Car.blog.br

Pesquisar este blog

Fiat Toro 2.4 Flex AT9: preço, consumo, desempenho e itens

Categorias: , , , 17 Comentários

A Fiat do Brasil lança oficialmente a nova versão com motor flex para a picape média Fiat Toro, que agora passa a contar com a unidade 2.4 Tigershark Multiair, de 186 cavalos e 24,8 kgfm de torque, associada com transmissão automática de nove marchas e tração 4x2.

Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017

O preço sugerido é de R$ 98.730 reais.


Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017

Trata-se da Toro Freedom 2.4 Flex, que conta também com sistema start-stop (desligamento automático do motor em paradas temporárias) e o alternador com gerenciamento eletrônico.

Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017

No que respeita aos itens de série, a Toro 2.4 Flex tem os mesmos itens da Toro 1.8 Flex (veja teste de longa duração com este modelo clicando aqui) e mais capota marítima, retrovisores elétricos com rebaixamento para o auxílio em manobras, volante de couro e aletas para trocas de marchas atrás do volante.

Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017 - interior
Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017 - painel
Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017 - câmbio automático

O motor, importado da Chrysler, é uma evolução do 2.0 Flex adotado no Compass, mas com cabeçote Multiair, que utiliza o controle eletro-hidráulico de abertura das válvulas de admissão.

Desempenho

Segundo dados da Fiat, a Toro 2.4 Flex acelera de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos para atingir uma velocidade máxima de 200 km/h.

Consumo

Segundo dados do INMETRO, o consumo em cidade é de 5,9 km/l com etanol e 8,6 km/l com gasolina. Na estrada, as médias sobem para 7,4 km/l e 10,8 km/l, respectivamente.

Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017

Conclusão

Fiat Toro 2.4 Flex Automática 2017

O Fiat Toro com motor 2.4 Flex e transmissão automática de nove marchas responde às críticas de insuficiência de desempenho da versão flex com motor 1.8.

Postagens relacionadas:

17 comentários:

  1. Desperdício um motor 2.4 gerar só 188 cavalos
    De qualquer forma se o custo benéfico se deu a esse ponto quem é nós pra reclamar

    ResponderExcluir
  2. Que ridículo. Esse motor é do século passado.
    Enquanto o motor 1.4 do Golf tem 25,5 kgfm de torque, esse enorme motor 2.4 da Fiat só tem 24 kgfm. Isso mostra mesmo o quão antiquada é a tecnologia da Fiat.
    Pior é o consumo. Se a 1.8 já era um petroleiro, imagina essa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em 14/10 foi profetizado consumo de 3 km por litro na cidade e 4,5 na estrada, sabe o nome disso? ORELHADA.

      Excluir
    2. Huahauhaau lembro disso também.

      Para ser justo o torque é de 24,8 kgfm.

      Excluir
    3. Carlos, motor TODO de ALUMÍNIO inclusive o bloco, sistema MULTIAIR 2, inovação premiadíssima na Europa e outras tantas tecnologias. E reduziram visando outras melhorias, esse motor em testes desenvolveu até 196 cv no álcool. Mas, preferiram controlar os gases. Lembre q o 2.4 ASPIRADO anos atrás desenvolvia no máximo 172. E hj se quiserem vão há quase 200.Mas, não se visa so potência, tem curva de torque e outras coisas... Belo motor isso sim. Ah, 24,9 kgfm. Arredonda pra 25. Pra um aspirado tá ótimo, e NEM TEM INJEÇÃO DIRETA, se tivesse então! O motor da S10 flex c injeção direta e etc e 2.5, tem 26,8 de torque se não me engano. Tá vendo como o motor FCA TA BOM! OBSERVE melhor as coisas meu caro! Abraços

      Excluir
  3. Boa estratégia, pois o preço é praticamente o mesmo da S10 CD LT Flex com câmbio manual.

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. Kkkkk, verdade... Meu opala faz 7 km/l de gasolina na estrada...

      Excluir
  5. E o freio a tambor continua lá....
    E essa tampa traseira de pickup de shopping tambem!

    ResponderExcluir
  6. Vai gastar o mesmo ou menos tendo em vista que o câmbio é de 9 marchas.

    ResponderExcluir
  7. Gente na boa, mas, vcs são tão na cara que são torcida contra tudo q a FCA faz, e isso sem muita razão se ser, simplesmente por paixão a outra marca , que tem só amargado e decaído no cenário Brasileiro. Vamos observar as coisas com MAIS RAZÃO e deixar a paixão de lado. Tá sim, um belo motor, um ótimo produto, bem equipado e vende muito não por acaso. Quanto mais torcem contra MAIS A FCA cresce, ou seja, isso mostra como vossas opiniões estão um tanto equivocadas. E NADA HAVER comparar motor turbo com downsize com motor ASPIRADO, quem faz isso é gente BURRA que se acha inteligente! Por favor, publiquem o comentário se há democracia e respeito ao visitante nesse blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns, melhor comentário que já vi neste blog.

      Excluir
  8. Gostei muito da arquitetura do motor, melhor que a do meu opala 6 cc que eu tinha na década de 90, mas vou aguarda os estes de 50.000 km, com certeza vai passar com louvor e elogios, vou mais longe, tenho uma strada 1.4 2010 ela faz os míseros (com pé de seda) 8,5 na cidade, na rodovia 13,6 a 120 km/h se confirmar no dia a dia o consumo que o INMETRO aferiu, será um ótimo carro para custo beneficio.

    ResponderExcluir
  9. Motor muito beberrão. Já foi essa época, existe isso mais não. Já algum tempo os carros tem se mostrado mais eficientes e econômicos e a tendencia e que melhorem ainda mais. Isso aí tá parecendo um maverikao V8 p beber. Tá fora de moda. Só alguém desinformado p comprar uma coisa dessas, 100 pilas nisso. Dou nem 50. Tô fora.

    ResponderExcluir
  10. essa fiat toro e uma merda tenho uma flex bebe mais k o lula

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.