Car.blog.br

Pesquisar este blog

Fiat Toro 1.8 Flex AT: consumo e comportamento com etanol

Categorias: , , , , , , 48 Comentários

O Fiat Toro 1.8 Flex do nosso teste de longa duração (veja mais artigos sobre este teste clicando aqui) já rodou mais de 200 Km e, portanto, temos dados aferidos de consumo de etanol, assim como impressões de desempenho deste modelo abastecido com o combustível vegetal.

Fiat Toro Flex Freedom - Preto Carbono

Consumo de etanol

A primeira medição de consumo apontou um consumo de 7 Km/l. Esse dado foi efetivamente aferido, dividindo-se a distância percorrida com a quantidade de combustível que entrou quando fizemos o abastecimento. Foram 160 quilômetros rodados com 22,84 litros.

Fiat Toro Flex Freedom - Preto Carbono

O vídeo abaixo traz considerações sobre esse consumo e o desempenho da Toro com etanol.



O aspecto positivo é que os 7 Km/l de etanol aferidos batem exatamente com o número de consumo médio informado pelo computador de bordo, o qual foi zerado no primeiro abastecimento, e, no segundo, apontou os mesmos 7 Km/l da medição.

Fiat Toro Flex Freedom - Preto Carbono

Dessa forma, entendemos que o computador de bordo pode fornecer um número de consumo preciso. A título de informação, após a primeira medição, o consumo está em 6,7 Km/l (informado pelo computador de bordo).

Consumo: Fiat Toro 1.8 Flex x Golf 2.0 Automático

Os 7 Km/l de etanol em cidade da Fiat Toro 1.8 Flex automática podem ser comparados (pois foram medidos no mesmo percurso) aos 6,7 Km/l de etanol do Golf 2.0 TipTronic, 9,7 Km/l de etanol do Ka 1.0 SE, 12,38 Km/l do Up! TSI; 11,1 Km/l do Up! I-Motion  e 9 Km/l do Chery Celer 1.5 Flex, conforme tabela abaixo.

ModeloConsumo etanol (percurso misto)
Volkswagen Up! TSI Manual12,4
Volkswagen Up! MPI I-Motion11,1
Ford Ka SE 1.09,7
Chery Celer 1.5 Flex Manual9,0
Fiat Toro 1.8 Flex Automática 7,0
VW Golf 2.0 Flex Automático6,7

O gráfico a seguir mostra os dados de consumo de etanol da Fiat Toro Flex comparados com Golf 2.0 Automático, Up! TSI, Up! I-Motion, Ford Ka e Celer, todos no mesmo percurso, e todos com etanol.

Fiat Toro 1.8 Flex Automática - consumo em cidade

Esse dado inicial de 7 Km/l de etanol em percurso misto, medido em Brasília (DF), nos surpreendeu positivamente, sobretudo por ser melhor que o que obtivemos com o Golf 2.0 Automático de teste de longa duração anterior (carro que, inclusive, adota exatamente a mesma transmissão automática AISIN de 6 marchas desta picape).

Fiat Toro Flex Automática - consumo - computador de bordo

É evidente que esse 7 Km/l de etanol comparados a modelos 1.5 (Celer) e 1.0 (Ka e Up!) é desfavorável à Toro, mas é preciso relativizar que a picape é a mais pesada de todos os modelos testados. De qualquer forma, vamos fazer uma medição mais prolongada de consumo de etanol, e, posteriormente, avaliaremos o consumo com gasolina.

Comportamento com etanol

Outro aspecto que nos chamou a atenção é o desempenho melhor do Fiat Toro 1.8 Flex abastecido com etanol relativamente ao mesmo carro com gasolina. Apesar de o nosso veículo não ter sido abastecido com gasolina, já andamos em outras Toro flex abastecidas com gasolina, e podemos dizer que é possível sim verificar uma maior desenvoltura da picape abastecida com etanol.

