Car.blog.br

Pesquisar este blog

Renault Duster 2018: fotos e especificações oficiais - vídeo

Categorias: , , , 29 Comentários

A Dacia, subsidiária da Renault na Romênia, apresenta o Novo Duster 2018 - SUV que chega com estilo exterior totalmente novo, interior reformulado com novas tecnologias e opção de tração 4x4.

Novo Renault Duster 2018

O Novo Duster 2018 é baseado na plataforma do antecessor, mas foi bastante aperfeiçoado. Entretanto, com a manutenção da plataforma conseguiu-se, segundo a Renault, manter um preço competitivo.

Novo Renault Duster 2018

Vídeo - Novo Renault (Dacia) Duster 2018



Há recursos adicionados que facilitam o uso no dia a dia, mas ele mantém o compromisso de oferecer capacidade off-road.

Novo Renault Duster 2018

O novo design do carro ressalta suas características SUV com um estilo modernizado e robusto.

Novo Renault Duster 2018

A frente e a traseira têm aspectos mais musculares e parecem mais largos pois optou-se por linhas mais horizontais.

Novo Renault Duster 2018

Enquanto isso, novas barras de teto e proeminentes proteções laterais são as credenciais do aventureiro Duster.

Novo Renault Duster 2018

O modelo conta com nova assinatura de iluminação dianteira de LED.

novo Dacia Duster 2018 - interior


Os designers trabalharam do zero para criar um interior completamente novo, que ficou mais moderna e funcional.

Novo Renault Duster 2018

O painel foi totalmente redesenhado para melhorar a ergonomia, com o display MediaNav movido para a parte superior do painel.

novo Dacia Duster 2018 - interior

Os assentos foram totalmente revisados ​​para melhorar o conforto e o suporte em curvas.

novo Dacia Duster 2018 - interior

O Novo Duster também oferece equipamentos como:

• Câmera de visão múltipla
• Aviso de ponto cego
• Airbags de cortina
• Ar condicionado automático
• Entrada de mãos livres
• Faróis de acendimento automático

Novo Renault Duster 2018

A Dacia já vendeu 434 mil veículos de janeiro a agosto de 2017 - aumento de 11%. O novo Duster tem a missão de dar continuidade a esse processo.

29 comentários:

  1. Gostei...Vai sair pelo mesmo preço de entrada seja 11900 euros com design exterior e interior novos ....o sucesso Vai continuar no mundo enteiro !

    ResponderExcluir
  2. Se vier para com o Brasil com o mesmo nível de equipamentos e motores/câmbio modernos acima da versão 1.6 SCe tende a se tornar uma boa opção de compra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acredito que vira e muito depenado, essas camaras multiplas e ar digital acho díficil chegar por aqui

      Excluir
  3. ficou bem melhor!
    O interior ficou um pouco mais limpo e por isso melhor!

    ResponderExcluir
  4. O problema desse carro é ter um motor fraco e ser muito beberrão. Coloca um motor turbo eficiente nele que a coisa começa a evoluir de verdade.

    ResponderExcluir
  5. Melhorou um pouco mas essa traseira ai hein? Q coisa horrivel

    ResponderExcluir
  6. Até que não ficou tão mal quanto alguns dizem por aí... Só não gostei das "lanternas de Jeep Renegade".

    ResponderExcluir
  7. Falta começar a ser testado e fabricado no Brasil. Também falta o projeto a ser aplicado na Oroch. Mas gostei do que vi até agora.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. O exterior não mudou muito, praticamente um novo para-choque e novas lanternas traseiras, aliás a sensação do Duster ser um SUV de fraldas continua. Podia vir com preços abaixo da EcoSport 2018, assim seria um competir direto com Tiggo2 e T5.

    ResponderExcluir
  11. Não gosto de Renault, nem de Duster, mas o interior evoluiu muito.

    ResponderExcluir
  12. Pensando bem... se melhorar o motor e preço, é uma boa pedida.

    ResponderExcluir
  13. gostei agora sim a renalt acertou, carro lindao parabens !!!!!

    ResponderExcluir
  14. Aquele vinco em arco invertido do modelo anterior (herdado do Sandero antigo) não tinha sentido algum. Agora sim ficou bem robusto.

    ResponderExcluir
  15. Não vamos nos iludir...
    No BR não vai mudar o motor nem o preço...
    Vai continuar sendo a mesma carroça de sempre...

    ResponderExcluir
  16. Não gostar da marca e descer o cacete no veículo, coisa de gente pobre mesmo que sequer tem dinheiro para comprar um usadinho de 15 anos.

    ResponderExcluir
  17. continua uma boquetagem.
    Não vi, não gostei. não verei, não gostarei.
    não testei, não aprovei. Não testarei jamais, não recomendarei nunca!

    ResponderExcluir
  18. A Renault acaba de anunciar que tem vocação chinesa para produção de carros no melhor estilo "Ctrl c + Ctrl v".
    O Grupo Fiat/Jeep/Chrysler deveria processá-la por plágio..

    ResponderExcluir
  19. Tenho um Duster 2014 com 169.700 km.
    Até o momento só troquei as correias dentadas e de alternador/ar com 80.000 e 160.000. Suspensão continua de fábrica. Excelente relação custo beneficio. Trabalho com ele. Excelente no GNV. Média perímetros urbanos 13-14 km/m3. Estrada 16-18 km/m3.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato, a Renault possui qualidade mecânica; dos carros franceses é a de maior confiança; eu até pensaria na possibilidade de ter um.

      Mas... há muuuuuuuuuiiiito o que melhorar no acabamento, e outros itens (como o ajuste de profundidade do volante do Captur, que me fez desistir de imediato do test drive, e portanto de uma possível compra).

      Bom, quanto a esta desonrosa confissão de plágio sem vergonha e discarado, pra mim é imperdoável! Argh..chega a dar nojo!

      Mesmo não gostando do Renegade, eu jamais levaria este Duster, pq nada justifica tamanha abominação ainda q no desespero por mais vendas e mais lucro.

      Aliás, a Renault não precisava disso, já vinha bem com o seu público fiel ao Duster.

      Como se vê, as estratégias de venda ainda estão bem estúpidas..

      Excluir
  20. tive um duster por 4 anos. otimo carro. so vendi o meu porque sei que ia ser reestilizado.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.