia

O volante conta ainda com uma série de teclas. Nas do lado esquerdo ficam os comandos do limitador de velocidade e do controlador de velocidade de cruzeiro, enquanto que nas do lado direito estão os botões de atalho para o sistema multimídia e para o comando de voz.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - interior - bancos dianteiros

O acabamento interno das portas está totalmente integrado com o do painel, com linhas e materiais que criam um aspecto de continuidade. Destaque para acabamento em dois tons (Preto JetBlack e Azul Captain) na versão Premier. Além da bela trama da cobertura dos alto-falantes, chama a atenção o puxador de porta de alça larga alusivo ao universo dos autênticos SUVs.

Assim como o volante, o apoio de braço do console central também é revestido com material agradável ao toque. À frente há porta-objetos com um interessante suporte para smartphones, que deixa o aparelho melhor encaixado para evitar ruídos de trepidação. A bela manopla da transmissão e o carregador wireless também ficam apoiados sobre o console central, que se estende até os comandos do ar-condicionado, da tecla que permite a desativação do sistema Stop/Start, e os botões das travas das portas e do assistente de estacionamento.

Logo acima ficam as saídas de ar do sistema de refrigeração, que contam com formatos personalizados e molduras em cinza acetinado no melhor estilo “high-tech”.

Outro elemento da cabine são os bancos. Os dianteiros são do tipo envolventes com apoios nas laterais e revestidos em material premium nas versões mais sofisticadas. Costura pespontada e detalhes personalizados típicos de produtos executados por artesões são exclusividades do modelo topo de linha Premier.

Os ocupantes são beneficiados pelo aumento das dimensões, principalmente para a área das pernas (+74 mm), ombros (+46 mm) e cabeça (+19 mm). No Novo Tracker, os assentos são do tipo anfiteatro, ou seja, quem viajam atrás senta em um patamar mais alto para melhor visibilidade. O encosto de braço central é basculante e conta com porta-copos. A comodidade é complementada por compartimentos no dorso do banco dianteiro e nas laterais das portas. A variedade de formatos desses espaços garante a acomodação de objetos de diferentes como garrafas, eletrônicos, livros, brinquedos.

A sensação de espaço interno e de liberdade ganham uma outra dimensão com as janelas extras laterais e a opção do teto-solar panorâmico, que ampliaram a área envidraçada do carro em até 15%.

Novo CHevrolet Tracker 2021 - porta-malas de 400 Litros

Outra grande evolução do novo SUV da Chevrolet está no compartimento de bagagem 30% maior. Ele se aproxima agora dos 400 litros de capacidade. Um recurso interessante é que a base agora pode ser ajustada em dois níveis de altura. No mais baixo, o usuário amplia a área de transporte em 36 litros. Já com a bandeja no nível mais alto, cria-se uma espécie de superfície plana quando o encosto dos bancos é rebatido, o que facilita a acomodação de objetos compridos ou pesados.

Segurança

A estrutura do veículo é completamente nova. O modelo conta agora conta maior percentual de aços de alta resistência e uma série de tecnologias que contribuem para que o veículo tenha, no segmento, o mais abrangente pacote de itens de proteção aos ocupantes.

Novo Chevrolet Tracker 2021 - alerta de ponto cego

São seis airbags, cintos de segurança dianteiros com sistema de pré-tensionadores, controle eletrônico de estabilidade e assistente em partida em rampa de série em toda as versões, assim como recursos altamente tecnológicos que otimizam a performance do veículo.

