Car.blog.br

Pesquisar este blog

BMW 330e M Sport Híbrido Plug-in chega por R$ 297.950

Categorias: , , , , 39 Comentários

A BMW lança em seu canal de vendas no Instagram (@bmwdobrasil) o novo . Os interessados devem fazer o cadastro na plataforma, que irá encaminhar as informações para a Rede BMW concluir as negociações. Importado da Alemanha, onde é produzido na fábrica da BMW em Munique, o modelo híbrido plug-in amplia a gama do série 3 no Brasil, que que já conta com as versões 320i Sport; 320i Sport GP; 320i M Sport e 330i M Sport.

BMW 330e M Sport Híbrido Plug-in chega por R$ 297.950

O BMW 330e M Sport adota a tecnologia BMW eDrive com a motorização plug-in híbrida. A autonomia do veículo em modo puramente elétrico é de até 66 km (ciclo WLTP) e o carregamento pode ser feito de forma gratuita nos mais de 180 pontos de recarga do BMW Group no Brasil ou ainda usando o carregador rápido para instalação doméstica que acompanha o veículo de forma gratuita. A bateria que apoia a condução elétrica possui vantagem de ser reparável, em caso de necessidade e possui garantia de seis anos. Além disso, o modelo possui um tanque de combustível de 40l para gasolina brasileira e se apresenta como solução ideal para o deslocamento urbano ou rodoviário, entregando prazer em dirigir, tecnologia e redução de consumo e emissões.


BMW 330e M Sport Híbrido Plug-in chega por R$ 297.950

O sistema plug-in híbrido desenvolve potência combinada de 292 cavalos (34 cavalos a mais do que a versão 330i M Sport) e torque combinado de 420 Nm (20Nm a mais do que a versão 330i M Sport): aceleração de 0 a 100 km/h em 5,9 segundos e velocidade máxima de 230 km/h. Isso ocorre graças à combinação do propulsor BMW TwinPower Turbo 2.0 litros de quatro cilindros, a combustão, com 184 cavalos de potência (5.000 rpm a 6.500 rpm) e 300 Nm de torque (1.500 rpm a 4.000 rpm); com o motor elétrico e uma bateria de íon-lítio de alta voltagem de 12 kWh, que entregam potência equivalente a 113 cavalos (0 a 3.170 rpm) e 256 Nm de torque (0 a 3.170 rpm).

BMW 330e M Sport Híbrido Plug-in chega por R$ 297.950

Há diferentes modos de condução em que o veículo pode usar apenas eletricidade até uma determinada velocidade. No modo Hybrid, a velocidade máxima é de 110 km/h usando apenas eletricidade. Já no modo Electric, a velocidade máxima sobe para 140 km/h livre de emissões. Por sua vez, o modo Battery control – que pode ser ativado em conjunto com outros modos de condução como híbrido e sport – mantém ou mesmo recarrega a bateria para um nível definido pelo cliente. Essa função é especialmente útil para aqueles que desejam andar no modo 100% elétrico. Como exemplo, em uma viagem, o cliente pode ativar o Battery control ao se aproximar do destino e assim garantir bateria suficiente para se locomover sem emissões no centro urbano, contribuindo deste modo para a melhora na qualidade do ar.

BMW 330e M Sport Híbrido Plug-in chega por R$ 297.950

Vale ressaltar que, assim como os demais veículos plug-in híbridos e elétricos do BMW Group Brasil, o novo Série 3 oferece uma proteção acústica para pedestres, formada por um sistema de alto-falantes externos que emitem um sinal sonoro para alertar os transeuntes da presença do veículo, sem, entretanto, afetar o conforto acústico da cabine.

BMW 330e M Sport Híbrido Plug-in chega por R$ 297.950

O novo motor elétrico do BMW 330e Sedan está integrado à transmissão Steptronic de oito velocidades. O sistema de regeneração de energia por frenagem, onde o propulsor elétrico desempenha o papel de gerador, atua de forma especialmente eficaz.