Fiat Toro Flex - espaço interno

Essa impressão empírica confirma o que diz a ficha técnica do modelo. Segundo dados da Fiat, o motor 1.8 E-Torq oferece 139 cavalos com etanol - 4 cavalos a mais que os 135 cv do mesmo motor com gasolina - uma diferença de 3% a favor do etanol.

Fiat Toro Flex Automática Preta

O torque máximo com etanol, por sua vez, é de 19,3 Kgfm - 2,7% melhor que os 18.8 Kgfm do mesmo motor com gasolina. Não é uma diferença muito pronunciada, mas é possível percebê-la no uso normal.

Fiat Toro Flex Automática Preta

Dessa forma, estamos considerando o desempenho da Fiat Toro 1.8 Flex adequado à proposta do veículo, e condizente com os níveis de potência e torque informados vis à vis peso, características dimensionais e aerodinâmicas.

Vida a bordo

O Fiat Toro 1.8 Flex apresenta um conjunto de suspensão com ajuste macio, que permite filtrar as irregularidades das vias, e, consequentemente, oferecer um bom nível de conforto para os passageiros.

Fiat Toro Flex Automática - interior

Esse ajuste, porém, não compromete o seu comportamento em curvas. Trata-se de um veículo com centro de gravidade elevado, e que, então, exige um cuidado adicional em curvas, mas mesmo assim o modelo surpreende, pois contorna os arcos de raios curtos ou longos com precisão e sem oscilações laterais.

Fiat Toro Flex Automática - interior

O resultado é que o Toro transmite segurança ao motorista. Ajuda o fato também de adotar uma carroceria monobloco com suspensão traseira do tipo multilink.

Fiat Toro Flex Automática - interior - espaço interno

Outro ponto de destaque é o volante com assistência elétrica - levíssimo, com um revestimento em couro com excelente pega e múltiplos comandos multifuncionais: som, estações de rádio, memórias, piloto automático, limitador de velocidade; seletores de trocas de marchas.

Fiat Toro Flex Automática - interior - espaço interno

O sistema de infotainment Uconnect tem uma tela de dimensões algo reduzidas - de 5 polegadas, mas com boa performance, inclusive o sistema de reconhecimento de voz funciona a contento, tanto para sintonização de rádios quando para ligações.

Fiat Toro Flex Automática - interior - espaço interno

Em relação aos bancos, especialmente os dianteiros parecem poltronas, que abraçam o corpo do motorista e oferecem muito conforto. Some-se a isso o ótimo descansa braço central com porta-objetos com posicionamento regulável.

Associe-se a isso as possibilidades de ajuste do banco do motorista e do volante, e temos um ambiente muito confortável para o motorista e passageiros.

Usando um veículo 4,92 metros de comprimento em cidade

O Fiat Toro é um veículo com 4,92 metros de comprimento - dimensão comparável aos 4,87 metros do Ford Fusion. Esse número por si só indica que é necessário um processo de adaptação para conduzi-la com segurança e desenvoltura.

Fiat Toro Flex Automática - preta

Entretanto, os sistemas de auxílio ao estacionamento, como o sensor de estacionamento traseiro e a câmera de ré mostram-se fundamentais nas manobras de estacionamento. Na realidade, sentimos falta dos sensores de estacionamento dianteiros também, em face da frente elevada e avantajada da picape.

Fiat Toro Flex Automática - preta

De qualquer forma, as imagens abaixo, do utilitário estacionado em uma vaga de shopping, atestam que suas dimensões longitudinais e transversais estão no limite máximo para que ela possa ser usada como veículo urbano no dia à dia das grandes cidades.

Fiat Toro Flex Automática - estacionar em shopping

Fica claro que, se fosse algo mais longa ou larga, sua usabilidade em ambiente urbano ficaria comprometida, já que ficaria complicado estacioná-la nesse tipo de vaga.

