Car.blog.br

Pesquisar este blog

Volkswagen Golf 1.0 TSI no Brasil? Vídeo e considerações

Categorias: , , , , , 90 Comentários

Segundo notícia publicada pelo site AutosSegredos (veja aqui), a Volkswagen do Brasil passará a oferecer no mercado nacional o Golf equipado com o motor tri-cilíndrico 1.o TSI Flex, já a partir de agosto deste ano. Neste artigo nós discutimos as implicações dessa substituição.

VW Golf 1.0 TSI Brasil

O Golf 7 equipado com motor de três cilindros 1.0 TSI não é novidade: na Europa a VW já oferece o modelo, com motor 1.0 TSI de 115 cavalos e 20,4 Kgfm de torque, associado com uma transmissão manual de seis marchas, ou automática DSG de 7 marchas. O vídeo abaixo traz nossas considerações sobre o modelo nacional, assim como dados de desempenho e consumo.



Na Europa, o Golf 1.0 TSI, tanto MT quanto DSG, acelera de 0 a 80 km/h em 6,6 segundos, de 0 a 100 km/h em 9.7 segundos, e atinge 204 Km/h. No Brasil, segundo o AutosSegredos, o motor teria cerca de 130 cavalos, e 22 kgfm de torque - algo bastante factível, em face da adoção da tecnologia flex.

Dessa forma, a VW teria no modelo Comfortline um motor com mais potência (10 cv a mais) e 5,2 Kgfm a mais de torque, o que certamente traria ganhos expressivos de desempenho e de consumo em relação ao Golf 1.6 MSI Flex atual.

VW Golf 1.0 TSI Brasil

Além disso, com o motor 1.0 TSI, o Golf Comfortline ficaria bem mais econômico, o que, além de trazer uma vantagem em termos de mercado para o modelo, melhoraria a posição da VW no Inovar-Auto, com redução de impostos.

Ainda sobre impostos, a própria adoção do motor 1.0 TSI faria com que o Golf passasse a ser enquadrado na alíquota de IPI de 7%, o que é 4% a menos que os 11% aplicados ao Golf 1.6 MSI Flex.

Dessa forma, haveria um duplo ganho em termos tributários para a VW Brasil, permitindo que ou o preço fique mais competitivo, ou, mantido o preço, aumente-se o lucro (que é o que provavelmente vai acontecer).

Câmbio Automático?

O único aspecto negativo na informação do AutosSegredos é que o motor 1.0 TSI estaria associado com uma transmissão manual de seis marchas, pelo menos inicialmente. Não há menção a uma opção com câmbio automático.

VW Golf 1.0 TSI Brasil

Na Europa, a VW oferece o Golf 1.0 TSI com o câmbio DSG-7, mas, no Brasil, essa transmissão foi substituída pelo AISIN de 6 marchas. E não há oferta de Golf 7 em qualquer mercado do mundo com essa combinação 1.0 TSI + AISIN de 6 marchas.

A outra opção seria colocar o DSG-7 no Golf 1.0 TSI, mas essa transmissão foi abandonada no Brasil, e ficaria "estranho" o modelo Comfortline com câmbio DSG, e o topo, Highline, com câmbio AISIN.

Assim, como ficará a situação do Golf 1.0 TSI com transmissão automática é algo que só será respondido no lançamento, ou em etapa posterior, mas o fato é que é imperativo a opção de câmbio automático nesse tipo de carro, pois o câmbio manual é muito rejeitado nesse mercado.

Conclusão

VW Golf 1.0 TSI Brasil

A VW do Brasil pode colocar o motor 1.0 TSI no Golf, e isso seria interessante do ponto de vista de mercado, e em termos tributários (redução de impostos). Entretanto, é necessária uma solução para o câmbio automático, já que, por melhor que seja o Golf 1.0 TSI, sem câmbio automático sua atratividade de mercado será muito reduzida.

Postagens relacionadas:

90 comentários:

  1. Um sonho sem duvidas. Tomara tomara \o/

    ResponderExcluir
  2. Pô, melhor e provavelmente mais barato?? ai sim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Victor, seria realmente show e eu estudaria seriamente a aquisição de um semi-novo(não compro mais 0km).Agora, melhor e mais barato aqui no Brasil? Impossivel! O proprio texto ja esclarece que como praxe a dona VW deverá optar não pelo preço competitivo, beneficiado por impostos mais baixos, e sim pelo aumento dos lucros.Sempre. Agora, vender bem menos de 1000 Golfs/mes, igual ocorre atualmente, seria realmente melhor aumentar o lucro ou ganhar bem mais em escala e a possivel lideranca de mercado no segmento?

