Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Peugeot 308 2014: informações e detalhes oficiais

Categorias: , , 42 Comentários

As primeiras imagens do Novo Peugeot 308 2014 já foram divulgadas ontem, e agora chegam as informações oficiais do novo hatch francês, que chega com um estilo mais moderno, refinado e elegante, e incorporando a nova plataforma modular EMP2 - o que lhe permitiu uma redução de peso da ordem de 140 kg - resultando em menor consumo de combustível e menores emissões de poluentes.

Novo Peugeot 308 2014 - vermelho

Em termos dimensionais, o carro tem 4,25 metros de comprimento e 1,46 metros de largura, o que, segundo a Peugeot, resultou em um interior espaçoso e confortável, além de permitir uma capacidade volumétrica do porta-malas de 470 litros.

Novo Peugeot 308 2014 - vermelho

As diretrizes de design que nortearam o projeto foram alta resistência e alta qualidade, de modo que o novo hatch francês evidencia uma carroceria com estilo sólido e que transmite solidez, graças às suas linhas retas e compactas.

Novo Peugeot 308 2014 - vermelho

Com um comprimento de 4,25 metros e proporções bem equilibradas, o novo Peugeot 308 tem uma presença elegante e sofisticada. A frente é dominada por uma reinterpretação evolutiva da grade frontal "flutuante", e com a assinatura de iluminação marcante. Os esbeltos faróis full-LED são padrão na maioria dos níveis de acabamento. A alta qualidade do design continua na parte traseira, com as três garras do Leão símbolo da Peugeot desenhado pelas lâmpadas de LED traseiras.

Interior

Novo Peugeot 308 2014 - painel

Quando dentro do carro, descobre-se um mundo de estilo refinado, completamente original no mundo dos carros hatchback, com um cockpit que é intenso, inovador e intuitivo. É o que a Peugeot chama de i-cockpit.

Novo Peugeot 308 2014 - interior

Tudo está preparado para uma experiência intuitiva, deixando o motorista se concentrar inteiramente na estrada à frente. O volante compacto e layout de instrumentos head-up significa que a informação pode ser lida claramente e facilmente e com segurança, olhando por cima e não por meio do volante.

Novo Peugeot 308 2014 - tela multimidia

O destaque do interior do novo 308 é a interface touch-screen de 9,7 polegadas, que remove grande parte da necessidade de botões físicos e interruptores. Estabelecendo um novo padrão de tamanho para a classe, que reúne muitos dos controles de infotainment em um só lugar, para facilitar o uso e criar uma cabine contemporânea e organizada.

Novo Peugeot 308 2014 - sistema multimidia

Nova plataforma modular

Novo Peugeot 308 2014 - traseira

Na estrada, o prazer de condução é reforçado pela nova plataforma modular EMP2. Com considerável redução no peso, que contribui para o dinamismo e fácil manuseio do Novo Peugeot 308.

Novo Peugeot 308 2014

O desenvolvimento desta nova arquitetura do Grupo PSA resultou em 116 pedidos de patente e contribui para excelentes qualidades dinâmicas do veículo. Também desempenha um papel chave na redução de peso considerável do carro, a uma média de 140 kg comparado com o atual geração Peugeot 308.

Novo Peugeot 308 2014

A engenharia avançada também permitiu uma redução de tamanho - e o peso total - levando a reduções significativas nas emissões de CO2. Como resultado, o novo Peugeot 308 estabelece uma referência ambiental, com um modelo que oferece emissões de CO2 de 85g/km.

Novo Peugeot 308 2014

Produção

O Novo Peugeot 308 será construído na fábrica de Sochaux, na França, e fará sua estreia mundial no Salão Automóvel de Frankfurt 2013. As vendas vão começar logo em seguida na Europa continental , e em janeiro de 2014 no Reino Unido.

