Car.blog.br

Pesquisar este blog

Mercedes C180 x Audi A4 x Audi A3 Sedan x Jetta x Corolla: custos de um carro premium - consumo, seguro e revisões

Categorias: , , , 29 Comentários

Os sedãs premium alemães da Audi, Mercedes-Benz e BMW são, em geral, o passo seguinte de quem já atingiu o topo do segmento de sedãs médios. Entretanto, ingressar no segmento de luxo exige, além de um dispêndio maior inicial, uma base financeira robusta para fazer frente a despesas de manutenção e seguro bem mais elevadas.

Mercedes C180 x Audi A4 x Audi A3 Sedan x Jetta x Corolla: custos de um carro premium - consumo, seguro e revisões

Neste artigo comparamos os gastos para se manter três modelos premium - Audi A4 2.0 Ambiente, Mercedes-Benz C180 e Audi A3 Sedan 1.4 Flex Ambiente - com os incorridos no segmento de sedãs médios, representados por Toyota Corolla XEi 2.0 e VW Jetta 1.4 TSI Comfortline.

Mercedes Benz C180 Flex x Audi A4 2017 - custos de manutenção

Comparativo de custos: Audi A4 x Mercedes C180 x Audi A3 Sedan x Corolla x Jetta

A tabela a seguir relaciona os custos totais - excetuando-se o IPVA - envolvidos na propriedade dos modelos apontados, levando-se em consideração preço de aquisição (sugerido), custo de seguro, custo de cesta de peças, revisões programadas até 60.000 km e gastos de combustível (calculados com base nos indicadores de consumo do INMETRO e um preço do litro de gasolina de R$ 3,80 reais).

CustosAudi A4 AmbienteMercedes-Benz C180 Audi A3 Sedan 1.4 AmbienteVW Jetta 1.4 TSI ComfortlineToyota Corolla 2.0 XEi
PreçoR$ 182.990R$ 147.900R$ 117.990R$ 93.990R$ 91.960
SeguroR$ 8.110R$ 2.951R$ 8.123R$ 2.275R$ 2.469
Cesta de peçasR$ 19.403R$ 29.005R$ 11.443R$ 10.138R$ 3.032
Custo de revisões - 60.000 kmR$ 9.108R$ 8.100R$ 6.984R$ 2.952R$ 2.965
Consumo médio etanol [km/l]7,998,757,92
Consumo médio gasolina [km/l]12,4911,6012,8311,8011,50
Gasto com gasolina - 60.000 kmR$ 18.262R$ 19.664R$ 17.778R$ 19.330R$ 19.826
Custo Total em 60.000 kmR$ 270.313R$ 219.424R$ 194.810R$ 137.785R$ 130.128

Os valores de seguro informados na tabela acima foram calculados com perfil básico de homem casado, 35 anos, sem filhos, com garagem em casa e no trabalho, para a cidade de São Paulo, e foram informados pela edição Melhor Compra 2016 da Revista Quatro Rodas, assim como dados de custos de manutenção e cesta de peças.

Audi A4 2.0 Ambiente - custo total até 60.000 km - R$ 270.313 reais

O Audi A4 2.0 TFSI Ambiente tem preço sugerido de R$ 182.900 reais,e seu custo de seguro é de R$ 8.110 reais, enquanto sua cesta de peças tem preço sugerido de R$ 10.403 reais.

Audi A4 2.0 Ambiente Branco 2017

O custo de revisões até 60.000 km, tabeladas pela Audi, e já incluindo mão de obra, soma outros R$ 9.108 reais.

Audi A4 2.0 Ambiente Branco 2017

Em relação ao consumo, o sedã da Audi tem indicador de consumo no INMETRO de 11 km/l em cidade, e 14,3 km/l em estrada. Assim, levando-se em consideração um percurso 55% urbano e 45% rodoviário, o gasto com combustível será de R$ 18.262 reais ao longo de 60.000 km.

Audi A4 2.0 Ambiente Branco 2017 - interior

Dessa forma, o custo total para manter o A4 2.0 Ambiente é de R$ 270.313 reais.

Mercedes-Benz C180 - custo total até 60.000 km - R$ 219.424 reais

O Mercedes C180 1.6 Turbo tem preço sugerido de R$ 147.900 reais,e seu custo de seguro é de R$ 2.951 reais, enquanto sua cesta de peças tem preço sugerido de R$ 29.005 reais.

Mercedes-Benz C180 flex 2017

O custo de revisões até 60.000 km, tabeladas pela Mercedes-Benz do Brasil, e já incluindo mão de obra, soma outros R$ 8.100 reais.