      Excluir
  3. Nessa categoria ninguém mais quer carro manual, seria um tiro no pé não oferecer automático.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Afirmar que "ninguém" quer não é correto.

      Meu TSI é manual e eu não trocaria pelo DSG em momento algum.

      Pessoal compra carro pensando em revenda. O problema é esse.

      Excluir
    2. Verdade, pra mim carro tem que ser manual, não vejo muita graça dirigir um carro automático...

      Excluir
    3. Verdade, pra mim carro tem que ser manual, não vejo muita graça dirigir um carro automático...

      Excluir
    4. Também gosto de câmbio manual, mas o DSG é simplesmente fantástico, acreditem!

      Excluir
    5. Não fale merda amigo, kkkk, você pelo menos sabe o que é o hatch mais vendido entre os jovens?

      Excluir
    6. Não fale merda amigo, kkkk, você pelo menos sabe o que é o hatch mais vendido entre os jovens?

      Excluir
    7. "Pessoal compra carro pensando em revenda. O problema é esse."

      Guilherme, se você não tem o mínimo de educação financeira para cogitar o valor de revenda dos veículos que compra, o problema é seu. O que não faz sentido é você criticar quem pensa em todas as variáveis antes de adquirir um automóvel, que, independente do modelo ou marca, já é um péssimo negócio neste país.

      Excluir
    8. Bem por aí mesmo João, carro não deveria ser investimento, mas vivemos no Brasil. Dinheiro suado não aceita desaforo.Comprou, usou, vai vender? Que nao seja com uma baita desvalorização, pelo menos com o meu dinheiro nao!sds

      Excluir
    9. O meu é TSi manual e prefiro ele assim.

      Excluir
    10. "Guilherme, se você não tem o mínimo de educação financeira para cogitar o valor de revenda dos veículos que compra, o problema é seu."

      De fato é uma opção minha, afinal eu compro carro para mim não para os outros que futuramente forem comprar.

      "O que não faz sentido é você criticar quem pensa em todas as variáveis antes de adquirir um automóvel, que, independente do modelo ou marca, já é um péssimo negócio neste país."

      não estou criticando quem faz isso. Só comentei que as pessoas compram carro pensando nos outros. Talvez por isso só se ache carro preto-funerária, prata-locadora e branco-taxi.


      Carro não é, nem nunca foi investimento. Compre o carro que vc puder pagar e manter, e seja feliz :)

      Excluir
    11. A compra de carro, especialmente no Brasil, é algo que tem que ser muito bem estudado e envolve sim questões pessoais, portanto ficar preso a questões puramente comerciais não faz sentido se você está descontente do veículo.
      Melhor comprar um veículo que você mantenha com certa facilidade e que te agrade por 5 ou 10 anos do que ficar trocando de carro ano a ano.
      Isso sim é a melhor forma de cuidar do seu dinheiro, e não essa "compração" maluca que o brasileiro faz para ficar se mostrando e pensando em revenda.

      Excluir
    12. Eu nao penso nos outros, sai para comprar um golf 1.4 manual e voltei com peugeot 308 thp, o golf basico custaria mais que o pug completo...ai falam ah mais depois nao vende etc...enquanto nao vende lo estou curtindo muito o carro e top 173 cv pra mim esta de bom tamanho acabamento achei parelho...e o seguro e um valor justo

      Excluir
  4. Eu quero exatamente esse Golf com opção de Tsi e câmbio manual, sei que a maioria vai de automático, isso é mercado, mas prefiro o manual que é um excelente câmbio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo câmbio mecânico hoje em dia, é só pra dar umas voltinhas e chega...
      Ninguém mais quer ficar punhetando embreagem nesse trânsito infernal de ''anda e para''.
      E um bom automático com sequencial, satisfaz os dois lados.

