Car.blog.br

Pesquisar este blog

Jeep Compass 2017 Trailhawk: preço, consumo - vídeo

Categorias: , , , , 25 Comentários

A Fiat Chrysler do Brasil já está mostrando em sua rede de concessionárias Jeep a nova geração do SUV médio Compass, que começa a ser vendido em território nacional a partir de 5 de novembro.

Novo Jeep Compass 2017

O modelo que mostramos no vídeo abaixo, exposto em concessionárias do Distrito Federal, é um exemplar da versão topo de gama, Trailhawk, que tem preço sugerido de R$ 149.900 reais. O modelo mostrado nas imagens, porém, está pintado na cor Vermelho Tribal, que eleva seu preço em R$ 1.600 reais, para R$ 151.900 reais.



Essa versão topo de gama vem equipada com o motor quatro cilindros turbo diesel Multijet de 170 cavalos e 35,7 kgfm de torque, capaz de acelerar os mais de 1.600 kg do SUV de 0 a 100 km/h em 10 segundos, para atingir uma velocidade máxima de 194 km/h. O consumo, segundo o INMETRO, é de 11,8 km/l de diesel em cidade, e de 9,4 km/l em estrada.

Novo Jeep Compass 2017

Outro opcional presente no modelo mostrado é o Teto Solar Panorâmico Command View, que acrescenta R$ 7.100 reais, levando o preço a R$ 158.690 reais.

Novo Jeep Compass 2017

Finalmente, Pacote High Tech (R$ 13.500,00), que acrescenta piloto automático adaptativo (ACC), aviso de mudança de faixas, sistema de farol alto com comutação automática, aviso de colisão frontal, tomada auxiliar de 127V, ajuste do banco do motorista elétrico (8 posições), sistema de audio premium com 9 alto-falantes, remote start (partida remota) e sistema de estacionamento semiautônomo (Park assist).

Novo Jeep Compass 2017

Dessa forma, totalmente completo, o Compass Trailhawk tem preço sugerido de R$ 172.190 reais.

Novo Jeep Compass 2017

O Jeep Compass 2017 é fabricado em Goiana (PE), ao lado do Renegade e da Fiat Toro, modelo com os quais ele compartilha a plataforma e muitos elementos, o que fica claro no interior, com muitos elementos parecidos com a picape da Fiat e com o Renegade.

Novo Jeep Compass 2017

Já na parte estética, o Jeep Compass se distancia do Renegade, e adota um look mais refinado, com inspiração nos detalhes visuais do Grand Cherokee, especialmente na dianteira, evidenciando seu posicionamento superior em relação ao Renegade no line-up.

Novo Jeep Compass 2017

Todos os modelos Compass, desde o de acesso, Sport 2.0 Flex, com preço de R$ 99.990 reais, vêm com assinatura em LED no contorno externo. Esta versão topo, porém, traz o canhão central escurecido, e faróis de Xenon.

Novo Jeep Compass 2017

Na lateral, observa-se um friso que acompanha toda a extensão das janelas na parte superior, esgueirando-se da coluna A até a traseira. Esse friso é cromado nos modelos Longitude e Limited, e cinza nesta versão Trailhawk.

Novo Jeep Compass 2017

Na traseira o Compass ostenta uma larga coluna C, que reforça a impressão dimensional, fazendo ele parecer maior do que os 4,41 metros de comprimento sugerem. Ele é maior que o Audi Q3 (que mede 4,38 metros), mas menor que o Tiguan (4,42 metros) e similar ao Hyundai ix35 (4,41 metros). A distância entre-eixos é de 2,63 metros.

Novo Jeep Compass 2017

A plataforma é a mesma do Renegade, mas as maiores dimensões permitiram ao Compass endereçar um dos principais problemas do irmão, que é o tamanho do porta-malas. o do Compass comporta 410 litros, 150 litros a mais que os 260 litros do Renegade.


Interior

O interior do Jeep Compass 2017 também guarda mais relação com os modelos Cherokees importados que com o Renegade, apesar do volante e manopla de câmbio lembrarem o irmão menor.