Mercedes-Benz C180 flex 2017 - interior

Em relação ao consumo, o sedã da Mercedes tem indicador de consumo no INMETRO de 10,2 km/l em cidade, e 13,3 km/l em estrada. Assim, levando-se em consideração um percurso 55% urbano e 45% rodoviário, o gasto com combustível será de R$ 19.664 reais ao longo de 60.000 km.



Dessa forma, o custo total para manter o Mercedes-Benz C180 Flex é de R$ 219.424 reais.

Audi A3 Sedan 1.4 Flex Ambiente custo total até 60.000 km - R$ 194.810 reais

O Audi A3 Sedan 1.4 Flex Automático é o modelo premium mais acessível do mercado brasileiro, com preço sugerido de R$ 117.900 reais,e seu custo de seguro é de R$ 8.123 reais, enquanto sua cesta de peças tem preço sugerido de R$ 11.443 reais.

Audi A3 Sedan 1.4 Ambiente 2017

O custo de revisões até 60.000 km, tabeladas pela Audi, e já incluindo mão de obra, soma outros R$ 6.984 reais.

Audi A3 Sedan 1.4 Ambiente 2017 - interior

Em relação ao consumo, o sedã da Audi tem indicador de consumo no INMETRO de 11,7 km/l em cidade, e 14,2 km/l em estrada. Assim, levando-se em consideração um percurso 55% urbano e 45% rodoviário, o gasto com combustível será de R$ 17.778 reais ao longo de 60.000 km.

Audi A3 Sedan 1.4 Ambiente 2017

Dessa forma, o custo total para manter o Audi A3 Sedan 1.4 Flex Ambiente por 60.000 km em cinco anos é de R$ 194.810 reais.

VW Jetta 1.4 TSI Comfortline custo total até 60.000 km - R$ 137.785 reais

O VW Jetta 1.4 TSI Comfortline Automático tem preço sugerido de R$ 93.990 reais,e seu custo de seguro é de R$ 2.275 reais, enquanto sua cesta de peças tem preço sugerido de R$ 10.138 reais.

VW Jetta 1.4 TSI Comfortline

O custo de revisões até 60.000 km, tabeladas pela VW, e já incluindo mão de obra, soma outros R$ 2.952 reais.



Em relação ao consumo, o sedã da VW tem indicador de consumo no INMETRO de 10,4 km/l em cidade, e 13,5 km/l em estrada. Assim, levando-se em consideração um percurso 55% urbano e 45% rodoviário, o gasto com combustível será de R$ 19.330 reais ao longo de 60.000 km.

VW Jetta 1.4 TSI Comfortline

Dessa forma, o custo total para manter o VW Jetta 1.4 Comfortline em 60.000 km é de R$ 137.785 reais.

Toyota Corolla XEi 2.0 custo total até 60.000 km - R$ 130.128 reais

O Toyota Corolla XEi 2.0 tem tem preço sugerido de R$ 91.960 reais,e seu custo de seguro é de R$ 2.468 reais, enquanto sua cesta de peças tem preço sugerido de R$ 3.032 reais.

Toyota Corolla XEi 2.0

O custo de revisões até 60.000 km, tabeladas pela Toyota, e já incluindo mão de obra, soma outros R$ 2.965 reais.

Toyota Corolla XEi 2.0

Em relação ao consumo, o sedã japonês tem indicador de consumo no INMETRO de 10,6 km/l em cidade, e 12,6 km/l em estrada. Assim, levando-se em consideração um percurso 55% urbano e 45% rodoviário, o gasto com combustível será de R$ 19.826 reais ao longo de 60.000 km.

Toyota Corolla XEi 2.0

Dessa forma, o custo total para manter o Corolla XEi ao longo de 60.000 km é de R$ 130.128 reais.

Conclusão

Entrar no segmento premium custa caro: o Audi A3 Sedan 1.4 Flex, o premium mais barato do mercado, é 50% mais caro de manter até os 60.000 km que o Corolla XEi 2.0, e esse custo adicional vem não só do preço mais caro, mas também de seguro e preços de peças e de manutenção bem mais elevados.

Audi A3 2017 x Mercedes Benz C180 - custo de carros premium

Em relação ao consumo de combustível, os modelos premium, apesar de ofertar desempenho superior, conseguem ser até mais econômicos, como é o caso dos Audi A4 e A3 - os mais eficientes do comparativo.

