Car.blog.br

Pesquisar este blog

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex: desempenho e consumo

Categorias: , , 36 Comentários

O Audi A3 Sedan 1.4 TFSI Flex de fabricação nacional já foi testado por diversas revistas automotivas brasileiras, entre elas Quatro Rodas e Auto Esporte. Nestas duas, o modelo brasileiro se mostrou mais rápido que o importado, apesar das duas alterações mecânicas: câmbio automático com conversor de torque e seis marchas (o A3 importado adota uma caixa de dupla embreagem de sete velocidades) e a suspensão traseira por eixo de torção.

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex

A revista Quatro Rodas chegou a publicar uma ficha técnica em sua edição de outubro informando que a suspensão traseira do A3 Sedan nacional seria do tipo multilink, mas trata-se de um erro. Está confirmado: o A3 Sedan nacional adota, no lugar do multilink, um esquema semi-independente por eixo de torção.

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex

O que motivou as alterações mecânicas

As duas alterações - câmbio automático Tiptronic de seis marchas e a suspensão por eixo de torção -, segundo a Audi, foram adotadas para resolver as constantes reclamações dos proprietários acerca dos ruídos metálicos emitidos pelo câmbio S-Tronic (o mesmo DSG7 do Golf) em pisos irregulares. No caso da suspensão, a troca foi motivada também por conta de queixas de ruídos.

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex - câmbio automático

O câmbio automático de seis marchas é bastante suave e tem um funcionamento exemplar, além de extremamente silencioso e muito robusto e confiável, mas não é tão rápido quanto a S-Tronic de 7 marchas - o que, a princípio poderia representar uma perda de desempenho.


Mas não foi o que ocorreu, graças ao motor 1.4 TFSI Flex com 150 cavalos e 25,5 Kgfm de torque, 23 cv e 5 Kgfm de torque a mais que o motor 1.4 TFSI gasolina do A3 importado.

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex

Audi A3 Sedan nacional ficou melhor que o importado: mais rápido e manteve o consumo

O resultado, em termos de desempenho, segundo dados da Revista AutoEsporte, é uma aceleração de 0 a 100 Km/h em 8,6 segundos - 0,9 segundo mais rápido que o A3 Sedan 1.4 TFSI importado. A vantagem do nacional continua nas retomadas: 80 a 120 Km/h em 5,5 segundos (1 segundo mais rápido que o A3 Sedã importado). O quadro abaixo traz os dados de desempenho e consumo (Revista Auto Esporte) medidos com etanol.

ProvaAudi A3 1.4 Flex AT6HB20 1.6 AT6Sandero R.S. 2.0Up! TSi
0 a 100 Km/h [s]8,610,48,69,5
0 a 1000 metros [s]29,432,229,730,6
Velocidade a 1000 metros180,4157176,2170,7
80 a 120 Km/h [s]5,587,312,4
Frenagem a 100 Km/h a 0 [metros]41,545,257,240,3
Consumo cidade [Km/l]8,27,111,3
Consumo estrada [Km/l]12,29,514,7

Suspensão por eixo de torção

Segundo a avaliação da Auto Esporte, a Audi conseguiu um acerto tão bom no A3 Sedan nacional que se tornou praticamente impossível perceber diferença de conforto e estabilidade quando comparado com o A3 Sedan importado com suspensão traseira multilink.


Isso não deixa de ser uma ótima notícia, já que o esquema adotado no nacional é mais robusto e confiável, já que usa um número menor de peças móveis.

Versões - Attraction, Ambiente e Ambition

O Audi A3 1.4 Flex 2016 será vendido em versões Attracion, de entrada, com preço abaixo de R$ 100 mil, e Ambiente, que começa em cerca de R$ 110 mil e pode ir até R$ 150 mil completamente equipada.

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex - interior

O Attracion traz sete airbags, ar-condicionado manual de zona única, assistente de partida em rampa, central multimídia sem GPS, faróis de bi-xenônio, lanternas em LED, sistema Start-Stop (desliga o motor em paradas temporárias), rodas de liga leve de 16 polegadas, freio de estacionamento eletro-hidráulico, sensor de estacionamento traseiro.