      Excluir
    2. Cara, gosto é gosto, levo 42km para chegar ao trab e mais 42 e fim de semana ainda vou passear, isso no Rio de Janeiro. Fui até Natal de carro e voltei, dirigir é um prazer, e continuo firme com meu câmbio manual, posso ter um dia um carro automático, mas não me atrai, ainda...

      Excluir
    3. Respeito o seu gosto, apesar que eu penso o contrário!!!
      Eu jamais compraria uma Ferrari ou um Porsche se esse não fosse com câmbio automatizado de dupla embreagem...nunca como a maioria que tem grana para comprar essas relíquias jamais as compraria mecânico...isso está virando coisa do passado e não tem volta!!!

      Excluir
    4. O dupla embreagem é a evolução em questão de câmbios automotivos, tem conforto e desempenho, e você tem razão nisso, mas prazer em trocar marcha na rotação que se quer, só no manual...

      Excluir
    5. No DSG você também pode trocar as marchas na rpm que quiser!!!

      Excluir
  5. Mas o Golf SW não vem com o DSG-7? Só aproveitar ela.

    ResponderExcluir
  6. Decisão bem acertada.
    A jogada toda é que o Golf vai ficar cheio de versões, e isso vai na contra mão do que a VW quer.
    Imaginem o seguinte caso, seguindo o Up! como base: Golf 1.6 Confortline Manual/AT, ai depois por mais "alguns mil reais", Golf 1.0 TSI Manual/AT, por mais um pouco, Golf 1.4 TSI Manual/AT.
    O lineup do Golf ficaria inflado com tantas versões, pois acho muito pouco provável o 1.6 sair de cena com pouquíssimo tempo de mercado.
    E considerando o alto preço do Golf, se o 1.0 TSi vier acima em preço do 1.6 TSI vai cair naquela velha história dos leigos que "R$ 85 mil em um 1.0? Estou fora, com esse dinheiro pego carro XXXX".
    Mas bem, que venha o Golf 1.0 TSI, o Golf merece esse motor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acho que o 1.0 tsi vai substituir 1.6 msi!

      Excluir
  7. Seria muitissimo interessante se com essa mundaça o consumidor final, aproveitasse ao menos desses 4% de desconto no valor total do carro, que considerando ele a partir de 69.990,00 viria um desconto de 2.799,00.
    Economizando essa grana com certeza seria uma compra melhor que a MSI.

    ResponderExcluir
  8. Tenho pena de quem comprou o MSI...Só resta chorar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um colega meu comprou um Focus 1.6 S manual em Março do ano passado. Aquela versão de volante de plástico, 2 airbags, sem esp, bancos em tecido, ar-manual, etc. Vivia dizendo que o acabamento do carro era pior que de chinês, cheio de rebarbas e revestimentos baratos.
      Pois em Agosto a ford começou a vender o "novo" focus, com aquela cara do fiesta, e ele ficou com um carro de 4 meses com cara de velho. Ele ficou indignado e agora resolveu partir para um Corolla, mas a Toyota ofereceu 40 mil no carro dele, rsrsrsrsrs

      Excluir
    2. Isso é normal, acontece sempre em qualquer marca, quando lançam um novo modelo tu pode ter comprado o teu um mês atrás e ele ainda assim ficará defasado quando chega o novo, este reclamação não tem nenhum fundamento.

      Excluir
    3. Fora que o facelift do Focus já era de domínio público desde seu tardio lançamento no Brasil. Comprou quem quis.

      Excluir
    4. Exato. Comprou esse Focus desavisado só quem não acompanha o mercado.
      E ainda deve ter pego com bom desconto.

      Excluir
    5. Aqui na minha cidade Itajubá sul de Minas ainda existe a versão antiga do focus na CSS Ford daqui... e pasmem 74990,00

      Excluir
    6. Quanto mimimi com o Golf 1.6. Primeiro que não há certeza que esse motor não será mais oferecido no Golf.
      Mas mesmo que deixe de ser, qual o problema? O motor continua no line-up da VW.
      Quem comprou o Golf 1.6 MSI, está comprando um carro top safety pick + com 7 airbags, maravilhoso de ser dirigido por R$ 65k, ou R$ 70k o Automático, que, diga-se de passagem, é o melhor câmbio AT6 do planeta.

