Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021: preço R$100 mil

Categorias: , , , , 125 Comentários

A Volkswagen do Brasil pode lançar a versão elétrica do Up!, o e-Up!, no mercado nacional em 2021, com preço na faixa de R$ 100 mil, conforme reportagem da revista Quatro Rodas.

VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
O Volkswagen e-Up! é um compacto elétrico elogiado pelo principal executivo da montadora na América do Sul, Pablo Di Si, e será o primeiro modelo 100% elétrico da marca no Brasil.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
O lançamento deveria ocorrer em 2020, mas por conta da pandemia da COVID-19, a data provável de lançamento será 2021, sendo que o carro já está sendo testado na Argentina.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
O e-up! chegará ao Brasil importado da Bratislava, na Eslováquia, porém com suspensão elevada, para adequação à realidade das vias brasileiras.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
O e-Up! conta com uma bateria de lithium-ion com 36,8 Kwh (32,3 kWh de capacidade utilizável), e opcionalmente permite carga rápida em sistemas de corrente contínua.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
O consumo médio varia entre 12,9 e 12,7 kWh a cada 100 km rodados, o que permite uma autonomia média na faixa de 260 km.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
Em carregadores de corrente contínua, o e-Up! pode ter recarregada a 80% em apenas uma hora.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
Mas a situação mais comum será de recarga doméstica por meio de um carregador de corrente alternada, atingindo 80% de carga em um uma wall box de 7,2 kW em pouco mais de quatro horas.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
Caso se opte por uma tomada de 220V convencional, de 2,3 Kw (tomada doméstica regular), o tempo de recarga de 100% da bateria é de 16h12minutos.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
Com tal bateria 100% carregada, o e-Up! tem uma autonomia total de até 260 km - o que o torna adequado para utilização urbana.
VW e-Up! elétrico chega ao Brasil em 2021 com preço ~ R$ 100 mil
O motor elétrico síncrono fornece 83 cv e pico de torque de 212 Nm, associado com uma transmissão de 1 marcha, o que lhe permite acelerar de 0 a 100 km/h em 11,9 segundos, para atingir uma velocidade máxima de 130 km/h, isso em modo normal.



O e-Up! pode ser operado em modo Eco e Eco+, que reduz a potência para 54 cv e o torque para 133 Nm, com velocidade máxima limitada em 90 km/h.

125 comentários:

  1. Se realmente for por esse preco 100k penso que valha a pena, mesmo se tratando de um carro extremamente feio, mal acabado e desengocado. Mas se for para sair do monopolio do petróleo, muita gente vai conseguir comprar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende muito son, fora a questão ambiental muito importante, a conta que serve ser feita é o custo X benefício, por esse valor acredito que ainda não valha a pena, pois se ficar em média 3 a 5 anos (o que é muito) quanto deverá gastar abastecendo com o derivado do petróleo, a questão fiscal tem que valer muito a pena pra poder diluir esse valor aí.

      Excluir
    2. Com diferença de 40 mil pilas em relação ao UP Tsi tradicional, para compensar o gasto para a versão elétrica tem que ficar o resto da vida para valer a pena.

      Excluir
    3. Wagner, eu tenho ampla experiência com empilhadeiras elétricas e afirmo categoricamente: se você colocar um carro elétrico nesse valor pra rodar em torno de 200km/dia (equipes de vendas, pós vendas, apoio técnico, Uber, etc...) vale muito a pena.
      Fiz umas contas com o Chevrolet Bolt, na época a R$ 172 mil e pra se ter uma ideia, quase ficou melhor que os Fiestas que a empresa possuía. O pessoal tava rodando uns 160km/dia, se fosse a 200, trocava a frota toda.

      Excluir
    4. Duvido custar 100 mil! Vai ser mais caro certamente...

      Excluir
    5. Será opção para quem roda muito em região metropolitana.
      Não duvido nada que a VWB importe somente o conjunto motriz e baterias para então montar no Up nacional, a adaptação ao monobloco é mínima, daí sim 100k reais será viável.

      Excluir
    6. Tá barato de +, vai ser o único carro vendido aqui, vai roubar vendas de todos os modelos

      Excluir
    7. Eduardo, exatamente pra rodar bastante (acima da média) como você mencionou 200km/dia, pode valer a pena para o usuário comum não vale mesmo a 100k reais(ainda acho que vira mais caro) mas se vc calcular a média de rodagem do brasileiro tradicional o custo do carro elétrico ainda não se paga, acredito que no futuro com as reduções de custo sim, valerá. De momento será carro de políticamente correto ambientalista endinheirado.