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex - interior

Já o Ambiente acrescenta sensor crepuscular e de chuva, seletores de trocas de marcha no volante, rodas de 17 polegadas. Opcionalmente oferece bancos em couro, GPS, teto-solar, câmera de ré, chave presencial, partida por botão Start.



O topo de linha, Ambition (mostrada no vídeo acima), continua a ser importado da Hungria, a traz o motor 2.0 TFSI de 220 cavalos, bancos com ajuste elétrico, ar-condicionado digital e transmissão automática S-Tronic.

Opcionais

Outra importante melhoria no A3 Sedan nacional está na lista de opcionais - que traz itens antes não disponíveis no modelo, como ACC (Piloto Automático Adaptativo, que é capaz de acelerar e frear sozinho o carro, mantendo uma distância do veículo que vai à frente), Park Assist (estacionamento automático em vagas paralelas ou perpendiculares), sensores de estacionamento dianteiro, câmera de ré, Lane Assist (que lê as faixas da pista e ajuda o motorista a manter o carro em linha - o sistema inclusive controla o volante automaticamente em curvas).

Conclusão

Audi A3 Sedan 2016 1.4 Flex

O Audi A3 1.4 Flex nacional ficou melhor e mais adequado ao mercado brasileiro. O motor 1.4 Flex ganhou potência, torque e eficiência, proporcionando ao modelo nacional mais desempenho, mesmo com a adoção do robusto, confiável e suave câmbio automático de seis marchas TipTronic.

OBS: Fotos ilustrativas

Postagens relacionadas:

36 comentários:

  1. Cadê os manezitos que diziam que o pandeiro rs 2.0 iria andar na frente de Golf 1.4 Flex nacional?
    Sumiram? Escafederam-se? Ou ainda estão se recuperando da benga que o Up! Tsi deu no Punto T-Jet? rs..rs..
    Olhem só que beleza? A3 1.4 Flex AT6 com 8,6 segundos no 0 a 100 Km/h...com etnaol. E é mais pesado que o Golf.
    O A3 Sedan já é 1,4 segundo mais rápido que o Focus 2.0
    Ou seja, o Golf 1.4 Flex TipTronic continuará a HUMILHAR o Focus 2.0 Porweshit.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aha vc é um imberbe ao falar assim
      a suspensão multilink é infinitamente melhor que o sistema que usa barra de torção, a opção da VW brasil é custo, mas se vc dirigisse saberia a diferença
      é só dirigindo
      e ademais , vc não pode alterar a lei
      FISICA
      Barra de Torção são interligados, ou seja o que uma roda faz a outra o faz também
      Multilink As rodas são independentes
      Resumo a multi link tem condições de fazer uma curva melhor e não fica derrapando a traseira como a barra de torção
      A vc é o certo errado É a VW alemã, que adota o multi link?
      experto

      Excluir
    2. Imagina o Golf 1.4 TSI flex com cambio manual de 6 marchas, deve fazer 0-100 em menos de 8 segundos. Vai continuar atropelando a concorrência.

      Excluir
    3. olha, sou fã da audi. mas nao tinha necessidade essa desculpa esfarrapada. e como já sabemos o acerto de suspensão da audi é primoroso e com certeza seria um eixo tão bem acertado quanto o do golf mk4, que batia de frente com um monte de multilink. é triste, mas não posso descartar a qualidade. ainda prefiro o a3 ao golf. a bm serie 3 vamos ver quanto fica, de repente vou pra eles

      Excluir
    4. o cambio achei legal, o dsg ficou caro demais pro padrão nacional. a vw precisa de pessoas mais antenadas com o mercado nacional. admiro o powels que ficou tanto tempo no sul e não aprendeu algumas coisas simples como a volatividade da nossa economia e a ignorância do brasileiro que até hoje fala que oleo de cambio nao se troca. é uma pena. os japoneses aprenderam isso há 20 anos e hoje ninguém reclama. tinha que nacionalizar pelo menos a produção de solenoide desse cambio

      Excluir
  2. Oração de saco! O carro perdeu muito ao tirar mult link e S-tronic

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiguinho, vamos falar sério: se colocarem na sua frente uma suspensão multilink e um câmbio DSG vc não vai saber qual é qual, e fica aí reclamando.
      Faz o seguinte: manda seu currículo lá para a engenharia da Audi. Quem sabe eles tem contratam com essa sabedoria toda aí...

