Car.blog.br

Pesquisar este blog

Impostos e juros explicam preços dos carros no Brasil

Categorias: , , 60 Comentários

Reportagem do jornal Valor Econômico do dia 03/03 aponta que os fatores que explicam os preços dos carros no Brasil são: carga tributária, juros elevados, custo elevado de componentes eletrônicos e baixo volume de produção.

Impostos e juros explicam preços dos carros no Brasil

Segundo a matéria, o professor do MBA em administração de empresas da cadeia automotiva da Fundação Getulio Vargas, Murilo Moreno, relata que a principal causa dos preços elevados são os impostos, o que faz o preço final quase dobrar por conta deles. "Nos EUA, por exemplo, a média do imposto cobrado é de 7% a 9%, enquanto aqui ultrapassa os 40%", diz Moreno.

Ford Focus 2017

Outro elemento que gera preços elevados são as altas taxas de juros. As montadoras incorrem em custos financeiros elevados para financiar suas vendas, muito maiores que no resto do mundo. A "taxa zero", por exemplo, acaba embutida no preço.

VW Jetta 2017

O custo dos componentes eletrônicos é outro ponto que torna os carros brasileiros caros. Esses sistemas são, em geral, importados. Como as montadoras precisam adquirir de fornecedores no exterior, o custo é alto. Isso explica também os motivos pelos quais o carro no Brasil tem, em geral, menos tecnologia.

Chevrolet Cruze 2017

O volume de produção é outro elemento que encarece os carros no Brasil. "Quanto maior a produção, mais baixo o custo unitário. A indústria automobilística brasileira instalou um parque para mais de quatro milhões de carros por ano e está fabricando dois milhões. Então, todas as fábricas têm um custo fixo maior que o ideal".

Toyota Corolla 2017

Finalmente, a grande demanda por determinados modelos permite a algumas marcas ditar o preço do mercado. É o caso, por exemplo, do Corolla, que é um dos carros mais vendidos do mundo, e tem uma imagem que faz com que seja mais desejado. Nesse caso, a Toyota pode cobrar um pouco mais, porque as pessoas estão dispostas a pagar", diz o professor da FGV.

Fonte: Valor Econômico

Postagens relacionadas:

60 comentários:

  1. Respostas
    1. A maior fatia do preço é a margem de lucro. Na Europa os impostos também são altos e nem por isso os carros lá são tão caros.

      Excluir
    2. Aqui o imposto é alto sobre a renda e não sobre a produção.

      Excluir
    3. Esse progessor da fgv... Ele jura que o etios é mais caro que todos os outros da concorrência! Hahaha

      Excluir
    4. O Lucro não tem nada a ver. O problema é que além desses problemas citados pelo professor tem o custo brasil, onde entra desde custear a campanha do deputado até a péssima qualidade de nossas estradas e também a instabilidade econômica, olha só essa crise que nos enfiamos, nenhum país é tão instável como o Brasil!

      Excluir
    5. Leandro, dê uma olhada neste link https://www.google.com.br/url?sa=t&source=web&rct=j&url=http://bd.camara.gov.br/bd/bitstream/handle/bdcamara/3863/automoveis_tributos_silva.pdf%3Fsequence%3D1&ved=0ahUKEwiS1avxwsDSAhXJf5AKHVHuAdkQFggrMAI&usg=AFQjCNFOt5qhwo0AjU2O1TncayFhAFXuRw&sig2=-2bKbMi4aXTrmQn3mZhtGw

      Excluir
    6. Se o Brasil não cobrar imposto alto sobre venda de carros quebrará a economia, visto que não produzimos tecnologia e o lucro dessas empresas vai pra fora do pais. Pagamos o preço alto de no passado não ter tido investimento em ciência e tecnologia. QUem tem dinheiro tem conhecimento. Fim de papo!

      Excluir
  2. Preços elevados dos carros = prosperidade, apreciação, valorização
    Então isso é positivo!!
    Pelo menos sei que vale para os VW
    kkkkkkkkkkk ;)

    ResponderExcluir
  3. Enquanto esse país for governado pelas velhas raposas é isso aí, próxima eleição vamos dar o troco!!!!