42 comentários:

  1. Carro muito bonito sem exageros estéticos, quem procura espaço estará bem servido, o mais legal é o interior,espero que venha logo para o Brasil e que tenha preço competitivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já nasce superado de longe pelo Golf 7. O que a Peugeot quer com isso? Se ela quer ter um hatch que não seja figurante, tem que inovar. Isso aí é cópia mal feita do Audi A3.
      A Fiat já tentou fazer isso (copiar o estilo do Golf e do Audi) com o Stilo, e se deu mal.
      Esse aí será outro fiasco.
      Agora, além das chinesas que copiavam, temos as francesas também.
      Ridículo.

      Excluir
    2. "O que a Peugeot quer com isso?"
      Simples, a Europa esta falida e por isso querem fazer carros que sirvam como hacth, perua, vam e suv (dentro em breve vai ter um pode acreditar), por isso estes carros tem as portas grandes, e aspecto de utilitário,
      Ou seja apenas um carro pra família, infelizmente teremos muito mais modelos com este aspecto e de outras montadoras também.

      Excluir
    3. Ayrton Brasileiro13 de maio de 2013 09:54

      Me explique uma coisa, como se patenteia uma cópia?

      Excluir
    4. Cada uma que aparece! O cara disse que o Golf 7 supera o novo 308, baseado em que? Até agora a única coisa que saiu foi a emissão de poluentes (ótima por sinal), e nada de motorização. Tem bola de cristal?

      E outra: esse painel com as funções no LCD é mais moderno que os botões no Golf.

      O interior é inovador sim, qual outro da categoria com esse tipo de interface? Patente só é válida após análise de mérito por órgão de propriedade intelectual, não é só chegar lá e preencher formulários.
      Se a inovação não é justificada, não gera patente.

      Excluir
    5. É claro que supera. A PSA nem precisa divulgar o motor porque todos estamos cansados de saber que será uma variação do 1.6 THP que ela usa desde a versão esportiva do 208 até o 508, e nos respectivos modelos da Citroen. Ou seja, de cara um motor inferior às inúmeras opções mais eficientes, modernas e econômicas presentes no Golf 7.
      Depois, esse estilo do "novo" 308? Cópia descarada do Audi A3. Ridículo. Não traz inovação nenhuma na parte externa, ou seja, é uma cópia piorada do Audi A3. Para fazer cópias, já temos os chineses, dos franceses espera-se algo mais.
      Agora, o interior: então vc quer dizer que essa telinha LCD toda colorida é o supra-sumo da tecnologia? fala sério, né?
      Tecnologia é o que vemos no Golf 7, com inúmeros sistemas de controle dinâmico, como assistente de auxílio em faixa, assistente de baliza, etc e tal. Esse monte de bugigangas eletrônicas que a Peugeot e a Citroen colocam em seus carros não enganam quem efetivamente entende do riscado.
      Ou seja, trata-se de um lançamento inútil e sem qualquer relevância, que não traz inovação em estilo, mecânica e nem em tecnologia.
      Enfim, Citroen, por favor: na próxima vez, me venha com inovações, e não cópia, do contrário, seu preju, que já é elevado, só vai aumentar, e vc corre o risco de deixar de existir.

      Excluir
    6. Esses botões na tela não são nada práticos, apesar de ser "moderno".

      Excluir
    7. THP? Não é isso que é dito nesse site:

      www.carscoops.com/2013/05/all-new-and-all-important-peugeot-308.html

      Justamente o que se fala é de eficiência, se ler o site acima.

      Bola de cristal é fogo!

      A tela LCD é sim mais moderna que um monte de botões no painel, gostem vcs ou não. Já é uma tendência na aviação e agora chega nos automóveis.

      Excluir
    8. Esse lance de colocar tela LCD para controlar tudo tem um único objetivo: reduzir custos da montadora em detrimento da segurança. Ou você acha que é muito seguro o motorista ter que ficar procurando na tela de LCD o jeito de aumentar o volume do rádio ou ver o GPS. Agora fica tudo na mesma tela.
      Isso é uma temeridade em termos de segurança, pois distrairá ainda mais o motorista. Ou seja, essa Peugeot só está pensando em seus lucros, e não na segurança dos passageiros.
      Não sei como as autoridades vão permitir esse tipo de coisa. Faça-me o favor! Muito perigoso esse tipo de coisa, e pior que é vendido como "muderno"...