      Excluir
    2. Amiguinho, talvez eu não saiba mesmo, aliás acho que nem sei a diferença de carburador e injeção eletrônica! Carburador é muito melhor né! É robusto, resistente, é de ferro; coisas eletrônicas dão muito defeito! Quem sabe madeira seja melhor que as chapas em aço, chassi melhor que plataforma, partida à manivela melhor que elétrica, ignição por platinado ao invés de eletrônica. Aff não sei de nada mesmo, melhor vc mandar seu currículo seu sabichão!

      Excluir
    3. tem uma coisa que o carburador é muito melhor do que a injeção eletrônica, e esta ainda vai demorar um pouco pra conseguir imitar. quando o ar sobe pelo tubo emulsionador, saem bolhas de ar com combustível em volta. já na injeção sai combustível atomizado que se mistura com o ar. é bem diferente. porém os carburadores têm suas limitações, sendo impraticável. mas na teoria e algumas vezes na prática, um carburador pode ser mais econômico e eficiente que uma injeção eletrônica. de qualquer forma apenas intusiastas vão ficar reclamando do cambio. eu acho uma boa decisão. veja no meu caso, nao posso manter um dsg. mas um 09g já cabe no meu bolso tranquilamente. eu estava sem saída, já estava quase decidio a descer para um golf manual.

      Excluir
  3. Vou te dizer, obviamente que pelo valor/status do carro preferia o melhor possivel como a traseira com Multilink e o cambio DSG de 7 marchas, mas se eu fosse dono da empresa também teria mudado.
    Pra que dar murro em ponta de faca? Se reclamam do DSG e tem medo que possa dar problema, e que o custo elevado faz ele decidir ir pra uma MB ou BMW porque usam cambio AT, vamos mudar pra cambio AT.
    Se reclamam que o "asfalto" brasileiro é muito judiado e o multilink causa barulho, e também pode ocasionar um conserto prematuro e caro, vamos mudar pra eixo de torção que é tão bom quanto e o carro perde um pouco de desempenho em curvas, coisa SUPER importante pra um carro de passeio né?
    Agora, vendo pelo lado Premium da coisa, já que tiraram estas coisas, e visto que são mais baratas, que acabassem com esse interior de tecido com volante de borracha.
    Deixa o carro completo com Tudo que tem direito desde a versão de entrada, e as tops ficam encarregadas dos Mimos que nem todos querem como Banco com Aquecimento, Banco com Massagem, Regulagem Elétrica dos Bancos com Memória, Teto-Solar, e sei lá o que mais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o meu Jetta tem a suspensão multilink, pego muita estrada ruim, enconomoda um pouco mas nada pra deixar de ter o carro, e nunca houve nenhum problema na suspensão e já está com 120 mil km... isso aí é corte de custos mesmo... quem sabe com Müller no poder do Grupo os carros voltam a melhorar um pouquinho em qualidade, pois é um cara mais técnico e tem uma visão de Porsche e Audi!

      Excluir
    2. Também concordo que é redução de custos. O resto é conversa fiada.

      Excluir
    3. De qualquer forma é lamentável que a volks/audio não consiga fazer uma suspensão multilink confiável e silenciosa como, por exemplo, fazem a bmw, ford e honda,

      Incrivel não? Precisaram substituir por uma mais simples por total incapacidade técnica de desenvolver algo decente.

      Excluir
    4. realmente a vw nao fez um multilink decente. e me irrita muito esses a3 com banco de tecido. da pra contar nos dedos os a3 antigos com esse acabamento. nem o a3 1.6 antigo vinha sem couro no volante. poderia deixar esse segmento pro golf e ficar só com as categoria superiores.

      Excluir
  4. nós entusiastas estamos reclamando e com razão, mas quem entra na agência pra comprar esse a3 não vai dar a mínima pra isso, vai vender até mais, pois um at de verdade e uma suspensão mais molinha é melhor pra eles... mesmo com o Golf, nego vaj querer andar de Golf e pronto, mesmo com motorzinho... eu estava pensando seriamente em trocar meu Jetta em um a3 sedan nacional pq andava bem (quase igual o Jetta) e infinitamente mais econonico, mas agora já era, eu entendo de carro, gosto de guiar muito e essa suspensão e câmbio não me agrada, o at do Jetta já enjoou... vou esperar o a3 sedan 1.8t abaixar um pouco!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez o AT6 trabalhe melhor no 1.4 TSI do que no 2.0 8v aspirado do Jetta.