    ResponderExcluir
  4. Claro que baixo volume de produção, os fdps preferem aumentar o preço e diminuir a oferta, do que fazer o inverso para manterem os lucros, aí depois vêem falar que a culpa é de fatores externos... tirando a responsabilidade, isso soa que água dessa política já esta batendo na bunda das montadoras, ou seja, não conseguem manter os lucros, não discordo dos impostos e os juros eles podem baixar, oferecer taxa realmente 0,afinal lucram muito com financiamento.. etc.... o que vejo ... muita pesquisa defendendo determinada visão política econômica sem idoneidade necessária...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro que preferem isso. Mais produção implica em mais funcionários. É o custo Brasil, descrito com maestria por Joelmir Beting.

      Excluir
    2. Nem sempre. O investimento em atualização tecnológica (novas máquinas) e a desregulamentação do mercado (flexibilização trabalhista ) aumentam a produção sem o aumento do número de funcionários.

      Excluir
    3. Flexibilização trabalhista = < Século XX = Maior favorecimento ao empregador, menor favorecimento ao empregado, inicialmente = Trabalhador em exaustão não produz bem = Produtos perdem qualidade = Custo segue aumentando = Preço ao consumidor continua sofrendo acréscimos

      Excluir
  5. Quero as referências, tá muito vago isso aí, tirando os tributos.

    ResponderExcluir
  6. Bom não esta bem esclarescido
    e vindo deste site
    tudo indica que é uma maneira de otimizar, valorizar o impensável
    valor absurdo que custa um automóvel nesse pais
    se um carro custa 50 e vc aplica 40% de imposto ele vai para 70
    mas 100 carro pode custar 60 sem imposto e vc acrescenta 10% da forma reversão
    seria 67 então dividindo por dollar tem se US 22,000
    ta esquisito
    tem amis coisas por detras disso a considerar
    visto que o salario aqui esta estagnado

    ResponderExcluir
  7. História mal contada, como explicar o fato de alguns carros que são fabricados no Brasil, serem vendidos mais baratos no exterior? No meio dessa conta tem muito de ganância das montadoras pois sabem que podem elevar o preço o quanto quiserem que sempre terá quem compre.
    Pra exemplificar isso, algumas fontes.

    https://www.flatout.com.br/quanto-custam-la-fora-os-carros-fabricados-no-brasil/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. como explicar o fato de alguns carros que são fabricados no Brasil, serem vendidos mais baratos no exterior?

      Isso é a evidência mais clara que o que mais impacta os preços aqui são os impostos. Os carros fabricados no Brasil são exportados SEM IMPOSTOS brasileiros, por isso são mais baratos no exterior, pois nos países onde são vendidos os impostos são muito menores.

      Excluir
    2. Mas e os juros? E a questão dos componentes? E o frete para o México? Explica o mobi la por R$22.640, e aqui 33k, faz a conta dos 40% de imposto, digamos que consiga frete grátis, mesmo assim a conta não fecha fera, no Brasil temos o LUCRO BRASIL, onde a montadora que estipula preço, e os palhaços pagam. Dólar baixando, e os carros importados, algum diminuiu o preço? O próprio presidente da Mercedes falou, se colar colou.

      Excluir
    3. É verdade Carlos! Isto é uma coisa que as pessoas não conseguem entender! Os carros são exportados sem impostos, o que reduz bastante o seu valor, podendo ser vendidos no exterior a um preço bem inferior ao praticado no Brasil (se a carga tributária do país que os importar for mais baixa)! Por outro lado, confiram só a nota fiscal de um carro importado, por exemplo, para repararem que quase 50% do que você pagou por ele entraram nos cofres do governo!

      Para pagar reajuste de servidor, pensionista, bolsa família, FIES, BPC-LOAS etc...haja imposto!

      Depois o povo fica só com esse papinho comunista de que é tudo culpa das montadoras que querem lucrar demais aqui etc...É claro que desejam lucrar, elas não são entidades filantrópicas!