Postagens relacionadas:

29 comentários:

  1. não acho não veja se o Jetta tivesse uma cesta de peças condizentes igual ao corolla, seria o mais economico desses todos
    e com uma grande vantegem motor turbo que é essencial hoje
    Aspirado sem chance, ele consome muito na cidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falta ao Jetta o tradicionalismo que o segmento tanto almeja.
      Não é um simples motor que o fará um rival à altura do Corolla.
      Motor [coração mecânico] tem sua importância, mas não é imprescindível numa decisão. E é menos ainda perante o público conservador ...

      Excluir
    2. A autoesporte fez um mega comparativo entre diversos carros em todas as categorias, neste comparativo o jetta tsi tinha uma cesta de peças de 15k e o corolla um pouco mais de 6k, junto com diversos outros modelos do segmento.
      Esta cesta de 3k é furada.

      Excluir
  2. Respostas
    1. 10 KM/L NA CIDADE 14-16 KM/L NA ESTRADA
      BEBE ONDE QUE EU NÃO ESTOU VENDO

      Excluir
  3. Pura Mentira pelo menos a parte do seguro... Tendenciosa... ou pesquisaram mal...
    Eu tenho um A3 sedan, 1.4 solteiro em Sao Paulo Capital e meu seguro ja no 2 ano consecutivo não chegou aos 3.000,00... Duvido que o A4 seja muito diferente. Acredito eu que o Jetta talvez seja até maior...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, seguro é decisivo hoje na opção de compra. Muito estranho ser tão caro nos Audi comparado ao Merc.

      Excluir
    2. seguro é muito relativo, depende de muitas variaveis para chegar num preço, ja tive jetta e seguro era baixo, ficava pra mim entre 1600 a 1800, sem bonus nao bate nos 2 mil, ...

      Excluir
  4. Respostas
    1. BMW tem manutenção caríssima. Seguro também.

      Excluir
  5. Bem confuso. O que cesta de peças tem a ver com o custo do carro até 60.000km? Isto é apenas uma ideia de custo que quem tem seguro pouco se importa (ate por isso são tão caras) pois creio que uma quantidade insignificante não tenha seguro neste tipo de carro, e neste caso a franquia pode ser o único risco previsível.
    O preço dos seguros também concordo que estão um pouco fora de lógica, tem regiões que o seguro é bem caro mas o jetta está fora de lógica frente aos demais, tenho bônus máximo é pago pouco abaixo disto em um jetta 2.0 TSI tendo um perfil de baixo risco, a maior diferença destes seguros são a franquia e nem o seguro em si, um jetta 2k é um A4 8k isso não existe.

    ResponderExcluir
  6. O jetta é um senhor carro, mas a beleza desses Audi's é fora de serie.

    ResponderExcluir
  7. Caros esses seguros dos Audi, não?

    ResponderExcluir
  8. https://www.youtube.com/watch?v=PnAjyeQHXkI

    COMO E CARO CARROS AQUI

    ResponderExcluir
  9. Que seguro astronomico dos audi. E pra quem ainda tem dúvida do sucesso do corolla . Olha a resposta aí. Seguro e variável depende de muitos fatores, mas a cesta de peças não. Se a vw desse uma melhorada nos preços das peças o jetta passaria fácil o corolla
    Oque justifica uma cesta tão cara ? E por favor não me venha falar de qualidade, pois a grosso modo, qualidade em plásticos como faróis , ou em amortecedores nas peças em si não a diferença tecnológica entre vw e toyota. Já que essas peças não compreendem nada a respeito de motor e câmbio.

    ResponderExcluir
  10. Que seguro astronomico dos audi. E pra quem ainda tem dúvida do sucesso do corolla . Olha a resposta aí. Seguro e variável depende de muitos fatores, mas a cesta de peças não. Se a vw desse uma melhorada nos preços das peças o jetta passaria fácil o corolla
    Oque justifica uma cesta tão cara ? E por favor não me venha falar de qualidade, pois a grosso modo, qualidade em plásticos como faróis , ou em amortecedores nas peças em si não a diferença tecnológica entre vw e toyota. Já que essas peças não compreendem nada a respeito de motor e câmbio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A receita do sucesso do Corolla é simples. A Toyota está vendendo um sedã médio completo automático a R$ 68 mil reais.
      O Jetta automático mais barato sai a R$ 87 mil. Quase 20k de diferença.
      E mais. A Toyota vende o Corolla automático completo a 79k, que é o Gli Upper. Com banco de couro, volante multifuncional de couro, sistema de som, roda de alumínio e etc. O Jetta de 87k tem banco de tecido, volante de plástico. O sujeito entra e desanima.
      A questão é que a Toyota pega o Corolla vendido nos EUA e adapta ele para vender no Brasil, dá uma enfeitada no Corolla, pois aqui ele vende em uma classe superior.
      Já a VW pega o Jetta feito para ser vendido no segmento de acesso nos EUA e vende no brasil igual. Não dá.

