Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW Amarok 2015: consumo, desempenho e especificações

Categorias: , , , 20 Comentários

A Volkswagen do Brasil apresenta a linha 2015 da Amarok - pick-up média que chega com recursos inéditos em sua categoria e mais equipamentos em todas as versões. Os novos modelos já estão chegando às concessionárias da marca.

Volkswagen Amarok 2015

A versão topo de linha Highline – que já conta com a tração permanente 4MOTION e a transmissão automática de oito velocidades – agora pode ser equipada com faróis bixenônio com luzes de condução diurna em LED. Outras novidades são: regulagem elétrica do facho dos faróis, grade dianteira em preto brilhante com filetes duplos cromados e como opcional, novas rodas de liga leve de 19 polegadas.


Volkswagen Amarok 2015

A Amarok 2015 passa a ser também equipada com faróis de neblina com luz estática para conversão (cornering light), recurso que amplia a área iluminada em curvas feitas em velocidade igual ou inferior a 40 km/h. Sempre que os faróis estiverem ligados (fachos alto ou baixo) e a seta for acionada ou o motorista girar o volante, o farol de neblina do lado correspondente ao que o veículo estiver virando é acionado automaticamente. As configurações Highline e Trendline 2015 contam com essa tecnologia de série.

Volkswagen Amarok 2015

Outro item que foi adicionado é à picape Volkswagen é a câmera traseira de estacionamento, recurso que facilita o motorista durante manobras de estacionamento. Essa tecnologia está disponível para a Amarok Highline em conjunto com os sensores de estacionamento dianteiro e traseiro.

Volkswagen Amarok 2015

A linha 2015 do modelo passa a contar também com ajuste lombar para os assentos dianteiros, sempre que a picape for equipada com airbags laterais.

As demais configurações (Trendline, SE e S) também passam a ser mais equipadas na linha 2015. Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), Assistente de Partida em Subida (HSA), Controle Automático de Descida (HDC) e lanterna traseira de neblina agora são itens de série para todas as versões. A regulagem elétrica de altura do facho dos faróis também passa a ser equipamento “standard” na Amarok Trendline. Entre os opcionais disponíveis para todas as versões, destaque para o engate removível para reboque.

Versões

Com a chegada da série especial Dark Label (detalhes aqui), prevista para abril, a Amarok será oferecida em sete opções de configuração, entre carroceria cabine simples e cabine dupla, tração 4x4 selecionável ou permanente, transmissão manual de seis marchas ou automática de oito marchas.

Volkswagen Amarok 2015

Na versão S da picape – oferecida em configurações de cabine simples (com tração 4x4) e de cabine dupla (tração 4x4) – o motor TDI conta com um turbocompressor e tem potência de 140 cv, que surgem a 3.500 rpm. O torque é de 34,7 kgfm, disponível a partir de 1.600 rpm.

Volkswagen Amarok 2015

Nas versões SE, Trendline, Dark Label e Highline, o motor TDI tem dois turbos, o que eleva sua potência para 180 cv. O torque máximo é de 40,8 kgfm a 1.500 rpm, com o câmbio manual de 6 marchas. Com o câmbio automático de 8 marchas (recurso opcional para a versão Trendline e de série nas configurações Dark Label e Highline), o torque máximo é de 42,8 kgfm a 1.750 rpm.

Volkswagen Amarok 2015

Consumo e desempenho

O conjunto motriz da Amarok, formado pelo motor 2.0 biturbo de 180 cv associado à transmissão ZF automático de oito marchas permite acelerar as mais de 2 toneladas da pick-up de 0 a 100 Km/h em 11,4 segundos. A retomada de 60 a 100 km/h termina em 6,6 s. Parar também não é problema: de 80 Km/h e 0 em 26 metros. O vídeo a seguir mostra o funcionamento do bloqueio eletrônico do diferencial.



Mesmo com tal nível de desempenho o consumo é contido: 9,1 km/l de diesel na cidade e 13,1 km/l na estrada.

Tração 4 Motion

Um dos grandes diferenciais técnicos da Amarok é o sistema de tração integral permanente 4Motion. Esse sistema não exige acoplamento de tração 4x4 ou mesmo reduzida, pois tudo é gerenciado eletronicamente. O resultado é um comportamento exemplar em curvas, sempre neutro e sem surpresas, mesmo em pavimentação ruim. O vídeo a seguir mostra o funcionamento do 4Motion.