      Cabe ao brasileiro saber comprar e não ficar, por exemplo, procurando só Corolla para permitir à Toyota aumentar cada vez mais o preço de seu produto (aí sim, embutindo lucro acima de lucro).

      Excluir
    4. O Lucro Brasil é devido a instabilidade econômica, vejam que mesmo com essa crise profunda e desvalorização do Real os carros sobem de preço gradativamente. Se não houvesse essa margem teriam as montadoras que elevar o preço bruscamente.

      Excluir
    5. O que mais impacta de fato sãos os impostos (que todos sabem que é alto pra qualquer coisa no Brasil), porém, temos que analisar também o lucro das montadoras que é exorbitante aqui no Brasil, enquanto o lucro médio mundial é de 5%, aqui no Brasil é de 10%.

      https://omundoemmovimento.blogosfera.uol.com.br/2012/12/13/custo-de-producao-no-brasil-e-o-menor-do-mundo-e-margem-e-o-triplo-dos-eua/

      Excluir
    6. Outra matéria bem interessante sobre o assunto.

      http://www.correiodoestado.com.br/noticias/lucro-e-nao-imposto-faz-brasileiro-pagar-o-carro-mais-caro/115896/

      Excluir
  8. Há, realmente, o peso do custo Brasil, que torna qualquer produto fabricado e vendido aqui, seja muito mais caro que lá fora. Isso se torna claro ao analisar o processo de custos de um determinado modelo fabricado aqui e vendido no exterior.
    Um gol, por exemplo, recebe quase 40% de impostos no seu preço final quando vendido no Brasil, e um pouco mais de 8% quando exportado e vendido no México, por exemplo, o que faz seu preço de venda aqui quase o dobro do de lá.
    São distorções da nossa economia engessada pelas altas taxas de juros (onde que uma taxa de quase 500% sobre o rotativo, é aplicada no cartão de crédito? Só no Brasil! Aqui no Canadá, o rotativo está entre 0,5 e 0,7%).
    E essas taxas são consequencia da necessidade do governo financiar a estrutura mastodontica e ineficaz do Estado brasileiro.
    Mas também há uma coisa que, assim como as taxas estratosfericas do cartão de crédito, tornam nossos produtos caríssimos: a alta margem de lucro das empresas, devido á baixa produtividade da indústria nacional.
    Para se ter uma idéia, são necessários 3,5 operários para produzir até 100 veículos/ano na Alemanha, em quanto que no Brasil, são necessários até 8 operários para produzir os mesmos 100 veículos/ano.
    Altíssima tecnologia robótica de última geração, além de alto índice de treinamento e especialização dos operários e, claro, uma produção em alta escala, fazem o preço de um automóvel custar quase 35% menos, em média, do preço do mesmo modelo produzido e vendido aqui.
    Resumindo: Um Estado mais enxuto, mais eficaz e que incentive o investimento e a produção, além da melhor capacitação da mão-de-obra e aumento da renda per capita, fariam do Brasil um país muito mais alinhado com seus pares do 1o mundo, o que, infelizmente, não acontecerá tão cedo.



    ResponderExcluir
  9. Bla bla bla! Tem problema de impostos altos? Tem sim. Tem juros e preços de eletrônicos mais altos? Até pode ser. Mas o grande peso dos altos preços dos carros nacionais é a ganância das montadoras que montaram um verdadeiro cartel. O resto, é especialistas espetinhos defendendo

    ResponderExcluir
  10. Os impostos não justificam o valor absurdo dos automóveis, as montadoras pedem o preço que querem e o governo permite e o brasileiro tonto compra, exemplo a Ecoplastico (Ecospot) valer 50 mik, receita que deu certo a anos e pelo jeito vai continuar

    ResponderExcluir
  11. Um absurdo mesmo:

    Strada - 80 mil
    Gol - 60 mil
    Fox - 76 mil
    SpaceFox - 101 mil
    City - 82 mil

    ResponderExcluir
  12. Os altos impostos não dão tregua a quem produz e muito menos a quem importa.
    E o consumidor é quem paga.

    Triste isso.