      Excluir
    9. Ayrton Brasileiro13 de maio de 2013 13:22

      Aqui amigão!!! Obrigado por TENTAR ajudar...
      Escrever o bom português é importante em qualquer lugar, contudo, na informalidade é comum cometermos alguns deslizes, sem exageros, claro.
      Mas da próxima vez tenha cuidado para não corrigir sem necessidade.
      Segue a conjugação do verbo e corrobora com o que escrevi. :-) \0/
      http://www.fpepito.org/utils/conjugue.php?verbo=patentear
      O assunto era Automóvel, rsrs
      Abss

      Excluir
    10. Nossa, que irmão anônimo burro!!!!
      Dá zero pra ele professor.

      Excluir
    11. Cara, eu fico doido como tem gente aqui no blog que tomou pau no vestibular e vem aqui tirar onda.
      Putz, o assunto aqui é AUTOMÓVEL, vou repetir, carro, 4 rodas, capite!!!?????
      Agora a gente tem que ler e relê o assunto pq "duns babacas", @##$$%¨&&*#%@¨
      O tal do Ayrto foi até educado... tentou tirar onda e siphunya.

      Excluir
    12. Realmente não é seguro mudar volume do rádio na tela de LCD, e também não é em sistema atual. Tirar a mão do volante e perder atenção. É o motivo do carro ter botões no volante para não precisar tirar as mãos da direção. No caso do GPS vale o mesmo para o Golf, então está empatado.

      Vai ser legal ver daqui a algum tempo a VW adotar a mesma solução, ai eu quero fanboy falar mal.

      Excluir
    13. Não sei como as autoridades vão permitir esse tipo de coisa. Faça-me o favor! Muito perigoso esse tipo de coisa, e pior que é vendido como "muderno".
      VÁ COMPRAR UM VOVOROLLA OU UM GOLFSSAURO E PARA DE FALAR ASNEIRAS, NÃO SABE DIRIGIR VÁ DE ÔNIBUS, PELO MENOS REDUZ A EMISSÃO DE CO2,
      PORQUE DE BOBAGENS JÁ SATUROU.

      Excluir
    14. Bobagem é quem se deslumbra com qualquer bugiganga eletrônica colocada dentro do carro. Esse sistema do 308 é uma temeridade sim. Com os botões dedicados, o motorista se acostuma com a posição e não precisa olhar o painel para ligar o ar, mudar a estação do rádio.
      Agora, imagine no caso dessa gambi aí do 308. Se está no GPS, precisa apertar o botão virtual que vai para a tela principal, e, de lá, apertar outro botão, para mexer no rádio. Pior, como os botões são virtutais, o motorista não irá se acostumar nunca com a posição, pois não há a referência tátil. Resultado, terá que tirar a vista da pista e voltar a atenção para o visor LCD.
      E como ele controla tudo no carro, demora mais para acessar a função desejada, pois tem que sair da função que está, e mudar para a tela inicial, e depois acessar a nova função.
      Em resumo: extremamente inseguro pois exige a atenção do motorista para manuseá-lo, e ainda destrai o motorista por mais tempo que os sistemas convencionais.
      Uma aberração dessa que compromete a segurança no trânsito é vendida como "muderna"...e tem gente que acha bom!!!????? Quero ver vc sendo atropelado por um motorista distraído com uma tela LCD se vc vai achar bom....

      Excluir
    15. Os preceitos são errados.

      Se vc tem GPS sabe que é contra a lei usá-lo com o carro em movimento. O carro possui comandos de rádio no volante, como já foi dito para evitar tirar as mãos do volante.