O sistema de freios do Novo Tracker conta com diversos recursos:
  • Assistente de frenagem para situações de perda de eficiência por aquecimento. O carro é capaz de identificar potenciais situações de perda de eficiência de frenagem por aquecimento do sistema, como geralmente acontece em descidas de serra, quando a frequência e a intensidade de uso do equipamento é mais intensa. Neste caso, o veículo aumenta automaticamente a pressão do conjunto hidráulico para que o motorista não precise elevar demasiadamente a força de aplicação no pedal para realizar as frenagens.
  • Mais um mecanismo interessante refere-se à atuação do sistema de freio em curvas. O veículo analisa constantemente a velocidade, a aceleração lateral e o ângulo de esterçamento do volante para otimizar a distribuição da força de frenagem em cada roda, aumentando a estabilidade e melhorando a dirigibilidade do carro inclusive em condições cotidianas de uso, antes de situações consideradas extremas, quando existe a necessidade de intervenção do sistema eletrônico de estabilidade.
  • O veículo conta ainda com recurso que ajuda a manter a trajetória em frenagens em linha reta, podendo aplicar uma força específica em cada roda, compensando variações comuns de aderência da pista ou da distribuição irregular do peso de carga, por exemplo.
  • Outra novidade é a opção do sistema de alerta de colisão com sistema de frenagem autônoma em caso de emergência para mitigar ou mesmo evitar acidentes. Um recente estudo interacional mostrou que este tipo de tecnologia é capaz de evitar até metade das colisões frontais de trânsito. Uma câmera localizada no alto do para-brisas faz o monitoramento visual, enquanto sensores ultrassônicos fazem a leitura a fim de detectar a aproximação de algum outro veículo à frente. Primeiro, o Novo Tracker tanta alertar o condutor por meio de um alarme sonoro e de um faixo luminoso que é refletido na base do para-brisas. Caso não haja qualquer reação do motorista, o sistema aciona automaticamente os freios.

O pacote de segurança do Novo Tracker ainda oferece alerta de ponto cego, sensores de estacionamento dianteiros, traseiros e laterais com indicação gráfica no computador de bordo e câmera de ré com linhas guias que projetam a movimentação do veículo conforma o ângulo de esterçamento do volante.

Outra tecnologia do Novo Tracker no segmento é o serviço de telemática avançada OnStar. Ele foca em dois pilares: segurança e proteção.

Proteção, pois, caso o carro seja roubado, o sistema é capaz de localizar o veículo e até forçar a sua parada para auxiliar na recuperação por parte da polícia. Em relação a segurança, um dos serviços é o de resposta automática em caso de acidente. Numa batida com deflagração dos airbags, o carro irá enviar um sinal à central de atendimento para que faça contato com os ocupantes via um canal telefônico exclusivo e, se necessário, providencie socorro adequado.

O Novo Tracker também conta com lista de itens complementares, como o assistente de estacionamento semiautônomo para vagas paralelas e perpendiculares. O sistema é capaz de girar o volante sozinho e ajudar a encaixar o veículo até mesmo em vagas mais apertadas. As instruções são passadas ao motorista na tela do veículo.

O conceito de “Smart SUV” se faz presente através do sensor de chuva, que aciona e ajusta automaticamente a intensidade de varredura dos limpadores conforme a condição climática e a velocidade de cruzeiro do veículo. Já o sensor crepuscular aciona automaticamente os faróis quando a luminosidade natural fica reduzida.

Ainda há a chave inteligente. Ao se aproximar do carro, mesmo que com a chave dentro do bolso, o veículo identifica o usuário e permite o destravamento das portas e o acionamento da ignição por botão. A chave eletrônica é um item de série desde a versão LT e permite comandar remotamente a abertura e o fechamento das janelas.

O Novo Tracker também pode vir equipado com retrovisor eletrocrômico, no qual o espelho se escurece temporariamente para evitar ofuscamento da visão do motorista enquanto um veículo logo atrás trafega com a luz alta ou desregulada, por exemplo. O ar-condicionado digital está mais eficaz e pode ser comando pela tela do Mylink.

Performance e consumo

Apesar da carroceria estar maior, o carro ficou até 144 kg mais leve que a geração anterior, o que contribui bastante para os avanços em dirigibilidade.

O eixo traseiro agora tem perfil fechado e 8,5 kg a menos. O SUV passa a ser feito na fábrica da GM em São Caetano do Sul (SP).

O novo modelo estreia com uma nova família de motores turbo que o deixam até 17% mais econômico. Índices que posicionam o modelo como o Flex mais econômico do seu segmento mesmo em condições combinadas de uso, apontam as médias do Inmetro.

São duas opções de propulsores ECOTEC três cilindros: 1.0T (16,8 kgfm e 116 cv) e 1.2T (21,4 kgfm e 133 cv), esta última disponível exclusivamente com transmissão automática.