Fiat Toro Flex Automática - estacionar em shopping

De certa forma, essa nossa impressão corrobora a informação da Fiat, a qual sustenta que as dimensões da Toro foram definidas para que ela pudesse ser usada com conforto em cidades.

Caçamba

Em relação à caçamba, o que estamos observando é que ela é muito pouco útil para o uso do dia a dia. Em situações corriqueiras de compras de supermercado, mochilas de crianças e adolescentes de escola, a caçamba, mesmo com capota marítima, tem utilidade comprometida pois não permite que os objetos fiquem presos.

Fiat Toro Freedom Opening Edition

Dessa forma, ao se colocar os sacos com as compras na caçamba, eles se movimentam fazendo com que os objetos que estão dentro se soltem e fiquem espalhados pelo volume de carga. Assim, quando se vai retirá-los, ao se chegar em casa, encontra-se uma enorme bagunça na caçamba.

Fiat Toro Freedom Opening Edition

Sendo assim, consideramos que a melhor opção é colocar as compras de supermercado no banco traseiro - caso não existam passageiros ocupando tais espaços.

De qualquer forma, vamos verificar se existe, na linha de acessórios originais da Toro, um compartimento de carga menor para ser alocado na caçamba, que possa fazer as vezes de um porta-malas convencional.

Conclusão

Os primeiros dias de convívio com o Fiat Toro 1.8 Flex Automático nos surpreenderam positivamente pelo indicador de consumo, conforto e silêncio a bordo e comportamento dinâmico em curvas.

Fiat Toro Freedom Opening Edition

Por outro lado, sentimos falta de sensores de estacionamento dianteiros e de um compartimento de carga com maior praticidade.

Postagens relacionadas:

48 comentários:

  1. muito bom o consumo, considerando que uma picape média faria 5km/L.
    esperando os dados de desempenho

    ResponderExcluir
  2. Seria interessante fazer um teste dela com carga máxima e se possível em um aclive com terra, para analisar se com muito peso atrás ela não fica ruim para sair, perdendo tração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rsrs. Você está esperando demais dela.

      Excluir
    2. Rsrs. Você está esperando demais dela.

      Excluir
    3. Nunca vi ninguém fazer esse teste com uma Hilux flex 4x2, l200 2.4 flex 4x2..

      Mas basta a fiat lançar a Toro 4x2, nego quer que ela tenha tração de picape diesel 4x4, desempenho de hatch medio 2.0 e consumo de Up!

      Depois perguntam porque a Fiat não liberou a Toro 1.8 para fazerem essas avaliações rdículas e tendenciosas, pra queimarem o carro perante a leigos.

      A Toro 1.8 anda mais que Hilux 2.7 FLEX 4x2, COM SOBRAS. Ambas são picapes voltadas mais pra cidade.. ninguém no interior compra 4x2 gasolina pra lama, pra carregar peso, neste caso eles compram as 4x4.

      Excluir
  3. Eu acho que a FIAT fez um excelente trabalho ao desenvolve a Toro e ela tem um otimo custo beneficio tanto a flex como a diesel. Se pudesse trocar de carro no momento essaseria minha escolha .

    ResponderExcluir
  4. Bem interessante os pontos avaliados pelo Blog, principalmente a praticidade do carro no uso urbano, como por exemplo ir no shopping e conseguir parar numa vaga sem ficar com o carro pra fora da mesma ou ocupando "quase duas vagas". Outro ponto interessante foi o consumo com etanol que no meu ver esta de bom tamanho visto o porte do carro, também acharia interessante o teste da toro por exemplo em uma via mal pavimentada e com carga, pra ver como se comporta a mesma, logicamente sabendo que a versão flex não é pra andar em estradas "chão batido" onde somente carros 4x4 trafegam, mas uma estradinha de chão com algumas dificuldades acho que seria suficiente pra testar a desenvoltura dela!!!

