Car.blog.br

Pesquisar este blog

JAC V260: caminhão leve chega por R$ 70 mil - detalhes

Categorias: , , 15 Comentários

A JAC MOTORS prepara o lançamento no Brasil do VUC V260, o comercial leve da marca, destinado a negócios de pequenos e médios empresários. O preço sugerido é de R$ 69.990 reais.

JAC V260 - Preço

A JAC é uma tradicional fabricante de veículos comerciais (caminhões e ônibus) na China desde os anos 60. O JAC V260 tem como diferenciais o performance do motor, que oferece torque de 260 Nm a 1.800 rpm, e o ar-condicionado de série, o qual oferece mais conforto ao motorista e eventuais ajudantes - melhorando a habitabilidade da cabine, gerando maior conforto a quem está enfrentando o caos dos congestionamentos.

JAC V260 - Interior

Com essa receita, o modelo da JAC, que tem PBT de 3.200 kg (1.510 kg de carga útil), pretende seduzir os principais clientes de comerciais leves do País. “Quem utiliza um caminhão como esse com carga total, sabe o esforço que o motorista precisa realizar para imprimir um desempenho satisfatório quando dispõe de pouco torque.


E o quanto essa lida diária é cansativa e desconfortável sem um ar-condicionado”, resume Sergio Habib, presidente da JAC Motors, ressaltando o câmbio de seis marchas para melhor aproveitamento de todo esse torque.

Caminhão JAC V260

Com distância entre-eixos de 2,47 metros, que é o maior de seu segmento, o V260 permite grande versatilidade na adoção do implemento. A JAC Motors espera consolidar seu comercial leve em diversos tipos de aplicações urbanas, com destaque para as carrocerias de metal, madeira ou baú. Ainda sobre as dimensões: a cabine do V260 é a mais alta e mais larga dentre os principais competidores desse segmento.

JAC V260 - interior


A JAC aponta que o modelo terá baixo custo de manutenção, uma vez que efetuará as revisões na própria rede autorizada JAC Motors. A montadora conta com o Centro de Distribuição de Peças, que, nos automóveis de passeio, garante agilidade do fornecimento de peças de reposição às concessionárias, com uma graduação de 95% de “pronto-atendimento” (até 24 hs para a entrega dos componentes em um raio de 600 km da Grande SP).

JAC V260

Tendo em vista a necessidade de pronto-atendimento ao cliente que depende do VUC para o trabalho diário, o objetivo da JAC é aprimorar ainda mais esse percentual e suprir rapidamente o concessionário com as peças solicitadas, permitindo a imediata manutenção e consequente retirada da loja.

Caminhão JAC V260


O V260 conta com longarinas de chassi reforçadas, com perfil retangular de 100 mm de altura por 50 mm de largura. A chapa tem espessura de 4,5 mm. Segundo a JAC, esse conjunto é superior ao da concorrência, permitindo ao operador maior confiabilidade de uso no longo prazo. Essa característica é confirmada na garantia total de 3 anos ou 100.000 km. Implementos poderão ser adquiridos diretamente na rede de concessionários, fornecidos por empresas aprovadas pela JAC Motors.

Interior


O JAC V260 dispõe de alarme, vidros e trava com acionamento elétricos, rádio MP3 com entrada USB, além de direção hidráulica, coluna de direção regulável na altura, airbag duplo, cintos de segurança com pré-tensionadores, travamento automático das portas a 15 km/h, regulagem de altura do facho dos faróis e porta-copos. Os freios são assistidos por ABS. Como novo item exclusivo, o V260 vem equipado com a exclusiva JAC Connect Front Camera, alojada no retrovisor central, e que grava num cartão de memória todas as imagens à frente do caminhão.

Ficha Técnica - JAC V260



Motor: Combustível Diesel, Tipo Common Rail, 16V, c/ EGRm, Cilindrada 1.910 cm³, Potência 103 cv a 3.600 rpm, Torque 260 Nm a 1.800 - 2.400 rpm; Transmissão: Manual, 6 Marchas, Tração: 4x2 (eixo traseiro), Direção: Hidráulica, Rodas e Pneus: Rodas: 15 polegadas, Pneus: 195/70 R15, Freios: Hidráulico com ABS. Dianteiros a disco, traseiros a tambor. Estacionamento: Mecânico; Suspensões: Dianteira c/ braços triangulares e barras de torção, Traseira c/ eixo rígido e feixe de molas, Capacidades (litros): Cárter: 7,5 , Caixa de mudanças: 2,4, Direção: 1,1, Sistema de arrefecimento: 7, Combustível: 65, Dimensões (mm): Entre-eixos: 2,470, Largura: 1,750, Comprimento máximo: 4,845, Altura: 1,953, Bitola dianteira/traseira: 1,485/1,420, Pesos (kg): Carga útil: 1.510, Peso Bruto Total (PBT): 3.200, Velocidade máxima: 130 km/h.

15 comentários:

  1. Vai micar nesse preço. O HR e o K2500 reinam sozinhos nessa categoria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. os números dele é bem inferior aos dos coreanos, e no que ele alega ser suas vantagens, os tamanhos a diferença é de milímetros.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    2. Jacmotors? Não....nem de graça.,

      Excluir
  3. Pensa o barulho insuportável do do motor nesta gabine.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se fosse só o barulho, veja meu comentário e tire sua conclusões, eu comprei o Franklisten

      Excluir
  4. Só comentários de quem não conhece de utilitário, kk
    O que importa é consumo e capacidade de carga.
    E o aro precisava ser 16, pra quem quer usar capacidade máxima.
    E não pode dar defeito como HR e Kia.

    ResponderExcluir
  5. Falta falar do consumo, o aro podia ser 16, barra de torção é ótimo.
    Não pode dar tanto defeito de motor como KIA e HR, uma troca de bicos injetores é pra mais de 6 mil só dos bicos, e tem dado defeito nas novas.
    Fixação de rodas, é com parafuso ou porca ?

    ResponderExcluir
  6. Tenho um, w o.irmao.mais velho t140 2.8 turbo, uma maravilha pra vc trocar e improvisar, sim,isso mesmo que disse!
    As peças são iguais uma lata de sardinha,uma vez uma cruzeta do câmbio.quwbrou w o.mwcanico tirou e fez no torno uma de aco, também trocou a outra que não quebrou e fez o.mwsmo.
    Fiquei dois anos com uma bucha de plástico no reservatório de água porque não tinha mó estoque pra venda, depois tiver que informar que teriam que importar a tampa da China sem previsão, descobri que a toa da.wsxania 1975 servia, o freio troquei pelo wv o cilindro ficou bom,lanterna traseira do.mercedes por que pra trocar a.lampada tinha que fazer um curso,agora quatro parafusos se troca com facilidade, troquei bancos e etc. Do presta o motor, não comprem, pra convencer eles disseram que teria a fábrica no Brasil,do tem a cerca no mato.
    Veio 500 pro Brasil, desses já quebraram, viraram sucatas, não conse peça usadas, não tem, é uma raridade.
    Caminhão desses e pra vida toda, ninguém compra, ninguém arruma, eu já tenho o.mru pra passar pra as próximas gerações, tá com pena! Compra um pra vc!depois não chore mais de arrependimento.
    Péssimo negócio

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.