Car.blog.br

Pesquisar este blog

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático: fotos, preço e consumo

Categorias: , , , , , 34 Comentários

O Volkswagen T-Cross 200 TSI Comfortine é a versão intermediária do novo SUV compacto, com preço sugerido de R$ 99.990 reais. Neste artigo relacionamos seus detalhes.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O T-Cross Comfortline vem equipado com o motor 1.0 TSI (Turbo Flex), denominado 200 TSI Total Flex, que desenvolve até 128 cv (94 kW) a 5.500 rpm, com etanol. Já com gasolina a potencia é de 116 cv (85 kW), à mesma rotação.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O torque máximo é de 200 Nm (20,4 kgfm), com gasolina ou etanol, sempre na faixa de 2.000 a 3.500 rpm. Essa versão só é ofertada com a transmissão automática de 6 marchas com função Tiptronic, e aletas no volante para troca de marcha – “shift paddles”.

Desempenho e consumo (fabricante/INMETRO)


UnidadeT-Cross 1.0 TSI Automático com etanolT-Cross 1.0 TSI Automático com gasolina
0 a 100 km/h [s]seg10,410,9
Velocidade máximaKm/h184179
0 a 1000 mseg31,932,6
Consumo cidadeKm/l7,611,0
Consumo estradaKm/l9,513,5
Consumo combinadoKm/l8,411,9

Itens de série e opcionais

O T-Cross 200 TSI Comfortline Automático vem de série com Controle de Estabilidade (ESC), seis airbags, freios a disco nas quatro rodas, bloqueio eletrônico do diferencial (XDS+), direção elétrica e ajuste de altura e distância para o volante, assistente para partida em rampas (Hill Hold), sensores traseiros de estacionamento, sistema ISOFIX para fixação de cadeirinhas infantis.

Essa configuração traz também faróis com função “Coming & Leaving home”, faróis de neblina com função “cornering”, luzes de condução diurna em LED, lanternas traseiras em LED, banco dianteiro do passageiro com encosto rebatível, suporte para smartphone com entrada USB para carregamento, travas e vidros elétricos e volante multifuncional. Seu câmbio é manual de seis marchas.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

Há ainda controle automático de velocidade, apoio de braço central com porta-objetos, volante multifuncional revestido de couro com “shift paddles”, duas entradas USB para o banco traseiro, saída traseira de ar-condicionado digital Climatronic, sistema de som Composition Touch com tela colorida sensível ao toque (“touchscreen”) de 6,5 polegadas e App-Connect.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

Completa a lista de itens de série banco do motorista com ajuste lombar, câmera de ré para auxílio no estacionamento, indicador de pressão dos pneus (RKA), manopla da alavanca de câmbio revestida de couro, porta-luvas refrigerado, sistema “save” de variação do espaço do porta-malas, rodas de liga leve de 17” com pneus 205/55 R17, sensores dianteiros de estacionamento (além dos traseiros) e sistema de frenagem automática pós-colisão.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

Essa versão se diferencia das demais pelos detalhes cromados na grade dianteira (que é pintada em preto brilhante) - similar aos da versão 250 TSI, colunas centrais (“B”) na cor preto brilhante e para-choque traseiro com apliques cromados na região inferior. O revestimento interno é na cor azul escuro e há insertos decorativos no painel.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

Quatro pacotes de opcionais estão disponíveis. O primeiro é o "Exclusive & Interactive" que  (R$ 3.950 reais); inclui sistema de infotainment “Discover Media” com navegador via satélite, tela de 8 polegadas, comando por voz e entrada USB no console central; iluminação ambiente em LED; seletor do modo de condução; sistema KESSY de abertura das portas sem chave e partida do motor por botão; espelhos retrovisores externos com rebatimento elétrico e tapetes adicionais de carpete.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O pacote Sky View II (R$ 4.800 reais) traz o teto solar panorâmico, espelho retrovisor interno eletrocrômico e sensores de chuva e crepuscular. Já o pacote Design View (R$ 1.950 reais) agrega bancos de couro com detalhes na cor “Marrakesh Brown” e apliques decorativos no painel com detalhes na cor bronze namíbia.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O quarto pacote, Premium (R$ 6.050 reais), traz o sistema Park Assist 3.0, faróis full-LED com luz de condução diurna em LED e sistema de som “Beats” com subwoofer.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

São oito as opções de cores para a carroceria: branco puro, preto ninja, prata sargas, cinza platinum, vermelho crimson, azul norway e as novas laranja energetic e bronze namibia.