    ResponderExcluir
  5. Acho que vai ter muita gente mordendo a língua depois da Toro.
    Senhores, a Fiat acertou, não há como negar, até o 1.8 eTorq recalibrado parece estar dando conta do recado de boa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra rodar na cidade parece que é a tal,mas se colocar peso,pelo conjunto de pneus,motor e suspensão,acho que não vai dar conta.Mas eu quero fazer um teste drive nessa Toro,os números apresentados estão bem legais e olha que tenho Hilux à diesel...

      Excluir
    2. Você é o engenheiro da fiat?? Testou o carro com 1000kg??

      Assistiu a apresentação da fiat toro, com os engenheiros falando que rodaram 500.000km com uma Toro diesel com 1000kg na caçamba e a estrutura desmontada não tinha nenhuma trinca??

      O conjunto de suspensão e pneus da Toro Flex é igual a diesel.. o motor eventualmente não aguentaria os 1000kg, concordo. Por isso que a 1.8, a fiat recomenda 650kg de carga máxima.

      Mas todo mundo sabe que as Strada carregam bem mais que isso.. Aliás são as únicas picapes que carregam alguma coisa realmente, pois as picapes grandes estão sempre vazias desfilando pela cidade e limpinhas.

      A propósito, se nas picapes grandes diesel já andam vazias, imaginas picapes grandes FLEX. Elas aguentam o tranco também?

      Quem comprar a Toro Flex, vai realmente carregar 650kg? A propósito, 650kg são 6 geladeiras grandes duplex.

      A Toro flex faz 0 a 100 em 13s. A hilux FLEX 0 a 100 em 14,5s. Se encher a caçamba da Hilux com 1000kg, ela aguenta o tranco?

      Excluir
    3. Fabiano, não tem essade "Full Carga", sabe o por quê? Por que ninguém usa a capacidade de carga total para uso apenas em cidade.
      Você viu o comercial da Toro para a televisão? Mostrava pessoas normais carregando bagagens comuns, como malas, e provavelmente tais coisas nem atinjam 200 kg. A FIAT sabe bem que quem comprar a 1.8 eTorq sequer vai colocar os 650 kg que são recomendados para ela, e muito menos a 1 tonelada da Toro Diesel.
      Essa pikcup foi feita para aguentar carga na Diesel e nas outras versões supre a necessidade do mercado, com as pessoas que antes não podiam ter uma média por conta do preço e não tinham uma pequena porque eram pequenas.

      Excluir
    4. Ok,entendi,mas entenda que se for usar proposta de carga e se for usar essa pick -up na terra,pelo pneus que são comuns e a suspensão diferente,acho que ela atola.Digo isso pois tive Ranger e agora tenho Hilux,tenho comercio,uso a danada para carregar peso(uso e abuso,bobinas de tecido,por volta de 70kg cada) e nos finais de semana vou pro sítio com estrada de terra e tem lugar que se não for uma pick-up 4x4 de verdade,não rola...mas eu uso pra isso,a maioria só compra pra dar rolé no shopping mesmo,e é a proposta dessa Toro(é só avaliar capacidade de carga,pneus,suspensão comprimento da caçamba e etc).Essa Toro é interessante pela proposta apresentada ,mas esta longe de ser uma pick-up de trabalho,mas vale o test drive pela novidade,quanto à propaganda eu vi e foi muito bem feita,mas realmente observei a Fiat querendo vender seu produto a todo custo,como não poderia deixar de ser.Mas tenho muita ressalva quanto à utilização de carga nessa pick-up(mesmo a diesel)pelo conjunto da mesma,sei não ,nem Amarok aguenta tranco,que dirá a Toro,mas vamos aguardar...

      Excluir
    5. Sim.. Se for a 1.8 na lama vai atolar igual a Hilux, Amarok e S10 4x2, igual a qualquer outra 4x2.. Tem video no youtube do Renegade 4x4 puxando uma S10 4x2 atolada..

