Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW Virtus MSI de R$ 59,9 mil: vídeo, consumo e detalhes

Categorias: , , , 52 Comentários

O Volkswagen Virtus chegou ao mercado em janeiro com preços começando em R$ 59.990 reais, no caso da versão MSI - o qual detalharemos neste artigo. Há ainda o Comfortline TSI Automático, de R$ 74.490 reais, e o Highline TSI Automático, a R$ 79.990 reais.

VW Virtus MSI 1.6

O Virtus de R$ 59.990 reais é o MSI 1.6 com transmissão manual, mas somente na cor preta. O Branco Crista das imagens, assim como o Vermelho Tornado, sobem R$ 450 reais, e custam R$ 60.440 reais, trazendo uma lista de itens de série que contempla computador de bordo, freios ABS (obrigatórios por lei), direção elétrica, chave canivete com controle remoto, banco do motorista com ajuste milimétrico de altura, 4 airbags (2 dianteiros e 2 laterais) e ar-condicionado.

VW Virtus MSI 1.6

Há ainda banco traseiro com encosto rebatível, fixação da cadeirinha de criança com sistema ISOFIX® / Top tether, para-sóis com espelhos iluminados para motorista e passageiro, rodas de 15 polegadas de aço com calotas, sistema de som "infotainment" com rádio AM/FM, bluetooth, MP3 player e entradas USB, SD-card e AUX-INS e 4 alto-falantes, travamento elétrico e remoto das portas, porta-malas e tampa de combustível, vidros elétricos dianteiros e traseiros com função "one touch" nos dianteiros. O detalhamento e teste drive completo do carro segue no vídeo abaixo.



Opcionalmente pode-se adicionar pacote Connect Pack, que, por R$ 2.950 reais adicionais, acrescenta controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, bloqueio eletrônico do diferencial, central multimídia com conectividade via Android Auto e Apple Car Play, volante multifuncional, rodas de liga leve de 15 polegadas e sensor de estacionamento traseiro. Pintura metálica custa R$ 1.450 reais.

VW Virtus MSI 1.6

O VW Virtus é derivado do novo Polo, mas é um carro com porte bem maior, de sedã médio, como evidenciado na foto abaixo colocado ao lado do Jetta - mostrando que, de traseira, o Virtus parece até maior do que o Jetta - que é o sedã médio da Volkswagen.

VW Virtus MSI 1.6

Essa impressão de tamanho avantajado vem das dimensões muito ampliadas em relação ao Polo. O comprimento de 4,48 metros é 42 cm maior que o Polo, enquanto o entre-eixos de R$ 2,65 metros é 8,6 cm maior que o Polo e é idêntico ao do Jetta. A largura é a mesma - 1,75 metros, mas ele é um pouco mais alto - 1,47 metros - por conta dos pneus maiores.

VW Virtus MSI 1.6

O resultado dessas dimensões externas ampliadas é uma lateral com uma estética esguia e elegante, com uma coluna C muito inclinada - em formato quase de um cupê, e um interior e porta-malas com muito espaço para passageiros e bagagens.

VW Virtus MSI 1.6 - porta-malas

O porta-malas comporta 521 litros, enquanto o espaço no banco traseiro oferta muito espaço para pernas dos passageiros, sendo capaz de levar, com conforto, três adultos - graças também ao túnel central baixo.

VW Virtus MSI 1.6 - espaço traseiro

O acabamento interno é o que se espera de uma versão de acesso, com materiais básicos mas que aparentam qualidade. A cabine é muito bem montada, os plásticos têm texturização e em tonalidades cinza claro e escura criando um ambiente sóbrio.


A precisão da montagem dos componentes impressiona positivamente, assim como a ausência de rebarbas nos plásticos e de para-fusos à mostra.


Como anda

O Virtus MSI vem com o motor 1.6 16V aspirado com 117 cv de potência e 16,5 kgfm de torque com etanol ou, respectivamente, 110 cv e 15,8 kgfm com gasolina. Esse motor está associado sempre com uma transmissão manual de cinco marchas (a Volkswagen deve ofertar, até o final do ano, a transmissão automática de seis marchas para esse motor).

