Car.blog.br

Pesquisar este blog

Fiat-Chrysler e Grupo PSA confirmam fusão mundial

Categorias: , , 49 Comentários

A Fiat Chrysler e o Grupo PSA (Opel/Citroen e Peugeot) anunciam que concordaram de forma unânime em trabalhar numa combinação completa de seus respectivos negócios na forma de uma fusão 50/50. Ambos os Conselhos outorgaram poderes a seus respectivos times para concluir as discussões e para firmar um memorando de entendimento vinculativo nas próximas semanas.

Fiat-Chrysler e Grupo PSA confirmam estudos para fusão

A combinação proposta cria o quarto maior fabricante global de veículos em termos de unidades vendidas (8,7 milhões de veículos), com receitas combinadas de aproximadamente 170 bilhões de euros e lucro operacional recorrente acima de 11 bilhões de euros em uma base agregada simples dos resultados de 2018, excluindo Magneti Marelli e Faurecia. O significativo acréscimo de valor resultante da transação é estimado na ordem de 3,7 bilhões de euros em sinergias anuais, derivadas principalmente de maior eficiência na alocação de recursos para investimentos de larga escala em plataformas de veículos, motores e transmissões e novas tecnologias, além da melhoria da capacidade de compras resultante da nova escala combinada do grupo. Essas sinergias estimadas não são baseadas em qualquer fechamento de plantas.

Fiat-Chrysler e Grupo PSA confirmam estudos para fusão

Projeta-se que 80% das sinergias sejam alcançadas após quatro anos. O custo total único para que essa sinergia seja alcançada é estimado em 2,8 bilhões de euros.

A empresa controladora do novo grupo, localizada na Holanda, será listada na Bolsa Italiana (Milão), Euronext (Paris) e na Bolsa de Valores de Nova York, e continuará a manter presenças significativas nos atuais escritórios centrais da França, Itália e Estados Unidos.

A proposta será submetida ao processo de informação e consulta aos órgãos representantes dos empregados e estará sujeita às condições habituais de fechamento da operação, incluindo aprovações finais do Memorando de Entendimentos pelos Conselhos de Administração e acordo sobre documentação definitiva.

49 comentários:

  1. Em breve modelos Fiat com as modernas plataformas e sistemas complexos da PSA. Bom para os consumidores da marca, exceto para os que odeiam ou têm preconceito contra os carros franceses.

    ResponderExcluir
  2. A próxima fusão é da Honda com a Toyota. O bicho papão japonês

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa vai ser como quando o Megazord chamava o Dragonzord pra montar o monstrão.

      Excluir
  3. Respostas
    1. Não vejo assim, vejo uma FCA se beneficiando de uma plataforma modular EMP2/CMP consolidada pela PSA, de forma que as duas fazendo seus devidos investimentos, produzam carros melhores! Capital e capital intelectual eles terão! Então, vamos ver no que dá, mas torço para dar certo!

      Excluir
    2. AMLADJ, seria lixo se fosse uma fusão com a VW.

      Excluir
    3. O que você me diria do acordo VW-FORD???

      Excluir
  4. Junção da incompetência (Fiat) com a incapacidade de fazer carros (PSA). Nenhuma das duas tem sistemas de condução autônoma. As duas estão atrasadas, muito atrasadas, em eletrificação. Não tem complementariedade de line-up na Europa, e nenhuma delas é relevante na China.
    Uma piada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom mesmo será quando os crackers terroristas resolver investir na derrocada desses autônomos e começar a matar um monte de gente, aí sim quero ver a maravilha dessa funcionalidade autônoma! Kkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    2. Ele endeusa tanto a tecnologia autônoma porque ele não dirige, aliás, acho que nem sabe. Carro autônomo é só pra Uber e brações, carro meu, dirijo eu.