Dimensões e especificações técnicas

O  T‑Cross Comfortline mede 4.199 mm de comprimento e 1.568 mm de altura, com 2.651 mm de distância entre-eixos. A capacidade do porta-malas do T‑Cross é  variável entre 373 e 420 litros.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O coeficiente de arrasto aerodinâmico (Cx) é de 0,363, e a área frontal é de 2,34 m2. O Cw x A fica em 9,847. O tanque de combustível tem capacidade de 52 litros.

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O peso em ordem de marcha é de 1.252 Kg, e o peso bruto total de 1.710 Kg. A carga útil é de 458 Kg, e o peso máximo rebocável (com ou sem freio autônomo) é de 500 kg. O rack de teto permite carga de até 50 Kg.

Garantia e revisão

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O Volkswagen T-Cross Comfortline é vendido com garantia de 3 anos para o veículo completo, e de 6 anos contra corrosão. As revisões são a cada 10.000 km, ou 1 anos. Assim como as trocas de óleo. A transmissão automática não demanda troca de óleo durante toda a vida útil do carro.

Segurança

O T-Cross foi avaliado pelo Latin NCAP e obteve 5 estrelas para proteção de adultos e crianças, e ainda a menção Advanced Award.



Conclusão

Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI Automático

O Volkswagen T-Cross 200 TSI Automático Comfortline é a opção com boa relação custo x benefício abaixo de R$ 100 mil reais.

34 comentários:

  1. Muito bonito. Pena que a versão brasileira é alongada pra levar a família toda, o que resultou em portas traseiras um tanto desproporcionais. Fizeram a mesma M no Up. Coisas do terceiro mundo. Mas, para quem procura um "carro altinho" abaixo de 100k não vejo opção melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não relincha, cara. O T-Cross brasileiro será exportado para mais de 50 países. A América do Sul inteira receberá t-cross alongado. O T-Cross chinês é alongado também. É uma questão de adequação a mercado. O Tiguan vendido aqui e nos EUA é alongado.
      De mais a mais, a VW prepara um outro CUV com entre-eixos de Polo (que é o do T-Cross europeu).

      Excluir
    2. concordo com o Carlos, não vejo nada demais neste alongamento.

      Excluir
  2. VW lenta ...leva logo oras lojas ..chega super atrasada e fica nessa novela. Vcs da Vwb parecem q vivem em outro plano. Acordem hoje exitem várias opções

    ResponderExcluir
  3. A VW acertou o preço desse carro. Está bem mais barato que os concorrentes com igual nível de equipamentos.

    Esse T-Cross de R$ 99k é muito mais equipado que o HR-V de R$ 108 mil.

    https://www.car.blog.br/2019/03/honda-hr-v-x-vw-t-cross-comparativo.html

    E não é só mais bem equipado. O T-Cross anda mais e bebe menos que o HR-V CVT e que o Creta 2,0. E é melhor acabado que os dois.

    E E outra coisa que a VW acertou foi no design, bem SUV. E tem disparado a melhor mecânica e é o mais seguro.

    os concorrentes HR-V, Creta e Jeep não têm chance contra esse T-Cross.

