Car.blog.br

Pesquisar este blog

Marca Jetta da Volkswagen já detém 1% do mercado - China

Categorias: , , , , , 27 Comentários

A JETTA, submarca da Volkswagen na China, registrou entregas de 13.500 unidades em abril na China. Isso equivale a aproximadamente um por cento do maior mercado automotivo do mundo. De janeiro a abril, foram vendidos cerca de 38.000 carros da marca.


Devido ao impacto do Covid-19, o desejo de possuir carros tem aumentado na China, com os consumidores agora mais motivados do que nunca para evitar o transporte público ou compartilhado. A gama de modelos da JETTA, incluindo um sedan e dois SUVs, é direcionada ao público que quer comprar pela primeira vez um automóvel.


A marca Jetta entrou no mercado chinês em setembro de 2019, e os números mostram o acerto da Volkswagen em lançar uma marca de baixo custo. Cerca de 81.000 carros JETTA foram entregues aos clientes. Em 2020, seu primeiro ano completo de vendas, a marca continuará aumentando a participação de mercado do Grupo Volkswagen na China.

Jetta VA3 - China

Apesar do enorme impacto negativo da pandemia de Covid-19 no mercado automotivo da China, os resultados da JETTA nos primeiros quatro meses deste ano mostram apenas uma queda de 12% quando comparados aos quatro meses da entrada no mercado em setembro a dezembro de 2019. Como o mercado geral diminuiu 30% entre janeiro e abril de 2020, a JETTA ganhou participação de mercado.

Jetta VS-5 SUV China

Entre os clientes desse segmento, cerca de 80% são compradores iniciantes, principal grupo-alvo da JETTA.

Jetta VS-5 SUV China

A marca JETTA fecha a lacuna entre o nível de entrada e o segmento de volume em que a marca Volkswagen lidera o campo. Pela primeira vez na história da Volkswagen, um único modelo se transformou em uma marca própria, com sua própria família de modelos proprietários.

Jetta VS-5 SUV China

A JETTA está posicionada de forma independente no mercado, mas com proximidade reconhecível ao mundo da Volkswagen. Todos os modelos são produzidos pela FAW-Volkswagen em uma fábrica em Chengdu.

27 comentários:

  1. Jetta parece Santana , é o mesmo motor?

    ResponderExcluir
  2. A VW acabou mesmo com o Jetta. Aquele carro top com motor 5 cilindros aspirados (ainda vejoalguns totalmente íntegros nas ruas, parece que o carro nao estragará nunca), virou um Tsi com acabamento mais fraco e motor bomba (custo de manutenção altíssimo), finalizando no Gli com encosto traseiro costurado no banco e cocuruto em frente ao banco traseiro (onde seria a saída de ar), com o mesmo motor bomba. Agora transformou em sub-marca. Lamentável. Estragou o carro, assim como fez no caso do UP, um carrinho top que tinha tudo pra dar certo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Motor TSi bomba? Kkkkk!! Explicar motor subalimentado já deu neh? Falar sobre saída de ar condicionado traseira?? Para né... e o que o carro trouxe? ISSO NINGUÉM VÊ NÉ? Mais vou refrescar a memória. Piloto automático adaptativo, Assistente de faróis alto, Faróis Full Lead, Painel Digital, Banco dianteiros com ventilação, Detector de Fadiga, Sistema de Pós Colisão, ah e ainda tem os perfil que vc pode cria. Sendo assim até três pessoas podem configuram posição de banco , retrovisores, ar condicionado, painel digital e som de sua preferência e salva, ao entrar no carro basta selecionar o seu nome no painel e o carro se ajusta automaticamente para as respectivas posições.
      Portanto nao fale asneira.

      Excluir
    2. Jetta é bomba, custo de manutenção muito maior do que de marcas Premium, quem tem grana nem considera Jetta na hora da compra, vai logo de BMW, Mercedes, Audi, Volvo, Lexus e até Hiunday, Jetta é um projeto morto vivendo por aparelhos, já deu, fiasco total nos EUA, ninguém é bobo, pelo valor de compra e manutenção de um Jetta compra-se um Mercedes ou Volvo e sobra grana....