      Ou seja, se o renegade 4x4 puxa picape media atolada, a Toro 4x4 (que é praticamente o Renegade), vai passar na lama sem dificuldades. Igual a qualquer outra picape..

      A tecnologia desse 4x4 é Jeep.. Que entende muito do assunto.

      Procure no youtube: "Renegade puxando s10"

      Excluir
    6. Sei não,esses pneus 225/65 R15 com peso e se for na terra...quero ver videos,testes e eu mesmo dirigindo.Cara a pior coisa de contar com uma pick-up é colocar peso e ela arriar,ser frouxa e não subir algum barro na hora de pescar com os cumpadres,eu gosto muito de roça,e se essa pick-up for pelo menos metade disso que estão falando até dá pra trocar por uma diesel e economizar,mas vamos ver os testes primeiro,principalmente na terra (qualquer coisa trocamos os pneus por um bom ATR)e com carga.

      Excluir
    7. A Toro tem pneus mais finos, mas pesa 500kg a menos.. Isso tudo foi estudado.. O renegade tem pneus finos e passa fácil na lama.. O Suzuki Jimny tem pneus ultra finos e passa fácil, tudo é questão de peso.

      Mas se quiser botar pneus pra lama, compra um BF e troca.. inclusive é possível negociar em loja de pneus, que eles ficam com seu pneu 0km.

      Vale lembrar que o Renegade tem passado bem na lama com pneu normal mesmo.

      Excluir
  6. Respostas
    1. Pois já tem gente saindo do Corolla p pegar Toro.

      Excluir
    2. Escolhi a Toro Opening Edition ao invés do corolla Xei.

      Excluir
  7. Eu duvido deste consumo esses motores fiat consomem muito combustível. Tinha um jeep e ele fazia 7,5 km/l com gasolina.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o que tem de errado nesse consumo de 7,5km/l com gasolina? Provavelmente não mora em brasilia.

      Meu Nissan Tiida 1.8 fazia 7km/l. Meu Sentra é consumo A, sedã mais economico do mercado e faz 6,5 km/l. Sempre na gasolina..

      Qualquer carro médio automático hoje em dia faz 7 km/l na cidade(capitais com transito). Corolla CVT de meu cunhado bebe na cidade igualzinho ao meu Sentra 6,5km/l. Só depende do transito, cidade, sinaleira.

      A car and driver fez 8,4km/l no alcool com o Renegade 1.8, já vi gente fazer 6km/l na gasolina.

      Nessas horas é melhor ir ver no inmetro, pois a metodologia é IDENTICA para todos.

      Excluir
  8. "Os 7 Km/l de etanol em cidade da Fiat Toro 1.8 Flex automática podem ser comparados (pois foram medidos no mesmo percurso) aos 6,7 Km/l de etanol do Golf 2.0 TipTronic, 9,7 Km/l de etanol do Ka 1.0 SE, 12,38 Km/l do Up! TSI; 11,1 Km/l do Up! I-Motion e 9 Km/l do Chery Celer 1.5 Flex"

    Será? As condições de teste eram exatamente as mesmas em todas essas avaliações?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até podem não ter sido as mesmas, mas o consumo existiu.

      Excluir
  9. Achei o desempenho da Toro flex completamente patético, um absurdo um carro desse preço ter um motor tão fraco, lembrem-se que não estamos falando de um carro popular mas de um carro que beira os R$ 100.000 reais.. Pode escrever que este fato aparecerá em muitas revistas que testem este modelo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Toro FLEX faz 0 a 100 em torno de 13s e custa 76 mil. Anda mais que praticamente TODAS as picapes FLEX automáticas. (só não anda mais que a S10).

      A hilux FLEX automatica 0 a 100 em 15s. Nem imagino quanto custa.
      A l200, só tem manual e faz 16s de 0 a 100. E custa mais caro que a Toro e bem menos equipada.

      A Hilux Diesel 0 a 100 em 12,8s e custa 188 mil.

