Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW promete liderança ambiental após recorde de vendas

Categorias: , , 27 Comentários

O Grupo Volkswagen anunciou seus resultados financeiros de 2016, ano no qual gerou lucro recorde mesmo, mesmo após ter feito provisão para cobrir perdas com o dieselgate. O conglomerado alemão prometeu que será um "um modelo na proteção ambiental, segurança e integridade", de acordo com o CEO, Matthias Muller.


O executivo delineou os planos do Grupo Volkswagen para se reinventar como uma empresa de mobilidade de grande alcance na sequência do escândalo dieselgate, e revelou que o grupo vendeu 10,3 milhões de carros em 2016, tornando-se o maior fabricante de automóveis do mundo. Ele fez €7,1 bilhões de euros em lucro após provisões incluindo €6,4 bilhões para cobrir os custos de dieselgate.

As vendas do Grupo Volkswagen cresceram notavelmente na China, onde os efeitos da crise do diesel foram insignificantes, avançando 12,2%. A receita de 2017 foi de € 217,3 bilhões de Euros, o que também excedeu as previsões em € 4 bilhões.

"O último ano foi desafiador, mas notadamente bem sucedido", disse o CEO do Grupo VW Matthias Muller. "Em 2016, estabelecemos o caminho para a maior transformação da história da empresa - e, ao mesmo tempo, o melhor desempenho em nosso negócio operacional do que muitos pensavam ser possível. Volkswagen está de volta aos trilhos".

Muller prometeu que o sucesso seria um catalisador para novas mudanças, acrescentando: "Ainda seremos uma das montadoras mais bem-sucedidas em 2025. Mas também seremos um importante provedor internacional de mobilidade sustentável e estabeleceremos o padrão para novos serviços de mobilidade. "


Novas iniciativas do Grupo VW incluem um objetivo declarado de assumir a liderança no campo de tecnologia de baterias em 2025, quando o Grupo VW se comprometeu a ter baterias de estado sólido em produção. Estes são vistos como o próximo passo tecnológico após as baterias de íon de lítio atualmente usadas pela maioria dos fabricantes. O conglomerado comprometeu-se a ter 30 veículos elétricos de bateria à venda em 2025.

Ele também sinalizou que a Audi foi encarregada de liderar os projetos de condução autônoma do Grupo, acrescentando que o Grupo VW agora tem 37 centros ao redor do mundo trabalhando em conceitos de condução autônoma e serviços digitais.

"A Volkswagen está se tornando mais rápida, mais focada e mais voltada para o cliente", disse Muller. "Isso nos permitirá aproveitar os pontos fortes do nosso grupo multi-marca de forma muito mais eficaz do que no passado e desenvolver novas e fascinantes soluções de mobilidade".

Muller também destacou as recentes joint ventures na China com FAW e JAC, o último dos quais levará ao co-desenvolvimento de uma linha de carros elétricos de baixo custo, Tata na Índia e com Navistar no segmento de veículos comerciais americanos como exemplos do compromisso da empresa para forjar parcerias para impulsionar o sucesso de vendas. Ele também confirmou que terá uma nova marca de carros de baixo custo à venda em mercados emergentes em 2018.

Resultados por marcas

A marca núcleo Volkswagen apresentou queda de receita de vendas de 0,6% para € 105,7 bilhões, com um lucro de € 1.9 bilhões. O retorno operacional foi de 1,8%, abaixo de 2%.


A receita de vendas da Audi , Lamborghini e Ducati foi de 59,3 bilhões de euros, um aumento de 0,9 bilhões, com um lucro de 4,8 bilhões de euros. O retorno operacional foi de 8,2%, ante 8,8% em decorrência dos custos associados ao dieselgate.


A Skoda aumentou as vendas em 9,8%, para 13,7 bilhões de euros, com margem de lucro de 30,9% para 1,2 bilhões de euros, com retorno operacional de 8,7%.


A receita de vendas da Seat cresceu 3,8%, levando a empresa a um lucro de € 153M em 2016, após perdas em 2015. O retorno operacional sobre as vendas foi de 1,7%.

