Car.blog.br

Pesquisar este blog

Rolls Royce esclarece acusação de propinas na Petrobras

Categorias: , , 2 Comentários

Na última semana surgiram notícias de que a empresa britânica Rolls Royce pagou propinas de R$ 29,6 milhões de reais para obter contratos com a Petrobras (veja aqui e aqui), o que levou a Rolls-Royce Motor Cars a divulgar um comunicado oficial a fim de "esclarecer a confusão e as declarações errôneas que surgiram em certos meios de comunicação em todo o mundo", a qual reproduzimos abaixo.


"A Rolls-Royce Motor Cars é uma empresa completamente independente da Rolls-Royce plc [que é efetivamente a empresa que está sendo acusada de pagar propinas para obter contratos na Petrobas], e que fabrica sistemas de energia para aeronaves, navios e aplicações terrestres.

Já a Rolls-Royce Motor Cars é uma subsidiária integral do Grupo BMW (Munique), com sede em Goodwood, perto de Chichester em West Sussex, Reino Unido. Iniciou seus negócios em 1 de janeiro de 2003 em sua nova unidade de produção global. A Rolls-Royce Motor Cars fabrica e vende automóveis de luxo do mundo, incluindo os modelos Phantom, Ghost, Wraith e Dawn.

Como uma empresa inteiramente separada, a Rolls-Royce Motor Cars não tem qualquer envolvimento em questões relacionadas com o suposto suborno e subseqüentes acordos legais alcançados pela Rolls-Royce plc com autoridades de várias jurisdições, incluindo o Reino Unido, Estados Unidos e Brasil.

A Rolls-Royce Motor Cars anunciou recentemente o seu segundo maior resultado anual de vendas na história da marca, com 113 anos, 6% acima dos seus resultados de 2015. Um total de 4.011 carros foram entregues a clientes em mais de 50 países, afirmando a força da marca e resiliência em um ano de condições de mercado desafiadoras para bens de luxo em todo o mundo".

2 comentários:

  1. O carro bebe que nem o demônio, teria que ser sócio da Petrobras para ter um carro desse.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.