      Excluir
  2. "O lançamento deveria ocorrer em 2021, mas por conta da pandemia da COVID-19, a data provável de lançamento será 2021, sendo que o carro já está sendo testado na Argentina."

    Até sem o Google tradutor a matéria tá cheia de erros, a doença é tanta que a empolgação impede a revisão do texto.

    ResponderExcluir
  3. up!

    O PRIMEIRO CARRO turbo DE MUITA GENTE (INCLUSIVE O MEU)

    SERÁ O PRIMEIRO CARRO elétrico DE MUITA GENTE (QUIÇÁ O MEU)

    Oxalá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enquanto isso eu tou com um arcaico 1.6...

      Excluir
    2. Um turbo com câmbio automatizado já estava bom pra mim. Hoje consigo entre 14km/l e 18km/l. Um turbo seria mais economico e mais ecologico que este, mesmo a combustão.

      Excluir
    3. Aiai, nem me fala, meu primeiro turbo é um UP TSI, só felicidade, ainda mais agora com downpipe, filtro e STG2 futuramente, haha. Ainda faço 11 km/l misto no etanol e 15 na estrada com etanol, (22km/l+ na gasolina na estrada).

      Excluir
  4. Será o elétrico mais barato do Brasil. Com vantagem de poder ser usado em rodízios, isenção de IPVA e custo ridiculamente mais baixo de utilização, seria um deal-breaker no mercado de elétricos no Brasil, uma verdadeira hecatombe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser barato, mas prefiro mil vezes o Bolt da Chevrolet. Muito mais carro, bem acabado e bem construído. O Up até eé bom, mas passa longe do refino de um Bolt.

      Excluir
    2. Dos elétricos que "temos" até então o que me interessou foi o Leaf. Mas e-Up por 100k é uma virada de mesa.

      Excluir
    3. Bolt e E-Up não são concorrentes.

      Excluir
  5. Vai encarecer a Conta de Luz da casa do Dono do UP?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Compensa na economia com combustível... Se rodar mais de 100km dia, por esse valor, fica fácil reverter em benefício.

      Excluir
    2. Não encarecerá a conta de luz da casa, pois não será carregado em tomadas domésticas como todo carro elétrico.

      Excluir
    3. Duvido que a VW vá vender esse carro por 100 mil. A marca é fominha, mete a mão e vende carros com N opcionais. A marca tenta salvar esse feinho pagando menos impostos ao transportar o motorista mais 3 passageiros...

      Excluir
    4. Se o cara tiver painel solar não.

      Excluir
  6. 6000 por mês! Novo GOLFUP. Hihihihi

    ResponderExcluir
  7. Chery eQ1 derrepente ficou uma boa opção perto desse UP

    Autonomia de 400KM
    0-100 em 6 segundos
    Carregamento de 80% em 30 minutos
    R$51.000,00 em conversão direta da moeda chinesa.


    https://insideevs.uol.com.br/news/449412/eletrico-chery-eq1-china-autonomia/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se bater,quem estiver dentro morre eletrocutado

      Excluir
    2. Me perdoe, mas essa comparação é muito esdrúxula. A gente não tá falando de importar um PS4 ou um Google Pixel. Se a Cherry trouxer esse modelo com um preço interessante a conversa começa a fazer sentido.

      Excluir
    3. Conversão direta não existe no Braziu.

      Excluir
  8. A gente tem que levar em conta que o carro vai vir importado da alemanha entao o nivel de acabamento nem vai se comparar ao brasileiro, mas sera que vai vir com o cambio automatico tbm, por 100k seria uma otima opçao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo carro eletrico tem cambio automatico. Na verdade e um cambio de 1 marcha entao nao precisa troxar de marcha. Na verdade nem e cambio.pq nap tem troca. É apenas uma transmissak.

      Excluir
    2. Nap existe embreagem e. Carro elétrico!!!!

      Excluir
    3. Carro eléctrico não precisa de várias engrenagens de marchas como um carro a combustão, já que o próprio motor eléctrico determina a velocidade destinada a determina velocidade em que o motorista deseja.