Novo Jeep Compass 2017 - interior

O aspecto geral é de maior sofisticação em relação ao Renegade, especialmente nas versões mais completas, que incorporam uma central multimídia sensível ao toque de 8,4 polegadas, com GPS integrado, mas sem compatibilidade com o Android Auto e Apple Carplay - que pode ser considerado uma falha.

Novo Jeep Compass 2017 - interior

Outro ponto questionável é a oferta de sete airbags apenas nas versões topo de gama. O modelo de acesso, Sport 2.0, de R$ 99.990 reais, vem com apenas dois airbags. E a bolsa para o joelho do motorista apenas na versão Limited.

Novo Jeep Compass 2017 - interior

O espaço interno é maior, e permite acomodar até três pessoas no banco traseiro, graças à ampliação da distância entre-eixos sobre os Renegade.

Novo Jeep Compass 2017 - interior

Destaque também para sistemas de auxílio à condução modernos, como o piloto automático adaptativo e o sistema de estacionamento semi-autônomo, mas oferecidos apenas como opcionais só nos modelos topo de gama.

Conclusão

O Jeep Compass 2017 traz uma verdadeira revolução se comparado ao modelo anterior, mas não é realmente inovador, já que a gama de motores diesel é conhecida, e o 2.0 Flex, apesar de novidade, tem concepção antiga, o que resulta em consumo muito elevado (veja dados de consumo do INMETRO do Compass 2.0 Flex aqui).

Novo Jeep Compass 2017

De qualquer forma, o Jeep Compass se configura como um modelo de ligação entre o Renegade e os modelos importados da gama Jeep, cobrindo uma ampla faixa de preços, e estabelecendo concorrência com Hyundai ix35, Kia Sportage, VW Tiguan, Audi Q3, BMW X1, Volvo XC60 e Mercedes-Benz GLA.

Postagens relacionadas:

25 comentários:

  1. Car Blog, uma dívida:

    É verdade que pessoalmente o Jeep Compass parece maior do que ele é realmente? É o que os jornalistas estão dizendo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele tem um bom porte. Parece com o Cherokke. Parece maior que o ix35 e o Tiguan, mesmo sendo do mesmo tamanho que os dois.

      Excluir
  2. cade a calibração deste motor diesel para 200cv ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E tu acredita em tudo o que dizem? Essa de 200cv no motor a diesel surgiu de uma crítica de revista ao testar, salvo engano, a 4x2 diesel que teria pouca força carregada. Deve ser para quem não está acostumado a testar picape com carga, aí quando faz isso e não está habituado a usar câmbio manual, acha insuficiente.
      Por que a FCA colocaria 200cv nesse motor a diesel se os 170cv são suficientes para ter uma relação peso/potência nos concorrentes daqui? É isso que tem que ser analisado, e se eu vejo vários médias com até 200cv sem nada ou quase nada na caçamba, não tem porque subir a potência.

      Excluir
  3. Por morar em interior e frequentemente pegar estrada de terra, meu sonho é ter um veículo 4 x 4 a diesel !!!!!
    Agora que esse jeep ficou show ficou !!!

    ResponderExcluir
  4. Exatamente,falaram da versão de 200 cv na toro.....

    ResponderExcluir
  5. Eu duvido que o Compass diesel faz 0-100 em 10s. O Renegade diesel faz 10s, mas é mais leve.

    ResponderExcluir
  6. Car Blog, deve estar trocado o consumo, pois diz "11,8 km/l de diesel em cidade, e de 9,4 km/l em estrada." e ao meu ver, é o contrário.

    ResponderExcluir
  7. ótimo carro , a turma tá com dor de cotovelo porque é o melhor modelo entre os concorrentes.

    ResponderExcluir
  8. Eu queria saber a retomada 80-120 km/h.

    ResponderExcluir
  9. esse teste do inmetro é meia boca o renegade aparece com com consumo de 10,7 pelo inmetro na estrada , na verdade a 120km/h da mais de 13 com tranquilidade.

    ResponderExcluir
  10. Está Correto esses dados de consumo diesel? Consome mais na rodovia que na cidade?

    ResponderExcluir
  11. Só de pensar que tem dedo da Fiat aí já perco o tesão; e ainda por 172 mil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na Ferrari tinha dedo da Fiat tbm....