BMW 330e M Sport Híbrido Plug-in chega por R$ 297.950

Um recurso totalmente novo é o sistema XtraBoost, ativado por meio do modo Sport, que libera 40 cavalos adicionais aos 252 cavalos de potência combinada dos motores elétrico e a combustão, mantendo essa potência máxima por dez segundos e entregando uma aceleração esportiva e precisa.



O novo 330e M Sport mede 4,709 metros de comprimento; 1,827 metro de largura; 1,444 metro de altura e 2,851 metros entre-eixos. O porta-malas ganhou dez litros, totalizando na versão híbrida 375 litros.



Na compra do BMW 330e, o cliente recebe de cortesia uma estação de recarga rápida BMW Wallbox gratuitamente. O equipamento, que tem potência máxima de recarga de 21kW, carrega 80% da bateria do BMW 330e em aproximadamente 2 horas e 40 minutos.



O modelo está disponível em quatro opções de cores externas: a sólida Branco Alpino e as metálicas Preto Safira; Cinza Mineral e Azul Portimao. Internamente, estão disponíveis os seguintes revestimentos: couro Vernasca Preto/Preto; couro Vernasca Mocha / Preto; e couro Vernasca Cognac / Preto.

39 comentários:

  1. Respostas
    1. Sempre... e a Audi muito longe em oferecer veículos híbridos no Brasil somente uma opção a Audi tbm.

      Excluir
    2. Audi E-Tron espanca esse BM, tecnologia e sofisticação é Audi, aliás o E-Tron tem câmeras no local dos retrovisores com ampla visão interna. Muito superior.

      Excluir
    3. Quantos desses E-Tron estão a venda no Brasil? Uma opção apenas?

      Excluir
    4. Fanboy é tão louco que compara suv com sedan jajajajajaja e outra a Audi não passa de uma vw de argolas

      Excluir
    5. Sim tendo os irmãos Porsche lamborguini bugatt e outros Audi é mais top e muito mais confortável

      Excluir
  2. Fora o fato que o Golf GTE tem uma bateria de 14,5KWh, contra ridiculos 12 KwH do BMW....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E daí, besta quadrada?

      O que importa é que essa BMW roda 66 km em modo elétrico, já o Golf roda só 50km. É um diferença brutal.

      Diferença brutal também acontece em todo o restante, qualquer BMW é superior a qualquer Golf. O fato é: ninguém vai deixar de comprar uma 330 pra compra um Golf.

      Aliás, quase ninguém quer esse Golf GTE defasado, atrasado e que usa partida na chave igual um Gol.

      Excluir
    2. Custo benefício do Golf GTE é infinitamente superior, pagar 100 mil a mais pela marca BM é cagar no pau, só idiota como vc faria isso, aliás falido igual vc nem cogita kkk

      Excluir
    3. Custo/benefício do GTE é tão bom que quase não vende.

      Vale cada centavo dos 100 mil a mais, afinal, é um sedan médio de luxo de uma marca premium, possui refino mecânico/dinâmico e acabamento que um Golf, carro popular de país rico nem sonha em ter.

      Fanboy é digno de pena, achar que um Golf é páreo pra uma 330 😂😂
      Não é páreo nem pra 116.

      Pra peitar essa BMW aí só de A4 pra frente.

      Excluir
    4. kkk acabamento do Golf GTE alemão é superior aos da BMW seu bosta, zero de popular seu chupa rola kkk esse híbrido caríssimo da BM não tem o carisma do Golf na Europa, é sobre mecânica/dinâmica o powertrain TSI/DSG dispensa comentários seu saco de bosta kkk

      Excluir
    5. O retardado nunca viu um BMW na vida, o material que a VW usa de acabamento "premium, a BMW usa de papel higiênico na fábrica.

      Excluir
    6. Um coitado que nunca entrou numa BMW acha que o que diz tem algum peso.

      E ainda vem querer falar que Golf tem mais carisma e que o powertrain é melhor? Meu Deus, o sujeito nunca andou mesmo num BMW, seja qual for.