      Então, pena eu tenho de quem não tem dinheiro para comprar um Golf 1.6 MSI, e ficam promvendo um espetáculo deprimente de destilação de ranço e inveja em áreas de comentários.

      Esses sim, são dignos de pena. Quem comprou um Golf MSI é digno de ser invejado, pois comprou o melhor carro do mundo, por um preço extremamente camarada.

      E podem ficar tranquilas, que o Golf 1.6 MSI não irá desvalorizar. Basta ver os preços do Golf 4,5 1.6 ou 2.0 no mercado. Valem mais que i30 e Cruze do mesmo ano.
      Imagina o que não vai valer o Golf 7 1.6 MSI.

      Então, por favor. Se você não tem dinheiro para comprar um Golf 1.6 MSI, o único digno de pena aqui é vc. Fica quieto, para não queimar seu filme.

      Excluir
    7. Não deixa de ser um bom carro, mas deveriam desde o inicio utilizado o 1.0 tsi.

      Excluir
  9. Se tivesse esse TSI AT a 69.990,00 venderia igual a água pro PCD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. O renegade de inicio me surpreendeu mas quando olhei e analisei mais atentamente o carro e cheguei a conclusão que não vale o que pedem e o mais significante é o fato de você comprar um "Jeep" e receber um motor de fiat strada...afff

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Bem que a VW podia pensar nisso, é um grande mercado e carente hoje de bons carros na opção de isenção total.

      Excluir
  10. Upgrade para quem tem um UP! MPI ou TSI, isso se não lançarem o Polo, se chegar por aqui esse Golf 1.0 TSI não virá, tenho certeza que não viria, entretanto acredito que um Polo 1.0 TSI seria uma realidade no Brasil, espero que venha com Start-stop.

    ResponderExcluir
  11. Agora sim! Bola dentro da Volkswagen! O Golf com esse motor 1.0 TSI de 130cv e 22 kgfm de torque a 1500 rpm vai andar muito bem, ser ágil e principalmente muito economico. Motor moderno e aclamado na Europa.
    Deixando a versão manual por 69 mil e a automática por 73 mil vai vender bem, pois além de ser superior aos concorrentes em desempenho/consumo, é o mais seguro da categoria (Esp, Asr, 7 airbags, bloqueio do diferencial, melhores freios, MQB, etc), além de ter o melhor acabamento e espaço interno.

    ResponderExcluir
  12. Bacana também que o Golf só vai ter motores turbo de última geração no seu portfólio, 1.0 TSI de 130cv, 1.4 TSI de 150 cavalos e 2.0 TSI de 220 cavalos. É a referencia do segmento, tanto em motorização, quanto em plataforma (MQB, a melhor e mais moderna entre os hatches), consumo, segurança (o único hatch nota dez em segurança desde a versão de entrada), acabamento e qualidade, etc.
    Fora que o conjunto do Golf é inigualável, só quem tem/dirige um sabe, acerto de direção impecável, rodar sólido, dirigibilidade fantástica...
    Enfim, torço que ele venda bem no Brasil, por méritos da Volkswagen que trouxe um hatch alinhado com o que há de melhor na Europa, com a pompa de ter ganhado todos os premios e comparativos que um carro pode ganhar.

    ResponderExcluir
  13. Uma nova opção é sempre bem vinda, mas não resolve o problema do preço da versão de entrada, a VW precisa oferecer uma versão Trendline partindo de 70k, assim a Trendline automática poderia ser oferecida por 75k, desta forma venceria os concorrentes diretos pelo preço mais atraente e melhor custo/benefício, e consequentemente retornaria a liderança do segmento.

    ResponderExcluir
  14. Ótima opção! Compraria manual mesmo..

    ResponderExcluir
  15. Pelo jeito a Vw vai parar de ficar batendo a cabeça na parede e aposenta este 1.6 que nunca precisou ter existido.

    Agora 130cv e 22kgfm acho pouco provável, mais fácil manter na casa do europeu, 115cv e 20kgfm quem sabe uns trocadinhos a mais no etanol.

    Questão de achar que ficará mais barato que a 1.6 MSI pura besteira, simplesmente este motor 1.0 TSI cheio de tecnologia (turbo, intercooler, injeção direta) custa bem mais caro que um mero 1.6 comum e compensa no imposto mais barato e se tiver uma gordura aí com certeza vai pro bolso da Vw.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo, acho os 130cv de um otimismo muito alto, além de aproximar demais do 1.4T. Apostaria em algo no máximo em 120cv... Lembrando que no caso do 1.4T não houve ganhos de cavalos no motor, sendo 150cv em qualquer combustível.