Na configuração de entrada, com transmissão manual, o Novo Tracker mostrou rodar médias até 14,8 km/l (G) e 10,4 km/l (E) em perímetro rodoviário e até 13 km/l (G) e 9 km/l (E) em trechos urbanos, números impressionantes levando em consideração o tamanho do veículo. Com transmissão automática as médias de consumo do Novo Tracker 1.0T são 13,7 km/l (G) 9,6 km/l (E) e 11,9 km/l (G) e 8,2 km/l (E), respectivamente.

Já o modelo 1.2T percorre, na estrada, médias de 13,5 km/l (G) e 9,4 km/l (E). Na cidade, os números passam para 11,2 km/l (G) e 7,7 km/l (E).

Quanto ao comportamento em acelerações e retomadas de velocidade, o Novo Tracker 1.0T se destaca em relação a outros modelos turbinados ou a modelos até 1.8L aspirados. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 10,9s.

O custo de manutenção sofreu uma redução de mais de 20%. Dessa forma, o Novo Tracker passa a ter valores de revisão programada até 60 mil km tão acessíveis como os de hatches populares.

Conectividade

O Novo Tracker passa a a oferecer Wi-Fi embarcado. Com isso, o usuário não precisa usar o plano de dados pessoal para acessar a internet.

No caso do Novo Tracker, o sistema de internet de alta velocidade é nativo. Ou seja, faz parte da arquitetura eletrônica do veículo, permitindo atualizações remotas como já acontece com smartphones.

Outra vantagem é que a antena amplificada do veículo proporciona intensidade de sinal até 12 vezes superior em deslocamentos, além do máximo nível de segurança cibernética devido ao sistema genuinamente integrado ao veículo.

O Wi-Fi da Chevrolet é uma parceria com a Claro. Além dos 3 GB ou três meses de cortesia para experimentação, o cliente poderá adquirir futuramente planos de dados adicionais de 2 GB até 20 GB/mês.

O Novo Tracker traz ainda o aplicativo myChevrolet. Ele permite maior interação entre o usuário e o veículo. Pelo aplicativo é possível consultar informações do computador de bordo, entre elas o nível de combustível e a quilometragem, para calcular a proximidade de revisões.

Outra novidade é a possibilidade de pareamento simultâneo de até dois celulares por Bluetooth. O multimídia é compatível com os sistemas Android Auto e Apple CarPay para projeção de aplicativos, incluindo os principais de trânsito online e os de troca de mensagens, como o Whatsapp. Para evitar distrações, há comandos por voz.

Carregador sem fio para smartphones e duas saídas USB traseiras completam o pacote de conectividade ­do Novo Tracker.

Tabela de preços



O novo Chevrolet Tracker será vendido em cinco versões, com os seguintes preços e itens de série:

