Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW T-Cross tem desconto de mais de R$ 20 mil para PcD

Categorias: , , , 57 Comentários

A Volkswagen do Brasil adota uma estratégia para venda do T-Cross para PcD que é similar à que a Toyota usa no Corolla XEi, que consiste em dar um desconto equivalente ao valor do ICMS. Esse desconto se soma à isenção do IPI.

Volkswagen T-Cross para PcD - preço

Os carros vendidos para o público PcD têm desconto de IPI em qualquer valor, porém apenas os modelos até R$ 70 mil reais gozam de isenção de ICMS.

Volkswagen T-Cross para PcD - preço

Como todas as versões do T-Cross (assim como o Corolla) custam mais que isso, a montadora opta por dar ela mesma um desconto que corresponde à isenção do ICMS. Ou seja, para o consumidor PcD, é como se ele estivesse comprando um carro com isenção de IPI e ICMS, só que a isenção do ICMS que dá é a montadora, e não o governo.

Volkswagen T-Cross para PcD - preço

Dessa forma, a tabela de preços do T-Cross para o público PcD fica da seguinte forma:

VersãoPreço para PcDPreço públicoDesconto PcD
T-Cross 200 TSI M/TR$71.570,90R$84.990,00R$13.419,10
T-Cross 200 TSI A/TR$79.570,94R$94.490,00R$14.919,06
T-Cross Comfortline 200 TSI A/TR$84.202,54R$99.990,00R$15.787,46
T-Cross Highline 200 TSI A/TR$88.764,64R$109.990,00R$21.225,36

Vale ressaltar que o maior desconto, de R$ 21.225,26 reais, é aplicado ao modelo Highline. Isso se deve ao fato de que este é o único equipado com o motor 1.4 TSI, enquanto os demais usam o motor 1.0 TSI.



Os carros com motor acima de 1.0 e abaixo de 2.0, que sejam flex, têm incidência de IPI de 11%, enquanto os modelos 1.0, usam a alíquota de 7%. Dessa forma, o desconto do modelo Highline é maior porque a isenção do IPI do modelo é também maior.

57 comentários:

  1. A Jeep tá fazendo isso com o Renegade e Compass. Eles estão vendendo carro com isenção de PcD para todo mundo. Eles dão um jeito de enquadrar todo mundo como PcD.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então a sua amada VW vai fazer para tentar vender o carro?
      Coisa feia Carlota, a suprassumo dos carros está desesperada?

      Excluir
    2. É uma boa ajuda, mas o Renegade AT custa 54K com os dois descontos.

      A diferença pro 200TSI AT fica em 25K, é mta coisa.

      Pro PCD tem o Kicks, Creta e Captur com os dois descontos, então fica difícil.

      Excluir
    3. Mas ele vem versão comum e não PcD que nem o Creta q nem tampa do porta malas tem

      Excluir
    4. Com 25K da pra comprar tampa do porta malas, multimídia e rodas.

      E ainda paga o seguro e revisão por uns 3 anos pelo menos, o troco vira combustível.

      Ou compra uma moto pro dia do rodizio.

      Excluir
  2. Só assim que vende para sair do último lugar. Vexame esse carro.

    ResponderExcluir
  3. T-Cross com quase 2.000 unidades no primeiro mês é um resultado excelente. O Creta no primeiro mês mal passou de 1.000 unidades.

    O T-Cross já está em quase 2.000 unidades. E a VW ainda não tem tradição em SUV desse valor, então o T-Cross teve um início muito promissor, mesmo sendo o mais caro de todos.

    Outro ponto, é que a VW deve estar lucrando muito com esse T-Cross. O carro usa motor 1.0 TSI que paga 4% a menos de imposto que todos os concorrentes. Só isso dá R$ 4.000 de reais de imposto a menos. Ou seja, R$ 4.000 a mais de lucro. E ele está sendo vendido no mesmo preço ou até mais caro que os concorrentes. Então tá lucrando muito.

    E tem mais. Ele é mais leve que os concorrentes, e menor, então leva menos material. Logo, custa menos para produzir. E ainda será produzido em larga escala para atender Brasil e mais 50 mercados. Ou seja, escala de produção absurda, o que leva a economias de escala, e, portanto, menores custos.

