O mercado de carros e comerciais leves global registrou emplacamento de 94,5 milhões de exemplares em 2017 - um novo recorde, que representa um avanço de 2,2% relativamente a 2017.

Grupo Volkswagen: maior do mundo em 2017

Desse total, quem liderou foi o Grupo Volkswagen, com 10,4 milhões de unidades vendidas e 11% do mercado, seguido do Grupo Toyota, com 10,16 milhões e 10,8% do mercado, enquanto a Aliança Renault-Nissan, com a aquisição da Mitsubishi, chegou à terceira colocação, com 10,11 milhões de veículos vendidos e 10,7% do mercado.


Ranking - 10 maiores grupos automotivos do mundo - 2017

GrupoVendas em 2017 (milhões de unidades)Market Share
Volkswgen10,411,0%
Toyota10,110,8%
Renault-Nissan10,110,7%
Hyundai-Kia7,27,7%
GM6,87,3%
Ford6,26,6%
Honda5,35,7%
FCA4,85,1%
PSA4,14,4%
Suzuki3,13,3%

Marcas

Toyota é a marca que mais vendeu carros em 2017

Entre as marcas mais vendidas, a liderança fica com a Toyota, com 8,7 milhões de unidades vendidas em 2017, e 9,3% de participação, seguida da Volkswagen - 6,8 milhões de emplacamentos e 7,3% de share. A Ford vem na terceira colocação, com 6,1 milhões de unidades vendidas e 6,6% do mercado global.

Ranking - 10 maiores marcas automotivas do mundo - 2017

MarcaVendas em 2017 (milhões de unidades)Market Share
Toyota8,79,3%
Volkswagen6,87,3%
Ford6,16,6%
Honda5,15,5%
Nissan5,15,4%
Hyundai4,45,2%
Chevrolet4,15,0%
Kia2,83,1%
Renault2,63,3%
Mercedes-Benz2,52,5%

Fonte: Focus2Move via Automotive Bussines

45 Comentários

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

  1. Nada como um punhado de marcas para fazer mais volume no total.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São apenas fatos. Enquanto a vw precisa de umas 10 marcas para vender pouco mais de 300 mil carros a mais que a Toyota, essa somente com 3 marcas praticamente empata com o conglomerado alemão. Inveja fica com você Carlota, que vê a sua marca amada não ter nenhum carro líder de segmento em nosso mercado e chora por causa em todas as matérias.

      Excluir
    2. Mas como tá brava com a VW liderando...cheia de lamúrias e rancor, arrumando desculpinhas para a currada da VW em cima da Toyota.

      Excluir
    3. Vi foi a currada que a Toyota deu na vw. Só olhar a tabela.

      Excluir
    4. vc se sente realizada com isso?

      Excluir
    5. Toyota vendeu 8.7 milhões de carros, vw vendeu 6.8. Diz ai que currou quem sem pena. A não ser que na sua matemática louca 6 seja maior que 8.

      Excluir
    6. ainda bem, né? porque a VW vendeu 6,8 milhões e ainda mais 2,1 milhões de Audi. Sendo que só a Audi já lucrou mais que a |Toyota inteira em 2017.
      Então, é uma estratégia muito inteligente priorizar as vendas de marcas premium, como Audi e Porsche, que geram muito mais lucros.

      Nos EUA mesmo, a VW está vendendo cerca de 35 mil carros/mês, e a Audi chegando a 28 mil unidades/mês.

      Então, para a mesma plataforma MQB, melhor vender os carros com maior lucro, que são os Audi e até os Porsche, especialmente Macan e Cayenne baseados na plataforma MLB, da Audi e Phideon.

      Isso é uma estratégia inteligente. mas as moças bravinhas não vão entender isso nunca.

      Excluir
    7. Já saiu o faturamento de cada marca?

      Excluir
    8. "ainda bem, né? porque a VW vendeu 6,8 milhões e ainda mais 2,1 milhões de Audi."

      Vamos corrigir estes números? Audi vendeu no ano passado 1.878.100 unidades:

      https://www.volkswagenag.com/en/news/2018/01/Audi_sales_17.html

      Excluir
    9. Ter marca é para quem pode. A Toyota lançou a marca Scion e teve que fechá-la, pois não conseguiu mantê-la. Isso nos EUA. O grupo Toyota depende muito da marca Toyota, que não tem crédito na Europa e China, mercado mais exigente e maior mercado, respectivamente. O Grupo VW tem mais marcas por mérito. As outras marcas são luxuosas onde a lucratividade é muito maior. Por isso, em receita, é o maior conglomerado industrial do mundo. A Toyota come poeira e sabe disso. As margens da marca Toyota são apertadas nos EUA, devido a concorrência.

      Excluir
    10. É só olhar a segunda tabela, ela mostra as vendas por marca.