  • Tracker 1.0 turbo MT -- R$ 82.000. Itens de série: 6 airbags; controles de estabilidade e tração com assistente de rampas; alarme; chave canivete; conjunto óptico dianteiro com projetor nos faróis (incluindo regulagem de altura do facho), luzes de neblina e luzes diurnas de led; grade frontal com detalhes em prata; maçanetas externas pretas e internas prateadas; barras longitudinais de teto pretas; rodas de liga leve aro 16; travas, vidros, retrovisores e direção elétricos; ar-condicionado manual; volante multifuncional com ajuste de altura e profundidade; banco do motorista com regulagem de altura; controle de cruzeiro; computador de bordo digital de 3,5″ com indicador de troca de marcha; aviso sonoro de uso de cintos dianteiros e traseiros; cintos dianteiros com pré-tensionadores e ajuste de altura; sensores traseiros de estacionamento; bancos de tecido; central MyLink de 8 polegadas com projeção de celulares Android e Apple, Bluetooth para até dois celulares, entrada USB dianteira e traseira, seis alto-falantes e ponto de Wi-Fi nativo para até sete celulares simultâneos.
  • Tracker 1.2 turbo AT -- R$ 90.500. Itens de série: todos os itens do 1.0 Turbo MT e mais transmissão automática de 6 marchas e start/stop.
  • Tracker LT 1.0 turbo AT -- R$ 89.900. Todos os itens do anterior e acrescenta adesivo preto na coluna B; grade dianteira com detalhes cromados; maçanetas externas na cor do veículo; rack de teto na cor prata; câmera de ré; chave com sensor presencial; partida do motor por botão; star-stop; capas dos retrovisores externos na cor do veículo; luzes internas individuais para motorista e passageiro.
  • Tracker LTZ 1.2 turbo AT -- R$ 99.990. Todos os itens do LT 1.0 Turbo AT e acrescenta alerta de ponto cego; rodas de liga leve aro 17; volante com revestimento que simula couro; faróis e limpadores de para-brisa com acendimento automático; bancos com revestimento parcial que simula couro junto ao tecido.
  • Tracker Premier 1.2 turbo AT -- R$ 112.000. Todos os itens do LTZ e soma alerta de colisão frontal com frenagem automática emergencial; faróis com projetor de led e luzes auxiliares de conversão e manobras; lanternas traseiras de led; maçanetas externas com detalhes e internas totalmente cromadas; para-choques com apliques em prata fosco; rodas aro 17 com desenho exclusivo; indicador de distância para o veículo à frente; monitoramento de pressão dos pneus; frisos cromados na base dos vidros laterais; ar-condicionado automático e digital; carregador de celular sem fio; assistente automático de estacionamento; descansa-braço traseiro com dois porta-copos; retrovisores externos com luz de seta integrada; computador de bordo colorido; bancos revestidos totalmente de material que simula couro; acabamento interno bicolor nas cores preta e azul; teto solar panorâmico.

79 comentários:

  1. Respostas
    1. Esse carro é da mesma montadora que os carros pega fogo, tem vazamento de óleo né também na sua apresentação o porta mala não abriu???

      Excluir
    2. Não abriu pq o carro tava ligado com o câmbio no N.

      Excluir
    3. O sujeito sabe tudo sobre acessibilidade e flexibilidade do Traque e não consegue fazer o básico que é abrir a tampa. E o culpado foi o manobrista invisível, o peão sempre leva a culpa. Sei não...fiasco.

      Excluir
    4. GM convoca recall da Tracker antes do lançamento para reparo na abertura de todos os porta malas.

      Excluir
  2. Esse gap entre as versões de 90 e 100 mil abriram espaço pra criarem uma versão de 95 mil que seria 1.0 LTZ ou 1.2 LT. Acho um erro estratégico não lançarem uma dessas versões por 95 mil logo na estreia pois as versões intermediárias dos SUVs compactos são os mais vendidos pra PF.

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Sério? Vc acha que o cara que tem grana para comprar um Q3 vai escolher uma tracker chinesa? kkkk, nao vai entao olhar para uma X1 ou Volvo? sério que vc acha isso? Povo é besta demais, nem concorrentes sao, como vai ser killer? nem mesmo público cara, para de falar asneira.

      Excluir
    2. Ou quem nao vai comprar uma Q3 que é premmium, vai olhar para carro popular de terceira linha? Nao vai então comprar uma Tiguan? kkkkkk, muito sem noção bixo, é pobre passando vergonha, vai comprar uma tracker e acha que está melhor que quem anda em um Q3? kkkkkkkkk, pobre é dose mesmo.

      Excluir
    3. Mano Brown vc anda de Kombi tunada e está falando o que da Tracker, ela é suv suprapremium

      Excluir
    4. Sim, onix caneludo é premium? kkkkk e o Q3 não? Assim vc coloca todos monzalovers no mesmo barco, nao faça seu público ficar com vergonha alheia.

      Excluir
    5. Eu prefiro minha T-Cross do que uma Q3.
      Eu tenho painel digital mais completo que o da Audi Q3.
      E compartilha o mesmíssimo motor, pagando metade do preço.
      Então quando eu vejo uma Q3 eu dou risada.

      Excluir
    6. É óbvio que o cara estava sendo sarcástico. Sabem nem fazer uma interpretação de texto.