VW Virtus MSI 1.6

O câmbio manual tem engates curtos e precisos, e a embreagem é muito macia. Como o motor é bem elástico, ofertando torque desde os baixos regimes, troca-se menos de marchas - o que contribui para o conforto do motorista.

VW Virtus MSI 1.6

Esse conjunto empurra os 1.105 Kg do Virtus com competência e agilidade, acelerando o sedã de 0 a 100 km/h em 9,8 segundos, para atingir uma velocidade máxima de 195 Km/h - quando abastecido com etanol.

Comparativo de desempenho - Virtus x City x HB20S x Cobalt


ModeloPreço0 a 100 km/hVel. máx.
Chevrolet Prisma 1.4 MT6R$ 57.19010,5180
VW Virtus 1.6 MSI MT5R$ 59.9909,8195
Honda City DX 1.5 MT5R$ 60.90010,2180
Hyundai HB20S 1.6 MT6R$ 63.7309,3190
GM Cobalt 1.8 MT6R$ 66.59010,0170

O consumo, aferido pelo INMETRO, é de 8,2 km/l em uso urbano e 9,5 km/l no rodoviário. Com gasolina melhora para 11,9 km/l e 13,8 km/l, respectivamente.

Comparativo de consumo - Virtus x City x HB20S x Cobalt


Modelo
Consumo EtanolConsumo Gasolina
Média
CidadeEstradaCidadeEstrada
Chevrolet Prisma 1.4 MT68,810,712,915,414,0
GM Cobalt 1.8 MT68,310,412,115,113,5
Honda City DX 1.5 MT58,610,312,414,613,4
VW Virtus 1.6 MSI MT58,29,511,913,812,8
VW Virtus 200 TSI AT7,810,211,214,612,7
Hyundai HB20S 1.6 MT68,19,811,514,012,6
Jetta 1.4 TSI MTN/DN/D11,313,912,5
Ford Focus 1.6 MT67,59,310,813,612,1
Citroen C4 1.6 THP MT7,39,010,913,211,9
Toyoa Corolla GLi 1.8 MT7,39,110,713,211,8
Honda Civic Sport 2.0 MT7,19,210,213,411,6
Mitsubishi Lancer 2.0 MTN/DN/D9,811,110,4

O passeio do Virtus é suave, silencioso e confortável, decorrente do ajuste macio da suspensão, elevando curso dos amortecedores e dos pneus 195/65 R15 - maiores que os usados no Polo.

Custo de manutenção e de propriedade

VW Virtus MSI 1.6

A Volkswagen oferta um plano de revisões programadas anuais (ou a cada 10.000 Km - o que ocorrer primeiro), com custo total até os 60.000 Km de R$ 2.852 reais. Somando-se isso aos gastos de combustível, impostos, seguro e peças de desgaste natural, o custo de propriedade do Virtus fica entre R$ 0,860 e R$ 0,882 por quilômetro rodado.

Virtus 1.6 MSI + Pacote Connect Pack

Virtus 1.6 MSI + Pacote Connect Pack

O Virtus MSI pode ser pedido com o pacote Connect Pack, de R$ 2.950 reais, que leva seu preço a R$ 62.940 reais, acrescentando externamente rodas de alumínio de 15 polegadas e sensores de estacionamento.

Virtus 1.6 MSI + Pacote Connect Pack

Esse pacote traz ainda os recursos de segurança ativos: ESP - Controle Eletrônico de Estabilidade; Controle de Tração, Diferencial com Bloqueio Eletrônico e Hill Control (Assistente de Partida em Rampa).

Virtus 1.6 MSI + Pacote Connect Pack

No interior ele soma central de informação e entretenimento "Composition Touch" com App-connect compatível com Apple CarPlay e Android Auto, além de volante multifuncional.

Conclusão

VW Virtus MSI 1.6 de R$ 59.990 reais

O Volkswagen Virtus MSI chega para fechar a lacuna que existe no line-up de sedãs que existe entre o Voyage e o Jetta. É um carro agradável de ser conduzido, bem acabado e com muito espaço interno. Ficaria ainda melhor com o ótimo câmbio automático de seis marchas das versões TSI.

VW Virtus MSI 1.6 de R$ 59.990 reais

Agradecimentos à concessionária VW V12 Motors - Brasília (DF), telefone (61) 3329-9999.

