Car.blog.br

Pesquisar este blog

Renaul Captur chega ao Brasil este mês: preço ~ R$ 79 mil

Categorias: , , 45 Comentários

A Renault do Brasil já está distribuindo em sua rede de concessionárias o seu novo SUV compacto Captur, modelo que será lançado oficialmente no dia 14 de fevereiro, e terá preços entre R$ 79 mil e R$ 89 mil reais (preços podem variar ainda um pouco para mais ou menos).

Renault Captur 2017 - Preço

O SUV faz uso da plataforma do Duster, outro modelo da marca, porém é ainda mais robusto. O carro será produzido no Paraná, no complexo Ayrton Senna, em São José dos Pinhais.

Renault Captur 2017 - Preço

O Captur chega ao mercado em quatro versões: a Zen com o novo motor 1.6 SCe, de 118 cavalos com etanol e 115 cv com gasolina. O torque é de 16 kgfm com etanol ou gasolina. A versão de acesso tem câmbio manual de cinco marchas. Uma segunda versão Zen também 1.6 SCe estará disponível, mas com câmbio automático CVT.



As outras versões que são mais completas foram chamadas de Intense, uma também equipada com motor 1.6 SCe com câmbio automático CVT e a outra, top de linha, com motor 2.0 16V de 143 cavalos, mas associada com uma transmissão automática convencional de quatro marchas. Este configuração é indicada para quem deseja mais desempenho.

Renault Captur 2017 - Preço

O carro estará disponível em versões flex e apenas gasolina com itens de série como controles eletrônicos de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampas, chave cartão “hands free”, retrovisores elétricos rebatíveis e quatro airbags.

Renault Captur 2017 - Preço

O Captur se posiciona no mercado acima do Duster, apesar de compartilhar com este a mesma plataforma. Entretanto o Caputur tem uma aparência externa e interna mais sofisticada, com acabamentos e revestimentos de melhor qualidade, design mais refinado, e possibilidade de pintura com duas tonalidades.

Postagens relacionadas:

45 comentários:

  1. Respostas
    1. Olha, entre 2008 THP e o Duster "Emperequetado" pode ter certeza de que a Renault é a menos pior.

      As vendas não serão nada que incomode os líderes, mas vai vender pelo menos 2x os números do 2008...

      Excluir
    2. O 2008 é um belíssimo carro, extremamente bem equipado, bonito, moderno, mesmo padrão europeu (não do leste europeu). Ele tem dois defeitos, uma é o fato de 2008 aspirado possuir um câmbio automático de somente 4 marchas, que é de fato ultrapassado, principalmente em relação ao consumo. Defeito no câmbio que se mantém no 2008 thp não possuir versão automática, que é essencial para carros nessa faixa de preço nos dias de hj... Eu possuo um Griffe automático e estou extremamente satisfeito, embora o consumo seja alto (o meu faz 8 com gaslina, 7 se minha esposa estiver dirigindo). O carro se adequa perfeitamente a forma e o local (urbano) em que dirijo(sou um pai de família, e não um piloto de f1), além de ser um carro extremamente confortável e de ter tido um ótima negociação na compra em relação às concorrente. Ainda que perca mais na revenda, como devo ficar com o carro pelo menos 4 anos, trata-se de uma questão totalmente secundária. Obs. Vi várias vezes a Duster, e é um carro que parece de outra categoria em relação ao 2008, dá um aspecto de carro inferior, pelo menos a primeira vista, e nas fotos o Captur deixa essa mesma impressão, embora cobre mais...

      Excluir
    3. Eu tenho 2008 THP. prefiro câmbio manual, pois tenho domínio sobre o carro, gosto pessoal. Faço viagens constantes nas montanhas do ES e o carro sobra na estrada. Ele não sofre nas subidas, arrancada excepcional. Consumo baixíssimo. Vem com 06 air bags.
      Outros SUVs, Renegade, Captur, Creta, kicks têm motor de brinquedo. 120cv, com família e bagagens, não agüenta o tranco.

