Car.blog.br

Pesquisar este blog

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

Categorias: , , 13 Comentários

A Porsche apresenta seu novo modelo de entrada com dois tamanhos de baterias e autonomia de até 463 quilômetros (WLTP): o Taycan 4S, já pode ser encomendado e chegará às concessionárias europeias em janeiro de 2020. Os preços na Alemanha começam em 105.607 euros - incluindo VAT (imposto sobre valor agregado) e equipamento específico para o país. No Brasil o modelo está previsto para chegar em 2020.

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

O Taycan 4S é a terceira versão do sedã esportivo. O novo modelo está disponível com dois tamanhos de baterias e entrega até 390 kW (530 cv) com a bateria Performance ou, com a bateria Performance Plus, até 420 kW (571 cv). Assim, após o Taycan Turbo S e o Taycan Turbo, o Taycan 4S passa a ser o novo modelo de entrada na série. A bateria Performance com um só nível e capacidade total de 79,2 kWh é equipamento de série. A bateria Performance Plus com dois níveis, já conhecida do Taycan Turbo S e do Taycan Turbo, é oferecida como opcional. A capacidade dela é de 93,4 kWh.


Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

A potência de saída e a autonomia variam de forma correspondente: com a bateria Performance, o Taycan 4S gera até 390 kW (530 cv) de potência de saída ultra impulsionada. Equipado com a bateria Performance Plus, ele entrega até 420 kW (571 cv). Nas duas versões, o Taycan 4S acelera da imobilidade até 100 km/h em 4 segundos. A velocidade máxima também é de 250 km/h, em ambos os casos. A autonomia é de até 407 quilômetros com a bateria Performance e de até 463 quilômetros com a bateria Performance Plus (nos dois casos, de acordo com o WLTP) - o valor mais alto da atual linha Taycan. A capacidade máxima de carga (pico) é de 225 kW (bateria Performance) ou 270 kW (bateria Performance Plus).

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

Aceleração de tirar o fôlego, força de tração típica de carros esporte e uma impressionante potência disponível continuamente - o novo modelo 4S também apresenta essas fortes características do Taycan. O motor síncrono permanentemente ativado do eixo traseiro tem um comprimento ativo de 130 milímetros e, assim, é exatamente 80 milímetros mais curto do que o componente de impulsão correspondente presente no Taycan Turbo S e no Taycan Turbo. O inversor com pulso controlado usado no eixo dianteiro no Taycan 4S opera com até 300 amperes e o inversor do eixo traseiro, com até 600 amperes.

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

Com dois motores síncronos permanentemente ativados nos eixos dianteiro e traseiro - em outras palavras, tração nas quatro rodas – além de uma transmissão de duas velocidades no eixo traseiro, a arquitetura de propulsão compreende os mesmos diferenciais técnicos principais de seus modelos-irmãos. O mesmo ocorre com o gerenciamento inteligente de carga e a exemplar aerodinâmica. Com um Cd de 0,22, a aerodinâmica faz uma importante contribuição ao baixo consumo de energia e, assim, à grande autonomia. O design exterior claro e purista com DNA da Porsche DNA também é exclusivo do Taycan, assim como o design interno único, com uma larga faixa de display no painel.

Design exterior purista, com DNA da Porsche

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

Com seu design claro e purista, o Taycan indica o começo de uma nova era. Ao mesmo tempo, ele mantém o inconfundível DNA de design da Porsche. Visto de frente, ele parece especialmente largo e baixo, com para-lamas fortemente destacados. A silhueta é dominada pela linha de teto esportiva que desce na direção da traseira. As seções laterais altamente esculturadas também são características. A cabine esguia, a coluna C deslocada para dentro e os ombros proeminentes dos para-lamas resultam numa traseira fortemente realçada, típica da marca. Também há elementos inovadores, como o logotipo da Porsche com efeito vítreo, que foi integrado à barra luminosa na traseira.

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

Os elementos diferenciados do Taycan 4S em comparação com o Turbo e o Turbo S incluem as rodas Taycan S Aero de 19 polegadas otimizadas aerodinamicamente e as pinças de freios pintadas de vermelho. O avental dianteiro com nova geometria, saias laterais e o difusor traseiro em preto garantem uma diferenciação visual ainda maior. Faróis em LED, incluindo o Porsche Dynamic Light System Plus (PDLS Plus - sistema de iluminação dinâmica) são equipamento de série.

Design interno único, com larga faixa de display
O cockpit também sinaliza o início de uma nova era, com sua estrutura objetiva e uma arquitetura completamente nova. O conjunto de instrumentos curvo e destacado é o ponto alto do painel. Ele mostra um claro foco no eixo de visão do motorista. Um display central de informação e entretenimento com 10,9 polegadas e um mostrador opcional para o passageiro são combinados para formar uma faixa de vidro integral com aparência de um painel negro.