      E tem mais: as autoridades européias são muito mais rigorosas do que no Brasil, e com certeza o ponto que você levantou é básico em estudo de fatores humanos e ergonomia.

      Antes de decretar que o sistema não presta, deveria ao menos conhecer como funciona. Mas não, um leigo sabe mais que uma equipe enorme de engenheiros que trabalham só nisso, sob legislação severa de segurança.





      Excluir
    16. Essa "equipe enorme de engenheiros que trabalham só nisso" tem como principal objetivo aumentar o LUCRO, e, para isso, nada melhor que uma bugiganga eletrônica vistosa, que reduz a segurança do carro, distrai o motorista mais do que os sistemas convencionais, e que ainda pode ser vendida como "inovadora" e "muderna".
      Eu não me deslumbro, e sei que isso torna o carro mais inseguro, e é fator de risco.
      Mas, claro, é bem mais barato, afinal, apenas 1 tela de LCD e 1 software substituem todos os botões, interruptores, arremates, fios e etc.
      Reitreo que devria ser proibido isso que fizeram no 308, pois é um atentado contra a segurança no trânsito.

      Excluir
    17. Quanta besteira! Para ligar o ar condicionado, ventilador são necessárias ligações elétricas com fios e relês, a diferença é que no sistema LCD usa relês estado sólido (mais confiáveis que os mecânicos).

      Vejo que você não entende nada de tecnologia. A "economia" é de alguns botões, que somados não deve dar 100 reais! Na verdade acho que esse novo sistema é até mais caro pelos componentes que citei.

      Agora o que você desconhece é que por usar menos partes mecânicas, a confiabilidade do sistema aumenta (lembrar do caso carburador vs injeção eletrônica).

      Quanto ao uso: GPS só é permitido com o carro parado, o rádio tem os comandos no volante e o que sobra? O ar condicionado. Quantas vezes você vai precisar ligar e desligar o ar mesmo? Ligue ao sair com o carro parado, regule a temperatura ideal e esqueça, como se faz no GPS.

      Faz assim, escreva para o site abaixo "denunciando" o perigo do novo 308!

      www.etsc.eu/home.php

      Excluir
    18. O problema não é a confiabilidade, até porque o sistema por botões é bastante confiável.
      Os problemas desse sistema LCD são dois:
      1. Ausência da sensação tátil, o que EXIGE do motorista olhar para a tela, enquanto no modelo convencional, o motorista apenas toca o botão do volume do rádio ou do ar-condicionado e sabe o que está operando, sendo, portanto, desnecessário desviar a atenção da via.
      2. O fato de ser apenas 1 sistema para comandar tudo. Logo, somado ao fato de não existir a sensação táctil, que obriga a visão do sistema, ele ainda demanda mais tempo e atenção, pois precisa tirar do sistema que está (por exemplo, GPS) e ir para o sistema que deseja (por exemplo, o ar-condicionado).
      Com isso, se o motorista precisa desviar a atenção obrigatoriamente da pista, e por MAIS TEMPO.
      Isso aumenta em muito o risco de acidente. Deveria ser proibido.

      Excluir
    19. Vou explicar de novo:

      as funções secundárias (ar condicionado, GPS) são utilizadas raramente (logo na partida, por exemplo), por isso não elevam o risco de condução.

      Tando isso é verdade que é o preceito do sistema iDrive da BMW

      www.usautoparts.net/bmw/technology/idrive.htm

      que usava um único botão para ajustes das funções secundárias:

      "Many controls are operated with a single large, multifunction knob located in the console between the front seats. The control consists of a combination rotary and push button for selecting functions. Confirmation of the selected mode is displayed on a dash mounted screen"


      ""iDrive" takes into account the fact that comfort, communication and driver assistance functions are only rarely adjusted while driving. The operating unit in the center console gives the driver direct access to many other driving functions and information and communication options. Several hundred functions can be controlled with this device."

      Se você lê em inglês, o motorista também tem que olhar pra tela para fazer as configurações, apesar de haver botão mecânico.

