Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW Golf e Up! 2017: preços sugeridos das revisões anuais

Categorias: , , , 35 Comentários

A Volkswagen do Brasil já divulga em seu site (veja aqui) os valores do seu novo plano de revisões com periodicidade anual ou a cada 10.000 km, válido para modelos 2017 adquiridos a partir deste mês de outubro de 2016.

Volkswagen Golf 2017 - preço de revisões

No site informado acima é possível verificar os preços fixos de revisão para cada modelo da marca (que já incluí a mão de obra), com diferenciação pela localidade (CEP). O sistema também informa o tempo previsto de manutenção e os itens que serão verificados e os que serão trocados.

Volkswagen Golf 2017 - preço de revisões

O Volkswagen Golf 1.0 TSI, por exemplo, tem os seguintes valores de revisão (dados relativos à Brasília - DF): 1ª - R$ 258; 2ª - R$ 642; 3ª - R$ 458; 4ª - R$ R$ 642; R$ 5ª - R$ 458.



Dessa forma, o proprietário de um Golf 1.0 TSI gastará R$ 2.458 reais ao longo de cinco anos com custos de revisão.

Volkswagen Golf 2017 - preço de revisões

Já o Golf 1.4 TSI Highline Automático fica marginalmente mais caro, com custo total de R$ 2.524 reais.

Volkswagen Up! 2017 - preços de revisões

O Volkswagen Up!, por sua vez, tem custo total de revisão ao longo de cinco anos de R$ 2.228 reais para o modelo MPI, e de R$ 2.211 reais para o TSI.

Tabela - Preço de revisões - Golf e Up! 2017

Modelo1 ano ou 10.000km2 anos ou 20.000 km3 anos ou 30.000 km4 anos ou 40.000 km5 anos ou 50.000 kmTotal
Golf 1.0 TSIR$ 258R$ 642R$ 458R$ 642R$ 458R$ 2.458
Golf 1.4 TSI AT6R$ 258R$ 675R$ 458R$ 675R$ 458R$ 2.524
Up! MPIR$ 243R$ 517R$ 413R$ 643R$ 413R$ 2.228
Up! TSIR$ 265R$ 539R$ 435R$ 539R$ 435R$ 2.211

Postagens relacionadas:

35 comentários:

  1. Tão bons os preços das revisões anuais do Golf.

    ResponderExcluir
  2. Esses preços são todos com a mão de obra incluída, ou apenas as peças???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sabe ler? Está na matéria e no site.
      Todos os preços de revisões da VW TEM MÃO DE OBRA INCLUSA.

      Excluir
    2. Carlão, na próxima desenha

      Excluir
  3. Se dividir o total por dez tem-se entre 220 e 250 por semestre. Ficou bom assim. Até hoje se gastava em torno de 400 por semestre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato. E ainda que os preços já incluem a mão de obra, então os valores da Volkswagen estão realmente muito baixos.
      E o melhor de tudo é que já se sabe até os 100.000 km ou 10 anos tudo que se vai gastar, pois está tudo tabelado. E não há surpresas, já que está especificado mão de obra e peças.
      Enfim, VW hoje tem um dos melhores pós-venda do Brasil: preços baixos, bom atendimento, e previsibilidade.
      Só posso dar os parabéns!

      Excluir
    2. paguei 280 na revisão de um ano do Corolla, COM MAO DE OBRA INCLUSO, beijo VW!

      Excluir
    3. paguei 280 na revisão de um ano do Corolla, COM MAO DE OBRA INCLUSO, beijo VW!

      Se tivesse na Volks, pagaria R$ 258 reais. Beijo Toyota.

      Excluir
    4. Lembrando que o Golf aos 60 mil km tem um serviço extra pesado e dolorido, velas 400 reais e DSG mais uns 700 reais, acho. Mais pneus.

      E o Up 150 reais em velas, mais pastilhas de freio.

