Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW oferece teste-drive de 2 dias para o e-Golf - Inglaterra

Categorias: 10 Comentários

A Volkswagen da Inglaterra anuncia a implantação, junto com os concessionários da marca, de uma sistemática de teste drive de 2 dias para os potenciais compradores de e-Golf - o Golf com motorização exclusivamente elétrica.

VW oferece teste-drive de 2 dias para o e-Golf elétrico na Inglaterra

O e-Golf começa em 30.133 Euros (R$ 132 mil), e tem uma autonomia de 230 Km. Seu motor elétrico síncrono produz até 136 cv e 532 Nm de torque, ambos disponíveis quase que instantaneamente.


VW oferece teste-drive de 2 dias para o e-Golf elétrico na Inglaterra

Há cidades europeias com legislações extremamente rigorosas com emissões. Londres, por exemplo, isenta veículos de emissão zero, como o e-Golf, de taxas de congestionamento e permite a circulação em zonas de "Ultra Baixa Zona de Emissão", enquanto o imposto rodoviário é atualmente definido em zero. Além disso, os custos operacionais são consideravelmente reduzidos em comparação com os equivalentes a gasolina ou diesel.

VW oferece teste-drive de 2 dias para o e-Golf elétrico na Inglaterra

Tim O'Donovan, Gerente de Marketing de Produtos para Veículos Elétricos da Volkswagen do Reino Unido, disse: “O charme do e-Golf é que ele tem todos os talentos do hatch médio Golf, com a simples adição de um trem de força elétrica".

VW oferece teste-drive de 2 dias para o e-Golf elétrico na Inglaterra

“O que o novo test drive de 48 horas oferece é a chance de as pessoas aprenderem em primeira mão como o e-Golf se encaixará em suas vidas. A experiência de dois dias permite que as pessoas desafiem o e-Golf com todos os tipos de cenários específicos para as suas necessidades de automóvel e para que o e-Golf demonstre as suas inúmeras qualidades. ”

10 comentários:

  1. Só oferece isso a montadora que tem certeza da qualidade do produto.

    Imagina se a JEEP fizesse isso no Brasil nas suas carroças beberronas e lerdas? O que ia ter de gente desistindo de comprar...

    ResponderExcluir
  2. Vw sempre pensando no meio ambiente. !!!!

    ResponderExcluir
  3. Vai indenizar milhares de clientes por causa do dieselgate e não é referência alguma em meio ambiente.

    ResponderExcluir
  4. Quero ver se bater, esses cabos de alta tensão aí vai matar todo mundo eletrocutado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que você acredita ser mais perigoso: eletricidade ou um tanque de combustível que foi feito para explodir?

      É óbvio que a alta tensão exige alguns cuidados, mas são cuidados apenas diferentes de um modelo à combustível fóssil.

      No final, acredito ser mais seguro você ter baterias (que não foram feitas exclusivamente para explodir) do que combustível feito pra queimar mesmo.

      Excluir
    2. Baterias de Íons de lítio são bem instáveis e perigosas. Se entrar em contato com o ar, gera uma chama de 900 graus que vai gerar um efeito em cadeia e incendiar o carro.

      Excluir
    3. Rick, ainda acho que a bateria ainda é mais segura que um tanque de combustível.

      No salão do automóvel tinham vários elétricos com suas estruturas e baterias expostas. A blindagem é sensacional.

      Excluir
    4. Tem um negócio chamado disjuntor...
      Estuda primeiro pra não relinchar depois!!!

      Excluir
  5. Queria ver a VW fazer isso no Brasil, faz isso na Inglaterra onde o preço é acessível até mesmo cliente com pouco poder financeiro

    ResponderExcluir
  6. a culpa da vw não fazer isso aqui no brasil é da população mesmo, da cultura brasileira. o brasileiro não oferece esse tipo de confiança pra ninguém.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.