Preços

Os preços oficiais da Amarok 2015 não foram divulgados, mas os valores atuais de R$ 134.910 para a Trendline e R$ 152.550 para a Highline devem ser mantidos.

Postagens relacionadas:

20 comentários:

  1. Rapaz... Pickup no Brasil tem preço de sedan grande e nem metade do conforto, acabamento, itens de série e etc de um.
    Ao meu ver, maldito o dia em que colocaram esses preços nessas pickups, deveriam ter preço de sedan médio e olha lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Toyota com uma Hilux totalmente nova e com novidades inéditas no mercado (4x4 com câmbio AT por exemplo) lá em 2005/06. De lá pra cá, só subiram.

      Excluir
    2. Quem compra picape deveria saber q tá trocando o conforto pela praticidade, entre outras. Inclusive quem comenta deveria saber disso

      Excluir
    3. Não é exatamente o que eu vejo. O que estes olhos veem é uma pá de gente comprando Hilux, Amarok, Frontier, Ranger, S10 e etc, para andar pelas ruas com a caçamba totalmente vazia, compra pickup para se mostrar, ostentar, se sentir o dono das ruas com aquele treco enorme.
      Concordo com a parte de trocar conforto pela praticidade, mas diria que 90% dos que compram pickup, compram pelos motivos citados acima, e não por realmente precisar deu uma.

      Excluir
    4. Mas a amarok he a mais confortável ... Ande e tire suas conclusões.

      Excluir
    5. A Amarok é a única picape média que tem comportamento de carro, sendo muito mais estável e confortável que as demais. A Hilux tem tradição, mas está na idade da pedra em termos de tecnologia.
      S-10 e Ranger só vendem porque tem flex.
      No fim a Amarok é a melhor de todas. Motor 2.0 turbo de 180 cavalos.Transmissão ZF de 8 marchas e a cereja do bolo: tração 4Motion, que está séculos à frente das demais.

      Excluir
    6. Amarok é picape média de cidade. Não aguenta o tranco.

      Excluir
    7. Ah sim, claro, uma Amarok é mais confortável e bem acabada que um Fusion 2.0 Ecoboost AWD, ou um BMW 320i, ou um A3 ou ainda um Mercedes-Bens Classe C200...
      Parem de viajar, toda e qualquer pickup no Brasil deveria custar bem menos do que se pede nelas, mas os preços sempre irão se mantar nesses patamares, ainda mais com gente comprando Pickup para ostentar na rua.

      Excluir
    8. Não viaja, cara!
      Comparação mais caipira essa sua!
      Outros fatores contribuem p/ a compra de pick-ups, como a rigidez da carroceria, da suspensão, a altura em relação ao solo, a "tocada" do motor a diesel, que a legislação só permite que venha em carros utilitários, etc.
      Afinal, nenhum desses carros citados enfrenta a buraqueira e as emendas de asfalto das nossas maravilhosas ruas.
      Quem gosta de meio termo entre utilitário e sedan compra um autêntico SUV.

      Excluir
    9. Concordo, dirigir uma camionete media, tem seus prazeres, particularmente não tem a intenção de comprar cedam, cheguei a ter os dois, o prazer em dirigir uma pickup, segurança e outros fatores que não troco.
      Acabei de.pegar uma Amarock SE e me arrependi, tinha uma S10, já tive amarock automática, mas essa esta gastando muito, esta com 700 km, acho que não vai melhorar muito gasta feira, em.media 6,5, não faz mais não.
      Mas gosto de cambio manual.
      Alguem tem Amarock manual? Gasta mesmo ou é só a.minha.

      Excluir
    10. Concordo, dirigir uma camionete media, tem seus prazeres, particularmente não tem a intenção de comprar cedam, cheguei a ter os dois, o prazer em dirigir uma pickup, segurança e outros fatores que não troco.
      Acabei de.pegar uma Amarock SE e me arrependi, tinha uma S10, já tive amarock automática, mas essa esta gastando muito, esta com 700 km, acho que não vai melhorar muito gasta feira, em.media 6,5, não faz mais não.
      Mas gosto de cambio manual.
      Alguem tem Amarock manual? Gasta mesmo ou é só a.minha.