      Excluir
  16. É o que todos nós esperamos !!

    E não somente o Golf 1.0 TSi, mas também o Saveiro 1.0 TSi, Fox 1.0 TSi, Spacefox 1.0 TSi, enfim, toda a linha da Volks.

    ResponderExcluir
  17. Compraria com ctza, ainda mais se houvesse a opção de faróis e lanterna em led, pq esses normais são HORRIVEIS, fica parecendo um golzão, até os faróis do Fox são mais bonitos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thales cada farol completo de led do Golf custa 13k. Melhor optar pelo tradicional halogeno que ilumina muito bem.

      Excluir
  18. Adoro a VW e esse Golf então é um luxo, porém minha realidade não me permite ter uma máquina dessa. Talvez quando sair a geração VIII vou poder comprar a atual com desconto, e ainda sim vai ser um ótimo carro. Tem gente até hoje apaixonada por fusca, porque não adquirir um carro de geração passada. Civic/Corolla/Jetta das gerações passadas são um ótimo negócio para quem pretende gastar no máximo 50 mil num carro, o que é a minha realidade.

    ResponderExcluir
  19. Sou leigo. Como conseguem tirar 130cv de 1.0? O UP tsi tem 105cv.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aumentando a pressão do turbo.

      Excluir
    2. O motor ea211 tsi 1.0 e projetado pra aguentar até 272 CV de potência

      Excluir
    3. Puramente calibração.
      É igual ao motor do novo A4, tem a versão 2.0 de 190cv e a versão do mesmo motor com 230cv.

      Excluir
  20. Opa!
    Estava negociando um 1.6
    Vou aguardar e levar o 1.0
    Motor fantástico

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Victor. Continue negociando o Msi que um carro rebusto tradicional com o excelente motor aspirado. Continuo achando que o Msi automatico ainda uma excelente opção. A VWB nao vai tirar de linha esse modelo. Vem completo ja a versao de um litro turbo ninguem sabe se vira depenada ou será um Golf basicão. Sds

      Excluir
    2. Realmente, Eddie, estou balançado.
      Consegui um preço excelente no MSI manual(não quero automático). R$ 65.600,00, dando o carro da esposa e R$ 31.600,00 cash, mas branco e não prata como queria.
      Me entregariam o carro em 15 dias.
      O problema é que meu outro carro é um up TSI, simplesmente o melhor 1.0 que tive. O motor é fantástico e o prazer ao dirigir é inigualável.
      Já pensou esse motor num Golf?
      A tentação é grande, viu!
      Vou decidir até sábado.
      Mas obrigado pelo conselho.
      Abs

      Excluir
    3. Pois é Victor, vc tem um motor TSI e já sabe o que é bom. Entretanto o MSI a 65k é uma excelente opção independentemente se virá o Golf 1.0 litro. O motor 1.6 litro é 30% menos econômico que o de 1,0 litro turbo e anda menos. Por outro lado um motor aspirado terminada a garantia após 3 anos, o risco de intervenção é muito menor que num turbo. Realmente uma decisão difícil, apesar do Golf 1 litro ser apenas especulação.

      Eu não trabalho no ramo, mas no lugar da VWB eu viria de Golf TSI 1 litro basicão, sem freio disco traseiro e 4 airbags invés de 7. E reduziria a eletrônica e sensores. Viria pra competir com os sedans e hatches compactos aproveitando a redução de impostos. Pra matar a concorrencia (e o velho Fox), deixando o MSI em linha do jeito que está, bastante bem equipado e muito seguro. Com o tempo virá o Golf Hybrid TSI/DSG 1 litro, será o futuro do automóvel com motor a combustão (vide os LMP1 do WEC Le Mans). Abs

      Excluir
    4. Li agora no Carplace. Eles tem outra visão do negócio. O Golf Tsi 1 litro virá mesmo pra substituir o MSI que não pegou. Chegará em novembro no Salão do Automóvel. Os caras agiram rapido. Pena pois gosto do MSI motor aspirado longevo e da manutenção mais simples e barata.

