Car.blog.br

Pesquisar este blog

Volkswagen promete revolução com novo modelo elétrico

Categorias: , , 4 Comentários

A montadora de automóveis alemã Volkswagen divulga, em antecipação ao Salão de Paris, as primeiras imagens do modelo elétrico que estreia a MEB - Plataforma Modular Elétrica do conglomerado -, tem carroceira hatchback, dimensões ligeiramente menores que o Golf, e terá autonomia em modo elétrico entre 400 km e 500 km.

Volkswagen Elétrico MEB

A Volkswagen pretende que o seu mix de vendas global em 2025 contemple 25% de modelos com propulsão elétrica - um avanço significativo em relação ao estagio atual.

Volkswagen Elétrico MEB

A empresa afirma que o novo modelo elétrico que apresentará em Paris tem o potencial de revolucionar o mercado automotivo da mesma forma que o Beetle fez 70 anos atrás, tendo se tornado o carro mais vendido de todos os tempo.

Volkswagen Elétrico MEB

O novo VW elétrico terá dimensões compactas, mas a habitabilidade de um sedã, graças à posição mais baixa das baterias elétricas, sob o assoalho. O modelo terá produção comercial até 2020.

Postagens relacionadas:

4 comentários:

  1. Se vencer o lobby do petróleo... Não vamos esquecer o EV1

    ResponderExcluir
  2. As linhas do protótipo parecem antecipar a tendência do que será usado nos futuros Polo, Gol e up!. Lembra muito um modelo em clay flagrado na VW Brasil tempos atrás em que muitos afirmaram ser um ensaio do futuro Gol. Um mudo ideal seria que essa tecnologia fosse acessível como um bom e velho Fusca. Mas por aqui, se vier um dia, custará dois New Fusca, por certo.

    ResponderExcluir
  3. No jogo bruto capitalista os interesses da "Grande Indústria" mascarados de proteção ambiental nos Estados Unidos ferraram a Volkswagen, bom, está na hora da Volkswagen tirar seu Ás da manga e dar o troco ao lobby do petróleo, afinal sua posição de player mundial lhe permite fazer este tipo de incursão desagradável para os interesses petrolíferos.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.