      A briga hoje está sendo o seguro anual do Golf TSI DSG, estou negociando, já baixou pra 3000 reais. Vi proposta de 4400r. Assusta.

      Excluir
    5. Lembrando que o Golf aos 60 mil km tem um serviço extra pesado e dolorido, velas 400 reais e DSG mais uns 700 reais, acho. Mais pneus.

      O Golf Highline 2016 e 2017 não tem manuteção de DSG, pois esses modelos adotaram o câmbio automático AISIN com conversor de torque de seis marchas que não exige manutenção JAMAIS, nem troca de óleo! Mais um benefício do Golf Nacional em relação aos importados: revisões mais baratas.

      Lembrando que o Golf TSI AT6 flex nacional anda mais e bebe menos que os 1.4 TSI DSG importados.

      E mesmo assim, o Golf TSI AT6 tem manutenção mais barata. Bem mais barata.

      Em relação aos pneus, o Golf nacional consome muito menos pneus que os importados, pois o Golf 1.4 TSI nacional vem com suspensão traseira interdependente, que não DESALINHA NUNCA o eixo traseiro. Logo, as rodas traseiras do Golf nacional andam sempre no alinhamento perfeito, mesmo com pancadas, e não sofrem desgaste.

      Já o Golf importado tem suspensão multilink, que é menos robusta que a dos Golf nacionais, e exige alinhamento constante nas rodas traseiras (isso acontece com os Focus nacionais e Civic também). Mas como nem todos olham isso, então os pneus dos Golf importados têm maior desgaste.

      Outro ponto é que a suspensão traseira do Golf nacional é muito mais robusta, e não exige manuteção. Enquanto a do Golf importado é mais delicada.

      Em resumo: Golf Highline TSI nacional: anda mais, bebe menos, manuteção muito mais barata, suspensão mais macia, câmbio mais robusto, silencioso e suave, e que não exige manutenção jamais.

      Ou seja, o Golf nacional é muito superior ao importado. parabéns VW!

      Excluir
    6. Carlos, sorry, eu deletei o jurássico AISIN da minha cabeça, o DSG é muito bom. Mesmo assim, vale o texto pro GTI (rrss).

      Falando serio, no AISIN (conversor de torque) não se troca o lubrificante aos 60-80 mil km? Acho difícil.

      Excluir
    7. O AISIN de 6 marchas usado no Golf nacional foi lançado em 2009. Enquanto o DSG do Golf importado em 2002. Então, pelo critério cronológico, o DSG é mais jurássico que o AISIN 6.

      Outra questão. Os câmbios automáticos com conversor de torque são os adotados nos modelos mais topo de gama das marcas. Olhe o A4 mesmo. Os 2.0 vem com DSG, já o 3.0 V6 Biturbo vem com o automático com conversor de torque.
      Ou seja, câmbio de conversor de torque aplicado em carros mais topo. Câmbio DSG nos mais baratos.

      O Golf nacional usa conversor de torque, que é um câmbio mais caro, mais robusto, mais suave e mais silencioso que o DSG.

      Então, qualquer pessoa racionalmente prefere o Golf nacional, pois tem um câmbio melhor que o importado. Apenas fatos.

      Excluir
  4. Estava observando no site, as novas revisões anuais só valem para veículos adquiridos a parti de outubro de 2016, eu realmente pensei que a VWB, estenderia para veículos adquiridos em janeiro de 2016, o jeito e reunir a galera e chega a lenha na VWB. Nao entendo a logica deles, no meu caso meu veiculo um MOVE UP TSI, tem o mesmo motor, e usa o mesmo óleo de um UP retirado em outubro porque não posso adota o ciclo anual já que rodo menos de 10k por ano?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É a mesma lógica aplicada na mudança da garantia, faturou no dia seguinte recebeu o Manual atualizado, isto, é revisões anuais. O vizinho que faturo no dia 30 anterior ficou com semestral. Business, nada mais que um contrato assinado entre as parte, vc faz a revisão no prazo estipulado contratualmente que eu VWB garanto o produto.