A receita de vendas da Bentley aumentou 4,9%, devolvendo um lucro de € 112 milhões. O retorno operacional caiu de 5,7% para 5,5% em parte como resultado do investimento em ferramentas da Bentayga .

A receita de vendas da Porsche subiu 3,6%, com os lucros operacionais subindo 13,9%, para € 3,9 bilhões. O retorno operacional sobre as vendas aumentou de 15,8% para 17,4%.

27 comentários:

  1. VW sempre na vanguarda. É a marca mais avançada em tecnologias automotivas. É líder em sistemas de tração dianteira, tem o melhor sistema 4x4 do mundo (4Motion e Quattro), melhores motores gasolina (TSI) e diesel (TDI). A picape mais avançada (Amarok), o carro mais icônico e reconhecido do mundo (Golf), o melhor sub-compacto (up!) e agora será líder em carros elétricos.
    Congratulations VW.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora temos galinhas cocoricando aqui....legal a fauna.
      Daqui a pouco esta área de comentários será declarada área de proteção ambiental...temos relinchos, cocoricos...

      Excluir
    2. carlos4patas parece criança fã de gameboy haha, coitado... é o mesmo que argumentar com meu filinho de 4 anos.

      Excluir
    3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      VW é a marca mais avançada em tecnologia???

      Carlos e Henri Cristo se superam todos os dias.
      O encontro destes 2 iria dizimar a raça humana do planeta porque todos teriam um ataque de risos ...

      Excluir
    4. "parece criança fã de gameboy"
      Isso me lembra aquelas crianças que ficam discutindo qual video game é melhor, se Xbox ou Playstation, e brigam por causa disso.

      Excluir
    5. Pior q a melhor sempre foi a Nintendo!!!

      Excluir
    6. Foi. Hoje os Playstation são os melhores, à frente de Nintendo e Xbox (lado criança falando agora kkkk)

      Excluir
  2. Respostas
    1. Deixa de ser analfabeto. Não é "cocoricando" é "cacarejando".

      Excluir
  3. Realmente, VW tem que investir em outros conjuntos mecânicos diferentes de motores à combustão porque já provou não ter competência para tal.
    Dieselgate foi apenas o pico do iceberg ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa gueixa está irritadíssima desde que a Volkswagen superou a Toyota como maior marca do mundo.....

      Excluir
  4. Eu acho engraçado a postura de certas pessoas que desrespeita gratuitamente aos outros, indiretamente chamando as pessoas de burros/cavalos/jegues ou qualquer outro animal que relinche, afinal e um post automotivo ou para agressões gratuitas, acho que cada um tem o direito de dar sua opinião, se não for concordante com a minha, mesmo assim tenho que respeita-la, afinal não sou o dono da verdade...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você, agora explique isso ao carlos4carros...

      Excluir
    2. Amigo , apenas ignore certos comentários que na verdade prestam um grande desserviço a marca Volks. O baixo nível de tais colocações irritam as pessoas que veem feridas seu livre arbítrio, seu poder de decisão e sua liberdade de escolha. Bons argumentos convencem, imposições e depreciações geram revolta.

      Excluir
  5. Enquanto isso a operação no Brasil..... Vai naufragado

    ResponderExcluir
  6. No Brasil, vem ai mais um facelity do golzinho

    ResponderExcluir
  7. Acabaram de tirar do SIte o Golf COnfortiline 1.4 turbo. Os carros estão muito caros. E não vejo tecnologias nesses caros, Fora os controles de estabilidade e tração que exigem um bom projeto elétrico e mecânico o resto é eletrônica básica que deveria aumentar em apenas 1000 ou 2000 reais. Em relação a versão básica.

    ResponderExcluir
  8. Então , se tem competência que faça bem feito, a liderança tem que ser obtida com mérito não com gambiarras.

    ResponderExcluir
  9. Há quem goste de carros, no pleno sentido da palavra, e há quem gostem de VW... apenas isso.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.