      Excluir
    4. Sei que os elétricos não trabalham com câmbio mas se eu mandasse na Porsche eu experimantaria fazer um elétrico com câmbio manual ou dupla embreagem.

      Excluir
    5. Na verdade poderia ter manual, se tudo mais falhar você pisa na embreagem e desengata a marcha. Outra solução seria uma chave geral. Já existe pelo menos em projeto: https://olhardigital.com.br/carros-e-tecnologia/noticia/ford-cria-mustang-totalmente-eletrico-com-caixa-manual-de-seis-marchas/92622

      Excluir
  9. Excelente notícia.

    Preços realmente muito atraentes.

    Se for verdade, deve ser uma boa alternativa pra quem anda muitos quilômetros diários.

    100 mil serão facilmente recuperados pela economista de combustível.

    Grande jogada da VW.

    ResponderExcluir
  10. Vamos aguardar que saia com esse preço prometido e que não haja nenhum ∆P>0 logo no mês seguinte!

    ResponderExcluir
  11. O UP! não é fabricado na Alemanha mas sim na Eslováquia em Bratislava

    ResponderExcluir
  12. Quem dirigiu um elétrico conhece a diferença para um à combustão. O carro não treme nem faz barulho, dois fatores que estressam o motorista. Depois, o torque é imediato, tornando-o muito ágil no trânsito.

    A direção é excelente.

    Uma excelente opção, pelo carro, e também pelo preço, pois outros modelos estão, no mínimo, 30% mais caros no Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rapaz, se o que te estressa é o barulho do motor e a vibração eu tenho uma má notícia: você não gosta de dirigir.

      O que estressa meSMO É A P**RA DO CONGESTIONAMENTO! O SEMÁFORO ABRE E A FILA NÃO ANDA NESSE **RALHO PORQUE UM ARROMB*DO FECHOU O C**ZAMENTO

      Excluir
    2. Já dirigi o Leaf no salão de 2018,anda muito mas o custo-benefício é ruim

      Excluir
  13. Do jeito que a Das Autos mete a faca duvido nao vir mais caro que o Bolt ou Zoe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não duvide esse e-UP chegar por 99.900 pra você morder as costas. Aí depois você faz um bolão pra acertar quantas semanas vai levar pra Das Auto fazer o primeiro reajuste e passar dos 100k

      Excluir
  14. Hummmmmmmmmmm!!!!!!!

    UP carrinho de entrada já queimado no Brasil.
    UP fabricado no TOBA da Europa.
    UP sendo testado na Argentina.
    UP passará pelas mãos da Volksboquetagem da AMÉRICA LATRINA.

    UP elétrico por 100 mil reais, sendo que o tradicional já está mais de 60 mil reais?

    Contem a do papagaio...kkkkkk

    Iremos rir muito aqui....

    Bixo

    ResponderExcluir
  15. Aos corajosos boa sorte. Carro pra quatro pessoas que vai ganhar apenas uma sobrevida e num futuro não muito distante morrer. Imagine a desvalorização depois que sair de linha.

    ResponderExcluir
  16. Caro, mas será o elétrico mais barato do país. Como aqui nada é barato o único consolo que será alemão, digo, eslováquio

    ResponderExcluir
  17. Bateria com baixa capacidade e tempo de carregamento altíssimo... Tem por obrigação ser mais barato que os outros elétricos, já que é inferior até mesmo em relação aos Jac, ainda que eu duvide que venha só por 100 mil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pensem: se um Golf GTE MK7 que era vendido por 36/37 mil euros na Europa é vendido por 200 mil aqui, como um Up elétrico que custa entre 23/25 mil euros na Europa vai custar a metade de um Golf GTE? Só apzete deslumbrada acredita nisso.

      Esse Up não virá por menos de 150 mil reais e eu aposto com quem quiser... Afinal, numa conversão direta de preços já ficaria bem acima disso, sem contar com o imposto de importação altíssimo.

      Excluir
    2. Se for feito aqui talvez custará uma faixa de 100 mil reais

      Excluir
    3. O fake sonhador.....

      Se for feito aqui....kkkk kkkk
      Será nas coxas e caro pra kraio Kkkk.....

      Lembra do GOLF?