      Excluir
  4. A versão PCD só com um ano de garantia.
    Acho que a GM quer este publico compre o veiculo da concorrencia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. t cross muito melhor com 3 anos de garantia e um carro bom e anda bem otimo

      Excluir
    2. O T Cross é bom mesmo.
      Já viajei neste veículo e gostei.
      Não conheço a Tracker.
      Parece que melhoraram a construção do carro é quantidade de equipamentos,porem um ano de garantia para o publico PCD ferrou.
      As pessoas vão pensar bem antes de fazer a coMpra do veiculo.
      Chevrolet empurrando esse publico para concorrência.

      Excluir
    3. Só 01 ano de garantia?.... 🤔

      Projeto chinês.... 🤔

      meio arriscado...

      Excluir
    4. Quero ver quando a VW lançar o Gol indiano se esse discurso vai continuar.

      Excluir
    5. Eles fazem questão de não lembrar que a VW precisou de ajuda dos chineses pra desenvolver carros elétricos.

      Excluir
    6. GM convoca recall da Tracker antes do lançamento para reparo na abertura de todos os porta malas.

      Excluir
    7. Tem que reparar a cabeças dos dementes que não entendem e nem buscam entender o que aconteceu.

      Triste, são acostumados com Gol G4 que abre a porta e o porta malas até com pedaço de arame. Não tem trava elétrica, não tem alarme, não tem imobilizador, o único item de segurança é o adesivo "Foi Deus que mim deu" colado no vidro traseiro.

      Excluir
  5. A GM está de parabéns com esse carro, tanto o motor que mesmo pela ficha técnica é que tem menos torque e potencia devido ser injeção do tipo indireta consegue ainda superar a todos da concorrência(que são injeção direta) em desempenho, consumo, preço e equipamentos, deverá ser o líder em vendas no Mercosul como o novo Onix.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao supera a T-cross em desempenho, nao fala asneira, nem a 1.0 nem a 1.4

      Excluir
    2. Onix e Onix Plus também não superariam. No entanto, nos testes da 4R, Motor1, Acelerados e Bestcarswebsite fizeram números de aceleração e retomadas melhores...

      Excluir
    3. Onix depois do recall incendiário anda menos que polo, vc sabe disso, mas se faz de bobo e espertão, como sempre quer ser, Bem típico Brasileiro que adora contar vantagem. Vc é o autêntico Brasileiro pilantrão, sonega imposto, anda sem cinto, bebe no volante, nao usa cadeirinha, bem esse seu tipo.

      Excluir
    4. Se os fatos e a imprensa especializada disseram que ainda anda mais que o Virtus, porque eu vou dizer que não?

      Tenho dó é dos fanboys como você que lê e assiste e ainda diz o contrário, baseando só no próprio achismo deturpado.

      Excluir
    5. Errado João, não fique latindo mentiras, depois do recall incendiário o Onix plus anda menos que o Virtus, os números pré e pós-recall estão escancarados para todos: Onix plus 0-100 10,5s ; Virtus 0-100 10,3s
      Fonte: https://motor1.uol.com.br/reviews/388933/teste-onix-plus-antes-depois-do-recall/

      Excluir
    6. E nos outros?

      Quatro rodas disse que ainda é mais rápido, Best Cars Web Site também, Acelerados também.

      Mas os fanboys só levam em consideração o que lhes favorece.

      Excluir
    7. João carros de passeio com freios a tambor, injeção indireta e tanque de combustível pequeno iguais aos GM estão em patamar inferior, só vendem pelo preço baixo, qualidade muito aquém da concorrência.

      Excluir
    8. Tem carros com freio a tambor atrás e sem injeção direta iguais os da Gm em patamar muito superior... E aí?

      VW tá vendendo Polo MPI por 49.990, e Jetta 250Tsi por 93.990, todos preços abaixo da concorrência, isso faz deles carros com qualidade menor?

      Excluir
    9. Muita informação errada aqui.

      CORRIGINDO:

      0-100 do Virtus TSI: beirando 11 seg.
      0-100 do Virtus MSI: beirando 14 seg.

      Virtus MSI tem freio a tambor também.

      Excluir
  6. Pra quem acha que o carro perdeu em motorização, o Vitor do canal Aceleramais deu umas aceleradas de 1a e 2a marcha e adiantou que o desempenho é muito bom e que talvez seja superior a do Tcross 1.4.

