Car.blog.br

Pesquisar este blog

Martin Winterkorn renuncia ao comando da Volkswagen

Categorias: 45 Comentários

O presidente mundial da Volkswagen, Martin Winterkorn, renunciou nesta quarta-feira, assumindo a responsabilidade pela manipulação da montadora alemã em testes de emissões norte-americanos (veja detalhes aqui e aqui).


"A Volkswagen precisa de um novo começo - também em termos de pessoal. Eu estou limpando o caminho para este novo começo com a minha demissão", disse Winterkorn em um comunicado.

"Estou chocado com os acontecimentos dos últimos dias. Acima de tudo, estou chocado que a má conduta em tal escala seria possível no Grupo Volkswagen", acrescentou. "Como CEO eu aceito a responsabilidade pelas irregularidades que foram encontrados em motores diesel e, portanto, nos solicitou o Conselho Fiscal a chegar a acordo sobre o término de minha função como CEO do Grupo Volkswagen. Estou fazendo isso no interesse da empresa, embora eu não tenha conhecimento de nenhuma atitude errada de minha parte.

Eu sempre orientei minha liderança pelo desejo de servir a esta empresa, especialmente os nossos clientes e funcionários. Volkswagen foi, é e sempre será a minha vida.

O processo de clarificação e transparência deve continuar. Esta é a única maneira de ganhar de volta a confiança. Estou convencido de que o Grupo Volkswagen e sua equipe vai superar esta grave crise. "

O sucessor de Winterkorn será nomeado sexta-feira, disse um porta-voz da VW. E provavelmente será o atual presidente da Porsche, Matthias Mueller.

Postagens relacionadas:

45 comentários:

  1. Respostas
    1. haters tendo orgasmos! porém seus carros continuam levando pau de ap e tsi. e não adianta gritar quantos cavalos seu carro tem, que não vai adiantar. coloca do lado pra ver. bjo!

      Excluir
    2. Esse adolescentes que comentam na internet, acham que tudo oq importar é qual carro anda mais.

      Excluir
    3. nao! também me importo com a melhor eficiencia, acabamento, conjunto, conforto, design! por isso ando de audi :) bjo!

      Excluir
    4. Vou fingir que acredito em vc Julio.

      Excluir
    5. VW..."Você conhece, você confia" ???? Foi um deslize e tanto! Não cabia ao CEO outra atitude. E a Volks vai fazer uma cagada dessas logo nos EUA? Se fosse aqui tudo terminaria em pizza, à la PT PMDB, Mensalão, Petrolão, etc! Mas nos States o buraco é mais embaixo!

      Excluir
    6. exatamente Paulo! justo no mercado que ela é mais fraca e tenta ser mais competitiva, agora lá a VW vai ter que começar realmente do zero... mas eu acho que se fosse aqui seria pior, pois chegaria no ouvido do povo, e o povo aqui é muito leigo e cabeça dura nunca mais iriam acreditar na VW, lá nos EUA se a empresa assumir e pagar pelos seus erros, mostrar que reformulou seus motores diesel e mostrar confiança volta a vender o que vendia antes... ex.: estou vendo em blogs e no facebook brasileiros dizendo que a VW os enganou, que nunca mais compra uma carro da marca , etc kkkkkkk é uma piada mesmo, o único carro a diesel da VW vendido aqui é a Amarok e seu motor não tem o software burlador! se temos que cobrar a VW é para reformular a linha Gol e Fox os deixando mais seguros, e não por um caso que não nos afeta!

      Excluir
    7. Complicado. Segundo a Deutche Welle acabou o sonho americano da VW.

      Excluir
    8. Agora é a hora das opiniões idiotas, como essa da Deutche Welle.
      Primeiro, carros a diesel respondem por 25% das vendas da VW nos EUA. É importante, mas não é tudo.
      Segundo, os motores que estão agora no Passat não tem esse motor. E a solução para os demais é simples.
      Terceiro. Estão falando em 18 bi de multas e processo criminal. IDIOTICE em ambos os casos. O Lobby das empresas automotivas no congresso americano jamais deixou que violações ao EPA fossem tidas como criminais. Não são criminais. Então não tem processo criminal algum.
      Segundo, já houve dezenas de escândalos automotivos nos EUA, muitos parecidos com esse da VW, e jamais teve condenação criminal, bem mesmo de executivos. Não tem previsão legal.
      Sobre as multas, a previsão de multas da GM (que já admitiu mais de 100 mortes) e da Toyota (que mentiu sobre o acelerador do Prius) era maior que isso,e as multas não passaram de 1 bi.
      E, mesmo com o software ativo, o motor 2.0 TDI da VW ainda é infinitamente superior aos demais, ou seja, um recall e continua competitivo, e sem concorrentes.