      Excluir
  5. Estava observando no site, as novas revisões anuais só valem para veículos adquiridos a parti de outubro de 2016, eu realmente pensei que a VWB, estenderia para veículos adquiridos em janeiro de 2016, o jeito e reunir a galera e chega a lenha na VWB. Nao entendo a logica deles, no meu caso meu veiculo um MOVE UP TSI, tem o mesmo motor, e usa o mesmo óleo de um UP retirado em outubro porque não posso adota o ciclo anual já que rodo menos de 10k por ano?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A nova sistemática serve para modelos 2016/2017, que sofreram ajustes no motor, no óleo, para aguentar 1 ano ou 10.000 km.
      São coisas diferentes. Os modelos até 2016 eram projetados para revisões a cada 6 meses, e mesmo assim eram os mais baratos.
      Agora foram ajustados para 1 ano ou 10.000 km.
      Ponto final.
      E vamos parar com esse mimimi ...mmimimi...comprei carro em setembro, e estou batendo o pezinho que quero revisão em 1 ano.
      Po, filhão, teu carro não tem os ajustes para revisão em 1 ano. E vc vai gastar a mesma coisa.
      E, na boa, muita picuinha e coisa de gente que não tem o que fazer com esse mimimi todo.

      Excluir
    2. Carlao nos jogamos no mesmo time, isso de ajuste para rodar 1 ano ou 12 meses e comversa pra boi dormi meu amigo, entao me explica uma coisa, se no patio da css tiver um up tsi 16/16 e for faturado agora em out/16 ele pode ser colocado no novo ciclo certo ? ai eu te falo meu amigo, isso e conversa pra boi dormi...

      Excluir
    3. Acredito que não, entendi no Css VWB que será somente na linha 17. O que tem lógica. o Carlos está certo. No fim o lubrificante hoje é o mesmo, mas a regra é linha 17 desde 1ro de outubro 2016, revisão anual.

      Excluir
  6. Agora pensa na sacanagem, veículos adquiridos em setembro de 2016, não se encaixa no período anual segundo o site da VWB, sinto cheiro de processo no ar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada a ver. Modelos 2017 tiveram ajustes para aguentar 1 ano. Ponto final.
      Chega de mimimi.

      Excluir
    2. regra é regra. Disse outro dia que comprei um Fox 13/14 prat no dia 27 dezembro a garantia de Um ANO, o carro Fox preto ao lado foi vendido em janeiro ganho Manual com 3 ANOS de garantia. O mesmo carro. Engoli em seco e aceitei o jogo, o carro que comprei estava em promoção, que em janeiro não existia mais, preço cheio.

      Excluir
  7. Alguém sabe quando esse carro chega as concessionárias?

    ResponderExcluir
  8. Não houve ajuste nenhum de motor. Mesmo motor, mesmo óleo 5w40. É apenas uma nova política de pós venda. Agora, quem comprou antes de outubro concordou com a política vigente na época e então estava ciente e aceitou os termos de revisão semestral. Ninguém foi obrigado a nada e nenhum proprietário foi prejudicado. OBS: Também sou um dos que estão ligados a revisão semestral.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Correto. Os motores e lubrificantes são os mesmos. Mudou a regra do jogo e pronto. Uma regra pros 16/16 e outra pros 16/17 faturados após 1ro de outubro. Assim que penso e entendi no Css.

      Excluir
  9. Gostaria de saber quando normalizará o fornecimento dos carros às concessionárias?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha impressão apenas é que afetou muito pouco, vi semana passada toda linha com opções no mesmo modelo exceto Golf e não vi os importados. As vendas estão fracas.

