Car.blog.br

Pesquisar este blog

Porsche Taycan: primeiro elétrico da marca chega em 2019

Categorias: , , , 17 Comentários

A produção em série do primeiro Porsche puramente elétrico está prevista para começar no ano que vem. Em preparação, o veículo acaba de receber seu nome oficial: o estudo conceitual "Mission E" - nome usado até agora para descrever a proposta completamente elétrica, será conhecido como o Taycan. O nome pode ser traduzido aproximadamente como “jovem cavalo vivaz", referindo-se à imagem no coração do escudo da Porsche, que traz a figura de um cavalo de salto desde 1952.

Porsche Taycan

"Nosso novo carro esportivo é forte e confiável; é um veículo que pode cobrir consistentemente longas distâncias e que privilegia a liberdade", explica Oliver Blume, presidente do Comitê Executivo da Porsche AG. O nome oriental também marca o lançamento do primeiro carro esportivo elétrico com a alma de um Porsche. A Porsche anunciou o nome de sua primeira série puramente elétrica como parte da cerimônia de comemoração dos "70 anos da Porsche".

Porsche Taycan

Dois motores síncronos permanentemente acionados com potência de sistema acima de 600 hp (440 kW) aceleram o carro esportivo elétrico até 100 km/h em menos de 3,5 segundos e até 200 km/h em menos de 12 segundos. Esse desempenho soma-se a um nível de energia contínuo inédito entre veículos elétricos: múltiplas arrancadas seguidas são possíveis sem perda de desempenho e o alcance máximo do veículo é acima de 500 km, segundo as normas NEDC.

Nomes com significado real

Porsche Taycan

Na Porsche, os nomes dos veículos têm, geralmente, uma ligação concreta com o modelo correspondente e suas características: o nome Boxster descreve a combinação de um motor boxer com o design roadster; Cayenne denota fogosidade, o Cayman é incisivo e ágil e o Panamera oferece mais do que um Gran Turismo padrão, que é o que possibilitou que vencesse a corrida de longa distância Carrera Panamericana. O nome Macan é derivado da palavra indonésia para tigre, com conotações de superioridade, poder, fascinação e dinamismo.

Investimento futuro vai dobrar

Porsche Taycan

A Porsche planeja investir mais de seis bilhões de euros em eletromobilidade até 2022, dobrando os gastos que a empresa havia planejado originalmente. Dos três bilhões de euros adicionais, cerca de 500 milhões serão usados para o desenvolvimento de versões e derivados do “Taycan”, cerca de um bilhão de euros para eletrificação e hibridização da linha de produtos já existente, várias centenas de milhões na expansão das instalações de produção, além de cerca de 700 milhões destinados a novas tecnologias, infraestrutura para carregamento de baterias e mobilidade inteligente.

Grandes modificações e expansão da matriz em Zuffenhausen

Na sede da Porsche em Zuffenhausen, uma nova área de pintura, uma área de montagem específica para o Taycan e um transportador aéreo de esteira para transportar as carrocerias pintadas e conjuntos mecânicos para a montagem final estão sendo construídos neste momento. A fábrica de motores existente está sendo expandida para fabricar trens de força elétricos e a área das carrocerias também será ampliada. Também há investimentos previstos para o Centro de Desenvolvimento de Weissach. A produção do Taycan está criando cerca de 1.200 novas vagas somente em Zuffenhausen.

17 comentários:

  1. Respostas
    1. Eu ia dizer o mesmo! Tesla já era! Resta agora a Tesla se fundir ou se vender a uma das gigantes do ramo ou mesmo fechar as portas dignamente enquanto é tempo.

      Excluir
    2. A Porsche possui capacidade de investimentos, dado ao Grupo VW e além disso, possui experiência em projetos, desenvolvimentos do produto, da linha de produção e com certeza fará um produto excepcional e despejará em quantidade suficiente ao mercado, isto é, tudo que a Tesla não está conseguindo fazer.

      Excluir
    3. NÃO É BEM ASSIM.EXEMPLO; IMAGINE O PREÇO DESSE PORSCHE.COM CERTEZA NÃO SERÁ 100MIL USS.

      Excluir
    4. Calma, vem ai o Tesla Roadster 0 a 100 em 1.9 s 1020 de torque e autonomia para 1000 km...

      Excluir
  2. A Porsche tem realmente o dom de conservar as raízes mesmo em modelos futuristas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente. Tudo que é produzido hoje, trás a "aura" dos modelos antepassados. Deve dar um trabalho...

      Excluir
    2. É a marca mais perfeccionista de todas, sem dúvida.

      Excluir
  3. E que carro maravilhoso é esse Porsche! Um esportivo nato sem dar a menor pista visualmente que é puramente elétrico. Belíssimo trabalho dos desenhistas.

    ResponderExcluir
  4. É cedo demais dizer que esse carro representa o fim de uma empresa como a Tesla, que esta na vanguarda da engenharia elétrica e autonoma.... elétrico tem varios por ai... esse por enqto é só mais um

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Tesla vive contando lorotas,tem mais 300 mil tesla 3 pra entregar,Não entregou nem 5 mil e quer falar no modelo Y.

      Excluir
  5. Engraçado o raciocínio de alguns por aqui, se surge um produto novo já decretam o fim de outro. Se fosse assim só existira uma marca de carros, ou um modelo de SUV, ou carro a diesel, etc...

    ResponderExcluir
  6. É uma falta de cérebro dos VW Fanboys que dá nojo...
    Porsche, junto com Mercedes-Benz são minhas marcas preferidas, mas tentem ao menos usar uma vez o cérebro: o Taycan certamente será bem mais caro que o Tesla Model S mesmo o P100 "Ludicrous Package" em sua versão flagship...
    Além disso, o Model S é bem familiar, mais até mesmo que o Panamera...
    Vocês acham que só a VW e suas marcas existem, e tudo se acaba quando elas chegam... É inegável a competência do grupo VW, mas não forcem... Tesla fez o que ninguém antes foi capaz de fazer: tornar carros elétricos viáveis de verdade...
    Usem o cérebro... Não tem contra indicações...

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.