      Em resumo: VW vai continuar a liderar o segmento de carros diesel nos EUA.

      Excluir
    9. Er wurde gefeuert! Ruhe in Frieden!

      Excluir
  2. Saiu e deixou claro que não tinha nada a ver com a questão, mas não fugiu às suas responsabilidades, pois afirmou que, como CEO, assume a responsabilidade (assumir responsabilidade não é admissão de culpa, viu, manezitos?).
    E mais ainda: deixa claro que a investigação que está sendo conduzida será totalmente isenta.
    Parabéns à VW. Parabéns à Martin Winterkorn, um dos melhores executivos da industria automotiva.
    mas não se enganem. O M. Mueller, que é ex-torneiro mecânico, da Porsche é do mesmo nível ou até melhor que o Martin Winterkorn.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aos poucos o grupo vai ficando cada vez mais com a cada da Porsche!

      Excluir
    2. "O Martin Winterkorn não esboça nem sinal de que vai sair."

      Oh, wait...

      Excluir
  3. Parabéns à VW pela transparência com que está conduzindo a situação!
    É claro que a permanência do CEO ficou insustentável e era questão de dias, sua saída!
    Os acionistas vão ver com bom olhos o desenrolar dos acontecimentos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que a principal questão dessa renúncia tem a ver com a credibilidade na investigação.
      Os mercados e os investidores recebem a notícia de demissão do CEO entendendo que a investigação interna não terá qualquer tipo de interferência.
      É boa nesse sentido, mesmo estando óbvio que ele não estava envolvido.

      Excluir
  4. Quando da lucro o CEO ganha mais que todos.... Quando da bolo ele paga ob pato.... Todo bônus tem um ônus

    ResponderExcluir
  5. Eu vejo com bons olhos toda essa decisão do Martin, pois mesmo com todo o escândalo, a Volkswagen está sabendo lhe dar com toda essa situação e tenho certeza que ela vai sair bem dessa história. Não digo ilesa, pois alguma consequência com certeza terá, más ela vai sair mantendo o seu nome e respeito que já foi conquistado através dos anos.. Eu sou fã da marca e conheço muitas pessoas que são, até o momento nada nela me desapontou e tenho certeza que esse erro será corrigido.

    ResponderExcluir
  6. "O Martin Winterkorn não esboça nem sinal de que vai sair. Ele está conduzindo a investigação sobre o assunto." - carlos4carros, 3 horas atrás

    ResponderExcluir
  7. agora com um CEO Porscheiro a Porsche finaliza a compra do grupo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se a Porsche adquirir o restante, estarei andando de porsche ou VW em meu Golf? kkkkkkkkk

      Excluir
    2. Antes de glorificar Ferdinand Porsche e seu KDF Wagen que deu início a tudo, façam uma busca por Tatra V570, um projeto de Hans Ledwinka. Como disse o químico guilhotinado, Lavoisier: Na Natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma.

      Excluir
  8. Brasileiro merece o País q tem. A crise solta e o pessoal comemorando um ato lógico e que não é nada mais que o correto do CEO da VW. Se tem algum erro a culpa é dele, pq ele é o gestor, agora parem de comemorar algo q n vai mudar nada na vida de vocês e olhem pro nosso governo. n sabe de nada e alem disso continua f... com o povo.
    Como um fanboy da VW desejo uma explicação verdadeira sobre o fato. No mais só mimimi dos anti-carlos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certíssimo seu comentário
      Se a VW é ou não culpada de uma fraude não é a questão neste momento, a questão é a atitude do mandatário do grupo. Parabéns ao Martin.
      Que fique a lição para o povo brasiliro, para o PT e para a Dilma.
      Alemanha mais uam vez 7x1 no Brasil.

