Car.blog.br

Pesquisar este blog

Jeep Compass 2021 ganha motor 1.3 turbo e câmbio dupla embreagem na Europa

Categorias: , , , 14 Comentários

A Fiat Chrysler já está aceitando encomendas para o novo Jeep Compass 2021 construído na Itália para o mercado europeu. O modelo foi atualizado para oferecer mais conteúdo tecnológico, conectividade e eficiência.

Novo Jeep Compass 2021 1.3 Turbo Automático

O Jeep Compass ganha um novo motor turbo a gasolina de 1,3 litro com duas potências (130 ou 150 cv), o que maximiza a eficiência de combustível e garante menores emissões de CO 2 e excelente desempenho, tanto dentro como fora de estrada.


Novo Jeep Compass 2021 1.3 Turbo Automático

Pela primeira vez, o Jeep Compass também apresenta uma configuração de tração dianteira acoplada a uma transmissão automática dupla de embreagem a seco (DDCT) e um novo modo de direção 'Esporte'.

Novo Jeep Compass 2021 1.3 Turbo Automático

Os serviços Uconnect para conectividade avançada interna e externa são novos no Jeep Compass e se tornam parte da configuração padrão a partir do ajuste Longitude.

Novo Jeep Compass 2021 1.3 Turbo Automático

Seis rodas novas, cinco novas cores exteriores, uma cobertura de tonneau redesenhada e outras melhorias de produto dão um caráter renovado ao Jeep COmpass.

O lançamento comercial na Europa começará em junho.

Novo motor turbo de 1,3 litros a gasolina

O novo motor turbo a gasolina de 1,3 litros e quatro cilindros que alimenta o Jeep Compass é baseado em uma estrutura modular e estará disponível no Jeep Compass na configuração de quatro cilindros com duas saídas de potência: 130 cv quando emparelhado com uma transmissão manual de seis velocidades e 150 cv quando acoplado a uma Embreagem Dupla Seca de seis velocidades Transmissão (DDCT) - ambas com tração dianteira.

Para o Compass, o motor a gasolina de 1,3 litro foi atualizado com uma combinação específica de turbo, que maximiza a resposta do motor em baixa rotação e reduz as emissões de CO2 em até 27%. O novo motor também otimiza o consumo de combustível em até 30% (ciclo WLTP) em comparação com as versões 4x4 a gasolina anteriores com transmissão automática.

O Jeep Compass, em combinação com o novo motor turbo a gasolina de 1,3 litros e a transmissão automática DDCT, também apresenta pela primeira vez um modo de condução "Esporte" que pode ser selecionado com o pressionar de um botão no console central. Este modo de direção dinâmica agrega ainda mais diversão às movimentações urbanas diárias, reforçando a direção, afiando a resposta do acelerador e ajustando o comportamento da transmissão por meio de mudanças mais altas para proporcionar potência total e entrega de torque. Além disso, no modo Esporte, a função 'velejar' é bloqueada e o modo 'desconexão rápida' é ativado. Quando o acelerador é liberado, isso impede a mudança para uma marcha mais alta, para maximizar o freio do motor e otimizar a capacidade de resposta na próxima aceleração.

O novo motor turbo a gasolina de 130 cv e 1.3 litros com transmissão manual estará disponível nos acabamentos Longitude, Night Eagle e Limited, enquanto a versão de 150 cv com DDCT também estará disponível no nível S. O pico de torque nas duas versões é igual a 270 Nm (até 40 Nm a mais que o motor a gasolina de 1,4 litros anterior). Ambos os motores estão disponíveis com tração dianteira.

14 comentários:

  1. Agora sim... dá pra encarar uma 1.3 turbo flex.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Esse é o motor que falta para as versões flex de Renegade e Compass. Se com motores defasados e mancos eles já aniquilam a concorrência, quero nem ver com um motor moderno e eficiente.

    ResponderExcluir
  4. nem precisa ser os 180 cv que tão dizendo que vem pro Brasil.
    acredito que na casa dos 160 cv já está ótimo.

    160 cv Com turbo vai tirar aquela sensação de lento que dizem que tem o aspirado, no 0-100 e nas retomadas.

    Claro, não bate de frente nos 200 e tantos cv que alguns têm, mas isso deixa pro elétrico daí com 240 cv.

    na casa dos 160cv seria o melhor custo/benefício entre potência e consumo (claro, eles farão testes pra ter esses dados).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ainda mais que o c5 aircross tá vindo aí

      muito bonito

      por mais que PSA venda pouco, nos que tive até hoje nenhum deixou a desejar ( c3, c4 hatch, c4 lounge) todos excelentes, mais completos e baratos que os rivais (na mesma configuração claro).

      Preço preço preço

      A grande sacada no começo da fiat/jeep foi vendas diretas, enquanto a fiat fazia questão disso as outras diziam que não tinham interesse (1 vez na vw e peugeot só faltou nos expulsarem quando falamos em produtor rural, já sabe né, A CONCORRÊNCIA GANHOU kkkk)

      Excluir
  5. Sinônimo de sucesso... Mas tem q vir Flex pro BR, se não, não dá...

    ResponderExcluir
  6. Transmissão de dupla embreagem a seco? Ai, ai....

    ResponderExcluir
  7. Esse novo motor 1.3 Firefly Turbo da FCA vai ser o melhor do mercado atualmente com o melhor torque disponível, quando lançar no Brasil vai ser o melhor conjunto do mercado.

    ResponderExcluir
  8. 1.3?? Prefiro um Fusca que é 1500, ou até 1600

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prefere esse mesmo fusca a um polo/virtus/t-cross/golf/jetta/q3/a3 com seu motorzinho 1.4?

      Excluir
    2. pelo jeito eles caparam foi seu cerebro kkkk

      Excluir
    3. Prefiro o Fusca, melhor que 1.4

      Excluir
  9. https://www.car.blog.br/2016/12/jeep-compass-14-turbo-dct-7-preco-r-757.html?m=1
    A comparação está sendo feita com esse da matéria acima que é 1.4 turbo, imagina em relação ao nosso que é aspirado. O nosso vai ter torque de 28 para cima e mais de 170 cv com certeza.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.