      Excluir
  21. Me surpreendeu a decisao da VW de tirar o motor com menos de um ano de linha. Geralmente ela e ranzinza e insiste no erro. Mas agora sob nova direcao acho que isso acabou. O muda logo o erro ou simplesmente fica pra tras. Se essa informacao proceder, foi um golpe feliz da vw, a linha golf ficara com uma familia bem moderna

    ResponderExcluir
  22. Confortline ficaria bem arisco com um bloco 1.0 TSI 130cv flex e 22 kgfm de torque, porém concordo com a matéria, nesse segmento câmbio automático é essencial, mesmo que resulte em perda de desempenho com o Aisin. Nos EUA o Golf é 1.8 170hp com transmissão Aisin 6.

    ResponderExcluir
  23. Seria muita ousadia da VW lançar o Golf com motorização 1.0 no Brasil. Para tomar tamanha decisão, deve ter conseguido um bom argumento de marketing para vencer o preconceito dos consumidores que o enxergam como um modelo estritamente esportivo.
    Seria muito interessante e revolucionário se a decisão em questão fosse pelo aguardado 1.0 TSI híbrido (previsto para a Europa em 2017/2018). Seria um GTE à brasileira.

    ResponderExcluir
  24. Essa foi a melhor cartada da VW para o Golf!!
    Mas tem um porém :ela tem que arrumar um jeito de colocar nesse carro, um câmbio automático de qualquer jeito. Seja DSG 7,seja Aisin 6,que ofereça até a automatizada em ultima hipótese.
    Vir só mecânico hoje em dia, não é viável nesse carro para rodar no trânsito caótico do Brasil; além do mais, as pessoas estão voltadas para carros automático e isto não tem mais volta!!!
    É como antigamente, quando carros 4 portas era preterido e o 2 portas era o preferido da maioria...
    Se esse carro vier mesmo, com 1.0 TSI e um bom câmbio automático, compro na hora!!!É o que a VW já deveria ter feito a muito tempo...demorou!!!
    Agora dona VW, faça a tarefa direitinho e não faça pela metade não! Não deixa esse carro sem câmbio automático, pelo amor dos meus filhinhos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. x2! Adoro o câmbio MT, mas nas atuais condições do trânsito de bsb (e de várias outras capitais), a transmissão AT se faz mandatória em razão do conforto que esta traz ao motorista. Saindo um Golf 1.0 Tsi AT, e mantendo os equipamentos da versão Comfortline atual, com certeza estarei na fila para adquirir um.

      Excluir
  25. BetoRJ, não há certeza disso, amigo. Ninguém sabe se o 1.6 sairá mesmo de linha ou se o 1.0 TSI ficará na lacuna entre o 1.4 TSI e o 1.6 MSI, que é enorme. O Golf não está vendendo pouco em razão da nacionalização, mas sim em razão de vários outros fatores, assim como seus concorrentes também estão definhando e vendendo pouquíssimo. O segmento dos hatches médios está minúsculo, pois hoje o consumidor prefere veículos no estilo SUV a hatches médios, que custam na mesma faixa do Golf e dos seus concorrentes. O mercado de hatches médios talvez nunca mais se recupere, enquanto o de SUV's compactos e picapes compactas cresce.

    O problema do Golf não é motor, não é acabamento e nem mesmo preço, mas sim a preferência do brasileiro, que não deixaria de comprar um HR-V, por exemplo, ou mesmo uma Toro, para levar um Golf para casa pelo mesmo preço. Eu, particularmente, prefiro um hatch médio, mas sou minoria e para a maioria esses veículos(Renegade, HR-V e Toro) dão muito mais "status" e são muito superiores ao pequeno Golf. E isso independe de motorização mais potente, câmbio mais "moderno" ou suspensão por eixo de torção, que a maioria dos compradores nem sabe o que é. Na verdade, a nacionalização foi até benéfica para a maioria, pois a suspensão ficou mais alta e o Golf não raspa mais. Além disso, o câmbio DSG barulhento era algo que assustava o consumidor médio. O motor flex também é positivo para o consumidor médio e a suspensão por eixo de torção a maioria nem sabe o que é e não tem a menor diferença.