      Bixo

      Excluir
    4. Feito nas coxas?dará um pau no eq1 se ele vier

      Excluir
    5. Não compensa equipar nenhuma linha de montagem pra fabricar e vender 10 unidades mês. A produção pereceria nos pátios, já que o país não tem demanda pra elétricos e os investimentos jamais se pagariam. Só fala em fabricação local de veículos elétricos quem não sabe nada sobre produção industrial.

      Por enquanto é melhor importar a conta gotas.

      Excluir
    6. 260 km é autonomia razoável,na década de 90 a maioria dos elétricos tinha uma média de 100 km de autonomia

      Excluir
    7. O indivíduo quer comparar com a década de 90.

      É um ASNO eletrificado pela ligação mal feita do fio terra.

      Já é sabido que autonomias menores do que 400 km é boquetagem pura.

      Então está explicada a ventilação desta porcaria para a América Latrina.

      Tudo que não presta para o primeiro mundo, joga -se para cá.

      Principalmente quando se trata da Volksboquetagem.

      Bixo

      Excluir

    8. É um ASNO eletrificado pela ligação mal feita do fio terra.

      Já é sabido que autonomias menores do que 400 km é boquetagem pura.


      Ô jumento invejoso,o que vc sabe de carro elétrico?até 150 km que é boquetagem.
      O E-Up tem vendido bem na Alemanha,quem precisa do terceiro mundo é sua querida Fiat.
      A VW é líder na época há décadas enquanto a boquetagem-mór passa vergonha até na Itália.

      Excluir
    9. Kkkkkkkkkkkk
      A Volksboquetagem só vende bem na Alemanha e na China...

      Bixo

      Excluir
    10. A Fiat na Europa passa vergonha até na Itália

      Excluir
  18. Considero mais uma viagem da 4R, o carro custa mais de 21 mil euros.
    Se levarmos em conta que o Zoe custa 29 euros e por aqui chega a 205 mil reais, podemos esperar o e-uP, se realmente vir, por volta dos 150 mil reais com o cambio de hoje. Se a VW for muito agressiva quem sabe 139,999, mas acho improvável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, um furada total essa matéria.

      Excluir
    2. o Zoe custa 150mil
      o Bolt q passa de 200mil

      Mas UP deve ficar nos 125mil

      Excluir
    3. Zoe é R$ 203 mil,Bolt tá no mínimo R$ 218 mil

      Excluir
    4. eita, aumentou, na QR ainda consta 150k,
      mas entao BOLT deve estar 250k com esse aumento do dolar e tal

      Excluir
    5. Ainda não,a GM pensa em trazer o Bolt LT pra cá

      Excluir
  19. Duvido muuuuito que virá por 100k.. eu chuto 150k reais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso que será montado aqui com componentes importados como as baterias, motor. capacitores, cabeamento, etc. Não compensa ao preço atual do Euro importar chaparias, plásticos e vidros. Certamente o GovF fará redução de impostos para montagem local.

      Excluir
  20. Na verdade esse valor de 100k foi divulgado em uma reportagem da 4R de setembro do ano passado: https://quatrorodas.abril.com.br/saloes/vw-cogita-up-eletrico-de-r-100-000-no-brasil-mas-com-suspensao-elevada/amp/
    Seria excelente o e-up! vir para o Brasil, mas o valor seria certamente bem mais alto: https://www.mobiauto.com.br/revista/noticias/lancamentos/exclusivo-vw-e-up-sera-o-primeiro-carro-eletrico-da-marca-no-brasil/382

    ResponderExcluir
  21. Rapaz sou admirador do grupo e marca vw..mas 100 mil completinho? Acho difícil

    ResponderExcluir
  22. Quem diria já se falava em sair de linha, agora a VW vai colocar um Up elétrico no mercado. Esse carro sempre surpreende, isso devido a alta tecnologia empregada na sua construção, tudo é possível fazer com ele, Tudo nele é Up!.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkkkkkkkk

      Desculpe, é para rir ou chorar?
      Já me antecipei e optei pelo riso.

      Bixo

      Excluir
    2. o nome é perfeito...até na areia o bichinho é valente

      Excluir
  23. O UP EUROPEU TEM MENOR TAMANHO ATRAS E VIDROS BASCULANTES
    vai ser fiasco aqui...

    ResponderExcluir
  24. Se vir por 100mil vai ter fila d espera !!! Acho bem difícil vir por esse preço!!!

    ResponderExcluir
  25. Se a combustão já não se acha peças (até mesmo filtros básicos), imagina esse elétrico!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não havia pensado nisso.