    O preço deve subir depois do lançamento, pois a demanda tende a ser maior que a oferta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O T-Cross alongado (versão brasileira dos irmãos Pavone, com portas traseiras esticadas), por ser exclusivo do terceiro mundo, concorre com Creta, que é outro produto destinado a mercados subdesenvolvidos. Jeep e HR-V estão em categoria acima, por serem idênticos aos modelos vendidos na Europa. Por essa razão o T-Cross brasileiro é mais barato que o HR-V com o mesmo nível de equipamentos.

      Excluir
    2. Não relincha, cara. O T-Cross brasileiro será exportado para mais de 50 países. A América do Sul inteira receberá t-cross alongado. O T-Cross chinês é alongado também. É uma questão de adequação a mercado. O Tiguan vendido aqui e nos EUA é alongado.
      De mais a mais, a VW prepara um outro CUV com entre-eixos de Polo (que é o do T-Cross europeu).

      Excluir
    3. O Tiguan não está nessa situação: o que vem pro Brasil e pros EUA é simplesmente a versão Allspace, vendida também na Europa. O T-Cross brasileiro, chinês e sul-americano é boquetagem terceiro-mundista, sim, e concorre apenas com Creta.

      Excluir
    4. Se eu estive a procura de SUV na faixa dos R$100.000 iria de C4 Cactus na versão top de linha, que além de mais barato que o T-cross top de linha, tem motor com mais potência e torque, e também tem mais equipamentos de segurança.

      Excluir
  4. o aplique traseiro entre as lanternas ficou muito bacana em carro mais escuros, não me acostumei com essa peça no prata e branco apresentados anteriormente.
    Mas isso é uma questão de gosto.
    O farol full led dá outra cara para o carro, não que esse seja feio, mas o full led deixa o T-Cross animal.

    ResponderExcluir
  5. Abaixo de 100 mil temos um otimo custo benefício, Nissan Kicks S versão de entrada promocional com cambio cvt por 74.800. Motor 1.6 aspirado casa muito bem com o cambio cvt. Perde se freio a disco nas 4 rodas e alguns outros itens. Uma diferença de quase 26 mil Reais mais bataro é algo ser considerado. Em relacao a espaço interno kicks tambem nao perde em nada, a começar pelo maior porta malas. Sou fã dos novos projetos da vw, ja tivr dois ups , mas para ficar realmente interessante o Tcross 200 tsi automático deveria custar na faixa de 76 mil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nissan Kicks S versão de entrada promocional com cambio cvt por 74.800

      MENTIRA. nesse preço é o Nissan Kicks S com câmbio manual.

      https://www.nissan.com.br/veiculos/modelos/kicks/versoes.html

      O Kicks mais barato com CVT é o 1.6 S CVT, com preço de R$ 83.490 reais.

      Com ridículos 2 airbags, sem descansa braço central, sem freios a disco nas quatro rodas, sem diferencial XDS, sem sistema de som, sem volante com comandos multifuncionais, sem nada.

      Fora que o Kicks é manco perto do T-Cross 200 TSI e bebe 25% a mais que o T-Cross.

      Se vc quiser um Kicks com os mesmos equipados do T-Cross, pagará mais caro, por um carro pior.

      Kicks é uma boquetagem. Perto do T-Cross ele não existe. Se alguém comprar um Kicks com o T-Cross no mercado, essa pessoa assina atestado de oligofrênica.

      Excluir
    2. O Nissan Kicks equipado com motor 1.6 16V associado a uma transmissão automática do tipo CVT registrou média de 8,1 Km/l de etanol em cidade, chegando a 9,6 Km/l em estrada. Com gasolina o modelo melhora para 11,4 Km/l em cidade, chegando a 13,7 Km/l em estrada.

      Fonte: carblog

      Pena ser manco. Mas pra quem quer desempenho, tem Tracker (muito) mais barata.

      Excluir
    3. Kicks é uma boa compra sim.

      Excluir
    4. Tenho um Kicks SL e posso garantir: é uma boa compra.
      Dois anos e meio de uso e o carro está como novo. Sistema de câmera 360 graus é um diferencial que nenhum outro abaixo de 100k tem.