      Entenda fanboy, Golf é o Gol do Europeu, é carro de pobre. Bmw é premium em qualquer lugar do mundo. Compreendeu? Não? Leia e repita quantas vezes for preciso.
      Meu filho, BMW está em outro nível.

      Excluir
  3. O que não gosto e não me serve nesses dois carros é o pneu Runflat...sem roda de reserva. Pode ser que na Europa funcione, aqui não.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. custo de cada pneu é uma fábula, nas ruas e estradas brasileiras ele não suporta 60 minutos só na carcaça

      Excluir
    2. Ela vem com pneu reserva sim

      Excluir
    3. Os BM?..nenhum vem tudo Runflat.

      Excluir
  4. BMW está de parabéns. Este noco série 3 é bonito demais.

    ResponderExcluir
  5. 300 mil num 330e é absurdo. Golf GTE é a compra racional. Para maior sofisticação só o Audi E-Tron 100% elétrico.

    ResponderExcluir
  6. Isso é carro premium de verdade, os adoradores de salsicha nunca saberão o que é isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você leu o que eu escrevi aquele dia? Acho que não, dislexia é doença, vai se tratar, eu disse que exceto BMW e Mercedes. Incluo a Porsche nesse balaio aí, porque o resto é resto mesmo.

      Excluir
    2. Tem que colocar outros carros do grupo VW na jogada pq a Audi não tem concorrente pra esse BMW. Triste, né?

      Excluir
  7. Esse carro sempre será um belo carro, sedans a BMW são meus preferidos, já SUV a Audi tem as melhores e mais bonitas. 330 é não é para qualquer um, já tive uma 2017, carro perfeito, vale cada centavo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só se for miniatura, kkķkkk.

      Excluir
    2. E o bicho é tão mentiroso, mas tão mentiroso, que a BNW nem vendeu aqui a 330 em 2017, só tinha a 328, 330 parou de vir em 2006 e só voltou agora na G20.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Foi em 2007, peguei uma 2006 em um negócio, digitei 1 no lugar do 0, essa porra não dá para editar, nem tinha visto... já tive uma 328 tb, , já tive Porsche, audi RS3, carro aqui não falta. Sabe nada...

      Excluir
    5. 2017 eu tinha um audi tt e uma panamera 4.0 v8 turbo, já vc Zé ninguém devia andar de palio ou moby, essas tranqueiras lixo.

      Excluir
    6. Ô gente, ele tá gastando o dinheiro do auxílio com droga... Que triste, tanta gente precisando dessa grana e o sujeito utilizando pra fins escusos.

      Por isso que o Brasil não vai pra frente.

      Excluir
    7. João Guilherme, mais conhecido como D-Barret ou melhor, Dani Barreto, musico kkkkk, deve ser eu mesmo que uso droga para tocar nos barzinhos... depois que te descobri o D-Barret sumiu hahaahha, quando te ver tocando em algum lugar vai levar só uma ovada.

      Excluir
    8. O bicho tem uma imaginação tão fértil, se usasse isso para algo construtivo poderia ser alguém na vida, mas ao invés disso, ele fica imaginando uma vida paralela, isso tem nome, se chama esquizofrenia.

      Excluir
  8. Esse blog é lugar de dar risada.

    Carlota e seus pseudônimos.

    Carlota parece ter se formado em direito, não passou na OAB e virou vendedor da VW.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É formado nada, no máximo terminou a 8ª série, quem estudou de verdade não tem o comportamento doente que ele tem.

      Excluir
    2. Deve ser sim. Ele tem um usuário que o nome é jurista. As vezes ele fala uns têrmos que dá pra saber que é da área.

      Mas se virou vendedor de carro, ou porque não passou na prova da OAB ou é não serviu pra nada kkk.

      Excluir
  9. João Guilherme, mais conhecido como D-Barret ou melhor, Dani Barreto o musico guittarista kkkkk... depois que descobri o nome D-Barret sumiu hahaahha.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.