      Agora reclama da BMW também.

      Excluir
    20. Não adianta ficar discutindo com gente que é fã da VW e do Golf não!
      Eles não sabem o que é tecnologia não!
      Morrem de medo disso rsrs
      Se gostassem, eles nem seriam fã dessa marca!

      Excluir
    21. "as funções secundárias (ar condicionado, GPS) são utilizadas raramente (logo na partida, por exemplo), por isso não elevam o risco de condução. "

      Negativo. Isso é invenção sua. Eu mesmo vivo mudando a temperatura do ar-condicionado, e, também, preciso saber as rotas do GPS. Então, observe: você quer mudar a temperatura do Ar, precisa desviar a atenção da via, perder um tempão vendo qual opção apertar, e, depois perder outro tempão voltando para o GPS. Terrível e pouco prática essa solução do 308, que só serve para aumentar o lucro da Peugeot em detrimento da segurança.
      Deveria ser proibida, de tão insegura que é.


      Tando isso é verdade que é o preceito do sistema iDrive da BMW

      www.usautoparts.net/bmw/technology/idrive.htm

      que usava um único botão para ajustes das funções secundárias:


      O sistema i-Drive não elimina a função táctil, o que reduz em muito a necessidade de desvio de atenção.

      Ou seja, o sistema do 308 é apenas para deslumbrar as pessoas que vão ver a tela toda colorida e vão achar lindo, mas depois se envolverão em acidentes, pois estarão tentando mexer no carro, quando deveriam estar dirigindo.

      Terrível esse sistema da Peugeot.

      Excluir
    22. Bla bla bla.

      Invenção minha?

      ""iDrive" takes into account the fact that comfort, communication and driver assistance functions are only rarely adjusted while driving"

      Leia de novo o que está escrito no link que postei. Ou não sabe inglês? Resumindo, as configurações, incluindo temperatura, são raras SEGUNDO A BMW.

      O problema, como vc disse anteriormente, era OLHAR PARA A TELA e PERDER ATENÇÃO, leia seu post acima. Só que para fazer as configurações, o sistema BMW também precisa olhar pra tela. Só que isso deve ser feito com o carro parado.

      O seu hábito é de tonto então, ou então seu A/C não é digital com controle de temperatura. Regulando uma temperatura agradável na saída, o sistema mantém essa temperatura. Para que precisa alterar?

      Tela colorida não é coisa nova, esse link do iDrive é de 1999. Cadê alguém falando de acidentes por causa do sistema?

      Quero ver configurar o iDrive sem olhar pra tela:

      www.youtube.com/watch?v=XdnOjevfWIE

      Cara, o seu argumento é furado, não adianta insistir.


      Excluir
    23. Bla bla bla.

      Invenção minha?

      ""iDrive" takes into account the fact that comfort, communication and driver assistance functions are only rarely adjusted while driving"

      Leia de novo o que está escrito no link que postei. Ou não sabe inglês? Resumindo, as configurações, incluindo temperatura, são raras SEGUNDO A BMW.


      Eu não estou discutindo o i-Drive. Só um "tonto" pode querer argumentar com defesa do i-Drive uma argumentação contra o sistema BOQUETA da Peugeot.

      O sistema da Peugeot é INSEGURO em relação aos sistemas convencionais. Isso é um fato, pois exige atenção e tempo redobrado do motorista.

      O problema, como vc disse anteriormente, era OLHAR PARA A TELA e PERDER ATENÇÃO, leia seu post acima. Só que para fazer as configurações, o sistema BMW também precisa olhar pra tela. Só que isso deve ser feito com o carro parado.

      Meu querido, repito: só um "tonto" tenta rebater um argumento que evidencia uma deficiência do sistema da Peugeot falando que o da BMW é BOM.

      Não interessa o que a BMW ou qualquer "tonto" diga que esses controles devem ser feitos com o carro parado. O que me interessa é que se forem feitos com o carro andando, eles implicam maior insegurança que os sistemas convencionais. Muito mais insegurança, pois, o sistema da Peugeot ainda não tem um botão físico.