    Então, meu caro, não pegue uma tendência, um comportamento de determinado mercado, e justifique, de forma forçada, com alterações técnicas que você não concordou/gostou, mas que não tem qualquer relação com o fracasso do segmento de hatches médios. Até falar sobre o preço seria um argumento mais válido.

    Inclusive, acho que a VW errou na nacionalização mesmo, pois deveriam ter tirado o ESP e deixado só com 4 airbags na versão de entrada, mas com um preço mais atrativo. O consumidor médio nem quer saber de ESP e não liga de levar menos airbags. O consumidor médio prioriza preço e "status".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felipe vc está coretobem tudobque falou. Maa tem um elemento que vai mudar o perdil do Mercado mais uma vez, o preço da gaaolina que deverá aumentar ficando proibitivo aí hatches medios turbinados como o Golf vao voltar a brilhar pois os beberrões Suv nao vao nem servir pra viagens curtas de fim de semana quanto menos no trabalho e levar filhos pra escola. Sempre um hatch medio. Comfoto. Segurança. Performance. Sds

      Excluir
    2. Para vender, a primeira coisa que precisa fazer é oferecer.
      E o fato é que o golf nacional ainda é uma raridade absoluta nas concessionárias. A VW não está produzindo o carro em quantidades.
      Apenas poucas unidades. Nem para funcionários o carro está disponível.
      Eu acho que a VW está aumentando o nível de nacionalização para vender o Golf, mas o fato é que, até agora, o que chegou nas concessionárias foram algumas versões do GTI (que vende na hora), alguns MSI de teste-drive, e pouquíssimas versões Highline TSI.

      basta ir a uma concessionária VW e ver se tem Golf exposto. Não tem.

      Enfim, povo tira conclusão sobre vendas e não sabe o que tá falando. O Golf não está sendo produzido em quantidade. Muito pouco.

      Excluir
    3. Carlos, tem MSI sim esperando por comprador na Css. Vi um cinza completo Elegance e com teto, muito bonito, por 86k. Não está fácil vender hatch médio acima de 80k. Sds

      Excluir
    4. O Golf MSi manual já está sendo oferecido a menos de 62 mil.

      Excluir
  26. Ironia on: só seria ruim no transito cheio de fotos sensores. ironia off.

    ResponderExcluir
  27. Não entendi o 1.6 MSI no Golf já tendo o 1.0 TSI! A VW deve ter visto o sucesso do UP TSI que já é a metada das vendas do UP! Tomara que volte o DSG (+ 1.0 TSI) , e assim, a mecânica já ficaria pronta para o UP GTI!

    ResponderExcluir
  28. Felipe tem toda razão. A queda nas vendas dos hatches médios se deve ao consumidor médio brasileiro priorizar preço e "status". Preferem um carro maior e alto com design chamativo (HR-V, Renegade) aos hatches médios tradicionais (Golf, Focus) na mesma faixa de preço. É um movimento irreversível que os fabricantes estão percebendo, com Honda e Jeep saindo na frente. Outro grande movimento a ser considerado é a migração dos consumidores de picapes grandes (S-10, Hilux) e pequenas (Strada, Saveiro) para as médias com cabine dupla (Toro, Oroch). A solução para alavancar as vendas do Golf deve ser muito bem elaborada para competir com os SUVs compactos, motor 1.0 TSI recalibrado + câmbio automático + preço competitivo seria o mínimo. Volkswagen deve abrir o olho para as tendências do mercado nacional, se não se mexer o Golf continuará para trás e a Saveiro restrita a mercado de frotistas. Um SUV compacto e uma picape média CD da montadora se fazem necessários com urgência!

    ResponderExcluir
  29. Mais fogo amigo: 1.0T x 1.6! VW BR canibalizando seus modelos. Além da mudança cultural que o Felipe aí em cima bem disse. Brasileiro, quando começa a ganhar dinheiro, tem um gosto mais americanizado (não é o meu): ou parte pra SUV (em capitais e cidades maiores) ou pra pick up grandalhona (no interior).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No interior o Golf 4,5 1.6 litro vendia muito bem, a VWB precisa acertar a mão do Golf 7 MSI na tabela de preços e no preço das peças de reposição.