      Excluir
  10. Pessoal que está reclamando das revisões semestrais, tem que entender o seguinte, qdo vc recebeu o carro. Recebeu o manual do proprietário e concordou com aquilo que estava escrito: REVISÃO SEMESTRAL. As revisões anuais são para veículos 2017 que a VW vai vender COM PREÇO MAIS CARO, não existe almoço grátis. A VW está apenas se adaptando a nova realidade do mercado. Quem não quer levar o carro a cada 6 meses, que então o venda e compre um 2017!

    ResponderExcluir
  11. Vw aproveitou o bonde e já subiu o preço das revisões semestrais, mudou pouco mas subiu.

    ResponderExcluir
  12. Se vale somente para veículos modelo 2017, tem algo errado no site da VW, pois se eu infomar que comprei o veículo em Outubro/2016 e informar modelo 2016, o site me apresentará a plano de revisão anual e não semestral, porém se informar setembro/2016 o plano é semestral.
    Sendo assim... Ou o site da Vw tem algum problema, ou vale para qualquer veículo zero Km modelo 2016 ou 2017, adquirido a partir deste mês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Magno, naveguei no site, vc tem razão, vale a data 1ro de outubro 2016 para periodicidade anual das revisões, podendo ser modelo 16. Está claro.

      Excluir
  13. Por esses comentários vemos como tem gente chata nesse mundo, e que perde tempo com firulas.
    Ficam de mimimi que seus carros atuais terão que continuar a fazer revisão de 6 em 6.
    Quando vc comprou o carro sabia que era de 6 em 6, filhão.
    E mais: quem comprar carro agora não vai gastar menos de revisão, porque o custo total de todas as revisões se manteve ao longo do tempo e dos intervalos.
    Ninguém perde ou ganha nada. Apenas com ajustes, agora a revisão é de 1 em 1 ano, e são mais completas, e, portanto, um pouco mais caras.

    A única coisa que não entendo é esse monte de mané fazendo continha de 10 reais a mais ou a menos por ano, ficando de mimimimi...e mais mimimimi...e mimimi, choramingado.

    Vc que tá de mimimi e reclamando, faz o seguinte: deixa de ser chato, e vai reclamar com o Bispo, catzo!

    PQP! Como tem gente chata nesse mundo. Só não há perdão para o chato:

    https://www.youtube.com/watch?v=fVBB04_mxj0

    Respeito o cara que é padre
    Porque não sente tesão
    Respeito quem rouba com fome
    Quem consegue dizer não

    Tem o meu respeito quem pede esmola
    Quem ganha a sua mesada
    Mas tem que ser mão aberta
    Com a rapaziada

    Só não há perdão para o chato
    Perdão para o chato
    Não há perdão
    O reino dos céus é do chato
    Do chato, do chato
    Do otário e do cagão

    Respeito quem é radical
    Respeito quem ama errado
    Respeito o cara careta
    E o cara exagerado

    Quem não gosta de criança
    E quer viver solitário
    Quem odeia rock'n'roll
    Mas gosta de um rebolado

    Só não há perdão para o chato
    Perdão para o chato
    Não há perdão
    O reino dos céus é do chato
    Do chato, do chato
    Do otário e do cagão

    Respeito o cara-de-pau
    Respeito o mal-humorado
    Respeito a quem só reclama
    Por ser mal remunerado

    Tem o meu respeito quem quebra tudo
    Na noite dos desesperados
    E também o cara burro
    Que sabe ser engraçado

    Só não há perdão para o chato
    Perdão para o chato
    Não há perdão
    O reino dos céus é do chato
    Do chato, do chato
    Do otário e do cagão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc está perdoado Carlos, no Reino dos Céus há um lugar para vc. Abraço

      Excluir
  14. Continua caro...!!!! e a Volkswagen ainda vai dar um jeitinho de subir os valores para continuar a política arrecadar o máximo possível...!!!!
    Nesse ponto eles teriam que fazer alguns anos de estágio no Japão...!!!

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.