      Enfim, "tontos" trabalham com o ideal, o fictício, um mundo onde tudo ocorre como planejado. A realidade dos fatos é outra: o sistema da Peugeot é profundamente temerário do ponto de vista de segurança dos passageiros e dos pedestres, e, portanto, deveria ser abolido, pois só visa ao lucro, em detrimento da segurança. Só "tontos" podem aplaudir tamanha aberração.

      Excluir
    24. O preceito do iDrive é o mesmo do Peugeot, ou seja ajuste com carro PARADO, pois depende da vizualização da tela. Se vale para BMW, vale para Peugeot. O resto é conversinha sua.

      A engenharia da BMW já põe abaixo essa estorinha de tela insegura, de ter botão exclusivo para cada função.

      Se você quer usar com carro andando é irresponsabilidade da sua parte, uma vez que por lei se deve usar as duas mãos no volante.

      E outra, quero ver fazer ajuste de temperatura em ar condicionado digital sem olhar para o display, ou seus dedos enxergam o valor da temperatura no display?

      Realmente, para pessoas com a sua postura de direção, esse carro não serve. Falta ainda muita educação e cultura no trânsito.

      Continue então com a sua carroça, e deixe a modernidade para pessoas mais esclarecidas e responsáveis.

      Aproveite e mande a idéia para a BMW, que pelo seu ponto de vista é "temerário", já que distrai o motorista. Faça o favor de nunca chegar perto de uma BMW para dirigir, OK?

      Excluir
    25. O preceito do iDrive é o mesmo do Peugeot, ou seja ajuste com carro PARADO, pois depende da vizualização da tela. Se vale para BMW, vale para Peugeot. O resto é conversinha sua.

      Não é mesmo. O i-Drive tem um botão físico, que fica, inclusive, posicionado no túnel central, atrás da alavanca de câmbio, ao alcance imediato da mão direita do motorista.

      Enquanto a gambiarra da Peugeot exige do motorista se inclinar à frente para escolher entre ícones virtuais que ficam em uma tela touchscreen.

      BEM Diferente!


      Se você quer usar com carro andando é irresponsabilidade da sua parte, uma vez que por lei se deve usar as duas mãos no volante.

      O fato é que com o sistema convencional, de som e ar-condicionado, eu posso mudar a temperatura do ar-condicionado sem tirar a visão do volante. No caso da gambiarra temerária da Peugeot, terei que desviar a atenção da direção, olhar para a tela touch-screen, escolher vários menus, e, por fim, alterar a temperatura. Horrível e inseguro.

      Se tivesse, ao menos, um botão à mão direita, como o da BMW, que per mitisse a seleção sem tirar as costas do encosto, seria mais aceitável, mas como o sistema francês parece estar apenas interessado em deslumbrar com visores coloridos, ele torna a condução insegura, apenas para aumentar os lucros da empresa.

      Terrível. Deveria ser proibido.

      E outra, quero ver fazer ajuste de temperatura em ar condicionado digital sem olhar para o display, ou seus dedos enxergam o valor da temperatura no display?

      Basta uma olhadela para ver em que temperatura está. Já no ridículo e medíocre sistema da Peugeot terei que escolher entre inúmeros menus até achar a função A/C. Horrível.

      Quanto mais analiso, mais constato que esse sistema da Peugeot é horrível, e é profundamente INSEGURO. Deveria ser proibido de tão ruim.

      Realmente, para pessoas com a sua postura de direção, esse carro não serve. Falta ainda muita educação e cultura no trânsito.

      Esse é o velho argumento dos incompetentes: criam aberrações, que são vendidas como "inovação" para deslumbrados, e, quando aparecem os problemas, culpam o consumidor.

      Continue então com a sua carroça, e deixe a modernidade para pessoas mais esclarecidas e responsáveis.

