A marca núcleo do Grupo Volkswagen, a Volkswagen, fechou o ano de 2021 com -8,1%, para um total de 4,9 milhões de unidades vendidas, mas registrou crescimento de vendas de elétricos e híbridos plug-in.
Volkswagen tem queda de 8,1% de vendas globais em 2021
A marca Volkswagen fecha 2021 com 4.896.900 carros entregues aos clientes, 8,1% a menos que em 2020, decorrente da escassez de componentes e a consequente desaceleração na produção das fábricas. Um número que, sobretudo, nos faz entender a extensão dessa restrição: a Volkswagen acumulou 543.000 pedidos a serem processados em 2022, dos quais 95.000 para a família elétrica ID.
Volkswagen tem queda de 8,1% de vendas globais em 2021
Destes quase 4,9 milhões de carros no total, 263.000 carros elétricos puros e 106.000 híbridos plug-in, para um total de 369.000: números ainda baixos no geral, que representam 7,5% do total, mas com crescimento de até 73% em relação a 2020. A Europa é o mercado mais receptivo a esses carros eletrificados, que responderam por 19,3% do total de entregas da marca Volkswagen, contra 12,6% em 2020.
Volkswagen tem queda de 8,1% de vendas globais em 2021
A fabricante alemã também registrou aumentos nas entregas de veículos elétricos nos Estados Unidos Estados Unidos, China e Alemanha.

Carros elétricos mais vendidos da Volkswagen
Volkswagen tem queda de 8,1% de vendas globais em 2021
O carro elétrico mais vendido no mundo foi o Volkswagen ID.4 , com 119.650 unidades entregues, seguido pelo ID.3, com 76.000, o e-up !, com 41.500, e o ID.6 (vendido só na China), com 18.000.

SUVs DOMINAM
Volkswagen tem queda de 8,1% de vendas globais em 2021
Os SUVs são os carros mais requisitados do mercado. No âmbito da Volkswagen, estes carros representaram 40% do total de entregas em 2021 (no ano anterior, 34,8%). Graças aos SUVs, a Volkswagen gerou impressionantes três quartos de seu faturamento nos Estados Unidos, onde vendeu o maior número de veículos desde 2013.
Volkswagen tem queda de 8,1% de vendas globais em 2021
No entanto, o Golf manteve seu primeiro lugar como o carro mais vendido na Alemanha em 2021, apesar de o problema relacionado ao fornecimento dos chips.

15 Comentários

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

  1. Registrar queda de vendas em um ambiente de crise de semi-condutores é um ótimo sinal que a marca faz carros altamente tecnológicos. Parabéns à VW.

    Já as marcas que não usam tantos chips e produzem carros obsoletos, podem ter aumento de vendas, o que é um mau sinal, indicando carros altamente defasados!

    Portanto, meu conselho para 2022: compre carros de marcas que tiveram queda de vendas em 2021, pois estará comprando carros avançados e altamente tecnológicos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente ótimo sinal, menos plastico no mundo.

      Excluir
    2. Parabéns VW pela sua falta de planejamento.
      Totalmente previsível essa falta de semicondutores.

      Excluir
    3. Para de arrotar bostejos, CD4. Conversinha pra boi dormir essa sua. Isso é decorrente tão somente do fato do povo, lentamente, estar acordando e vendo a piada de mau gosto que é essa marca. Não é só aqui que tem trouxa não. Essa raça maldita existe no mundo inteiro, independente de onde. E não adianta dar conselhos sobre carros, pois todos sabem que vc nem sabe dirigir. Então cala a cloaca, rapariga.

      Excluir
  2. é Só o começo kkk Vai cair muito mais! Kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não relincha. A VW tem 500 mil encomendas de carros que não conseguiu atender em 2021, para 2022.
      Se normalizar a oferta de chips, VW vai espirrar para cima, no Brasil, EUA, Europa e etc.

      Excluir
    2. Gozado que todas as montadoras tem chips, menos o grupo Jacswagen, isso tem nome:

      INCOMPETÊNCIA

      Excluir
  3. coitada das outras então canada ..acho que vc não vive na terra não kkkkk
    acho q ele não soube da crise de chip carlos kkkkk
    fora que a vw vendeu um tiquinho menos se comparado ao ano pssado ,em compesação os carros estavam bem mais caros..lucrou foi bem mais.

    parabens vw

    ResponderExcluir
  4. Menina thieng, a kenga mor do AsnoD4, trocando ideiazinhas com ela, como se fosse a melhor coisa do mundo perder vendas. Mas nesse mundinho de faz de conta de vcs, deve ser mesmo. Ain, lucrou mais. Lucrou não, mané. Extorquiu os otários que compram essas bombas.

    ResponderExcluir
  5. Vííííííge, alguém vai enfartar, he, he, he!

    ResponderExcluir
  6. Marca nojenta. Falando de combustão, aposta na família TSI cheia de problemas crônicos achando que apenas isso é o suficiente para alavancar as vendas. Por outro lado, acabamento sofrível, design absolutamente sem graça, status ZERO, confiabilidade baixa e por aí vai. Com certeza as vendas cairão ainda mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem uns vídeos aí no canal do Tomineck,do eixo traseiro do virtus brincando também, onde já se viu trocar eixo 3 vezes em menos de 4.000km rodado, volks sendo volks, quando ñ é o t-cross é o virtus, fora os tsi abrindo bico nesse brazél a fora.

      Excluir

Postar um comentário

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.

Postagem Anterior Próxima Postagem