    ResponderExcluir
  13. Você aqui paga seu carro, um e meio ou dois para a montadora (/ banco) e outro para o governo. Se colar colou... e cola. Mas por um lado as cidades estão entulhadas de automóveis, não tem infraestrutura para eles... No primeiro mundo além do welfare state que funciona e não é pequeno..., ainda estão projetando cidades para uma criança de dez anos poder atravessa-la... mas brasileiro só acha bonito isso la fora, e aqui nos nos matamos...

    ResponderExcluir
  14. Mentira. Já fui em várias palestras de veículos automotores, tanto sobre mecânica o como será o futuro da industria automobilística no país, grande maioria dos palestrante eram ex-CEO's da Fiat, Ford, Chevrolet etc... Todos já confirmaram de forma explicita (para todos ouvirem) ou de forma implícita (não querem demonstrar) que a culpa é do povo que aceita essa margem de lucro. É a famosa história do "Se colar, colou".

    ResponderExcluir
  15. Margem de lucro das montadoras é absurda. Por que não falam disso? Midia vendida

    ResponderExcluir
  16. Isso ė piada, o custo de producao e a carga tributaria para produzir e vender uma BMW tanto no brasil como na Argentina é o mesmo, de fato o valor final de venda na bananolândia é maior.
    O lucro é estipulado no campo onde ocorre a venda, se pagam mais carro eu vendo mais carro.
    So nao vem com essa de imposto por favor.

    ResponderExcluir
  17. Mimimi ao quadrado, povo que se vitimiza. O Brasil é um país exportador de commodities, isso torna o câmbio mais apreciado que normalmente aconteceria num país emergente e os produtos industriais fabricados aqui ficam caros em dólar. Na Austrália, que apesar de rica, sofre do mesmo problema de competitividade industrial por ser exportadora de commodities, a indústria automobilística simplesmente desapareceu, porque ela não era competitiva, preferiu importar tudo barato do exterior. Aqui no Brasil, por decisão do governo a indústria automobilística não desapareceu, pensando nos empregos, existem taxações pesadas para carros importados, o que permite a nossa indústria pouco competitiva sobreviver. Caso a taxação sobre os importados fosse zerada, ia chegar carro de todo mundo muito barato por aqui. Não tem nada a ver com maldade das montadoras, aliás muitas estão no prejuízo por aqui. E essa coisa de ver o aumento dos preços em real nos últimos anos como abusivo também não tem razão, tudo no país subiu em real por causa das inflação, os carros foram um dos poucos produtos que subiram abaixo da inflação, mas muitos queriam que os preços ficasse petrificados no mesmo valor com a inflação anual do país variando entre 6% e 10%, como se essa inflação não atingisse as montadoras, vai entender.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A questao nao é os carros importados mas sim os produzidos em territorio nacional.
      E outra me diga alguma montadora por aqui a qual não possua isencao fiscal?
      Por exemplo a GM de gravatai, ganhou terreno (para ela e seus fornecedores) e isencao fiscal.
      Tipo se eu tenho uma mecanica de fundo de quintal tenho que dar parte da minha receita ao governo, as gigantes não.
      Para ter um exemplo aconteceu esta semana no mercado de processadores onde a AMD lançou sua nova linha Rizen pra competir com os I7, processadores melhores ou equiparados mas com um detalhe, alguns com menos da metade do preço.
      Final das contas a Intel baixou o preço de sua linha em até 40 %, e com esta desicao a Intel vai perder dinheiro? Logico que não.
      Entaum nao ajude as montadoras a tapiarem seus lucros.
      Isso é mercado.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  18. Quanto funcionário público defendendo imposto, só pode... imposto para encher bolso de político promotor e juiz como conheço vários ganhando 50 a 100 mil... Estou em orlando com três carros alugados, o q uso eh um camry q aqui não se destaca em nada. carrinho de 25k q no Brasil chega por 200 graças a q? imposto de importação... imposto q eh 40% so q arrocha tb o funcionário tirando mais 35% e q já foi aplicado em cascata em todo componente produzido ou importado... imposto q Afugenta o consumidor e consequentemente o investidor... Não se deixe enganar aqui o problema eh o imposto, se tiver oportunidade vá nos eua um dia Para vc entender melhor...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um carro importado desse paga 37% de IPI mais 35% de imposto de importação quando chega aqui, fora o custo de transporte e outras taxas, explica a diferença de custos. Quando se compara o carro feito no Brasil com o carro feito nos EUA, a diferença é muito menor, o Cruze automático mais barato nos EUA custa 20 mil dólares, ou uns 63 mil reais, aqui 91 mil reais.
      http://quatrorodas.abril.com.br/noticias/carros-importados-podem-ter-reducao-de-ipi-mas-so-em-2018/
      http://www.blogdaslocadoras.com.br/carros/termino-do-inovar-auto-deve-favorecer-veiculos-importados.html