      Um veículo péssimo de loja...
      Um veículo péssimo de vendas...
      Um veículo traste, superfaturado, ridículo...

      Parece um "POTE DE SORVETE".

      Falta peças...

      Lei da oferta e da procura...

      Procura baixa....peças que nem o mercado mais fuleiro quer comercializar.

      Se nos dias de hoje, os "INFELIZES PRÓPRIOS OTÁRIOS" já estão com dificuldades...

      Imaginem quando sair de linha..

      Como a Volksboquetagem do Brasil não respeita ninguém, pelos inúmeros exemplos, bem feito para quem acredita nesta marca de "FUNDO DE QUINTAL".

      Bixo

      Excluir
    2. Achar peças pro Up é fácil,ele pode parecer um pote de sorvete mas não é uma gaiola da morte igual Mobi e Panda,um levou uma estrela no latincap e o outro foi segundo zero de um Fiat no Euroncap em menos de um ano,prova que falta peças pra ele,falar até um papagaio fala

      Excluir
    3. Um veículo traste, superfaturado, ridículo...

      5 estrelas no Euroncap e Latincap,motores novos e decentes,bom espaço pra subcompacto,a diferença de preço do Mobi easy e o Take Up era mínima e tinha mais itens que o monstrinho da Fiat,ridículo é o Mobi com desenho horroroso e traseira parecendo fralda cagada,bancos copiados do Up,indicador de marchas,sistema cargo box foram copiadas do Up.
      Volksboquetagem?kkkkkkkk,tem versões do Mobi que não tem ar condicionado e direção assistida nem como opcional

      Excluir
    4. Pqp,
      5 estrelas há dez anos atrás..
      E ainda com unidades doadas pela rainha do diesel Gate.

      Se fizer um novo teste, com certeza bombará.

      60 mil reais em um carrinho de entrada com formato de pote de sorvete...

      Só no seu mundinho VW.

      Bixo

      Excluir
    5. Pqp,
      5 estrelas há dez anos atrás..
      E ainda com unidades doadas pela rainha do diesel Gate.

      Se fizer um novo teste, com certeza bombará.

      60 mil reais em um carrinho de entrada com formato de pote de sorvete...

      Só no seu mundinho VW.


      O Up foi lançado em 2011,chegou aqui em 2014,mente mais que tá pouco,a VW patrocinou o teste mas o latincap escolheu os carros,não sei se bombará,a carroceria dele é resistente,ele não passou no Euroncap recentemente graças a um vacilo da VW que tirou a frenagem autônoma dele.
      Um Uno completo que é uma gaiola da morte custa ainda mais caro

      Excluir
    6. O UNO é mais caro,
      Pois é melhor, mais espaçoso...
      E ainda pode carregar 5 pessoas.
      O UP só 4 passageiros.

      Bixo

      Excluir
    7. A única coisa boa do uno é o espaço

      Excluir
    8. Se o Panda reprovou feio no Euroncap,o Mobi ia explodir nesse crash-test.

      Excluir
  26. 150 mil com vidros basculantes e espaço reduzido atrás
    (o nacional tem 10cm a mais) AHHAHAH

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sinceramente não acredito que a Volksboquetagem trará este veículo pífio para o Brasil.

      Ele já está queimado no mercado faz tempo.

      Bixo

      Excluir
    2. Ele não é o Mobi ou o Kwid

      Excluir
    3. Se esqueceu que o Zoe básico agora parte dos R$ 203 mil?e tem startup que aluga carro elétrico.

      Excluir
  27. Pra grandes centros urbanos será uma boa mas pra viagem não muito visto a baixa autonomia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É razoável pra você que é puxa saco da Volksboquetagem.

      Bixo

      Excluir
    2. É bem maior que a autonomia do passado

      Excluir
    3. 260 Km de autonomia só é útil pra rodar na região metropolitana, esquece viagens.

      Excluir
    4. Dá pra viajar se tiver uma rede razoável de eletropostos como no Vale do Paraíba.

      Excluir
  28. Se considerar que o JAC elétrico mais barato disponível hoje está na faixa de 140k. Vocês acham mesmo que a volksboquetagem vai colocar o e-UP por 100k podendo por exemplo oferecer o elétrico mais barato do BR por 130k e ainda ter esse título. Quem acha que eles vão abrir mão dessa margem? Huahuahua como o Fufucacarros disse aí em cima ...conta a do papagaio kkkkk

    ResponderExcluir
  29. Putz, olha o suporte de celular lá...

