Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Audi Q5 2020 TFSI-e Híbrido será lançado em Genebra

Categorias: , , , 5 Comentários

A Audi apresentará no Salão do Automóvel de Genebra uma configuração híbrida plug-in (que ode ter suas baterias recarregadas em uma tomada comum, além dos sistemas regenerativos) para o SUV premium Q5 com um alcance elétrico de mais de 40 quilômetros no ciclo WLTP.

Novo Audi Q5 2020 Híbrido

A partir de agora, os novos modelos híbridos plug-in carregam o emblema “TFSI e”. No futuro, o rótulo “e-tron ” permanecerá reservado exclusivamente para carros movidos a eletricidade.

Audi Q5 55 TFSI e

O drive híbrido plug-in do Q5 é formado por um motor elétrico que está integrado na transmissão de embreagem dupla, um motor a gasolina garante que haja uma ampla potência e torque.

Novo Audi Q5 2020 Híbrido

Os modelos híbridos plug-in têm os seguintes modos de operação: “EV”, “Auto” e “Hold”. Com o botão de modo de operação, o motorista pode selecionar três configurações básicas: Prioridade para o acionamento elétrico, híbrido totalmente automático ou economize energia para uma fase posterior da jornada. No modo “Auto”, os PHEVs usam a interação inteligente do motor elétrico e do motor a combustão para máxima eficiência.

Novo Audi Q5 2020 Híbrido

No modo “Espera”, o gerenciamento do inversor controla o trem de força para que o status de carga atual da bateria seja mantido, por exemplo, para dirigir mais tarde no modo somente elétrico em áreas urbanas.

Novo Audi Q5 2020 Híbrido

O sistema de carregamento compacto também faz parte do equipamento de série dos novos híbridos Audi plug-in. Inclui cabos para as tomadas domésticas e industriais e um painel de controle.
Como opção, a Audi fornece o clipe para suporte de parede e um cabo de modo 3 para estações de carregamento públicas. Em um conector de carga com uma saída de 7,2 kW, uma carga completa da bateria demora duas horas.

5 comentários:

  1. Este Audi A5 é futuro do automóvel.

    ResponderExcluir
  2. Carro só a gasolina/flex/diesel tem que ser proibido já

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O carro hybrid-plug in ainda é muito caro mesmo na Europa. Uma década pros custos baixarem e tornar acessível a maioria.

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.