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Os políticos de orlando devem encher os bolsos de ar então... rsrs
      Nooossa! Alugar um carro deve ser tão gostoso! Arranhar a lataria deve te dar um orgasmo mental! Quebrar a chave então! E bater? Pourra! Deve ser melhor que transar!

      Excluir
    4. vc já ouviu falar em seguro total? inveja eh uma merda.

      Excluir
    5. @Samuel, sim eu escrevi mal ali,40% era já voltando ao assunto da produção local e não Para importar. custo total pf Para importar eh em torno de 120%

      Excluir
  19. Impostos e juros explicam boa parte dos preços, mas o diferencial final ainda é a margem de lucro que montadoras e concessionárias abocanham.

    http://www.ugt.org.br/index.php/post/12555-Lucro,-e-nao-imposto,-faz-brasileiro-pagar-o-carro-mais-caro-do-mundo

    ResponderExcluir
  20. Quero dizer que a questão é pior do que se imagina
    aqui no Estado de São Paulo na nota fiscal sai o valor do imposto no item obs
    e comprei em nome da minha esposa um Cruze ltz 1 cor branco abalone- branco perolizado e foi pago R$98.490,00, e de impostos R$53824,79
    é sim senhor esse absurdo que pagamos
    no caso meu 53824,79/98400,00 = 0,55, ou 54,70% do que paguei , paguei para o governo federal e estadual
    lamentável
    o resto dito aqui é baboseira e sem fundamento
    isso é real
    um cruze sem impostos seria R$44.665,21
    entenderão ou não
    caso comprasse no USA R$53.151,60
    na Alemanha R$54.714,88

    ResponderExcluir
  21. O problema não são os impostos. O problema são as fabricantes cobrarem lucros em cima da porra de um imposto. E isso acontece lá nos EUA também! Se lá cobram 7%, então a mintadora cobra 14%. O que não dá nem pra sentir. Agora, aqui... 40% de imposto, cobram 80%! O que realmente faz o preço do carro dobrar no brasil. Então a culpa continua sendo das fabricantes!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "lucro em cima de imposto"

      Tem muita gente falando bobagem aqui, mas esse sujeito está conseguindo relinchar bosta como jamais se viu na história da humanidade...
      Nunca vi tanta bibagem escrita junta em 4 linhas...

      Excluir
    2. O Nivaldo demonstrou com um caso concreto (e TEORICAMENTE simples de se compreender) que o problema são os impostos e ponto final. Discussão inútil essa que tá rolando aqui!!! No mundo inteiro as montadoras querem ter lucro, isso é óbvio e não há diferença entre os países... sem lucro uma montadora fecha as portas... assim como uma padaria, uma loja de roupas, um hotel etc... MAS NO BRASIL O CARA COMPRA UM CARRO DE 98 MIL E PAGA 53 MIL DE IMPOSTOS.

      Ótimo artigo para contribuir para uma melhor compreensão do quanto somos ferrados pelo nosso governo. TUDO O QUE COMPRAMOS DEVERIA TER EXPLÍCITO O IMPOSTO PAGO.

      Excluir
    3. Kkkkk....chorei de rir aqui. De onde aparecem essas pessoas???

      Excluir
  22. Charles, com exceção das suas amadas japonesas, quais montadoras tem lucro hj no Brasil?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A grande maioria.
      Se não desse lucro não estariam por aqui.