    Em resumo. A VW usa menos material para produzir, paga, no mínimo, R$ 4.000 a menos de imposto que todos os concorrentes, produz mais, e vende no mesmo preço. E mesmo assim tá tendo que aumentar a produção para atender a demanda.

    É lucro na veia. A estratégia empresarial e de mercado da VW com o T-Cross é uma aula de Business. Um verdadeiro case que merece ser estuado nas principais faculdades de Administração de Empresa do brasil e do mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Está vendendo tão bem que já está rolando esses descontos astronômicos. Fora que as primeiras unidades sao para teste drive.

      Excluir
    2. Concordo com o Carlos (nossa!!!). A VW está lucrando muito com o T-Cross. Lucrar muito no ramo empresarial significa vc conseguir vender algo por um preço muito superior ao valor real daquele produto.

      Pode até não vender muito, mas quando consegue alguém que pague... O lucro é imenso.

      Excluir
  4. Encontrado facilmente em qualquer rede de lojas no setor de brinquedos de plástico kkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boa boa kkkkk e os otarios paga 83 k por esse carrinho ELKA brinquedos

      Excluir
    2. Interessante o papo de dois pobres

      Excluir
  5. Acho quê o T-Cross ta vendendo bem,mais a verdade é quê a VW não sabe planejar preço,jamais pagaria 125 num t-cross.
    A própria VW têm tradição em matar os seus carros assim como fez com o Golf no Brasil,triste.
    Outro exemplo disso é o polo,que deveria ser líder mas não tá nem ecomodando,até o Argo já passou o polo,imagina quando os novos chevrolet chegar ?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk A VW nunca teve as pretensões de tornar o polo líder. Essa atribuição sempre ficou para os carros mais simples e baratos das marcas, assim como o argo é. Veja a construção e os preços do argo, e diga que não é um carro de entrada. O pesadelo do argo e líderes se chama Novo gol 2020.

      Excluir
    2. Gol 2020, ruim como nunca, caco como sempre!

      Excluir
  6. O segundo modelo por 7.957,94 ficou bem barato.

    ResponderExcluir
  7. Grande carro esse TCross made in Paraná. Além de ser um VW carros muito a frente dos japas.

    ResponderExcluir
  8. VICE PRESIDENTE DA VOLKS:
    "O T-CROSS TA MICANDO, OQ PODEMOS FAZER?"
    PRESIDENTE:
    "DA DESCONTO E VAMOS DESOVAR PRA PCD"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O localiza, Hertz, Unidas nos ajuda aí, faço a preço de custo para limpar o pátio.

      Excluir
    2. Na pior das hipóteses, alugo um desses em agosto. Tá logo ali. Aí faço uma critica mais construtiva que somente com test drive.

      Excluir
  9. Tá certo, tem que copiar a estratégia de quem acertou. Agora pcd virou coisa boa. Agora vendas PCD são ótimas e justificam ranking.

    ResponderExcluir
  10. Vamos lá...sabemos que carros p PCD costumam vir muito mais pelados. Neste modelo o q foi tirado?

    ResponderExcluir
  11. Parabéns a Volkswagen por demonstrar verdadeiro interesse em vender o produto, que outras marcas sigam este ótimo exemplo.

    ResponderExcluir
  12. Houve uma reunião na VW para saber o que devem fazer para melhorar as vendas do T-cross, eles temem acontecer o mesmo que aconteceu com o UP!

    ResponderExcluir
  13. Ainda tá caro.

    A tracker premier com 1.4 turbo 150cv sai por 85 mil na mesma proposta pcd.

    Os demais concorrentes, com versões abaixo de 70 mil, começam em 53 mil reais com a isenção. São quase 20 mil de diferença.

    Dá pra melhorar, VW, ou vai continuar sem vender.

    ResponderExcluir
  14. Que cagada da VWB.

    Assinaram atestado de absoluta incompetência.

    ResponderExcluir
  15. VAI VIM SÓ COM RODA É MOTOR

    ResponderExcluir
  16. Por esse valor do top de linha do VW compro o Renegade a disiel tenho um a gasolina e estou satisfeito imagina o a disiel.

