Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Chevrolet Trailblazer 2020 é lançado na China

Categorias: , , , 11 Comentários

O Chevrolet Trailblazer foi lançadona China. O SUV é intermediário entre o Equinox e o Tracker na China.

Novo Chevrolet Trailblazer 2020 lançado na China

O Trailblazer possui motores Ecotec da oitava geração da GM e recursos de conectividade e segurança. Cinco variantes, incluindo dois modelos Redline e dois modelos RS, variam de 139.900 RMB (R$ 80 mil) a 179.900 RMB (R$ 102 mil).

Novo Chevrolet Trailblazer 2020 lançado na China

O modelo tem uma silhueta moderna, com linhas esticadas do corpo e uma forma de capô arrojada que do lado se assemelha a um punho fechado. Ele cria um perfil moderno e poderoso. O teto distinto tem uma aparência flutuante. Os designers garantiram que os clientes reconhecessem instantaneamente o Trailblazer como um Chevrolet através da adoção de sugestões de design contemporâneo da marca, como uma grade distinta de duas portas.

O Trailblazer adota o motor turboalimentado por injeção direta Ecotec 1.3L da GM, de oitava geração, que atende ao padrão de emissão 6 da China. O motor fornece potência máxima de 121 kW a 5.600 rpm e torque máximo de 240 Nm entre 1.500 e 4.000 rpm.

Os compradores podem escolher entre uma nova transmissão Hydra-Matic de nove velocidades ou uma nova transmissão continuamente variável (CVT).

O sistema de tração nas quatro rodas (AWD) da transmissão de nove velocidades pode ser alternado manualmente entre tração dianteira e tração nas quatro rodas em 0,2 segundo para lidar com diferentes condições da estrada. Ele permite que o Trailblazer corra de 0 a 100 km / h em 9,3 segundos, proporcionando um consumo de combustível de 6,7 litros / 100 km.

O Trailblazer equipado com um CVT que apresenta um design inovador de corrente de aço pode acelerar de 0 a 100 km / h em 9,1 segundos, oferecendo economia de combustível de 5,9 litros / 100 km.

Conectividade e segurança avançadas

O Trailblazer vem com o novo sistema de entretenimento e entretenimento MyLink + para veículos da Chevrolet. Ele não apenas suporta Apple CarPlay, Baidu CarLife e Bluetooth, interfaces tipo C e slots de cartão USB e SD, mas também oferece navegação inteligente, entretenimento, música, notícias, tempo em tempo real e tráfego através de aplicativos no veículo.

Ele vem com uma gama de tecnologias avançadas de segurança, incluindo Auto High Beam Assist (AHBA), Indicador de Distância Seguinte (FDI), Alerta de Colisão Direta (FCA), Freio de Emergência Automático (AEB), Mitigação de Colisão de Pedestres (PCM), Assistência de Manutenção de Faixa (LKA), Aviso de saída de faixa (LDW), Alerta de mudança de faixa (LCA), Alerta de zona cega lateral (SBZA) e Alerta de tráfego cruzado traseiro (RCTA).

11 comentários:

  1. Essa nova geração de GM's chineses está muito boa.

    E falo isso com tranquilidade. A China hoje é um dos maiores pólos desenvolvedores de tecnologia do mundo...

    Acabou aquela história de cópias baratas. De tanta engenharia reversa, eles desenvolveram um know-how próprio.

    A GM tende a ganhar muito em sustentabilidade (econômica) com essa nova fase, e nós consumidores também, com produtos mais modernos e preço contido.

    Essa Blazer aí tem tudo pra fazer sucesso no Brasil, no segmento do HR-V turbo e Compass.

    ResponderExcluir
  2. E o lançamento na Croácia quando vai ser??

    ResponderExcluir
  3. Bonito esse Chevrolet,espero que seja vendido aqui no Brasil

    ResponderExcluir
  4. É foda mesmo , só no Brasil q os carros são caros !

    ResponderExcluir
  5. Somos um povo a ser estudado mesmo quando se tem alguma reportagem sobre carros chinês aparece vários entendidos dizendo que carro chinês é isso é aquilo acredito que somos uns dos mais preconceituosos do mundo apesar de estamos grande parte das montadoras estão usando a china para fazer o desenvolvimento de seus produtos pois a tecnologia está lá os chinas ainda vão dominar o mundo kkk nem Trump tá conseguindo bater de frente ...

    ResponderExcluir
  6. O ambiente de negócios também é importante e tecnologia pode ser desenvolvida em qualquer lugar, vide o trem por levitação magnética desenvolvido pela Coppe no RJ.

    Maglev-Cobra
    Um trem compacto e leve, que dispensa rodas e flutua silenciosamente sobre trilhos. Movido a energia elétrica, não emite gases de efeito estufa, como os automóveis e ônibus. Assim é o Maglev-Cobra, o trem de levitação magnética desenvolvido pela Coppe que desliza sobre uma leve passarela suspensa e não compete pelo congestionado espaço das grandes cidades. Além disso, sua construção dispensa as caras e impactantes obras civis dos metrôs e trens de superfície convencionais.

    Supercondutores

    O efeito levitante é obtido do uso de supercondutores e ímãs de terras-raras. Projetado para correr a 70 quilômetros por hora, o trem é ideal para percursos urbanos, em substituição ou em complemento a automóveis, ônibus e metrôs.Concebido para ser montado em módulos, o Maglev-Cobra pode ter quantos módulos forem necessários. Cada um comporta até 30 passageiros.


    Embora o material levitante do Maglev-Cobra seja quatro vezes mais caro que o material rodante do metrô, é importante destacar que as obras civis, os custos operacionais e os custos de manutenção são menores. Para testar o protótipo e certificá-lo, construiu-se uma via demonstrativa de 200 metros, na Cidade Universitária, para o transporte de até 30 passageiros do Centro de Tecnologia 1 (CT1) ao Centro de Tecnologia (CT2).

    Saiba mais:


    Começam as obras do trem de levitação magnética da Coppe (2013)


    Brasil terá trem de levitação magnética em dois anos (2012)


    Trem de Levitação Magnética vai circular na Ilha do Fundão (2009)


    Maglev-Cobra é opção contra o caos do trânsito nas grandes cidades brasileiras (2012)


    Vídeo: Maglev (2014) - Inglês - Português


    Vídeo: Trem de Levitação Magnética – Maglev Cobra (2012).

    Rio+20 - mobilidade

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.