      Antes uma carroça segura que uma bugiganga francesa , cópia mal sucedida de um Audi, com uma telinha colorida que ilude os deslumbrados.

      Excluir
    26. Ah, não esqueça de pedir para proibir o MyLink do Onix também, pois para ouvir o rádio, tem que usar a tela, já que não possui botões para isso.

      O MyLink é temerário também? Que tonto!

      Excluir
    27. O My-Link não causa insegurança, pois os controles de ar-condicionado não estão nele, mas separados e posicionados abaixo do console central.

      Só um "tonto" tenta dizer que essa bugiganga da Peugeot é boa, dizendo que o da BMW é bom e o da GM também é. Tem que ser muito tonto para dizer que são sistemas iguais.

      Excluir
    28. Eu não gosto muito de nenhuma das duas marcas citadas pelos amigos, mas tenho que admitir que não gostei dessa inovação da exclusão dos botões físicos. E, por experiência própria, sei que é possível mexer no ar, tanto digital como analógico, sem tirar os olhos(no caso do digital, é mais complicado que o manual com o veículo em movimento) e quando se desvia é em uma fração de segundo. Com esse sistema, embora inovador, não se tem essa praticidade. É como comparar a digitação no teclado de um iPad com a de um notebook, apesar do segundo ser mais moderno, o primeiro é mais prático nesse aspecto. Em suma, não vejo benefício nessa perda de botões, pelo contrário. Apesar disso, o interior ficou agradável, agora é esperar pelos detalhes técnicos, que é o mais importante.

      Excluir
    29. Olha como é cômodo mudar os argumentos:

      lá em cima critica que é perigoso usar lcd para ouvir música por falta de feedback táctil. Depois muda o argumento para o ar condicionado. Agora diz que o MyLink é diferente, que cara de pau.

      "Agora, imagine no caso dessa gambi aí do 308. Se está no GPS, precisa apertar o botão virtual que vai para a tela principal, e, de lá, apertar outro botão, para mexer no rádio. Pior, como os botões são virtutais, o motorista não irá se acostumar nunca com a posição, pois não há a referência tátil. Resultado, terá que tirar a vista da pista e voltar a atenção para o visor LCD."


      Me poupe, se usa muda muito mais de estação e se altera o volume do que regula temperatura. Lembrando que o MyLink também tem opção de GPS via celular.

      É uma desonestidade intelectual sem limites.

      Em nenhum momento disse que o da BMW é bom. Disse apenas que a BMW considera que algumas regulagens são feitas raramente, e podem ser feitas ao ligar o carro, e esse é o mesmo preceito do Peugeot.

      Se você distorce isso é por que não admite as besteiras sem tamanho que falou.

      Excluir
    30. lá em cima critica que é perigoso usar lcd para ouvir música por falta de feedback táctil. Depois muda o argumento para o ar condicionado. Agora diz que o MyLink é diferente, que cara de pau.

      O que é perigoso no sistema da Peugeot é o fato de não dispor se sensação táctil associado ao fato de que a tela touchscreen exige atenção redobrada do motorista, e também navegação entre vários menus.
      E eu não estou discutindo o MyLink. Estou discutindo o sistema da Peugeot, que é inseguro.

      Me poupe, se usa muda muito mais de estação e se altera o volume do que regula temperatura. Lembrando que o MyLink também tem opção de GPS via celular.

      O MyLink pode causar insegurança também, mas é muito menor que a causada por esse sistema da Peugeot, já que o motorista, no Peugeot, terá que desviar a atenção para mexer no ar-condicionado. Em escala de insegurança, o sistema da Peugeot é muito pior. É temerário. Inseguro, e deveria ser proibido.

      É uma desonestidade intelectual sem limites.

      Eu argumento com fatos. Você não tem como rebatê-los então apela para MENTIRAS como a dizer que o sistema da BMW i-Drive é igual ao da Peugoet. MENTIRA.