      Reveja seus conceitos aí. A Toro 1.8 foi elogiada por quase todas as publicações e acharam o desempenho bem adequado.

      Se você não gostou do desempenho, o carro pra você é um hatch médio.

      Excluir
    2. Rodrigo, sabe qual o problema da Toro? Todo mundo quer comparar com picape media e não foi este propósito da Fiat. Aliás, ela deveria fazer algumas campanhas para enfatizar isso.
      E sobre o amigo acima cherer695 , ninguém que compra um carro acima dos 80 mil está procurando um carro econômico, isso é coisa de carro popular. Se for econômico, ótimo, mas não é atributo principal para este público

      Excluir
  10. Essa Fiat Toro não se cansa de impressionar..

    1620kg, automático e consumo não muito distante de um Ka 1.0 manual e superior a um hatch médio da "Das Fraud".

    Não foi atoa que o Renegade AT6 com seus 1420kg consumiu menos que o Corolla CVT(1250kg) no teste da Car And Driver.

    Haters falem agora mal do Etorq.

    ResponderExcluir
  11. "Em relação à caçamba, o que estamos observando é que ela é muito pouco útil para o uso do dia a dia. Em situações corriqueiras de compras de supermercado, mochilas de crianças e adolescentes de escola, a caçamba, mesmo com capota marítima, tem utilidade comprometida pois não permite que os objetos fiquem presos."

    Minha esposa falou exatamente isto. O carrinho do nosso bebê ficaria solto na caçamba, tendo em vista o custo benefício, a confiabilidade da marca e o valor do carro, acredito que devo fechar no Corolla GLI CVT, antes eu queria o manual, mas o conforto que proporciona é inigualável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é facilmente solucionado com um acessório vendido pela própria fiat

      http://quatrorodas.abril.com.br/materia/conheca-acessorios-originais-fiat-toro

      Excluir
    2. Eu sem dúvid iría de Toro, bem mais bonita e imponente! Alta, confortável, suspensão sem igual e caçamba.. Basta comprar o acess´rio na Fiat que vira um porta malas bem grande e seguro!

      Excluir
    3. Souza, compare no mínimo com o Corolla Xei, porque o gli é "peladão".
      Fiquei entre o Xei e a Toro Opening Edition. A Toro foi minha escolha.
      Sobre a questão da caçamba, como disse o amigo acima, tem acessórios para dividir a caçamba

      Excluir
  12. Não há milagre para a Toro ser econômica. Meu primo vendeu o Renegade por conta do alto consumo 6 km/l na gasolina. A Toro com 200kg a mais será muito econômica?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu primo só vai ter bom consumo se pegar 1.0, 1.6 pequeno e cambio manual(march, hb20) ou carros motores downsizing(turbo).. Corolla CVT na cidade, ele vai fazer os mesmos 6km/l que fez com o Renegade. Vai por mim.

      Olhe o que eu escrevi logo acima, a Car And Driver obteve consumo menor no Renegade flex AT6 na cidade, do que com o Novo Corolla 2.0 CVT. Sendo que o Renegade tem quase 200kg a mais.

      Outra coisa, qualquer 2.0 CVT, qualquer médio automático, vai consumir isso aí.. 6km, 7km/l na cidade. Meu Tiida 1.8 AT4 consumia 7km/l e era apenas gasolina, não era flex.

      Agora eu tenho Sentra CVT e faço os mesmos 6km/l na gasolina que seu primo, na cidade. E olhe que o Sentra é um dos poucos sedãs consumo A no inmetro.

      Carro médio pra cima, AUTOMATICO, somado a transito de cidade, queria que fizesse quanto?? 10 km/l? Só em Brasilia e olhe lá.

      Seu primo vai trocar 6 por meia-duzia em termos de consumo. E não vai ter um carro tão robusto para enfrentar a buraqueira da cidade, bem como a altura para não raspar em valetas, lombadas e rampas.