    Será que o vidro traseiro ainda é a manivela?

    Freio manual em carro elétrico, perdendo ergonomia e praticidade.

    E que preguiça imperdoável de atualizar esse painel simplório e limitado.

    Enfim, tosco. Se custasse 50 mil ainda não valeria a pena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o UP EUROPEU nao abre a janela traseira, apenas bascula como nos antigos 2p, olhe bem a imagem ahhaahhahahaha

      Excluir
    2. Putz, é verdade! Lembrei depois que publiquei... Ou seja, é pior ainda! Mais de 100 mil em um sub-compacto mal de mercado, com suporte de celular, vidro basculante, lateria exposta, painel simplório... Sinceramente, acho que esse carro não vem pra cá, é só mais um daqueles releases pra falar da marca...

      Excluir
    3. o cara procurou os defeitos....suporte de celular?? kkkk só é vc não usar fera... vidro basculante?? Meus Deus , Todos na europa são assim amigo...isso é um SUB compacto... painel muito completinho,e cluster cheio de informaçoes...até acho mais belo que alguns dos seus concorrentes europeu.

      vc realmente é o consumidor brasileiro raiz... não viu a construção do carrro,plataforma,aproveitamento de espaço para o tamanho do carro,motor,torque,consumo...se preocupou com suporte de celular kkkkkkk...então vai pagar 50 mil no seu uno.

      Excluir
    4. Construção passou a ser item básico Zé Mané. Onix tem nota máxima de segurança, 6 airbags, motor econômico, bom desempenho, painel com central moderna, que espelha celular, sem precisar deixar o aparelho no sol. Tudo isso é básico, cidadão. E olha que eu não sou fã da marca nem do carro, muito menos do Uno... Acorda pra vida. Enfim, os diferenciais do UP já são do passado. Por isso as suas economias porcas são mencionadas. E isso desde o começo. E por isso o carro não emplacou. Foi esse mi mi mi de só enxergar a plataforma do UP que não ajudou em nada o projeto. Que painel completo o que? Mostradores e botões anos 90. Para. Acorda bete.

      Excluir
  30. Será? Achei barato demais para um elétrico.

    ResponderExcluir
  31. Importar a parte elétrica p/ montar no Up! nacional... vender por R$ 70mil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá pra converter Up a combustão em elétrico por 60 mil,mas a autonomia da bateria desanima,150 km

      Excluir
    2. Kkkķkkk
      É semelhante à dar remédios para defunto.

      Bixo

      Excluir
    3. 150 km é uma autonomia razoável pra baixo

      Excluir
  32. Quero ver quem vai deixar o chuveiro elétrico (7,2 kW) da casa ligado 4 horas por dia.

    ResponderExcluir
  33. É uma afronta ao brasileiro a JacsWagen trazer essa carroça pra cá. Falta de vergonha. Não interessa o preço, vai ser caro pelo que oferece, como tudo da marca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O E-Up tem itens que o Up Brasileiro não tem,como airbags de cortina,laterais e controle de estabilidade,carroça é o Kwid elétrico

      Excluir
  34. Ta barato...tem que ser uns 300 mil reais

    ResponderExcluir
  35. Não vale apena tem a desvalorização o imposto que deve ser orivel e depois que venser a garantia das baterias que deve ser quarenta por sento do veículo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que? O Português foi estuprado aqui hahahaa

      Quem disse isso? Vozes da sua cabeça né? kkkk

      Excluir
  36. Fazendo contas por cima, álcool $ 2,50 roda uns 10km no Up Tsi, por bem menos de $ 0,25 de energia elétrica vc roda os mesmos 10 km, mas vamos supor que a energia elétrica seja absurda e pague $ 0,50, uma pessoa que rode 50k km por ano, seria 5k x $ 2,00 = $ 10k de economia por ano, coisa de 4 anos pagou a diferença para um Up Tsi em combustível, mostrasse extramente vantajoso para quem roda muito, carro perfeito para Uber

    ResponderExcluir
  37. Lembrando que paga menos IPVA, menos manutenção, não participando rodízio, de repente vale a pena ter pra rodar no dia a dia, uma empresa com frota de vendas compensa demais

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.