      Excluir
    3. É só não mexer no motor que o custo e baixíssimo o problema do Jetta é que normalmente e5comprado por imbecis que se acham Pilotos, super mecânicos e engenheiros projetistas de bólido.
      O carro é excelente desde que não caia na mão de um ASNO NO VOLANTE.

      Excluir
    4. kkk Paulo conseguiu criticar o Jetta GLI?? e o outro asno disse que quem tem grana leva Hyundai kkk outro fala motor de santana xing ling kkk o sonho dessas putas é dirigir um TSI, já que não tem dinheiro vivem choramingando kkk

      Excluir
    5. "É só não mexer no motor que o custo e baixíssimo o problema do Jetta é que normalmente e5comprado por imbecis que se acham Pilotos, super mecânicos e engenheiros projetistas de bólido.
      O carro é excelente desde que não caia na mão de um ASNO NO VOLANTE."

      Não é bem assim, caro piloto de teclado analfabeto automotivo.

      Não é só Jetta surrado, mexido e fuçado que dá problema. A concepção mecânica do carro corrobora pra que ele dê mais manutenção que o normal apenas com o uso.

      O motor sofrerá com o péssimo combustível brasileiro independentemente de como e quem o dirija. O câmbio DSG tem manutenção cara (troca de fluídos e das embreagens) e pode ainda dar problema na mecatrônica, comum nesses câmbios.

      Mas lógico, um carro desse deve ser melhor zelado que um Corolla ou um Civic, que são carros mais robustos. O carro em si não é confiável, se não cuidado é uma bomba.

      Excluir
    6. Já era motor 5 cilindros 170 CV fraco, é passado, agora é o GLI 230CV, pede bença BM.

      Excluir
  3. A Jetta é uma marca chinesa de alma germânica. Já a Volvo é uma marca chinesa com alma chinesa mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    2. A imbecilidade não tem cura.

      Excluir
    3. Mds agora pirou de vez mesmo, vai se tratar.

      Excluir
    4. Carlos tá certo seus estrumes, Jetta é uma submarca chinesa exclusiva da parceria FAW-VW, voltada basicamente para o público jovem com marketing específico para esse grupo. Com a falência do transporte público e alternativo, temos mais um sucesso da VW no grande mercado chinês.

      Excluir
    5. Falência do transporte público, esse jumento deve morar na roça, nem sabe o que é trânsito.

      Excluir
    6. Jetta é marca de baixo custo bem a cara da VW mesmo.

      Excluir
  4. Para alguns que falam que GM e Volvo são "Xing Ling", a VW foi mais longe mudou logo foi de nome e assumiu a identidade chinesa de vez, até porque todas as montadoras usam peças chinesas mesmo, enfim, todos precisam do mercado chinês, a VW e a GM sabem disso são seus maiores clientes, nada mais normal do que se associar ao seu maior parceiro comercial.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Submarca com parceria do investidor chinês, vai estudar para aprender o que significa Joint Venture seu jegue kkk

      Excluir
    2. Ensina pro Carlos, ou melhor, pra você mesmo, que ele não sabe.

      Excluir
  5. É a nova mina de ouro mundial, carros compactos, tecnológicos e acessíveis para os mais jovens. Transporte público e alternativo já era. VW antevendo há tempos já colhe os frutos da parceria estratégica para atender essa demanda crescente. Na Europa vai dominar com a frota elétrica e na China com produtos para todos os perfis de consumidores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então por essa sua mesma lógica, a nova família GM Onix de origem chinesa acertou em cheio nessa "nova mina de ouro". Inclusive já refletindo aqui no mercado brasileiro, onde lidera 3 categorias. A GM acertou em cheio.

      Excluir
  6. Jetta, só fala mal quem nunca teve

    ResponderExcluir
  7. É o ganha pão da VW, tem que investir mesmo. Se a China a VW não é nada.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.