      Excluir
    2. Ele trocou por uma S10 a diesel. Não sei informar sobre o consumo se esta melhor ou pior.
      vou conversar com ele ainda.
      Abç.

      Excluir
    3. Se o negócio era consumo, ele perdeu uma bela chance de pegar a Toro diesel, que além de mais barata que a S10, a Car and driver fez absurdos 19,9km/l na estrada.

      Excluir
    4. Meu fox 1.6 manual está fazendo 8,5 na gasolina 50% cidade 50% estrada.
      Beberrão! Mas eu não ando na boa...

      Excluir
  13. Dados positivo do consumo. Esperava ser menor. Passei em frente a concessionária e deu para ver. A frente impressiona. Parece ser uma picape maior. Lateralmente é uma Strada "maiozinha".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lateralmente uma estrada maiorzinha? Viajou em amigo, o desenho do carro é diferente de qualquer outro carro da fiat. Na verdade o carro só me lembra um Fiat na traseira, porque tem o logo Fiat enorme

      Excluir
  14. Tem só um erro do avaliador do Car.blog aí.. O Motor da Toro não recebeu "variador do comando de valvulas".. Ela recebeu coletor de admissão variável, chamado de VIS Variable Intake System.

    O motor do Renegade sempre teve variador de fase, todos os Etorq que se chamam "EVO", possuem variador de fase, o do bravo, Line,a punto e Strada é que é o Etorq primeira geração. Eram motores "ocos" em termos de periféricos.

    ResponderExcluir
  15. A Fiat está de parabéns!
    Mas esses tapetes de borracha de Uno Mille são vergonhosos num carro desse nível e preço. Eu gosto dos tapetes de borracha, são muito mais práticos, porém até o Gol intermediário vem com um tapete melhor e até com Carpete se for o comfortline completo,por exemplo.

    ResponderExcluir
  16. Existe na verdade 2 acessórios pra transportar objetos menores na caçamba, acho que o redator poderia ter pesquisado isso facilmente antes de fazer essa crítica negativa. http://quatrorodas.abril.com.br/materia/conheca-acessorios-originais-fiat-toro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, e eles sabem que tem. Mas os acessórios ainda não são vendidos. Aliás nem carro pra entregar tem, estou esperando o meu faz 2 semanas

      Excluir
  17. Saudades da imprensa especializada de verdade. Carro álcool é 6.5 a 9.5 10 na estrada. Tão botando tanto dinheiro que vou tocar meu C 200kompressor por essa pick up.

    ResponderExcluir
  18. Porque a galera fala que o motor do renegade é fraco para o carro e o mesmo motor um pouquinho bombado na toro torna o carro um carrão?
    Além do mais, o consumo e maior da toro que do renegade. Não entendi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí que está, o motor nao é fraco no Renegade, é normal. 0 a 100 em 12,7s na AT6 pela Autoesporte. O acelerador é que tava mal configurado e tinha que pressionar muito, aí a imprensa automotiva leiga inventou que o carro era sonolento. A fiat corrigiu isso na Toro.. bem como a Toro tem cambio mais curto e recebeu coletor de admissao variavel e recalibração da central.

      Excluir
  19. Que bom que o o Car Blog conseguiu o carro rápido, pois estou há 15 dias esperando sem previsão de entrega. Isso porque no sistema deles o carro estava em trânsito. Ridículo a Fiat lançar o carro e não conseguir entregar. Comprei antes do lançamento oficial. As concessionárias estão mentindo que o carro chega logo e pelo jeito deve ter uma espera de pelo menos 30 dias.

    ResponderExcluir
  20. Fiz o teste drive e gostei muito tô comprando uma flex.
    Alguém saberia informar qual a largura dela incluindo os retrovisores, já que os dados de fábrica só fala da largura sem incluir os retrovisores.

    ResponderExcluir
  21. NUNCA VI TANTOS SÓCIOS DA FIAT AQUI!

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.