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

O Taycan 4S vem de série com um interior parcialmente em couro, assim como bancos dianteiros conforto com ajustes elétricos de oito posições.

Com o Taycan, a Porsche oferece pela primeira vez um interior totalmente sem utilização de couro. Os interiores feitos de materiais reciclados inovadores reforçam o conceito sustentável do carro-esporte elétrico.

Sistemas de chassis com interconexão centralizada

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

A Porsche utiliza um sistema de controle central interconectado para o chassi do Taycan. O Controle de Chassis Porsche 4D integrado analisa e sincroniza o comportamento de todos os sistemas do chassi em tempo real. O Taycan 4S traz de série a suspensão pneumática adaptativa com tecnologia de três câmaras, que inclui o controle eletrônico dos amortecedores PASM (Porsche Active Suspension Management - gerenciamento ativo da suspensão).

Porsche Taycan 4S elétrico com autonomia de 463 km chega ao Brasil em 2020

O Taycan 4S tem pinças de freios fixas com seis pistões no eixo dianteiro com discos de freios de ferro fundido ventilados internamente. O diâmetro dos discos de freios é de 360 milímetros no eixo dianteiro e 358 milímetros no eixo de trás. No eixo traseiro, são usadas pinças de freios com quatro pistões. As pinças do sistema de frenagem são pintadas de vermelho.

13 comentários:

  1. Sedã esportivo. Então será concorrente do Virtus GTS. O Virtus GTS será muito mais barato e vai vender muito mais que este Porshe. O Virtus é muito melhor, e blá blá blá

    ResponderExcluir
  2. Estamos há 63 publicações neste blog sem nenhuma menção à HUMILHANTE benga que o Onix aplicou no virtus pool edition.

    ResponderExcluir
  3. Definitivamente, esse é o Porsche mais feio de todos os tempos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cayenne mandou um abraço.

      Excluir
    2. Tem um Macan num tom azul horrível que é uma desgraça também.

      Confiram comigo no replay:
      https://www.car.blog.br/2019/07/novo-porsche-macan-2020-preco-r-329000.html

      Excluir
  4. Notícia sobre esse fusca feio de luxo e elétrico é irrelevante.
    O que importa é só uma coisa:

    Onix Plus 3 x 0 Virtus

    Fontes até o momento: Motor1, Acelerados, Acelera+

    Menção ao comentário do João Anacleto do A Roda que disse que o Onix Plus venceria o Virtus no comparativo.

    Só relembrando quem ainda não sabe: o Onix foi mais rápido e mais econômico. É mais estável, o câmbio se comporta muito melhor pois não dá tranco igual ao Virtus e o motor vibra menos graças ao melhor isolamento. Além disso, é mais equipado (fonte: Motor1) e o custo-benefício é infinitamente melhor. Conta ainda com o pós-venda que é melhor na GM que da VW segundo pesquisa recente da JD POWER.
    O Onix ainda oferece bom espaço interno, tecnologia e bom acabamento condizente com o preço.

    Só lamento ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem argumentos?O Taycan vai dar um coro feio no Tesla S,andando mais e tendo acabamento de carro de luxo e não de carro médio.
      Postagem pra falar de um carro e vem falar,se fosse o adm apagava o comentário na hora.

      Excluir
    2. Tesla S em Nurburgring.
      https://insideevs.com/news/371885/video-broke-down-tesla-models-nurbrugring/
      Taycan em Nurburgring.
      https://www.topgear.com/car-news/electric/porsche-taycan-has-set-nurburgring-record

      Excluir
    3. A falta de argumentos faz o sujeito correr par notícias repetitivas... Vi pessoalmente o Onix. Carro muito legal diga-se de passagem, mas ainda assim o Virtus tem presença...

      Sobre o Porsche, desmerecer essa marca inovadora e fabricante de sonhos é defecar pelo teclado!!!

      Excluir
  5. dos mesmos produtores do Up!: Porsche Tayncan.
    Sem comentários.
    Esse carro faz as ações da tesla desabaram em Nova York.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse carro faz as ações da tesla desabaram

      Puxa Carlos, além do comentário não me fazer rir como em outrora, ainda tem um erro de português ridículo.

      Faz - desabarem...

      Excluir
  6. Simplesmente maravilhoso..!!! Um sonho...!!!

    ResponderExcluir
  7. Quando leio críticas aos Porsche, concluo que quem critica defeca pelo teclado e definitivamente não entende porra nenhuma de carro.

    Melhor ir no site de fofocas dos artistas haters de Porsche porque ela vai continuar produzindo sonhos e sonhos de altíssimo desempenho.

    Só retardado tonto que critica...

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.