      Excluir
    2. foda é pegar um dsg segunda mao, pra dar manutenção vai ser complicado... até agora nao sei de ninguém que conseguiu fazer reparo no robo, só trocando tudo. e quando descobrirem, vão cobrar caro e vai ter só em SP. vai demorar um bocado pra esse cambio de segunda mão se tornar viável. realmente me deixa triste, dá vontade de pegar um manual. agora q vc falou acho que vou me irritar com o tip

      Excluir
  5. Uma pena o S-Tronic e a multilink terem saído. Mas leio com entusiasmo os números e o acerto que a Audi vai dar no carro e provavelmente a VW também dará no Golf. Essa frente do carro nas cores vermelha e preta fica bastante intimidadora. Vendo a ficha do A3 Sedan ele pesa 1215kg vs 1218kg do Golf. Se o Golf ficar no 0-100 em 9,5s com gasolina está ótimo.

    ResponderExcluir
  6. Tá, mas por que comparar um sedan de R$ 100 mil com hatchs populares que custam a metade disso?

    ResponderExcluir
  7. Kkk quer dizer que pra resolver o problema de ruído da suspensão multilink a Audi coloca o eixo de torção!? A engenharia da Audi é boa hein, não consegue nem resolver os ruídos da suspensão!? Teria sido mais inteligênte ter dito que era por redução de custo do que falar uma babaquice dessas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mauro, porque é outra categoria ué. pra que comprar uma mercedes se o corolla faz a mesma coisa? pega um bmw mercedes audi e passa um final de semana dirigindo pra ver se vc nao vai correndo comprar um e NUNCA MAIS vai querer outra coisa. rsr

      Excluir
  8. Quanto fanboy... A perda da suspensão multilink e do câmbio dsg foi triste! Seria um carro ainda mais rápido, estável e confortável! A desculpa que a AUDI/VW usam falando das reclamações não procedem, a questão aí é lucro mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O A3 nacional ficou mais rápido, veloz e gasta a mesma coisa. A a suspensão ficou igual, segundo testes.
      E mais confiável e robusto. Isso são fatos. O resto é mimimi de hater.

      Excluir
    2. desculpa esfarrapada mesmo. sou fa da vw/audi mas essa lorota foi desnecessária mesmo

      Excluir
  9. Se o motivo dessas alterações se deu em respeito ao consumidor brasileiro, o A3 1.8, os demais Audis com multilink e dupla embreagem, o Golf GTI, deveriam ser vendidos também com eixo de torção e Tiptronic. Só que não! Que falta de respeito para o consumidor desses carros, serao obrigados a aguentar a multilink e o câmbio de dupla embreagem.

    ResponderExcluir
  10. Se o motivo dessas alterações se deu em respeito ao consumidor brasileiro, o A3 1.8, os demais Audis com multilink e dupla embreagem, o Golf GTI, deveriam ser vendidos também com eixo de torção e Tiptronic. Só que não! Que falta de respeito para o consumidor desses carros, serao obrigados a aguentar a multilink e o câmbio de dupla embreagem.

    ResponderExcluir
  11. Provavelmente o golf highline vai vir eixo de torcao. Pode ate ficar tao bom quanto, mas foi um downgrade. Nao gostei, nunca vi tal reclamacao das suspensao trazeira do golf, vi mais sobre o cambio. Nao gostei, passou de very best pra good #chateado

    ResponderExcluir
  12. Agora senti firmeza, saiu o câmbio bate panela, agora é so juntar a grana kkk

    ResponderExcluir
  13. Rpz tenho um golf tsi fabricaçao alemã com 30mil km. Tudo corria bem e estava satisfeito com o carro até meu DSG apresentar problema e hj esta na concessionária aguardando a substituição!!!
    O DSG é melhor? Parece que sim, mas não sei se é a opçao mais confiável! Qnt a multilink não há dúvidas q é melhor

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.