    A Gm mais uma vez provando que potência e torque não é tudo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hoje em dia esses motores turbo são todos parelhos em desempenho.

      Excluir
    2. Vai ser a maior frustração pra quem for sair da Tracker antiga 1.4 e migrar pra nova Tracker no máximo 1.2.

      A FuscWagen até pode abocanhar vários desses clientes com a T-Cross 1.4, ou até mesmo a Honda(premium) com sua HRV Touring 1.5 e desempenho de Jetta GLI.
      O problema é que a T-Cross completa está hoje em R$ 129 mil, e a HRV como sabemos pede seus R$ 139 mil. Então isso pode forçar para a Tracker, mas mesmo assim, de cair de motor 1.4 para 1.2 será péssimo para os clientes

      Excluir
    3. A nova Tracker 1.2 Turbo mesmo menor torque e potencia vai andar igual a antiga Tracker 1.4 por ser mais leve e ainda deve ser mais rápida que a T-Cross 1.4 Turbo como faz o Onix 1.0 Turbo que é mais rápido e econômico que o Polo 1.0 Tsi.

      Excluir
    4. HRV com desempenho de Jetta GLI? kkkkk, de onde esse cara lunático tirou isso?

      Excluir
    5. jetta gli de 0 a 100 em 6 segundos e a hrv turbo em 8,2, só dois segundo fanboy? kkkkk, para com isso, deixa de falar asneira aqui, vc não ganha nada com isso, só passa mentira e desinformação. Otário

      Excluir
    6. Depois dessa do desempenho do HRV 1.5 ser comparado ao do Jetta GLI, sugiro a internação desse doente por infecção cerebral via COVID-19. Favelização digital tem limites pelamor...

      Excluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Não entendo o sentido de querer convencer alguém a comprar carro x ou y só porque EU gosto.

    ResponderExcluir
  9. q carro lindo
    e bem equipado
    q sucesso
    vai vender mais q ultrapassado Renegade
    GM matando a pau

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Monzalovers tendo orgamos com um carro que nem chinês quer, por isso as fábricas não trazem para cá carros de qualidade, pois pessoas dementes com vc, acham que isso é qualidade, mas nem chinês quis kkkkk

      Excluir
    2. Mano Brown tu acha mesmo que seu sub que parece uma caixa de fósforos vai ter fôlego para brigar com a Tracker ??? Tracker veio para desbancar a Tiguan meu brother !!!! Tplastic vai brigar com a nova spin no máximo

      Excluir
    3. Tracker desbancar o Tiguan? kkkkkkkkkkkkkk o que ela é melhor? No que ela desbanca? Potencia? Equipamentos? Tamanho? kkkkkk

      Cara, esse teu chá ai é do bão, to em casa a dias, gostaria de ficar doidão assim. Vai se tratar, é mais grave que imaginava.

      Excluir
    4. Menos, menos. Tiguan é outro nível de carro.

      Excluir
    5. Competir com t-cross, renegade, creta e kicks, ok. Mas para tentar competir co Tiguan só o Equnox cara, nao seja babaca, assuma que fala merda toda hora, não é possível uma pessoa em sã consciência diga isso. Preocupante o seu caso.

      Excluir
    6. Pelo jeito, o Ronald não entende nada de concorrência entre os carros ! Comparação que não tem nada a ver ! Pisou no tomate !

      Excluir
  10. GENTE...GENTE....UNKNOWN ENTÃO VOCÊ NÃO É APAIXONADO POR CARRO...

    POIS QUEM É APAIXONADO NUNCA VAI SER CONVENCIDO A COMPRAR UM CARRO QUE NÃO FOR DE SUA MARCA PREFERIDA..