      Em nenhum momento disse que o da BMW é bom. Disse apenas que a BMW considera que algumas regulagens são feitas raramente, e podem ser feitas ao ligar o carro, e esse é o mesmo preceito do Peugeot.

      Você MENTE ao dizer que o sistema da BMW tem o mesmo "preceito" do da Peugeot. O BMW i-Drive tem um botão no tunel central à mão do motorista, enquanto o da Peugeot exige a atenção total do motorista para a tela táctil.
      E este post é para discutir a falha do sistema da Peugeot, e não da BMW.

      Se você distorce isso é por que não admite as besteiras sem tamanho que falou.

      Se vc é fã-boy da Peugeot deveria se preparar melhor para debater, pois você não rebate nenhum argumento apontado por mim sobre a insegurança do sistema da Peugeot. Apenas fala (mente) que o da BMW e da GM são iguais, quando não são. E quando você é confrontado com os fatos, apela para xingamento.

      Excluir
    31. Quanta besteira escrita em uma postagem só.

      A sua crítica era devido a necessidade de olhar para a tela de LCD para fazer a configuração, primeiro foi o rádio, mas como não colou, partiu para o ar condicionado.

      E sim, a BMW e PSA tem o mesmo preceito: ambas precisam olhar para o LCD para fazer a configuração. O fato do BMW ter botão não evita que seja necessário olhar para a tela.

      Agora é evidente a distorção: em nenhum momento disse que o PSA é igual ao BMW, e sim que as configurações dependem de olhar para o LCD, e SEGUNDO a BMW, isso é feito raramente, o que não fere a segurança.Leia de novo o link, se sabe ler em ingles (acho que pelo nivel, não sabe).

      O MyLink é mais perigoso que o PSA, pois as configurações de rádio são usadas com mais frequência que o ar condicionado, e o GM não tem comandos no volante, que a PSA tem, justamente para evitar tirar as duas mãos da direção.

      Quem não sabe debater é vc, pois usa um argumento (necessidade de olhar LCD é perigoso) e quer fazer acreditar que regulagem de A/C é feita com constância durante a direção, que mesmo a BMW disse que é feito raramente. Que piada!

      Não adianta distorcer, o argumento é ridículo. Ainda diz que eu disse que os 3 sistemas são iguais, quando apenas disse que os 3 sistemas precisam olhar para o LCD.

      O sistema da GM, segundo seus próprios argumentos seria o mais perigoso, pois não tem botões para configuração do som, ao contrário do PSA. Mas não, a melhor de todas, só falta me falar que se regula a/c com mais frequencia que se altera o volume do radio e muda de estação.

      Que piada, chega ser hilário o nivel de cara de pau. Agora conta outra piada para alegrar o dia.

      Excluir
    32. Concordo plenamente, discutir com viúvas de Gol GTI, Passat Pointer e etc é perda de tempo. Apesar de na atualidade a VW ser a mais defasada em todos os sentidos, ainda existem muitos otários que pagam a fortuna que eles pedem em carros ridículos como Gol Rally, Saveiro Cross e etc.

      Excluir
  2. A frente e o interior está Show de bola, a traseira e lateral nem tanto. Espera-se que a Peugeot comece a valorizar o mercado nacional, principalmente com estoque de peças de reposição para o caro não ficar a pé tendo carro.

    ResponderExcluir
  3. A Peugeot vai começar a por a mesma frente em todos os carros agora também?

    ResponderExcluir
  4. FanBoys VW Golf Vs PSA. No fundo, os dois modelos estão longe de se aproximar do Brasil. No mínimo uns 2,5 anos. Então, para que ficar comentando a comparação? Tem que comparar, Uno, Gol, Palio e o novíssimo HB20, KKKKKKKKK!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ow fanboy vai durmi já passou da hora

      Excluir
    2. Não sou fanboy e nem gosto de VW. Mas só que você está bem por fora, hein!
      O novo 308 deve demorar muito pra chegar aqui, mas o Golf já já chega!
      Abraço

      Excluir
  5. pegeot é carro de gay

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.