52 comentários:

  1. Consumo categoria C? Cronos e City, categoria A.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ^^ Não sabe ler? O Virtus BEBE MENOS que o City. Portanto ele necessariamente tem categoria melhor que o City.
      Quanto ao Cronos, não passa de chute, já que a classificação não foi liberada, mas o 1.8 deve ser pior que o Argo, que já bebe bem mais que o Virtus e anda menos.

      Na boa, não sei qual o objetivo desse povo que vem querer discutir com mentiras. Será que eles pensam que todos são idiotas enganáveis facilmente como eles?

      Excluir
    2. City não concorre com essa versão 90% das vendas são de automáticos.
      Enquanto essa porcentagem no virtus deve ser menor, visto os polos a maioria que vejo são 1.0 ou 1.6.


      Relicho puro. 80% das vendas do Polo são automáticos.

      Excluir
    3. O Virtus 200 TSI custa 73k e já vem com controle de estabilidade e tração e hill assist. E ainda custa menos que o City Automático.

      O Virtus 200 TSI AUtomático é um carro superior em tudo ao COrolla GLi, e mais barato que o City.

      Acabamento do Virtus melhor que de Corolla e City. E muito mais barato.

      Quem comprar agora City e Corolla assina atestado de mané.

      E tem cada vez menos, já que as vendas do Corolla está em queda livre.

      Excluir
    4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    5. O que achei interessante é o fato de o Virtus ser de categoria superior aos demais modelos concorrentes, oferecer mais desempenho e menor consumo.

      Vamos ver contra o City, da Honda:

      VW Virtus: média 12,8 km/l
      Honda City: 12,6 km/l

      Ou seja, o VW Virtus é mais econômico que o Honda City.

      Mas o Virtus é muito mais rápido, pois faz de 0 a 100 Km/h em 9.8 segundos, contra 10,5 do Honda. E o Virtus ainda chega a 195 Km/h, e o Honda chega a apenas 180 Km/h.

      Como se não bastasse, o VW Virtus tem mais espaço interno, muito mais entre-eixos, e ainda anda mais e bebe menos que o Honda.

      Isso são fatos.

      Excluir
    6. Com o motor 1.0 TSI realmente deve ter melhor consumo e desempeno, agora o 1.5 do City deve dar melhor desempenho e consumo que o 1.6 do Virtus certamente...

      Excluir
  2. Belo carro, tecnológico com espaço de sedan grande. Parabéns

    ResponderExcluir
  3. Parafusos a mostra não tem. Mas os trilhos do banco sim.
    Painel vermelho TB eh coisa do inicio da década. Tem um amigo que tem uma Amarok 2011 que tem esse painel vermelho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente! Aquele monte de plástico embaixo do banco é uma merda. Quando cai algo lá fica difícil de pegar. Já no Virtus não tem esse problema.

      De mais a mais, ninguém fica olhando para isso.

      Então, coisa de fresco ficar de mimimi com isso. Fresco mesmo, pois está muito preocupada com pecinhas plásticas e relegam a funcionalidade.

      Excluir
    2. Até o duster 2012 q eu tinha, vinha com um plástico para esconder os trilhos e olha q o acabamento do duster é fraco

      Excluir
    3. Aquele monte de plástico embaixo é ruim, pois dificulta encontrar objetos que caem no piso. O Virtus não tem esse problema, ponto para a VW.

      Excluir
    4. O Fox highline da minha esposa, tem esse plástico e acho válido sim, além da gaveta que é bem útil. E provavelmente não seria algo caro para a VW colocar no Polo e Virtus...

      Excluir
  4. Cluster bem simplório para um carro de 60k.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem nada de simplório. É um cluster padrão Wolfsburg, com conta-giros, computador de bordo.
      O cluster do Virtus é o melhor da categoria. Veja a coisa ridícula que é o do City e do Corolla GLI.
      Então, por favor, pesquise antes de relinchar.

      Excluir
    2. O computado de bordo com letras em vermelho tem aparência de antigo, tem carros da VW de 05 anos atrás que já tinha o computador de bordo similar a esse.