    ENTÃO FIZ UM PAX (PLANO DE CEMITÉRIO) NA HORA EU PERGUNTEI PARA O VENDEDOR, QUE CARRO QUE A PAX USAVA PARA TRANSPORTAR O DEFUNTO...ELE DISSE QUE ERA UMA SAVEIRO, ENTÃO EU DISSE QUE ESTAVA DESISTINDO DO PLANO QUE A ULTIMA COISA QUE EU NÃO QUERO E VIVER SABENDO QUE O ULTIMO CARRO QUE IRIA ANDAR SERIA UM VOLKS...
    ELE DEU RIZADA ACHANDO QUE EU ESTAVA DE BRINCADEIRA...QUANDO ELE VIU QUE ERRA SERIO O LIGOU PARA SEU SUPERIOR PARA FALAR DO ASSUNTO...ENTÃO O CARRA DISSE QUE TINHA UM CARRO ESPECIAL UMA S-10, E QUE EU TERIA QUE PAGAR 2.000 MIL REAIS PARA SER TRANSPORTADO POR UMA S-10, PAGUEI A DIFERENCA ASSINEI O CONTRATO, AVISEI MEUS FAMILIARES QUE ESTAVA PAGO.. POIS EU NÃO QUERO SER TRANSPORTADO POR VOLKS, NA MINHA MORTE.

    PODE ATE PARECER UM ABSURDO PARA ALGUNS....MAS EU SOU ASSIM...
    APAIXONADO POR CHEVROLET.
    AMO CHEVROLET
    NA MINHA CASA SÓ ENTRA CHEVROLET....FILHO,FILHA, ESPOSA,NORA, GENRO...TODOS NOS USADO SÓ CHEVROLET....

    EU AGRADEÇO A DEUS POR ME DAR ESSE PRIVILEGIO... DE PODER CURTIR ESSE HOBBY...

    SIMPLES ASSIM QUE GOSTA DE UMA MARCA....JAMAIS VAI SER CONVENCIDO A COMPRAR OUTRA MARCA..





    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkkkk, depois que morreu, nada mais importa, sua mulher vai dar para um dono de gol

      Excluir
    2. Alguém que escreve risada com "z" não dá pra levar a sério

      Excluir
  11. Mano Brown seu sonho é um Chevrolet, mas anda de gol quadrado e não pode pegar um Onix pq é vendedor VW aí queima o filme !!!! Só para lembrar vou vender minha Tiguan 2019 e pegar a Tracker Premier, Tiguan queima muito oleo!!!! Tracker muito mais carro !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Detalhe, o Gol do Mano Brown é um CHT, com motor 1.6 de Corcel II

      Excluir
    2. Não se esqueçam do túnel trincado.

      Excluir
    3. Ronald Tiguan diesel só na Europa, vai falar merda em outro lugar paspalho. Tracker lixo perto do Tiguan vc quis dizer.

      Excluir
    4. Tiguan é um carro que não foi acertado para o Brasil.
      Eu olhei a Tiguan, mas preferi a T-Cross.
      E vou dizer o porquê.
      A Tiguan tem uma batida seca na suspensão, dá final de curso, e torna a condução extremamente desconfortável.
      Além disso, o motor 1.4 com câmbio automátizado apresenta um forte lag na aceleração inicial.
      Já a T-Cross com conversor de torque anula essa sensação. É bem melhor.
      Tanto a Tiguan 1.4 como a nova Q3 1.4 têm desempenho fraco, com 0-100 em 10 seg., abaixo de um Corolla por exemplo (inclusive Corolla antigo, com 145 cv).
      Então, fácil concluir que a Tiguan não vale a pena, se salvando apenas a versão 2.0

      Excluir
  12. Alguém sabe sobre a Amarok(Ford)?

    Ps: Não defendo marca alguma, e possuo um VW.

    ResponderExcluir
  13. O Tracker come T-Cross no café da manhã

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. T-Cross enraba o Tracker em qualquer prova de desempenho, consumo e porta-malas temos empate técnico, só ganha mesmo no preço pela pobreza dos freios a tambor e injeção indireta inferior, conforto, entre-eixos e qualidade construtiva toma chumbo, vai defecar pela boca em outro lugar zé ruela

      Excluir
    2. Vejamos, em desempenho não podemos dizer nada ainda, somente quando for testada. Em consumo, já foi atestado pelo Inmetro que Tracker é o mais econômico da categoria. O porta malas 23 litros maior é empate técnico, mas o Onix que tem 9 litros a menos que o Polo (291x300) foi xingado por vocês fanboys. Injeção direta não é vantagem nenhuma quando não se oferece um desempenho e consumo melhores, como acontece com o 1.0 Tsi que em Polo e Virtus anda menos e bebe mais que o 1.0T Gm. Porém, carros sem injeção direta tem custos de manutenção mais baratos. O mesmo vale pro freio a disco atrás, que nunca fez o Polo freiar melhor que o Onix, mas vai fazer o dono gastar o dobro quando tiver de fazer manutenção.