      Excluir
  9. Nossa, não estavam dizendo que era uma barrigada da EPA da Califórnia, que era tudo besteira e achismo?

    Infelizmente o buraco é bem mais embaixo mas agora vem a reestruturação, o pagamento das multas e aos poucos volta ao normal.

    A ilustre frase "Você conhece, você confia" por hora fica arranhada...

    ResponderExcluir
  10. Penso eu, que a volks vai recuperar seu prestígio, questão de tempo.Respeito muito esta marca, pois sempre trouxe inovações para o mercado brasileiro, exemplo mais recente é o up tsi que já mexeu com o mercado, fazendo outras montadoras prometerem novos motores em 2016.

    ResponderExcluir
  11. Penso eu, que a Volks recupere seu prestígio em questão de tempo.Respeito muito essa marca, pois já trouxe muitas inovações para o mercado brasileiro, exemplo mais recente é o up tsi fazendo outras marcas já começarem a se mexer, com promessas de novos motores para 2016.

    ResponderExcluir
  12. Esse Winterkorn é macho, errou, avaliou, pensou e pediu pra sair, raro de ver nos dias de hoje em qualquer esfera ou país. Enquanto aqui em terras tupiniquins, senhores e senhoras no passado e ainda hoje, agarram-se nas tetas como se não houvesse amanhã.

    Pois acredito que ele (Winterkorn) não sabia mesmo, nas corporaçoes modernas quanto mais sobe-se na hierarquia menos se conhece da sua empresa e menos se manda. O que aconteceu no chão de fabrica e no departamento de engenharia da VW AG não chegou até ele pois, os lideres (executivos) modernos, a turma de MBA tem uma capacidade de blindagem fora do comum, essa nova leva de executivos (ultimos 15 anos) é muito boa nisso, blindagem tecnica, utilizam termos, acões, relatorios, power point duma maneira que no fim da estoria ninguem entende nada e as decisões são tomadas do jeito que eles querem.

    ResponderExcluir
  13. erro assumido, medidas tomadas, só esperar a multa agora... as ações do Grupo VW já começaram a subir hoje novamente... só gostaria de saber se fosse uma montadora americana como a quase falida GM o governo iria agir com tanto rigor... enquanto isso as indústria americanas continuam com a poluição recorde no mundo!

    ResponderExcluir
  14. O cara deu uma de Lula, eu não sabia de nada.....rsrsrs.......vão botar a culpa em algum fornecedor e papo encerrado.

    ResponderExcluir
  15. Para todos os invejosos, as outras marcas também estão na mesma situação!! kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Inveja de fazer algo errado?

      Esse tipo de desculpa esfarrapada para justificar um erro não cola caro volker, a besteira dos outros não dá o direito de fazer besteira também, isso vale para qualquer um, pensamento pequeno...

      Próximo!

      Excluir
    2. pior que ontem a queda das ações da VW também empurraram as ações da BMW e Daimler pra baixo... isso afeta o mundo automobilístico, não só a VW!

      Excluir
  16. Parabéns Winterkorn. Isso sim é atitude invejável. Mesmo no erro, a maior do mundo consegue, como sempre, ser também a melhor. Sem maiores discussões.

    ResponderExcluir
  17. Respostas
    1. Não somente Dilma, mas todos os seus asseclas do PT, da PetroBRás e das empreiteira$ envolvidas.

      Excluir
  18. Especialista diz que fabricantes de carros fraudam os testes de poluição há anos - http://carros.uol.com.br/noticias/redacao/2015/09/23/especialista-diz-que-montadoras-fraudam-testes-de-poluicao-ha-anos.htm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza. Nada justifica a atitude da VW, mas o fato é que os americanos pegaram a maior do mundo pra crucificar. Eles são muito protecionistas e sempre tiveram orgulho de suas montadoras, agora todas quebradas, volta e meia necessitam injeção de recursos por parte do governo estadunidense. Imagine o que não faz Ford, Chevrolet e outras em solo americano????????????????????????????????? O grupo VW deu mole... mas continua sendo o maior e melhor... continua produzindo Jetta, up!, Golf, Audis, Porsches, e por aí vai.

      Excluir
    2. Só que agora pairam suspeitas sobre a Opel que faz parte do grupo General Motors. Parece que foi um tiro no pé.

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.