Car.blog.br

Pesquisar este blog

Novo Ford Escape 2020: especificações do SUV do Focus

Categorias: , , 13 Comentários

A Ford apresenta nos EUA o Escape 2020 - SUV de porte intermediário, concorrente do Jeep Compass, e que será vendido no mercado americano em quatro novas opções de propulsão - incluindo dois híbridos.

Novo Ford Escape 2020

O novo Ford Escape 2020 traz um design mais esportivo inspirado em carros de alta performance da Ford. A grelha trapezoidal dianteira em forma de escudo é inspirada na sexta geração Mustang, enquanto o Ford GT empresta o front-end mais baixos. As novas proporções reforçam a esportividade: mais baixo, mais largo e mais comprido.


Novo Ford Escape 2020

O Novo Escape 2020 mede 4,58 metros de comprimento, 1,88 metros de largura. O entre-eixos é de 2,71 metros, enquanto a altura é de 1,68 metros - dimensões que colocam o Escape em um ponto intermediário entre o Compass e o Tiguan AllSpace.

Novo Ford Escape 2020

Com um teto inclinado, e parte inferior da carrocearia eficiente, o novo Escape é o mais aerodinâmico. Enquanto isso, ele é cerca de 70 kg mais leve que o modelo atual, em parte devido ao uso extensivo de aços de alta resistência.

Novo Ford Escape 2020

Cada modelo da linha, seja alimentado por um dos dois motores EcoBoost® ou o novo híbridos, tem como alvo uma autonomia superior a 60 Km. O modelo híbrido de tração dianteira atinge 880 Km.

Novo Ford Escape 2020

Os modelos movidos à gasolina, bem como o híbrido, estão disponíveis com sistema de tração all-wheel drive. Modelos equipados com motor EcoBoost ganham uma nova transmissão automática de 8 velocidades.

Novo Ford Escape 2020

Todos os modelos recebem uma suspensão totalmente nova e isolamento aprimorado com um novo subquadro traseiro isolado.

Novo Ford Escape 2020

O novo motor EcoBoost de 2.0 litros, disponível na versão Titanium, é projetado para produzir 250 cavalos e 275 kgfm de torque usando combustível de 93 octavas, enquanto gira em um tempo de 0-100 km/h até 10 por cento mais rápida do que o escape de saída 2.0 litros.

Novo Ford Escape 2020

O novo motor EcoBoost de 1.5 litros é projetado para produzir 180 cavalos de potência e 177 kgfm de torque. Esse motor estreia desativação de cilindros, um Ford pela primeira vez para a América do Norte, que detecta quando um cilindro não é necessário e fecha-se automaticamente.

Novo Ford Escape 2020

Os modelos SE, Sport e Titanium são padrão com sistema de Ford de quarta geração de híbridos de propulsão, que inclui um novo motor de 2,5 litros Atkinson híbrido e transmissão continuamente variável eletrônica.

Novo Ford Escape 2020

O modelo híbrido de tração dianteira é projetada para produzir um combinado de potência do sistema de 198 cv e uma velocidade máxima de 136 km/h no modo somente elétrico.

Novo Ford Escape 2020
O plug-in híbrido, usando uma tomada de 110 V, o tempo estimado para carregar totalmente a bateria é de 10 a 11 horas. Utilizando uma carga de 240 volts nível 2, o tempo de carga cai para cerca de 3,5 horas. Essas versões têm ao menos 48 km de autonomia em modo exclusivamente elétrico.

Novo Ford Escape 2020

O novo Escape traz, dependendo da versão, nova central de informação e entretenimento, heads-up display em tela de 6 polegadas, Active Park Assist 2.0, Assistente de Direção Evasiva.

Novo Ford Escape 2020

O Active Park Assist 2.0 permite ao condutor estacionar em um ponto paralelo ou perpendicular com o toque de um botão, sem ter que trabalhar o volante, câmbio de marchas. O Evasive Steering Assist detecta um veículo mais lento ou estacionário à frente e fornece suporte de direção que pode ajudar o motorista a evitar uma colisão iminente.

Novo Ford Escape 2020

O Escape é fornecido de série com o Ford Co-Pilot360TM e disponibiliza outros recursos de assistência ao condutor, como o Adaptive Cruise Control com Stop-and-Go e Lane-Centering. Há ainda conexão à Internet 4G e hotspot wi-fi para até 10 disposivos dentro do carro.

13 comentários:

  1. Acho que a grade deveria ser maior mais robusta, mas a Ford me encanta, no mais e bonito. Mas não ganha da frente do Compass kkk, no resto show. pena que no Brasil deve custar + 150k

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Compass é um "SUV" do segmento B, enquanto esse do Focus e a Tiguan pertencem ao segmento C europeu.

      Excluir
    2. mesmo assim a frente ficou feia, parece desproporcional.
      Não sei o que o chefe de design tá fazendo, nem o estagiário aprovaria isso.

      Excluir
  2. Acredito que teria mercado no Brasil, a depender do preço.

    ResponderExcluir
  3. Essa traseira genérica dos anos 2000 decepcionou... mais uma bola fora da Ford.

    ResponderExcluir
  4. Há varias informações incorretas na matéria, as corretas são:

    SOBRE REDUÇÃO DE PESO E AUTONOMIA:

    "Com o uso extensivo de aço leve de alta resistência, a engenharia da Ford conseguiu deixar a nova geração 90 kg mais leve que a anterior. A chegada dos novos motores e transmissão e aprimoramentos na aerodinâmica resultou no fato de que todas as versões (as duas com motores EcoBoost e os novos híbridos) têm autonomia estimada de pelo menos 643 km. Já a versão híbrida com tração dianteira deve oferecer a maior autonomia da categoria, com range superior a 885 km."

    SOBRE POTÊNCIA E TORQUE:

    "O novo motor 2.0 EcoBoost Turbo, disponível na Titanium, entrega 253 cv de potência e 38 kgfm de torque. Segundo a marca, a aceleração de 0 a 100 km/h é até 10% mais rápida que no Escape 2.0 anterior.

    O novo 1.5 EcoBoost (3 cilindros turbo) que equipa as versões S, SE e SEL, gera 183 cv e 24 kgfm de torque. Para ajudar a economizar combustível, o 1.5 EcoBoost estreia a desativação de cilindro, sistema pioneiro no segmento que identifica quando a força do motor não é totalmente necessária e desliga um cilindro automaticamente. O sistema pode ativar ou desativar um cilindro em 14 milissegundos para manter uma rodagem suave.

    A versão híbrida será oferecidas nas configurações SE Sport e Titanium. De quarta geração, associa um motor híbrido de ciclo Atkinson de 2.5 litros e transmissão automática continuamente variável, batizada de e-CVT. Com tração dianteira, entrega potência combinada de 200 cv e velocidade máxima de 137 km/h no modo puramente elétrico."

    ResponderExcluir
  5. Genti...designer traseira = da tiguan...afff....não gosto de copia....
    aff...ford chinesa agora? me poupe!!!!!

    ResponderExcluir
  6. Caracas
    Pena que a Ford os planos são outros para nós...
    Parecendo o infinit

    ResponderExcluir
  7. Tem que acostumar com essa frente. Muito estranho.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.