      Excluir
  2. 3 colocações:

    1- Cabine simples Highline - - NÃO EXISTE, mas deveria!
    2- Cabine simples 180cv - - NÃO EXISTE, mas deveria!
    3- Cabine Dupla e Simples Flex - - NÃO EXISTE, mas deveria! (Boa opção para o campo e para atender o trabalho de campo das Usinas).

    Vw, sempre correndo feito uma tartaruga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um carro com quase 2 toneladas com motor FLEX? Jura??? Só se for pro trabalho de campo ABASTECIDO pelas usinas!

      Excluir
    2. Você não entende muito de pick ups pequenos isso é claro. O preço de uma cabine simples Highline compraria tranquilamente a intermediária cabine dupla e nesse segmento de pick ups medias cabine simples = carro para o "peão". E isso também explica o porque de cabine e 180 cvs ser completamente desnecessário, visto que a potência delas é suficiente para carregar o que se propõe.

      Que motor a VW para colocar numa pick up media à gasolina? O 1.4 do Golf? Por favor...

      Excluir
    3. Flex?
      Brasileiro merece as carroças que tem!

      Excluir
  3. Adoro essa Amarok, porém pelo mesmo preço pra se andar na cidade posso comprar uma BMW, um Mercedes, um Audi ou um VW top e ter muito mais conforto. Quem tem Amarok pra andar na cidade tem outro tipo de mentalidade... Quer poder andar sem se preocupar com buracos e se impor no trânsito. Não consigo ver outra razão.
    Se tratando de dirigir fora do asfalto, acho que é a melhor opção ao comparar com a Hilux, S10, Ranger e Frontier.
    Extremamente confortável e muito bonito, mas quanto a beleza, isso já é gosto pessoal...

    ResponderExcluir
  4. Gosto desse carro. E com certeza não seria minha compra para a cidade. Olhando pelo valor da TOP iria certo de Golf GTI TOP. Nada mais a falar. E se fosse pra economizar um pouco e ainda assim ter um carro moderno e bom. Jetta TSI Premium pack fechado. Em media 105.000 aqui no RJ

    ResponderExcluir
  5. Olá pessoal, em respeito ao comentário de todos, gostaria de contribuir pois já tive Hilux 2013 e S10 em 2012. Agora estou buscando informações sobre a Amarok. Em primeiro lugar qualquer carro é absurdamente caro no BR (outro dia vi um Corolla que um maluco pagou R$ 99.990,00, pasmem), mas enfim, não é o caso julgar a coragem e o bolso de cada um. Pelo que avaliei até agora, a Amarok é a melhor opção, visto que a Hilux parou no tempo e cobra mais pelo status e nome da pick up do que necessariamente pelo que oferece. A S-10 não me agrada pois tem mecânica frágil e manutenção cara. Eu tenho um Jetta TSI e um Tiguan, e admito que jamais voltaria a usar um Toyota ou Chevrolet depois de conhecer esses 2 foguetes, que alem de andarem muito, são muito eficientes (o Jetta com o cambio DSG faz 11,5 km/l andando rápido. Bom, quanto a pick up, o cambio de 8 velocidades e o pacote tecnológico, alem de uma boa carroceria, design e o 4motion pra colar a traseira no chão realmente são diferenciais que precisam ser levados em conta (Hilux e S-10 pulam demais em asfaltos irregulares, sem contar que as CSS matam os usuários indicando 42 libras nos pneus, pasmem novamente). Se a Amarok Highline num desses planos promocionais sair por até R$ 130k, acho que é melhor negocio do que qualquer sedã de luxo, principalmente para andar nesses lixos de rodovias que temos. Tive 320i e a BMW precisa inovar naquele painel pré-histórico, sem contar que o Jetta TSI despacha ele como se fosse carro 1.0, rsrsrsrs. Um abraço e vamos respeitar a opinião de todos, estamos aqui para somar, e não para brigar. Já chega as calamidades que temos que aguentar nos jornais. Saudações a todos!

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.