      Excluir
    2. E vc tem que ver também que a Toyota tem uma estrtutura mais enxuta. Ela até pouco tempo tinha 1 fábrica só. Agora começou a de Porto Feliz.
      A VW tem 4 fábricas: São Bernardo do Campo, Taubaté, São José dos Pinhais e São Carlos.
      Os custos da Toyota são muito inferiores. Tudo centralizado em um lugar só, então eles têm custos menores, podem praticar preços mais competitivos.
      Agora, é o tal negócio. Na atual situação de mercado deprimido, a operação de Toyota, Honda e até da Hyundai, enxutas, com 1 fábrica só, faz todo sentido.
      Mas se o mercado voltar a vender 5 milhões de unidades ano, VW tem capacidade instalada para aumentar a produção sem aumentos de custos, enquanto Toyota, Honda e Hyundai terão que investir pesado.

      Excluir
    3. A VW errou feio em colocar banco de tecido e volante de plástico no Jetta Trendline (87k), e banco de tecido no Comfortline (94k), no Comfortline o opcional com banco de couro faz o carro passar de 100k. Bem observado pelo Carlos a Toyota com custos menores pratica preços bem agressivos no Corolla Gli (69k, pelado) e Corolla GLi Upper (81k, com bancos e volante multifuncional de couro), assim o Jetta é pouco competitivo, só motor bom não dá... Jetta precisa oferecer mais com menor preço para competir, no mínimo volante multifuncional em couro no Trendline e bancos de couro no Comfortline, ambos de série.

      Excluir
    4. Concordo em partes com o carlos, afinal não a cunho mundial mas sim a nacional a vw vem perdendo muito em vendas, ela demora muito pra atualizar seus modelos, o gol é um bom exemplo ele precisou cair muito pra vw agir e mesmo assim o facelift não garantiu muito do esperado. Eu espero que a volkswagen brasil renove logo sua frota brasileira, o fox é um bom carro mas é um projeto antigo, o gol é bom tambem mas segue tambem como projeto antigo, o unico que tem qualidades de cunho mundial volkswagen é o up e os mais caros, gostaria de ver modelos mais acessiveis de qualidade. Afinal dar 100000 em um carro é para alguns, o up é muito bom mas não atende a quem precise de um pouco mais de espaço então temos que optar pelo fox ou pelo gol, mas a tecnologia é muito menor.

      Excluir
  11. A C180 é um excelente carro para quem quer conforto e acabamento premium, porém faltam detalhes importantes que devem vir de série como sensores de estacionamento e câmera de ré, piloto aut.adaptativo, active line assist, que devem ser básicos no carro nesta faixa de preço que existem na concorrência nesta categoria.Custo de cesta de peças muito alto, pois já é fabricado no Brasil, se isto melhorar realmente será o melhor da categoria, porém acho que quem irá comprar não será pela razão e sim pelo prazer de ter uma Merdedes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falta bancos elétricos na MB C180. Comprar um carro de 150 mil sem bancos elétricos é difícil.

      Excluir
    2. C180 tem banco elétrico mas só altura e encosto e realmente falta um sensor. Porém o acabamento, conforto e luxo internamente é superior aos concorrentes. O seguro é impressionante o valor pois considero bem barato pelo valor do carro. A cesta de peças é realmente alta (claro que usando material melhor e mais carro isso se justifica em parte), mas espero que com nacionalização isso melhore. Se for o caso de querer sensores, teto solar, mais alguns mimos tem a C200 que é mesmo preço da A4. Na real se paga status, qualidade na construção e prazer em dirigir. Todos os carros citados tem suas qualidades cabe ao consumidor escolher o que mais lhe satisfaz. Já tive Corolla, Jetta, A3 sedan e MB o que mais me agrada no geral MB, A3, Jetta e por ultimo corolla.

      Excluir
  12. É por essas e outras que não troco meu corolla por nenhum "concorrente".

    ResponderExcluir
  13. Nao acredito nessa cotacao de seguro. Ficou muito baixo para mercedes,jetta e corolla da linha audi ta certo.

    ResponderExcluir
  14. Nao acredito nessa cotacao de seguro. Ficou muito baixo para mercedes,jetta e corolla da linha audi ta certo.

    ResponderExcluir
  15. Os melhores carros do planeta nao estão na lista...que são os da Volvo,Volvo S60,respectivamente

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.