Car.blog.br

Pesquisar este blog

Fiat Chrysler e Ford registram crescimento de vendas - julho

Categorias: , , , , 9 Comentários

A Fiat Chrysler Automobiles licenciou 33.599 automóveis e comerciais leves no Brasil em julho, um crescimento de 13% em relação a junho. Esse montante representa 19,2% do mercado. As duas principais marcas do grupo no país contribuíram para o aumento.

Fiat Palio Fire 2017

A Fiat vendeu 28.706 unidades, aumento de 12,6% em relação ao mês anterior, e a Jeep comercializou 4.793 carros, 17,4% acima na mesma base de comparação. Os dados foram divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotivos (Anfavea).

novo Fiat Palio 2017

Três modelos do grupo FCA encerraram o mês entre os dez modelos mais vendidos no Brasil. Os destaques da marca Fiat foram Pálio (6.022 unidades) e a picape Strada (5.924 unidades). O Jeep Renegade liderou o segmento de SUVs compactos em julho, com 4.743 unidades vendidas.

Fiat Strada 2017

Considerando-se apenas os veículos comerciais leves, a soma da participação de Strada (20,8%), Toro (15,1%) e Fiorino (3,5%) dá à Fiat a liderança do segmento, com quase 50% do mercado. Julho também foi o segundo mês consecutivo no qual as duas picapes da Fiat ocuparam a primeira e segunda colocação no ranking de vendas de comerciais leves.

Fiat Toro 2017

Por fim, a Toro ultrapassou a marca de 20 mil unidades vendidas desde o lançamento em fevereiro, ultrapassando a Hilux, líder anterior do segmento de picapes grandes, no acumulado do ano.

Ford

A Ford também registrou crescimento em julho, impulsionada melhoria do mercado e reposicionamento de modelos. A marca fechou o mês com aumento de 18% nas vendas em relação a junho, totalizando 17.396 emplacamentos no Renavam.

Ford Ka 2017

O crescimento foi comandado pelas linhas Ka, Ka+, Focus, EcoSport e Ranger, que, somados, renderam 9,6% do mercado, posicionando-se na quinta colocação, tendo superado a Hyundai.

Ford Ka 2017

O Ka, na sua versão hatch, foi o terceiro veículo mais vendido do mercado brasileiro, com 7.260 unidades, basicamente no varejo, obtendo a sua melhor participação no segmento de compactos desde o lançamento da geração atual, com 11,4%. O Ka+, modelo sedã, também cresceu em volume e participação, com 2.245 unidades.


O Focus manteve a liderança entre os hatches médios, crescendo para 34,7% de participação, enquanto o Focus Fastback avançou entre os sedãs médios. O Fusion, no segmento de veículos executivos de luxo , ficou novamente com a liderança entre os chamados sedãs CD, com aumento de 86% das vendas.


Na linha de utilitários, o EcoSport, com 2.409 unidades no mercado interno, teve grande presença de vendas regionais diretas. A Ranger 2017, por sua vez, no segundo mês completo de vendas, emplacou 1.961 unidades, e respondeu por 23% do segmento de picapes médias.

Postagens relacionadas:

9 comentários:

  1. Pelo que parece, a Ford resolveu o problema com seu powershift.
    Entre os compactos, acho o C3 melhor que o Ka.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim resolveu, está abandonando o câmbio e aqui que ainda tem, não chama mais powershift e sim "AT", Ford deve estar naquela de não falar o nome para não atrair problema.rs

      Excluir
    2. Os problemas ocorrem nas versões 2013/2014/2015... veículos 2016 não está com o velho problema, porém amigo, todo carro pode apresentar problemas e digo mais.. um dia VAI apresentar... isso não é privilégio só da Ford ... converse com seus amigos e parentes... quero ver se ninguém tem alguma queixa... ou já teve...

      Abraço

      Excluir
    3. Juliano,

      O powershift já virou mico no mercado, Gol 16v, Tipo que pegava fogo e o Focus pegou está fama, já era, o mercado de usados rejeita, é como carro francês, o mercado rejeita é o mercado é soberano, não adianta ir conta, Ford micou um bom produto com um câmbio ruim.

      Excluir
    4. só se for na sua mente, aqui na bahia o carro é bem aceito e facil de venda.
      Em salvador a unica desvalorização é devido ao salitro em certos bairros da cidade.

      Excluir
  2. Merecia aumentar as vendas pelo custo benefício, ainda mais sendo produzido no Brasil:

    http://www.icarros.com.br/comprar/ribeirao-preto-sp/chery/celer/2015/hatch-1.5/d8896807

    ResponderExcluir
  3. Os carros da ford 2016/2016 e 2016/2017 não tem reclamação sobre o cambio sequencial de dupla embreagem,foi sanado o problema, a ford trocou o fornecedor de peças que dava super aquecimento, agora é só alegria, e fora fo Brasil ja tem um novo cambio at6 select shift

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.