      Excluir
    4. O Pegeout THP é o ideal, infelizmente nem pensei nele pois o meu 2008 quem dirige é a minha esposa e ela só queria se fosse automático... motor para mim, embora importante, não é principal pois 95% do meu percurso feito no 2008 é urbano, em locais limitados a 60/80 km/h e mesmo quando viajo não senti grandes dificuldades, é claro que falta motor, mas 99% do tempo não faz diferença...Ele compensa com o conforto...o THP em relação ao griffe tem outra vantagem que é o ESP e o control grid (esse eu não sei se tem serventia...).

      Excluir
    5. Nunca usei o GRIP. Mas, está disponível caso precisar. O ESP é fundamental, mantendo a estabilidade do veículo nas curvas.

      Excluir
  2. É um Duster mais "bonitinho" pena que se não estiver equivocado vem com um AT de 4 velocidades na motorização 2.0; outra que internamente pelo que vi o acabamento é mediano, tendo os mesmos problemas de ergonomia dos Renault, com botões em lugares pra lá de mal posicionados... a central é boa, mas não gosto visualmente, parece que estou dentro de um Sandero ou Logan. Acho que se muito irá ficar acima do Duster em vendas, ou não, visto que por ser mais caro brigará com modelos de igual patamar, o Duster vendia bem brigando por baixo. Vamos aguardar pra vê !

    ResponderExcluir
  3. "O carro estará disponível em versões flex e apenas gasolina"............ Não entendi..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simples, uma versão FLEX e outra gasolina...

      Excluir
  4. Cambio AT de 4 marchas é inacreditável...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas a 1.6 CVT pode salvar as vendas. O carro ficou lindo.

      Excluir
    2. Bonito ordinário.
      O que impedirá a Captur alçar números de vendas melhores será o interior pobre e algumas deficiências do modelo, como o péssimo isolamento acústico e montagem ruim. Há muitas recargas e cantos vivos...

      Excluir
    3. 116cv. Vai disputar corrida de lentidão com o Creta, kicks, Renegade.

      Excluir
  5. Por não CVT no 2.0? Não entendo... Essa configuração já não existia no sedan médio da marca?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também esperava a Captur com o conjunto 2.0 + CVT do fluence mas não veio. Testei uma Oroch com esse conjunto 2.0 + auto 4 e deram uma melhorada boa na relação entre eles ficou mais macio e não "grita" tanto a 120 km/h. O carro ficou bem bonito apesar de muito plástico dentro. Se a versão que eu vi custar 89 compro hoje.

      Excluir
    2. isso ae o pessoal fala do cambio AT de $ marchas como um ABSURDO sem ter andado no carro. Aluguei uma Duster 2.0 AT e me surpreendi com o cambio macio e rapido nas trocas, alem de nao trabalhar com giro alto na estrada, o pessoal fala pelos cotovelos

      Excluir
    3. A questão não é somente pelo AT-4, mas evidentemente um produto que a Renault decidiu por investimentos singelos.
      O segmento de SUV compactos está em plena ascensão e nada mais sensato a oferta de um produto competitivo, mas não é o caso da Captur.

      O interior é simples e o acabamento de aspecto pobre. Há peças com rebarbas e cantos vivos. O isolamento acústico é muito grosseiro (ouve-se o combustível no tanque; e a rodagem dos pneus).
      O 2.0 não é nada eficiente e o AT-4 tem acerto muito ruim (apesar das melhorias implementadas recentemente). Não cheguei a testar o 1.6 CVT, mas a tomar como referência a dinâmica do 2.0 AT-4 será uma versão apenas para se deslocar na cidade, porque pegar estrada é passar sufoco.

      Para um carro que começa aos R$ 80k oferece muito pouco pelo que pede.
      Definitivamente, esse AT-4 é um tiro no pé com uma metralhadora de 30 mm ...


      Excluir
    4. O problema do AT4 não é a velocidade da troca de marchas. Como há muito espaço na troca, o motor trabalha sempre em giro alto, aumentando o consumo. O consumo é desanimador e triste. Experiência própria, não falo pelos cotovelos.

      Excluir
  6. Quem já teve Scenic vai se sentir em casa.

    ResponderExcluir
  7. Motor de 115 cv e cambio de 4 marchar não da né.
    O Creta 1.6 e muito mais interessante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O motor de 115cv é o 1.6 e terá câmbio manual ou CVT o câmbio automático de 4 marchas fica pra 2.0

      Excluir
  8. Duster Gourmetizado
    Mas o interior continua o padrão medíocre da Renault.