      Excluir
    11. Se formos pensar que todas as montadoras tentam copiar o processo de fabricação enxuto da Toyota (fizeram até uma copia frajuta chamada lean manufacturing) e que a Toyota tem o maior índice de confiabilidade nos processos, e só questão de tempo pra Toyota ampliar e se as outras não quiserem ficar para trás que comprem mais marcas, porque com o que elas tem hoje não vão conseguir se manter

      Excluir
  2. Conteudo repetido,só pra botar a vw em primeiro lugar kkkk

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. relinchador sendo relinchandor...

      Excluir
    2. FIAT OQ? KKKKKKKKKKKKKKKKKSHAUHAUHAUAHAUAHAUA

      Excluir
    3. Friat caminha para ser incorporada. Lidera essa corrida e vai ganhar.

      Excluir
  4. Mais de 2 milhões na frente da alemã kkkk Toyota vc e a mostra. E mesmo com um grupo de mais de 8 marcas até caminhão no meio a volks não consegue uma diferença de 400 mil kkkkk

    ResponderExcluir
  5. Quando se trata de margem de lucro, o relatório consolidado de 2016 mostra uma situação bastante distinta: https://www.msn.com/pt-br/carros/curiosidades/as-20-montadoras-de-autom%c3%b3veis-mais-lucrativas-do-mundo/ss-AAuyWP5?li=AAggXC1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os resultados de 2016 foram impactados por multas do dieselgate.
      Em 2017 mudou tudo. Em 1 trimestre a VW já lucrou quase 70% do que a Toyota lucrou em 2016 inteiro.
      A lucratividade, margem de lucros e geração de caixa da VW disparou em 2017.

      https://www.car.blog.br/2017/07/lucratividade-do-grupo-volkswagen.html

      Certamente que em 2017 a VW será disparado a mais lucrativa do mundo. E isso é por um motivo bem simples: ela tem duas marcas marcas muito ucrativas, que é a Audi e a Porsche.

      Excluir
    2. Como a audi pode ser lucrativa se entre o segmento premium ela joga seus preços pra baixo( e a mais barata) e ainda por cima vende menos que MB?

      Excluir
    3. Coloquei apenas para satisfazer a curiosidade de alguns e para mostrar que faturamento bruto, associado a quantidade e preço dos carros vendidos e lucratividade (eficiência na administração)são coisas distintas.
      Vamos aguardar a análise dos balanços finais das empresas em 2017 para ver como ficou esse cenário em 2017.

      Excluir
  6. Ford ainda é um marca muito forte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato. Fiquei surpreso com essas mais de 6milhões de unidades.

      Excluir
  7. 94,5 milhões de novos carros rodando.... onde é que vamos parar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos parar em um mundo com a mobilidade, preços e liberdade cada vez melhor

      Excluir
    2. Eu acho que com a popularização de veículos autônomos, compartilhamento de veículos, Uber, etc. a tendência futura será de redução ou estabilização do volume de vendas.

      Excluir
    3. Vamos lembrar dos outros milhões de carros velhos e novos acidentados que deixaram de rodar.

      Excluir
  8. Já saiu o resultado da Audi em 2017: 1,9 milhão de unidades, 200 mil a menos do que a BMW (2,1 mi) e 400 mil a menos do que a Mercedes (2,3 mi)

    https://www.volkswagenag.com/en/news/2018/01/Audi_sales_17.html

    Será que foi só a China???

    ResponderExcluir
  9. Essa Toyota é um mostro, a Lexus e Scion, vendem muito pouco para fazer volume, a metodologia deles inspiraram o mundo moderno, parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Scion está morrendo, se já não foi enterrada. O grupo Toyota tentou criar uma marca de baixo custo nos EUA. Não deu certo. A razão é porque o americano considera os carros Toyota de baixo custo, não tem como diminuir o que já é fraco. Veja, a Europa considera a Toyota a pior marca de automóveis do continente. Fatos comprováveis por uma simples pesquisa no Google.

      Excluir
  10. Renault-nissan mais a Mitsubishi se torna o maior grupo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não. Talvez nunca chegue lá. Alcançou essa posição pela incorporação. Quando baixar a poeira, os consumidores verão a péssima qualidade dos Mit (caiu muito, por isso foi incorporada).

      Excluir
  11. Das marcas premium a Mercedes impera como sempre. First be the best, then be the first.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O grupo Mercedes é a maior dos premium. Audi, como marca, está perto. Com a força do grupo VW, Audi passa. A distância diminui ano a ano.

      Excluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Pelo contrário, diferença de vendas entre Mercedes e Audi está aumentando.

    ResponderExcluir
  14. Toyota maior marca automotiva do mundo; nada de novo!

    ResponderExcluir
  15. Tornam-se as maiores porque são arrojadas e se esforçam em expandir; mas assim como há tolos que torcem cegamente por um time de futebol, há também os tolos que torcem cegamente por um fabricante de automóveis. haja futilidade...

    ResponderExcluir
  16. Toyota é fortíssima! Parabéns, eles são muito bons no que fazem. Impressionante!

    ResponderExcluir
  17. discussão idiota! A Toyota fabricou menos mas teve mais rentabilidade...

    MAM

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

Postagem Anterior Próxima Postagem