Car.blog.br

Pesquisar este blog

Android Auto wireless chega aos carros da BMW em 2020

Categorias: , 16 Comentários

O BMW Group anuncia que seus veículos passarão a ser compatíveis com o Android Auto ™ a partir de meados de 2020. O Android Auto permita que os proprietários conectem seus smartphones Android sem fio ao veículo e, ao fazê-lo, desfrutem de acesso a informações úteis, como destinos sugeridos e compromissos futuros, quando necessário.

Android Auto wireless chega aos carros da BMW em 2020

A conexão sem fio torna o processo de vinculação de um smartphone Android a um BMW extremamente amigável ao usuário, com uma interface simplificada. Além disso, o Android Auto é integrado diretamente ao cockpit totalmente digital da BMW, o que significa que os clientes podem ver todas as informações importantes, não apenas no centro Control Display, mas também de forma inteligente adaptada no Info Display do painel de instrumentos, bem como no Head Up Display, onde aparece diretamente na direção de direção do motorista.


Android Auto wireless chega aos carros da BMW em 2020

O Assistente do Google no Android Auto facilita a obtenção de rotas, o contato e a produtividade. Muitos de nossos clientes apontaram a a importância de ter o Android Auto dentro de uma BMW para usar com segurança vários recursos familiares de smartphones Android sem se distrair da estrada, além das próprias funções e serviços da BMW ”, diz Peter Henrich, vice-presidente sênior de gerenciamento de produtos da BMW. "Vamos oferecer este serviço a nossos clientes a partir de julho de 2020."

Android Auto wireless chega aos carros da BMW em 2020

Patrick Brady, vice-presidente de engenharia do Google: "Estamos entusiasmados em trabalhar com a BMW para trazer o Android Auto sem fio para seus clientes em todo o mundo no próximo ano. A conexão perfeita do Android smartphones para veículos da BMW permitem que os clientes cheguem à estrada mais rapidamente, mantendo o acesso a todos os aplicativos e serviços favoritos em uma experiência mais segura. ”

Android Auto wireless chega aos carros da BMW em 2020

O Android Auto em uma BMW será demonstrado ao vivo pela primeira vez no Consumer Electronics Show (CES) 2020 e estará disponível para clientes em 20 países a partir de julho de 2020 para todos os veículos com o sistema operacional BMW 7.0.

16 comentários:

  1. Isso é uma verdadeira máquina alemã. O Voyage de argolas tem que comer uma plantação de feijão pra chegar no nível de status, confiabilidade e tradição. Aliás, nem merece ser sitado. O verdadeiro concorrente do Série 3 é o Classe C.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato. O Classe C é o benchmark em conforto e o Série 3 é o benchmark em esportividade. Já o A4... é um Passat piorado, já que mantém a tração dianteira mas usa um motor longitudinal (?)

      Excluir
    2. Citado é com C viu toto2k19!?

      Excluir
    3. Oi? Quem falou "sitado" foi o Hater. Seu imbecil, vá aprender a ler. Analfabeto desgraçado

      Excluir
  2. A BMW é uma marca idiossincrática. Como pode usar engenharia mais avançada, ainda que copiada da Audi, no BMW Série 1, e uma mais atrasada no Série 3, que teoricamente é superior?

    Não dá para entender como a BMW já abandonou o obsoleto e ineficiente sistema de tração traseiro no Série 1 e no X1, mas ainda mantém essa excrescência no Série 3. Não dá!

    A BMW precisa copiar a Audi também no Sèrie 3, e não apenas no Série 1 e X1.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tração traseira tem vantagens, sua anta.

      Tração dianteira nunca foi e nunca será melhor que traseira só porque é utilizada pela Audi. Só é mais simples e barata de fazer, tanto que todos os carros populares usam de tração dianteira. Qual a vantagem disso pro refinamento de um carro?

      Tração traseira é uma tradição BMW para os clientes puristas que valorizam prazer e dinâmica ao dirigir, quem realmente sabe fazer uso da tração dianteira sabe o quão divertida e eficiente ela é.

      Excluir
    2. Copiar a Audi? A Série 3 vende OITO VEZES MAIS que o A4 (mesmo somando a versão Avant)! HAHAHAHAH

      Excluir
    3. Tração dianteira é coisa de carro de baixo refino e é tecnicamente inferior. Por isso o A4 não passa de um Voyage grande de argolas. ;)

      Excluir
    4. Às vezes o indivíduo está louco na droga

      Excluir
  3. Sou apaixonado pelos carros alemães, sou uma pessoa fina e gosto refinado, morei muitos anos em Berlin, fico louco quando vejo um cara dentro de um golf ou um passat, me dá uma vontade louca de entrar e ir nem que seja de carona. Chego a tremer quando vejo alguém em uma Tiguan.

    Aluguei um golf na Alemnha por um dia, foi um amor efêmero. Entre essa BMW e um Passat, eu prefiro andar em um Passat, muito mais másculo, carro de homem, em seu interior com acabamentos em alcatra, combinam muito com senhores charmosos de meia idade, acho sensacional.

    ResponderExcluir
  4. Carros de fino trato, realmente premium alemães são BMW e Mercedes. A Audi não é mais que um Volkswagem com um acabamento melhor, um pouco melhor e iguarias eletrônicas espalhadas pelo carro. Inegável da Audi é a excelência da traçao Quattro insuperável até, que utiliza a maior parte do torque nas rodas traseiras. Nem é preciso dizer que somente os modelos mais caros da marca a utilizam, logo, os mais sofisticados, logo dizer que um carro refinado utiliza tração dianteira. Trata-se de economia de escala industrial

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.