      Ademais, a qualidade construtiva VW que os fanboys sempre enchem a boca pra se gabar não tem fundamento algum, afinal, os carros são extremamente problemáticos, fazem barulho de acabamento, rangem banco, trincam eixo, fazem barulho no porta malas, entram água no porta malas, jogam água quente nos pés dos ocupantes, fazem barulho de suspensão e descascam o volante. Isso é ter qualidade construtiva?

      Excluir
    3. Não conseguiram abrir o porta-malas até agora, no vídeo de lançamento na Internet !kkk

      Excluir
    4. GM convoca recall da Tracker antes do lançamento para reparo na abertura de todos os porta malas.

      Excluir
  14. Conforme comparativo de equipamentos feito pelo site Motor1, ficou claro que Tracker sempre é uma melhor compra em qualquer versão ou faixa de preço, oferecendo sempre mais itens de série que seus concorrentes diretos, mais segurança que a maioria, as vezes oferecendo motorização superior e, quase sempre, custando mais barato.

    É o custo/benefício imbatível que fez o novo Onix e Onix Plus irem direto pra liderança absoluta de suas respectivas categorias e do mercado. A liderança da Tracker também é um fato.

    https://motor1.uol.com.br/news/404398/novo-chevrolet-tracker-2021-equipamentos-comparacao/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. GM convoca recall da Tracker antes do lançamento para reparo na abertura de todos os porta malas.

      Excluir
  15. Já conseguiram abrir porta mala???
    Na apresentação do carro não conseguiram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo mundo sabe que porta malas com trava elétrica não abre se o carro tiver ligado. Se for automático também não abre se o câmbio não estiver em P.

      Excluir
    2. Kkkkkk.

      Todo mundo sabe que é mais uma porcaria de um carro chinês da GM.

      Se vc for comprar um GM, pode ir na Caoa Chery e comprar um chinês mais barato.

      Excluir
    3. GM convoca recall da Tracker antes do lançamento para reparo na abertura de todos os porta malas.

      Excluir
    4. É triste ver as fangirls tão desesperadas, perceberam que a Tracker é cheia de qualidades e vai esmagar a concorrência e ir direto pra liderança e agora estão se apegando até com falha humana.

      Mentira, não é triste. É cômico.

      Excluir
  16. Kkkkkk Desculpas.
    Quem apresentou o carro foi própria fabricante se ela não sabe disso tá feio hein?

    ResponderExcluir
  17. Dá pra notar nitidamente que o acabamento interno é bem porco. Não dá pra acreditar que as pessoas abriram mão de carros como Focus e Golf por causa disso daí.

    ResponderExcluir
  18. Alguém sabe abrir a quinta porta da Traque? Ensina como faz pra diretoria da GM. Fiasco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. GM convoca recall da Tracker antes do lançamento para reparo na abertura de todos os porta malas.

      Excluir
  19. Pessoal sem brincadeiras, na verdade o TRAQUI só tem 4 portas isso foi uma redução de custo para que o veículo fosse vendido mais barato. quem quiser QUE a quinta porta FUNCIONE é só pedir para o PRESIDENTE e o RESPONSÁVEL pela APRESENTAÇÃO em MARKETING apresentar como funciona que eles explicam direitinho.. BHUABHUABHUA....
    QUE FIASCO em dona GM, não sabem nem como funciona o produtinho que estão colocando no mercado.

    ResponderExcluir
  20. Ainda vai chegar o dia que vou ver uma tela de TV de 20 ou 32 polegadas no painel de um carro. Porque não fazem parte do painel embutido. Ta ficando cada vez mais horrivel...

    ResponderExcluir
  21. https://quatrorodas.abril.com.br/noticias/novo-chevrolet-tracker-gm-descobriu-duas-falhas-antes-de-iniciar-vendas/

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.