      Excluir
  5. Não sei pq a VW insiste com esse motor 1.6

    Tinha que ser os bons e modernos 1.0t e 1.4t

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renan Abreu de Moura, há de ter uma versão aspirada, principalmente para pessoas que precisam instalar kit GNV ( aqui no RJ é primordial, pois a gasolina está em torno de R$4.80 ), como taxistas, motoristas de aplicativo, ou até pessoas que rodarão muitos km por dia.

      Excluir
    2. Renan este motor é extremamente elástico e silencioso, um motor aspirado bem moderno, tenho um no Fox.
      Fernando

      Excluir
    3. Renan este motor é extremamente elástico e silencioso, um motor aspirado bem moderno, tenho um no Fox.
      Fernando

      Excluir
  6. Consumo nota C, está na ficha do inmetro. Até o Cobalt trambrolho 1.8 bebe menos.

    Fatos apenas fatos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. manezito. O Virtus é de categoria superioer aos demais. E ele consome menos que o City. Não viu? Dá uma olhadinha:

      Virtus: média 12,8
      City: 12,6.

      O consumo do Cobalt é fictício, feito para enganar manés. É obtido apenas em laboratório com 6ª marcha.

      Virtus 1.6 maior e mais econômico que o City. Números, apenas números.;

      Excluir
    2. fica com a notinha, que eu fico com os números.

      . O Virtus é de categoria superioer aos demais. E ele consome menos que o City. Não viu? Dá uma olhadinha:

      Virtus: média 12,8 km/l
      City: 12,6 km/l.

      Vc tá usando critério de 2017, e o Virtus já está no critério mais rigoroso de 2018.

      Excluir
    3. Detalhe: o Virtus é bem maior que o City, anda mais e bebe menos, mesmo com o motor de acesso. Imagina o 200 TSI o que não faz.

      Excluir
    4. Esse Carlos so pode ser extraterrestre, ele NÃO admite que outro veículo possa ser melhor em algum aspecto, que carros da Volkswagen. Falar que o Cobalt tem consumo fictício, por usar 6 marchas chega a ser sandice. Agora uma determinada empresa não pode usar câmbios com mais marchas para melhorar o rendimento, pois o mesmo torna como algo que possivelmente " ilegal". Se toca e admita, que a engenharia da Chevrolet acertou a mão em fazer um motor do século passado ser mais econômico do que um de engenharia genuína "alemã". Fatos apenas fatos...

      Excluir
    5. "Vc tá usando critério de 2017, e o Virtus já está no critério mais rigoroso de 2018."

      Interessante, agora que essa questão de critérios mais rigorosos trazem desvantagens para a sua marca de estimação você considera. Mas no caso do gol e Ka no latin NCAP, onde o vw foi testado no protocolo antigo menos rigoroso, você se gaba do gol ter atingido 3 ridículas estrelas que hoje equivaleria as 0 estrelas do Ka.

      Excluir
    6. Engraçado esse Carlos4Calois. Quando a informação do INMETRO é favorável, ele tem orgamos múltiplos ... já quando a nota não é lá tão boa, ele vai para o outro lado... isso que é ter opinião "imparcial"... kkk

      Excluir
    7. Ford ca abandon ou as barras te proteção das portas que já tem en celta desde 2004. Seus donos não são importantes para empresa.

      Excluir
  7. Conforme a proposta da VW, que buscou um bom custo x benefício, o acabamento é honesto.
    A VW buscou configurar um carro de bom tamanho, com boa segurança, com conjunto mecânico condizente, mas com preço atrativo. Acho que acertou.

    Claro, quando comparamos um com carro médio de origem, o acabamento do Virtus é inferior, mas isso não o desanima. Acho que está cumprindo bem o objetivo a que se destina.

    ResponderExcluir
  8. Olá convivas, venho por meio desta reportar minhas impressões acerca de uma observação pormenorizada que deti-me absorto em análise do interior do Virtus MSI, nomeadamente em sua configuração de acesso, objeto de escrutínio neste espaço.

    Me surpreendi positivamente com o porte avantajado e o espaço interno do Virtus. Ponto positivo! O sentido visual deleita-se com este carro ao vivo.

    O interior das versões mais simplificadas é bem apessoado! Os muitos tons de cinza conferem elegância e uniformidade ao interior. Nada carnavalesco. Muito sóbrio.