      Excluir
    3. Consolidada essa fusão, será um player importante no mundo. Carlos Tavares é um excelente administrador e visionário, e em menos de 2 anos tornou a Opel muito lucrativa.
      A PSA tem plataformas modernas e flexíveis, beneficiando a Fiat e Alfa e fortalecendo a presença dessas na Europa.
      A FCA tem forte presença nos EUA com pick ups e SUVs. Esses carros tem aceitação mundial inclusive.
      Ambas terão condições de melhorar a sua participação em mercados como o sul-americano, com a integração de plataformas e simplificação da linha de motores.
      A expansão no mercado da Índia e China será inevitável, com carros ajustados aqueles gostos.
      t

      Excluir
    4. Entre os 50 carros mais vendidos dos EUA da América, não vi nenhum da Fiat só dá Jeep que é do mesmo grupo, Fiat só brasileiros compram.

      Excluir
  5. Se forem se juntar para compartilharem as plataformas da Fiat melhor nem começarem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certamente usarão as plataformas da PSA que são excelentes e projetadas para powertrain elétrico.

      Excluir
  6. Um excelente negócio para a FCA, nem tento para PSA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para a Peugeot é bom porque nos EUA a jeep e RAM são fortes.

      Excluir
    2. Acho que nem tanto, Jeep, Maserati e Alfa são carros caros e a Psa só tem carros baratos. Quem diz que a Fca não tem tecnologia não sabe nada, acabou de lançar o Renegade Hibrido na europa com 240 cv!

      Excluir
  7. Muito bom seu comentário ,Teo Dias.Esta fusão trará benefícios para as duas empresas,no custo,tecnologia e manutenção de empregos.Produzem veículos que cabem no bolso de muitos consumidores.Tomara que prospere!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente isso viu Paulo Schwarz e torço não porque sou fanboy de nenhuma delas, como dizem muito nesse site, mas por melhores veículos no mercado sempre!

      Excluir
  8. Boa sorte! Acredito que será um bom negócio para as duas!

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Bem que a Fiat podia lançar uma versão do Argo com o THP 1.6 flex pra dar benga no Polo GTS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Argo vai vir com o Firefly 1.3 turbo com 180 cv e 27 de torque no ano que vem!

      Excluir
  11. Um Argo HGT com o 1.6 THP do 208 GT não seria nada mal! Outro bom motor da PSA é o 1.2 Puretech. Acredito que esta fusão vai somar e muito para as duas com o compartilhamento de tecnologias e manufatura!

    ResponderExcluir
  12. Respostas
    1. Por experiência própria eu digo que a qualidade geral dos Peugeot atuais é bem superior à dos Fiat.

      Excluir
  13. Se o Carlos Tavares fizer a mesma coisa q ele fez com a PSA a 3 anos atrás, a FCA está em boas mãos. Transformou anos de prejuízo em lucro, arrumou a casa e fez os carros da Peugeot serem desejáveis novamente.

    ResponderExcluir
  14. O Carlos Tavares é fera mesmo. A Opel sob administração da GM vinha prejuízos há muitos anos. A PSA assumiu a marca e pouco tempo depois a Opel voltou a dar lucro.

    ResponderExcluir
  15. Fusão muito bem vinda pela FCA, que por sinal acho que vai dar muito certo num futuro próximo.

    ResponderExcluir
  16. Poison31 de outubro de 2019 15:30
    Mais um Onix pegando fogo, dessa vez um professor no Nordeste. Acabei de ver no grupo do Polo

    Tem fotos. Logo cai na mídia kkkk

    Essa para quem acha que o carro é melhor projeto do mundo, só lamento, tão pegando fogo🔥

    ResponderExcluir
  17. Jesus, Fiat com Peugeot?

    Os mecânicos curtiram em dobro kkkk

    ResponderExcluir
  18. E dale Oni Fire pegando fogo kkkkkkkk

    Chora fanboy, que dizer agora? kkkk

    https://www.portalr10.com/noticia/36236/carro-pega-fogo-proximo-ao-municipio-de-mirador-ma

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que foi no começo, vão ter que resolver isso ants do hatch chegar.

      Excluir
  19. Fiat com motor peugeot... Meu pai, terá o cheiro dum arroto de quem comeu pão com mortadela E tomou 2L de fanta uva

    ResponderExcluir
  20. Fusão de dois grandes grupos, é a prova que a sobrevivência está cada vez mais difícil. Vendas mundiais de veículos tendem a cair, FMI.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.