O Novo Renault Kwid ZE (elétrico) tem lançamento confirmado para o Brasil em 2022 - onde se posicionará como carro elétrico mais acessível do mercado nacional.
Novo Renault Kwid ZE Elétrico 2022
O modelo brasileiro será baseado no Dacia Spring - que vem fazendo sucesso na Europa, com vendas superiores a 40.000 unidades em 8 meses desde o lançamento - mas com alterações estéticas e mecânicas.
Novo Renault Kwid ZE Elétrico 2022
O Renault Kwid ZE terá um motor exclusivo, diferenciado em relação ao elétrico de 44 cv e bateria de 27,4 Kwh do Dacia, o qual tem autonomia de 230 km com uma carga no ciclo WLTP (305 em uso urbano) e velocidade máxima de 125 km/h.
Novo Renault Kwid ZE Elétrico 2022
No Brasil deve ofertar um motor mais potente, e terá visual levemente alterado em relação ao modelo europeu.
Novo Renault Kwid ZE Elétrico 2022
No mercado europeu, as pessoas tendem a dirigir seus carros urbanos em média 30 km por dia. Assim, a bateria totalmente carregada dura uma semana inteira de uso diário. Como no Brasil as distâncias são maiores, a bateria terá que ter maior capacidade para permitir uma autonomia adequada.
Novo Renault Kwid ZE Elétrico 2022
Nesse contexto, o Renault Kwid ZE terá proposta de carro urbano, com vantagens em termos de usabilidade, já que um carro elétrico dispensa visitas periódicas aos postos de gasolina, visto que é carregado em casa, até mesmo em tomadas convencionais de 220 V.
Novo Renault Kwid ZE Elétrico 2022
O custo de operação também é menor, já que carros elétricos demandam menos manutenção, e o custo da recarga é significativamente mais barato que abastecer com gasolina.
Novo Renault Kwid ZE Elétrico 2022
O Kwid ZE deve se tornar o carro elétrico mais acessível do mercado brasileiro, com preços na faixa de R$ 150 mil - abaixo, portanto, os R$ 175 mil pedidos pelo JS1.

25 Comentários

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

  1. Respostas
    1. logico, se UP fosse bom ainda estaria no mercado mas fracassou kkkkkkkkkk

      Excluir
    2. Não precisa ser o E-Up,o ejs1 espanca esse carro em tudo,motor,segurança,conforto e autonomia.
      Up ficou 7 anos no mercado,infelizmente o povo aqui prefere moedores de carne como Mobi e Kwid.

      Excluir
    3. Falou merda lerolero83 kkkkkkkkkk, se o UP! fosse realmente bom, estaria no mercado, mas o design cansado de pote de sorvete matou ele, e você e todos sabem que aparência é algo que brasileiro gosta de ostentar e nisso o UP! fracassou...

      Excluir
    4. Não é só desenho que até é bonito,é um carro que provou que um popular pode ter uma boa mecânica e ser seguro ao contrário dos moedores de carne da sua fiat e vai se fuder

      Excluir
    5. Shiho,vc justificou a falta de segurança dos fiats,vc não tem moral pra falar do Up,já teve até capotamentos com o Up que os ocupantes sobreviveram

      Excluir
    6. Cara, nem Fiat tenho, ando de VW Gol G5 pq era o que dava pra comprar na época, é um carrinho honesto dentro da proposta, mas poderia ser melhor, mas não atentei a nada de segurança sobre o UP!, e sim seu design que não agradou o brasileiro, e o mesmo tá cagando pra segurança, o que importa é ser bonito, o que acho errado, e isso foi o motivo dele ter saído de linha, mas não era um carro ruim de mecânica e segurança, mas não empolgou o brasileiro...

      Excluir
    7. Não diria o desenho,ele tem um desenho conservador porém sóbrio,ele saiu de linha por outro motivo

      Excluir
  2. Não vejo sentido um carro elétrico nesse preço só para economizar no combustível.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem eu,mas com o tempo eles barateam

      Excluir
    2. VERDADE.
      Abaixo de 100 mil faria um pouco de sentido, mas ainda no limiar da viabilidade.
      Modelos na faixa de 60 mil já são bem economicos.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Pra mim ainda é mais viável carro híbrido, carro elétrico sem nem o país estar preparado pra isso, acho só uma histeria coletiva do brasileiro, mas...

    ResponderExcluir
  5. Carro elétrico (BEV) no Brasil é só para inglês ver pois nem sequer temos energia elétrica suficiente para garantir o carregamento deles.
    Os híbridos (HEV) são muito mais viáveis tanto é que a Toyota Brasil já vendeu mais de 25 mil híbridos (Corolla Hybrid e Corolla Cross Hybrid) aqui !

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. Nem concorrentes são,são segmentos diferentes,tá noiado?

      Excluir
  7. CARROS ELETRICOS É SÓ PARA POLÍTICOS E EU CONTINUO COM O MEU FOX

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem a conversão que é uma alternativa bem mais barata.

      Excluir
  8. Carro elétrico´já é realidade. Todas as montadoras em um futuro próximo, vão deixar de fabricar motores a combustão. Não pense que as montadoras vão fazer motores a combustão para países que não tem estrutura. Esses países tem que se adequar. Brasil é um deles.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

Postagem Anterior Próxima Postagem