      Excluir
    5. vc tem um Kicks? Meus pêsames.

      Excluir
  6. De onde vcs tiraram a informação que peso em ordem de marcha é de 1252Kgs?

    Pergunto isso, pois no configurador do site da vw diz que o peso em ordem de marcha é de 1305kgs.

    ResponderExcluir
  7. Realmente o preço nao é esse. É
    um preço promocional... É pelo que estamos comprando. A diferença de de torque, na prática, nao é tão expressiva. Sem dúvidas o Tcross é mais equipado, mas por essa diferença o Kicks é mais negócio. Se VW nao tivesse demorado para colocar o carro na praça e desse um incentivo, teria ido de Tcross. Quem sabe na prixima!

    ResponderExcluir
  8. Carro legal, mas por este preço pegaria um Jetta sem duvida alguma.

    ResponderExcluir
  9. Vi um hoje nesta configuração sem teto . Gostei mas a altura igual do fox .
    Achei que fosse pouco mais alto.
    Vamos esperar o test drive .
    Parecido o interior com oa demais do mercado .
    Vamos ver como vai andar 1.4 ...será o divisor de aguas .

    ResponderExcluir
  10. Faltou na reportagem os preços dos pacotes de opcionais.

    ResponderExcluir
  11. Por 100 mil
    Existe traker 1.4 turbo que melhor opção.
    Além de já encontrar Toro e renegade diesel 2016 e 2017, Que por 100 mil vale mais a pena que o T Cross zero km.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Tracker não tem absolutamente nada que é superior ao T-Cross. O Tracker só tem 2 airbags, não foi testado no Latin NCAP, o porta-malas tem menos de 300 litros (contra 420 do T-Cross). O Tracker não tem diferencial xds, tem entre-eixos 10 cm menor, tem menos espaço para passageiros, menos espaço dianteiro, não tem pos coliision brake, não tem descansa braço, o câmbio não tem nem bloqueio e bem desacoplamento de conversor de torque. Com isso, o Tracker 1.4 anda igual ao T-Cross 1.0, e bebe 30% a mais. E mais. Para equivaler ao T-Cross de 100k, só o trakcer de 110k, e por 110k tem o T-Cross 250 tsi.

      O Tracker não é melhor que o T-Cross em nada. Ele é pior em tudo, e é mais caro, anda menos, bebe mais, menos espaço e não é comprovadamente seguro.

      Excluir
  12. Coragem dar 100 conto nesse t cross

    ResponderExcluir
  13. Esse Carlos é uma mala, que cara chato, pelo amor de Deus.

    ResponderExcluir
  14. Merecíamos T-Roc...
    polo highline com todos os opcionais - 80k - bem mais carro que esse t cross...quer espaço pra familia - vai de virtus. Por 120mil T roc poderia fazer frente ao compass em vendas e seria incomparável a qualquer SUV compacto nacional. Esperar o tarek pra ver se a VW acerta. Esse T cross eh pra modinha: plásticos e bancos coloridos...mil e um opcionais pra deixar o preço ainda mais absurdo. VW chegou atrasada e com um produto apenas bom, porém mal posicionado. Sem sentido próprio dentro e fora da marca, apenas pra seguir a tendencia do mercado. Efeito manada.

    ResponderExcluir
  15. Completo com os 4 pacotes de opcionais, pela bagatela de 115 mil reais. Acredito se quiser!

    ResponderExcluir
  16. O carrinho é até razoável.
    Mas coitado de quem sair com fogo de comprar logo...
    Muito caro.

    Lembrando que a VW já está dando descontos de até 10 mil no Jetta.


    Se o topo de linha com todos os opcionais custasse no máximo 110 mil seria um preço justo. Mas 126 mil tem que vir com nariz de palhaço junto.

    ResponderExcluir
  17. Respostas
    1. Se deixarmos de lado o preconceito com os chineses, Tiggo 5X manda lembranças e abraços para todos citados acima ...sem mais

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.