    Os materiais plásticos de texturização alvissareira, agradável ao sentido do tato e ao olfato. E também, porque não?, à visão! Aprovado.

    Em minhas comparações com o interior doutros compactos, nomeadamente o Honda City e Chevrolet Cobalt, reputo o Virtus como o mais promissor!

    Já detive-me em elocubrações sobre o Fiat Argo, e, por conseguinte, ao Cronos, da ítalo-americana FCA, e reputo qualidade muito questionável e inferior ao Virtus.

    Os plásticos de Argo e do Honda City têm aparência muito ruim, e constatei, qual não foi minha surpresa, muitas peças soltas!

    Em sede de dirigibilidade, é incrivelmente agradável, graças à possibilidade de regulagem do banco. Pode-se optar por posições baixas ou altas, à decisão do condutor que mais lhe aprouver.

    As finalizações são de muito bom tom, e alguns diapasões acima do que normalmente se encontra nestas plagas. Reputo finalização em patamar de maior qualidade à de Toyota Corolla e Chevrolet Cruze, neste Virtus! Surpreendente!

    O porta-celular, desde que mantido à seu local, não destoa. Tirando-o, o orifício permanece.

    Nos carros que circulei o sentido da audição não foi agredido com ruídos dos mais excessivos. Ao contrário: ambiente fica calmo e relaxante.

    Ultimado a análise, o conjunto me surpreendeu positivamente das opções consubstanciadas MSI. Recomendo e aprovado!

    Este Virtus é um sedã médio bem apessoado, com porte superior, consubstanciando-se em um concorrente sério ao Toyota Corola.

    ResponderExcluir
  9. Gostei mais das calotas do que da roda de liga leve da roda de liga leve da versão MSI.

    Esse carro anda mais e bebe menos que o Jetta 2.0 aspirado, fora que é mais bonito e atual.

    ResponderExcluir
  10. Esse carro tem tudo para angariar os proprietários dos Corollas mais simples como XLI, GLI, tem um bom espaço interno, o motor 1.6 16v é condizente com o carro e também é econômico.

    Eu acredito que deve roubar muitas vendas do Polo Confortline, muito mais espaço para as bagagens e o espaço interno é de sedam médio, em viagens deve acomodar bem 5 adultos, isso aliado a um bom consumo, essa versão seria minha escolha hoje, adorei as calotas, belíssimas, coisa que detestei no Polo, esse Virtus de entrada só precisa colocar um pacote de segurança com itens que tem na versão TSI.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida. Mas o virtus que concorre que o Corolla GLi é o Comfortline 200 TSI Automático.

      Esta versão MSI 1.6 MT é feita para concorrer com o Honda City. E ele é superior ao Honda City em todos os aspectos. Ele anda mais que o Honda, bebe menos, e ainda oferece bem mais espaço.

      Excluir
  11. galera aqui começa a ofender o carro ou o carlos (fingem que odeiam a vw,mas amam de coração) . Está na hora de a maioria aqui é crescer e saber ao menos algo tecnicamente,mas não.. fica com esse mimimimi do carai o tempo todo. O carro em si é um espetáculo.

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  13. O Virtus é um sedan médio com preço de sedan compacto! Imbatível!

    ResponderExcluir
  14. Sinceramente espera um consumo melhor, tanto MSI quantos dos TSI

    ResponderExcluir
  15. Ainda são raros os vídeos sobre o virtus MSI em suas opções. Eu estava a 1 ano aguardando o lançamento deste carro para trocar o meu HB20. Programei até minhas férias para inicio do dia 22 (lançamento do carro) como projeto para troca.

    Dos que estavam como concorrentes só faltava saber o preço das versões do Honda City em que a versão disponibilizada dentro do meu orçamento, foi uma decepção por parte da honda.

    O Honda City DX é uma piada perto do que o Virtus Oferece. Resultado, comprei um Branco com o connect pack. Como só eu vou dirigir o veículo, os ajustes de volante e retrovisor (no meu caso) são irrelevantes. Satisfeitíssimo

    ResponderExcluir
  16. Se ele tiver desconto para frotistas, vejo que vai desbancar o Cobalt, mesmo bebendo mais, mas acho difícil mudar a visão dos taxistas em relação ao corolla, é um carro de manutenção simples e tem longa duração das peças, falar de carro em lançamento é muito fácil, temos que esperar a prova de fogo, deixa o carro rodar um pouco, apresentar os problemas e suas correções. Antes disso é mera especulação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ser muito mané para acreditar que o Cobalt 1.8 MT bebe menos que o Polo 1.6 MSI.