    ResponderExcluir
  17. T cuida t cross com o próximo chev 1.0t track track

    ResponderExcluir
  18. Achei que demoraria mais um pouco pra VW dar 10 mil ou mais de desconto no TCross, como fez nos seus outros produtos fora de realidade... Foram rápidos, mas deve vir mais.

    ResponderExcluir
  19. Nada..
    Tenho artrose grave não operavel no joelho. Já recorri 3 vezes é foi recusado. Tem de ser praticamente cadeirante para conseguir. E é o Detran quem decide isso, os médicos credenciados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Artrose é reversível, então não concedem mesmo.

      Cadeirante sim é deficiênte.

      Excluir
  20. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. A velha Volkswagen,
    Por sua ganância nos preços,
    Resolveu lançar um carro enfeitado
    Abarrotado de adereços.

    Mais uma vez o trabalhador,
    Sem dinheiro, sem lenço e sem documento,
    Cansado de ser enganado
    Deixará o 0-km empoeirando ao relento.

    O pequeno jipe um-ponto- zero,
    (Que de jipe nada tem)
    Foi feito para shopping
    Não vale um vintém
    tampouco conquista alguém.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se o Carlota te encontrar na rua ele vai tentar te atropelar com a Cecizinha dele.

      Excluir
  23. Não seria muito mais inteligente colocar a versão de exportação 1.6 AT com menos acessórios e já lançar como PCD? Ecosport fez isso depois recuou e lançou versão PCD... E para locadoras

    ResponderExcluir
  24. Esses descontos não me atraem. Se chegarem a 0,78% do valor do público normal dai pode-se começar a pensar. O percentual dos 70k equivale a isso. Assumir o IPVA é ainda pagar % maior precisa gostar muito do carro.

    ResponderExcluir
  25. Ainda tá caro pelo que oferece. Quem compra tem que ser internado na hora.

    ResponderExcluir
  26. Carlos4carros manja tanto de direito tributário e contabilidade gerencial,no mesmo nível que minha faxineira entende de astrofísica.

    ResponderExcluir
  27. Com câmbio MT para público PcD?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra quando o condutor não é o deficiênte, no caso de tutor ou responsável.

      Excluir
  28. Esse preço deveria ser o preço normal.

    ResponderExcluir
  29. T-Cross Highline 1.4 TSI custa o mesmo que um Jetta Comfortline 1.4 TSI. Por esta comparação, T-Cross está caro.

    ResponderExcluir
  30. Só para lembrar carros Vw com preco fora da realidade: Jeta primeira geracao, Tiguan(custava 125.00 tiveram que fazer promoção a 99.000), Golf, Up, Spacecross(essa eles abusaram).

    ResponderExcluir
  31. Infelizmente os R$71.570,90 estão bem longe dos 54K cobrados pelo Kicks, Renegade e Creta. Além disso, acima de 70 mil se cobra IPVA para PCD em alguns estados como São Paulo. Ou seja, nãa vale a pena.

    ResponderExcluir
  32. Já tinha visto na Salão do Automóvel, mas lá foi meio agitado, com a galera entrando junto no carro. Terça foi dia de revisão e analisei bem melhor, acredito que uma versão Comfortline por 101 mil. Haja desprendimento visual mesmo, que design interno fraco, simplório mesmo. Tirei até foto das rebarbas. O negócio é a VW torcer para os clientes não entrarem em um Renegade, HRV e até um Kicks para comparar... Arrisco a dizer que até uma ECO passa melhor impressão. Enfim, fraco.

    A VW tem que espalhar uns cartazes sobre suas vantagens mecânicas e torcer para o cliente nem entrar no carro...

    * Tinha um Highline por 128 mil também. Ao lado um Jetta de 114. O acabamento do Jetta parece de 2 categorias acima. Ou seja, quem não entende de mecânica leva outra marca. Quem entende de mecânica leva Jetta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem colocado, tive as mesmas impressões e cheguei na mesma conclusão que vc.

      Excluir
  33. O negócio do T-Cross é apelar para as vendas PCD, pois os números do mês de abril não foi nada bom!....

    ResponderExcluir
  34. o loco, 95 mil (aut) nesse polo com suspensão levantada e acabamento de Gol ? Céloco.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.