      Excluir
  30. A salvação do segmento de hatch médio é buscar o consumidor do compacto Premium. Ou seja, abaixar os preços. A VW com o 1.0 tem uma redução de preço por conta dos impostos. Se não reduzir preço não vai adiantar. Quem quer um SUV compacto não migrar pra golf 1.0 mas quem compra Fox, 208, Fiesta quer migrar pra um médio. Solução? Baixar preço é depenar o carro no limite do possível, mas ter câmbio at é fundamental!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente isso Leonardo. depenar o Golf 1.0 litro e derrubar a concorrência dos Compacto e Sedan Premium. Acredito que com a gasolina ainda mais cara muitos migrariam dos SuVs beberrões pra Golf TSI 1 litro.

      Excluir
  31. O Brasileiro, muito mais culto que qualquer outro povo do mundo, reclamou tanto do cobiçado por outras montadoras a transmissão DSG, que a VW retirou de produção para colocar um câmbio automático, só aqui mesmo, é pra acabar.

    ResponderExcluir
  32. A verdade é que o marketing da VW foi muito burro. Lançaram uma versão 1.6 com desempenho e consumo meia-boca e preço absurdamente alto (acima do 1.4 TSI anterior), destoando do restante da linha que só tinha motores potentes e econômicos da linha TSI ao invés de investirem no marketing do motor TSI 1.0. Agora irão causar a ira dos consumidores que pagaram um olho da cara no 1.6 e verão seus carros terem desvalorização acima do normal (porque provavelmente a versão 1.6 sairá de linha) e ainda terão o mesmo trabalho que teriam antes para convencer o povão que em geral é leigo a comprar um Golf 1.0. Parabéns VW!
    Sobre o motor 1.0 TSI, é um espetáculo. Já deveria estar no Golf desde o lançamento e em outros carros da VW também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem compra um carro está sujeito as modificações sem aviso prévio que as montadoras fazem nos seus carros.
      No próprio manual do proprietário isto é mencionado.
      Faz parte da competição!!!

      Excluir
  33. Amigos do blog, ta circulando uma imagem interna da VW aí que diz que o Golf Msi vai sair de linha mesmo, sendo substituído pelo 1.0 TSI manual de 6 marchas, que por sua vez terá a potência exata de 125 cavalos e 21 kgfm de torque com etanol.

    https://s31.postimg.org/beqhyv1i3/index.jpg

    ResponderExcluir
  34. Noticia interessante, esse Golf com o motor 1.0 TSI realmente seria uma bela opção, e isso corrigiria o "erro" que foi lançar esse Golf 1.6 que tem um desempenho sofrível por esse preço absurdo que se pede, no mais só teria preconceito pelo motor 1.0 quem não conhece absolutamente nada de autos, pois criticar esse excelente motor 1.0 TSI da Volks tem que ter algum problema!!

    ResponderExcluir
  35. Quem não conhece nada de auto, que tome vergonha e procure se informar.
    Quem não conhece nada de auto , que peça ajuda a quem tenha cultura e informação suficiente na matéria.
    Em suma: quem não tem conhecimento, é um grande candidato a se f#$&R na vida!

    ResponderExcluir
  36. Pergunta?

    A VW vai manter o golf com tantas opções de motor? (1.0T, 1.6, 1.4T e 2.0T?)

    Na lógica, seria de abandonar o 1.6 MSI, mas fazer isso com um carro que chegou a tão pouco tempo? e quem já comprou o 1.6, vai acabar com um mico do tamanho do brasil nas mão?

    ResponderExcluir
  37. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  38. Outra questão que ''NINGUÉM'' ainda respondeu, é em relação ao Golf Variant importada do México com 1.4TSI mais câmbio DSG-7.
    Se a VW condena essa câmbio para ser usada no Golf brasileiro, é um tremendo ''paradoxo'' ela trazer a Variant com esse câmbio.?????
    Outra, nada impede a VW de usar o câmbio Aisin-6 no Golf 1.0 TSI se ela já usa esse câmbio no Golf 1.4 TSI brasileiro.
    Como em lugar nenhum do planeta tem o Golf 1.4 TSI com câmbio Aisin-6, em lugar nenhum do planeta também não tem Golf 1.0 TSI com câmbio Aisin-6.
    Então, fica sendo uma alternativa exclusivamente brasileira e ponto.
    Ainda bem que tem essa opção.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.