      Agora, na América Latina esse número cai bastante.
      Ford, GM, Fiat, anunciaram prejuízo em 2016.
      VW mostrou seus números anual de lucro, mas não descriminou suas parcelas por país e continente ...

      Excluir
  23. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  24. bla bla bla, só sei que se o golf continuar se "valorizando" todo o mês, daqui a poco vai ser mais lucro comprar ele por importação direta dos EUA.

    ResponderExcluir
  25. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  26. Os 40% ou 50% de impostos são o maior absurdo. Pense bem. Pra cada 1 veículo que a montadora precisa desenvolver, desenvolver linha de montagem, fabricar, transportar, criar uma rede de Css, dar garantia, etc .... ao final, o mesmo valor que ela "ganha", nosso governo ganha aproximadamente o mesmo valor.

    Mas ganha sem fazer absolutamente nada. Por mais que a margem de lucro seja alta no Brasil (teoria, pq não tenho prova disso) nada justifica tamanha carga de imposto.

    ResponderExcluir
  27. Não sei que tanto mimimi com preço. Os carros no Brasil mesmo com esses impostos absurdos estão os mais baratos do mundo.

    http://www.car.blog.br/2016/10/vw-golf-tsi-brasileiro-preco-e-o-mais.html

    Não tem dinheiro? Não compre. Ande de ônibus ou bike, como eu. Mas não fique de mimimi em forum, que tem que ser preço x, preço y.

    A verdade é que os carros no Brasil são os mais baratos do mundo. E as empresas estão todas tomando preju, pois com tal nível de preço elas são inviáveis.

    ResponderExcluir
  28. O fato é que a inflação e juros altos detonaram o setor automotivo, eu por ex. 3 Anos atrás comprei Golf highline 20 mil reais mais barato e com taxa de 0,99 ao mês, hoje além do carro estar mais caro, o financiamento mais que dobrou a taxa tbm, agora vejamos, a concessionária VW onde comprei fechou, junto com Ford, Fiat e Renault que tinha próximo dela. Portanto isso é um sinal evidente que a matéria está certa, as margens de lucro podem ser altas, mas não garantiram a sobrevivência dos concessionários... E temos que lembrar que nossas montadoras tem muita dificuldade para demitir, fechar fábricas, etc. O resultado está ai, estamos pagando a ineficiência do mercado, pagando os empregos ociosos, pagando fábricas com produção muito abaixo dá capacidade, pagando os juros das operações financeiras das montadoras e pagando imposto, muito imposto.

    ResponderExcluir
  29. RESUMO GERAL : IMPOSTOS SUPER ELEVADOS, FABRICANTES OPORTUNISTAS E GANANCIOSOS E POVO BURRO QUE COMPRA QUALQUER LIXO DESDE QUE ACHE BONITO ( SEM PREOCUPAR COM SEGURANÇA ) !!!

    ResponderExcluir
  30. O preço elevado de carros no Brasil se chama ganância tanto do governo devido aos impostos quanto das montadoras devido ao lucro de um por um em cada carro vendido. Se não acredita faça as contas em dólar e compare aos preços praticados nos EUA.

    ResponderExcluir
  31. Jamais compro carros com esses valores.camaro zero menos de 30.000 dólares. Corrola xe 2.0 99.000 mil reais promoção. Kkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  32. Esse negócio de dolar alto é mentira pois em 2015 U$1,00 chegou a R$4,20 e subiram o preço de quase todos os carros com essa desculpa. Baixou o dolar a R$3,10 (2017) e não baixaram R$0,01 centavo do preço do carro.

    O carro é caro no Brasil pois existe um CARTEL que o GOVERNO PROTEGE pois dá muita contribuição em forma de IMPOSTO e uma margem de LUCRO absurda para as montadoras.

    Sobra para o brasileiro (otário) pagar o preço. Como sempre.

    ResponderExcluir
  33. Papinho furado...os preços dos carros aumentam a cada dois meses. Isso não tem explicação, a não ser ganância das montadoras e burrice extrema do povo brasileiro que continua comprando e trocando de carro toda hora.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.