    Terá vendas mornas...

    ResponderExcluir
  9. Captur...um amontoado de plásticos baratos, com motores arcaicos, bizarro câmbio de QUATRO marchas, feito sobre o lixo do Dacia Duster...

    ResponderExcluir
  10. Até a central multimídia é a mesma xing ling do duster...

    ResponderExcluir
  11. Captur... só lembro daquela meretriz da novela. :)

    ResponderExcluir
  12. "Aparência externa e interna mais sofisticada" que o Duster? Meio óbivio, perto do Duster, qualquer coisa aparenta ser melhor do que efetivamente é! Mas, em um contexto mais amplo, segue sendo um velho e ordinário Dacia, como os demais... se um câmbio AT4 já soava ridículo em um "belo" Etios, imagina em um SUV que se pretende concorrente de HR-V e cia.! É a Renault seguindo a escola da Fiat, que queria ver seu Linea dualogic fazendo frente a Corolla, Civic e etc. e se deu obviamente mal. O consumidor brasileiro é mal informado e adora carros engraçadinhos, mas tudo tem limite...

    ResponderExcluir
  13. Se o preço for um pouco para baixo vai vender muito

    ResponderExcluir
  14. sacanagem cambio de AT de 4 marchas?? ja nasceu defasado... ave ainda fico com a nova tracker entre os suvs em segundo o creta...

    ResponderExcluir
  15. Respostas
    1. Frente a concorrência de baixo nível... Mas, o HR-V também deve muito.

      Excluir
  16. Mais do mesmo esse carrinho, motor manco e de quebra a versão 2.0 com AT comum, nao é o CVT, que piada.
    Eu discordo de quem fala do 2008THP ter "defeito" por nao ter cambio automatico, não são todas as pessoas que preferem comodidade de cambio AT. Na Europa, as vendas de carros MT e AT são bem parelhas. pra quem curte "dirigir" e não "tocar"(palavras com significado diferente no mundo automotivo), um MT é mto melhor, obvio que não se terá a comunidade que um AT oferece, mas convenhamos, MT nunca sairá de moda, como é o caso do 2008THP MT6, o problema desse carro não é o carro em si, é o consumidor mesmo. Pra mim esse veiculo beira a perfeição, design, motor brutal, economia se o condutor souber fazer, conforto/conveniência, segurança e finalmente PREÇO, oferecendo mto mais e custando mto menos que a concorrencia...Incrivel como a midia tira o 2008THP fora de qlquer comparativo como se o fato de não ter AT fosse um demérito tão grande que o carro não tenha muitas outras qualidades, só no BR mesmo pra fazerem isso. de 0 a 10 eu dou 8 pro 2008THP (por no minimo não oferecer a opção de AT6), mesmo assim com 8, ele supera TODOS os pseudos SUV's do mercado atual...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comentário mais sensato, realmente concordo plenamente 2008 thp beira a perfeição

      Excluir
    2. 2008THP, carro pra quem conhece e não pra quem vai por mídia. É muito melhor que os rivais, não há nada de ruim nesse carro pra desmerecerem tanto, pra mim realmente é o melhor carro, num conjunto total, fabricado no país hoje...

      Excluir
    3. Eu tenho um! Motor sobra nas montanhas do ES. Dirijo sempre no macio, mas quando precisa o motor sempre está presente. Consumo baixíssimo. Trabalho no interior e moro na capital, Vitória. Conforto sobra.

      Excluir
  17. Já tivemos uma deste automática e se for pra andar na cidade ou estrada com calma o carro vai bem sem tranco e trocas de marcha em baixo giro,agora por conta das relações de marcha serem longas vc acelera parece que o carro n vai mudar de marcha, pra desempenho é realmente mto ruim

    ResponderExcluir
  18. Esta é a nova versão da Duster ? HRV mais líder do que nunca.

    ResponderExcluir
  19. 80 mil em 1 carro 1.6 ???. É isso mesmo ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 2008 THP é 1.6 Turbo.

      Porém, no caso do Renault, num aspirado e pesado, é lentidão e consumo elevado

      Excluir
  20. 79 mil nessa jabiraca, prefiro um golf ou DS5,fusion semi novo com 2,3 anos de uso brasileiro ama caroça mesmo

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.