Car.blog.br

Pesquisar este blog

Sem novidades, Jeep mostra Compass tatuado em SP

Categorias: , , 31 Comentários

A Jeep não tinha novidades para apresentar no Salão 30º Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, então para tentar chamar a atenção do público optou por mostrar em seu estande um Compass Limited preto tendo sua carroceria riscada. O que normalmente é visto como vandalismo na verdade foi uma ação artística feita por um tatuador profissional.

Jeep Compass 2019

Fabio Pimentel, autor da obram, usou uma microrretífica para gravar na “pele” do SUV mais vendido para locadoras do Brasil as curvas que havia desenhado antes com uma caneta, à mão livre. A partir de agora, esse Jeep Compass com pintura riscada será exibido como grande novidade em eventos nos quais a marca vai participar.

Jeep Compass 2019

Pimentel é fundador do estúdio paulistano Black Ball, que foi o escolhido para montar o Jeep Studio Tattoo, dentro do estande da marca. Nele, cerca de 100 pessoas foram tatuadas ao longo do evento, com desenhos relacionados aos quatro valores da Jeep: autenticidade, liberdade, aventura e paixão.

Jeep Compass 2019

Para participar, bastava o interessado se cadastrar no Jeep Nation, o recém-lançado clube de relacionamento da marca. A iniciativa foi criada para oferecer uma série de benefícios aos seus associados, que não precisam necessariamente ser donos de um modelo da Jeep.



Durante o Salão do Automóvel, um espaço do lado de fora do pavilhão foi criado para receber os sócios. E outra ação do Jeep Nation foi reunir dezenas de membros no estande para a primeira exibição do minidocumentário (vídeo acima) sobre Hugo J. Vidal, o primeiro associado Legend do clube. Em 1955, ele viajou com mais dois amigos de São Paulo ao Alasca e voltou, a bordo de um Jeep Willys CJ-3B.

31 comentários:

  1. Da coluna C em diante, a JEEP não tem jeito...um horror...

    ResponderExcluir
  2. Off Topic, 19/11/18, hoje o opala comemora 50 anos. Parabéns para o tiozao.

    ResponderExcluir
  3. Que mentira, a jeep lançou uma versão mais equipada do compass e uma nova cor, mostraram o novo renegade. Tem o wrangler rubicon. E tbm o novo jeep cherokee 2.0 turbo.

    ResponderExcluir
  4. Legal ver o redator enfatizar que o Compass é o SUV mais vendido para "Locadoras"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que importa e ser vendido, isso incomoda a concorrência que só gasta saliva e não chega nem.perto da fatia de mercado do Compass.

      Excluir
    2. Quase comprei um como PJ, mas tenho uma Agência de Publicidade... Será que uma empresa de comunicação parece tanto assim com uma locadora de veículos? Enfim, parando de babaquice, o fato é que a Jeep oferece bons descontos para PJ. Então, quem tem CNPJ vai lá e com Compass a preço de Renegade e HRV.

      A Jeep tem os 2 maiores sucessos do mercado de SUVs no Brasil. Entrega o que o cliente visualiza e mais utiliza. E essa dupla deve fechar o ano com 100 mil unidades vendidas, em apenas 190 concessionárias. O dobro dos concorrentes diretos, que tem mais lojas. A VW então, com o Tiguan em 600 concessionárias, não deve vender 5% da Jeep.

      No Brasil, um carro não depende apenas dos recursos. Design, preço, disponibilidade, histórico, é preciso uma somatória de fatores. Nesse sentido, a Jeep está muito bem posicionada.

      Excluir
    3. A festa vai acabar com a chegada do T-Cross !

      Excluir
    4. A festa do Corolla não iria acabar com a chegada do Virtus?
      A festa vai acabar a chegada do T Cross?
      Vai nem fazer cócegas. Rsrsrsrs

      Excluir
    5. Segundo especialistas Virtus iria ver Prisma e Corolla pelo retrovisor kkkkkkkk.

      Excluir
    6. Olha, Francisco, em casa temos um VW e um Jeep. Acho que o desafio não está aí...

      O desafio do TCross será no porte. Tirando o tosco suporte do celular, e até mesmo pelo acabamento médio, o pacote de recursos deve vir muito bom, com certeza será uma boa opção se a VW não viajar no preço. No entanto, pessoalmente, o porte deve tirar boas vendas dele. Curiosamente, deve ter porta-malas e entre-eixos maior que o Renegade, por exemplo. No entanto, pessoalmente, parece o inverso. O público mais técnico pode até pender para o TCross, mas a maioria deve colocar nele a impressão dada pelo 2008 e pelo Cactus, como a de um hatch mais alto. O TCross tem praticamente a mesma altura de um Fox Xtreme, por exemplo.

      Então, quem compra Jeep pode até comprar VW, mas se ela souber posicionar os seus carros de modo BEM mais atrativo.

      Excluir
    7. O Compass vai sofre tanto quanto o Corolla sofre contra o Jetta...

      Excluir
  5. Ridículo enfatizar locadora, tem que crescer muito ainda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A versão de entrada para PJ aqui em Salvador mês passado estava em promoção por 97 mil com taxa zero... Acho que para quem tem PJ é um carro a se pensar sim... Apesar do motor gastão...

      Excluir
  6. E segue o líder, esmurrando a concorrência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E tome constantes Recall ! Deve ser maravilhoso dirigir um carro que o motor poderá ser desligado repentinamente, deve ser uma grande emoção ! kkk

      Excluir
    2. E segue o recalque né xará!

      Excluir
    3. Idiota. A Jeep tem uma enorme fábrica em Pernambuco financiada pelo BNDES, durante o Governo Lula e Dilma. Ela fabrica muito, logo, vende muito e fatura muito com o seu, o meu, o nosso dinheiro.

      Excluir
    4. rsrs Já aconteceu do motor desligar comigo no volante... E foi num Fox...

      Excluir
  7. Estava a procura de um semi novo. Fui visitar a localiza de Salvador. Não vi nenhum compass. Renegade tinha bastante. Mas o que me chamou a atenção foi a quantidade de Q3 disponível para venda no setor de semi novos da Localiza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é porque eles renovaram a frota e trocaram o Q3 pelo Compass

      Excluir
    2. Trocaram o Q3 pelo XC40, por ser bem superior.

      Excluir
    3. Aqui em Salvador é assim mesmo, bastante Q3, Kicks, Sandero, Gol, Hb20...

      Excluir
  8. Se continuar assim, o onix vai vender mais que o segundo, terceiro e quarto juntos.

    ResponderExcluir
  9. Pra que tatuar o carro se vc pode ter isso de graça? Basta não pagar o flanelinha

    ResponderExcluir
  10. Na motorização diesel, não existem concorrente para o compass no Brasil.

    ResponderExcluir
  11. Manco como todo Jeep! E interior cafona, ao gosto do brasileiro.

    ResponderExcluir
  12. Tive no salão do automóvel e o tcross é muito sem graça, parece mais um batch meio perua do que um suv compacto. Sem graça mesmo e em termos de design, tinha um chery tiggo5 sem mais bonito que deve incomodar quando chegar aqui. Se liga VW e não bote pra empenar no preço não se não encalha feito o golf. Falando nele, Carlota não havia dito que o golf TSI AT venderia 6k por mês?

    ResponderExcluir
  13. A única novidade é que o Compass continua deixando a concorrência na poeira.

    ResponderExcluir
  14. Segue com excelentes vendas.

    Nao entendo o recalque desse blog para com o Compass

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.