      Excluir
    2. um novo carro. como sei que tem aqueles que insistem, vai aqui: Jeep é FCA. O que é FCA? Fiat Chrysler Automobiles (FCA) é um conglomerado industrial ítalo-americano que junta as marcas Fiat e Chrysler e está entre os fundadores da indústria automobilística europeia. Com sede no Reino Unido e ações listadas nos EUA e na Itália, foi formado em 2014, após a consolidação da incorporação, na Holanda, do Grupo Chrysler (bandeiras Chrysler, Jeep, RAM e Dodge) pela Fiat.

      Após o anúncio da aquisição total do Grupo Chrysler pela Fiat[2], no dia 01 de janeiro de 2014, a FCA passou a controlar as seguintes marcas de automóveis de passeio:

      Marcas européias:

      Abarth
      Alfa Romeo
      Ferrari
      Fiat
      Lancia
      Maserati
      Iveco‎
      Marcas Americanas

      Chrysler
      Dodge
      Jeep
      RAM
      Além disso, o grupo também é proprietário das seguintes marcas: Case Construction, Case Agriculture, New Holland Construction, New Holland Agriculture para tratores, máquinas de construção e colheitadeiras; Iveco e Irisbus para caminhões e ônibus; Magneti Marelli, Teksid, FPT Powertrain e COMAU para componentes e serviços automotivos. - fonte- https://pt.wikipedia.org/wiki/Fiat_Chrysler_Automobiles

      ou seja, bom senso nunca é demais.

      Excluir
    3. O Jeep Compass não é um novo carro. É apenas uma melhoria da atual geração.
      Também não é possível apenas descrever que é um facelift, porque houve algumas implementações estruturais, como aplicação de algumas parte em aço de maior resistência. Mas nada muito além disso.
      A FCA aposta no recheio e na aceitação destas melhorias para este modelo.
      O motor 2.0 Tigershark é antigo. O 2.0 TDi é bom, mas nada espetacular, pois há uma variante deste motor que bate os 200 cv apenas com um valvelift e pequenas alterações.

      Mas a se verificar o posicionamento de cada versão do Compass podemos ter certeza de que ao menos por aqui seguirá muito bem ...

      Excluir
    4. o carro é diferente em tudo! não compartilha nada com a geração atual do compass que é de 2011! se compartilha é com as novas estruturas vistas em outros carros do mesmo Grupo.
      faltou aprofundar mais, antes de escrever.

      The all-new, second-generation 2017 Jeep Compass was initially unveiled on September 27, 2016 in Brazil, but will receive a formal debut at the Los Angeles International Auto Show in November, 2016, replacing both the Jeep Patriot and first generation Compass.[12] No Brasil, o todo-novo, segunda geração do Jeep Compass começará a produção na nova Goiana de Jeep, Pernambuco Assembleia planta, no entanto, para os mercados da América do Norte, o Compass será produzido no México, transferindo a produção de Belvidere, Illinois (o Jeep Cherokee (KL) é esperado para mover a produção de seu Toledo, Ohio Assembléia Planta ao Belvidere, Illinois fábrica de montagem, onde a corrente Jeep Compass e Jeep Patriot são produzidos. a produção da primeira geração do Jeep Compass e Jeep Patriot são esperados para terminar em início de 2017, com a produção do novíssimo Jeep Compass com início na primavera de 2017 para os modelos norte-americanos.
      https://en.wikipedia.org/wiki/Jeep_Compass

      basta perguntar a alguém que conhece do carro, ou trabalha na planta.

      Excluir
  12. Renegade Diesel chega a fazer quase 18 na estrada.. Penso que o Compass deve ficar parecido

    ResponderExcluir
  13. Consumo maior na estrada que na cidade está certo?

    ResponderExcluir
  14. Tem gente que acha que a Fiat ainda fábrica o 147 lamentável

    ResponderExcluir
  15. Esse carro vai fazer sucesso comparando-se os preços com os seus concorrentes alemãos. já vi vários na rua (mais que mobi). Ele tb está mais adaptado às condições de nosso terreno e ruas esburacadas. E ainda tem gente que acha que esse carro tem qualidade fiat, aff!

    ResponderExcluir
  16. Acho a Longitude Diesel a melhor opção de carros até 150K

    ResponderExcluir
  17. Qual o consumo desse motor turbo diesel que equipa o Compass?

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.