      A questão é muito simples. Esse consumo em estrada do Cobalt é fictício. Ele é produzido por uma 6ª marcha muito longa que, na prática, não é usada.

      Em cidade o Virtus com 5 marchas tem praticamente o mesmo consumo. Só que os dois rodando em 5ª, o Virtus é mais econômico.

      De mais a mais, o Virtus anda muito mais. O Cobalt é mais lento no 0 a 100, e piora muito em alta, pois seu motor é obsoleto.

      Observe-se que o Virtus chega a 195 Km/h, e o Cobalt para em 170 Km/h.

      Não dá para comparar. O Virtus é o que oferece a melhor relação performance/consumo de todos.

      Excluir
  17. A verdade dos fatos é que esse Virtus vem para destruir o Corolla, Cobalt, Cruze, versões de acesso do Civic, Honda City, e ainda vai destruir o lucro de GM e Hyundai pegando vendas das versões mais caras de HB20S e Prisma. O Cronos eu nem falo, pois é um natimorto.

    Será uma hecatombe, até mesmo porque está sendo vendido a R$ 41.200 para taxistas.

    Esse carro é uma mudança paradigmática no mercado. A VW está colocando um sedã médio no mercado com preço de compacto.

    Não tem nada que os outros consigam fazer com isso. E ele está perfeito no design, itens de serie e acabamento.

    ResponderExcluir
  18. Pessoal, vi o Polo e achei muito bonito. Para uso urbano, qual é mais recomendável: 1.0 mpi ou 1.6 msi? O azul tá muito bonito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1.0 TSI, 1.0 mpi para esse carro é mico assim como foi o antigo polo 1.0, 1.6 só se realmente não tiver condições do tsi

      Excluir
    2. Sem dúvida o 1.6 MSI, mas o 1.0 MPI não é ruim, pois seu desempenho é similar ao Up! MPI, muito bom.
      Claro que o 1.6 MSI anda bem mais, e bebe igual. Então se puder investir $5k a mais, o 1.6 MSI é um carro mais versátil e prazeroso, além de ser um avião em estrada.

      Excluir
    3. O desempenho do motor MPI nunca será em nenhum carro semelhante a outro . Basta comparar o gol MPI com o up MPI dados de consumo e desempenho totalmente diferentes

      Excluir
    4. Obrigado, mas não sabia que o motor tem correia dentada. Achava que era corrente. Mesmo assim o 1.6 deve ser um canhão mesmo. Vi um Polo de perto e realmente não lembra muito o Gol Só achei que a traseira lembra um BMW hatch.

      Excluir
  19. Esse interior em 50 tons de cinza é bem sem graça. Um MSi automático por 65 mil e com pelo menos os retrovisores elétricos seria imbatível . Vamos aguardar

    ResponderExcluir
  20. A VW deve ter uns bilhões desses botões de ligar o farol. Gente do céu! é o mesmos dos carros da marca do século passado.

    ResponderExcluir
  21. Unico pecado que eu vejo em minha concepção que a VW cometeu é não lançar o modelo TSI para o publico PCD,mesmo que este MSI venha com cambio de seis marchas não tem nem o que falar o motor TSI é muito superior.

    ResponderExcluir
  22. Eu acho que fui um dos primeiros a trocar um voayge, 2016, 1.6 msi confort line, por um virtus 1,6 msi, antes mesmo que a WV anunciasse o virtus eu já havia decidido trocar. Mas estou muito preocupado, hoje fiz o consumo dele, na cidade - Recife. Fiquei espantadíssimo, pois só deu: 5,9...l/km. Se for assim, lasquei-me!.

    ResponderExcluir
  23. Na estrada vc já conseguiu fazer quanto km/l? Estou comprando um virtus MSI também e ando muito na cidade com carro e desejo mais informações de consumo. Agradeço desde já.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.