Car.blog.br

Pesquisar este blog

Honda Fit 2018: refinando uma fórmula de sucesso - vídeo

Categorias: , , 35 Comentários

Quando se tem um produto de sucesso, é sempre arriscado mexer, especialmente quando se trata de automóveis. Se a mudança der certo, permanece o ótimo produto e ganha-se as mentes dos críticos e os corações dos clientes. Mas se algo der errado, o carro pode encalhar. E isso pode explicar o conservadorismo cirúrgico da Honda na atualização do Fit 2018.

novo Honda Fit 2018

O Honda Fit, desde que a atual geração chegou ao mercado em 2014, está certamente entre os melhores hatchbacks compactos do mercado, prestigiado pela crítica e amado pelos seus consumidores. Qual a fórmula que faz dele esse sucesso? Design contemporâneo, versatilidade, muito espaço interno e confiabilidade. Nessa atualização do modelo 2018 essas qualidades permanecem, mas ele ficou mais seguro, sofisticado e tecnológico - como mostramos no vídeo a seguir.



Esta versão topo de linha, EXL, é precificado em R$ 80.900 reais, mas o modelo mostrado nas imagens é mais caro por conta da pintura Branco Estelar Perolizado - uma das novidades da linha 2018 - que leva seu preço a R$ 82.190 reais.

novo Honda Fit 2018 - interior

Itens de série

Nesse preço ele traz "quase" tudo o que se pode esperar de um modelo completo nessa faixa de preço: bancos revestidos em couro, ar-condicionado digital, piloto automático, central multimídia com tela sensível ao toque de 7 polegadas com sistema de navegação integrado por satélite e compatibilidade com Apple CarPlay e Android Auto.

novo Honda Fit 2018

Há ainda voltante multifuncional revestido em couro ajustável em altura e profundidade com seletores de trocas de marchas manuais, banco do motorista com ajuste milimétrico de altura, vidros elétricos nas quatro portas com acionamento de um toque para os dianteiros, câmera de ré integrada na central multimídia, sistema de iluminação em Full LED, faróis de neblina em LED, lanternas em LED, vidros verdes, para-brisa degradê.

novo Honda Fit 2018

Segurança

No quesito segurança ele é exemplar: 6 airbags (frontais, laterais e de cortina), controle de tração e de estabilidade, assistente de partidas em aclives, freios a disco dianteiros (tambor traseiros), ABS e EBD, trava de segurança central dos vidros dos passageiros, trava de segurança na portas traseiras, travas elétricas com travamento automático acima de 15 km/h, ISOFIX de fixação de cadeirinha infantis, três apoios de cabeça traseiros, tapete do motorista com pino de segurança, sistema de alerta de frenagem emergencial ESS (Emergency Stop Signal).

novo Honda Fit 2018

Notáveis ausências

Essa lista de itens, apesar de bastante robusta, tem também algumas notáveis ausências: sente-se falta de acionamento automático dos faróis; de acionamento automático dos limpadores de para-brisas; de sensores de estacionamento dianteiros e traseiros (que complementariam a câmera de ré no auxílio ao estacionamento).

novo Honda Fit 2018

O porta-objetos com descansa braço entre os bancos dianteiros tem revestimento superior em material macio, mas a ausência de ajuste de altura o torna pouco útil quando o banco do motorista está muito elevado. E falta também um porta-óculos e os porta-objetos do console poderiam ter um revestimento emborrachado para evitar e reduzir os ruídos. Todos esses itens são requintes que seriam bem vindos em um hatch desse preço.

novo Honda Fit 2018

No uso

Entretanto, ao se conduzir o Fit por um período mais longo - ficamos uma semana com o carro emprestado pela Honda Brasil - o Fit vai conquistando progressivamente o motorista pela qualidade geral que transmite. Qualidade esta que se expressa em sua carroceria com montagem precisa, com vãos uniformes, e pelo interior com excelência de finalização, o que resulta em uma ausência total de ruídos não previstos.

novo Honda Fit 2018

O passeio do Fit é sólido: sua carroceria não flexiona em lombadas e valetas, evidenciando a elevada rigidez torcional da estrutura. Sólido, mas ao mesmo tempo leve, pois todos os comandos e o volante com assistência elétrica - que ficou mais suave e natural nesta linha 2018 - é levíssimo em manobras, e transmite segurança em uso rodoviário.

Honda Fit 2018 - interior

A suspensão, como é tradicional nos Honda, tem um ajuste um pouco mais firme. O resultado final é um carro fácil e agradável de ser conduzido.

Estética

novo Honda Fit 2018

O design do Fit ainda é contemporâneo, de modo que as alterações externas para essa linha 2018 foram sutis. Os para-choques dianteiros e traseiros são novos, com aparência mais robusta.

novo Honda Fit 2018

A assinatura visual está mais sofisticada, com o sistema de posicionamento diurno em LED e a grade dianteira em preto brilhante.

novo Honda Fit 2018

Na traseira as lanternas agora acendem no elemento integrado na coluna "C", e parte inferior do para-choque com elementos laterais contribuiu para alargar visualmente o Fit - resultando em um aspecto mais esportivo e distinto.

Dinâmica

Com exceção da direção, que nesta linha 2018 é nova, sem buchas, e de operação mais suave, nada mais mudou na mecânica. O que significa que mantém o motor 1.5 16V de 115/116 (G/E) de potência e torque máximo de 15,2/15,3 (G/E) Kgfm, associado com a ótima transmissão automática CVT com seletores de trocas manuais, com simulação de 7 marchas.

novo Honda Fit 2018

Desempenho

Esse conjunto acelera os 1.100 Kg do hatch de 4,1 metros de comprimento de 0 a 100 Km/h em 12 segundos, para atingir uma velocidade máxima de 172 Km/h. Não, ele não é um hot hatch - está muito longe disso e nem é a sua proposta, mas o desempenho é mais do que suficiente para a maioria dos consumidores racionais.

novo Honda Fit 2018

Consumo

O consumo, segundo o INMETRO, é de 8,3 Km/l de etanol em cidade, melhorando para 12,3 Km/l com gasolina. Em estrada os indicadores são 9,9 Km/l com etanol, e 14,1 Km/l com gasolina.

novo Honda Fit 2018

No nosso percurso, em Brasília (DF), 50% cidade, 50% estrada, rodando com etanol 100% do tempo, com ao menos 2 pessoas a bordo, e ar-condicionado ligado 100% do tempo, obtivemos média de 11,6 Km/l de etanol - um resultado 42% melhor que o do INMETRO.

Espaço interno

O Fit 2018 é um carro bem construído, agradável de ser conduzido, com acabamento bem executado, mas se tem algo que ele se destaca é no espaço interno - que é surpreendente para um carro de 4,1 metros de comprimento, 2,53 de entre-eixos e 1,69 metros de altura.

novo Honda Fit 2018

O espaço para os passageiros do banco traseiro deve muito pouco ou quase nada para um sedã ou hatch médio.

novo Honda Fit 2018

E o porta-malas de 363 litros é maior que a de todos os hatchs médios, ficando atrás apenas dos sedãs médios (que medem em média 50 cm a mais).

Conclusão

O Honda Fit EXL é um hatch compacto relativamente caro: mais de R$ 80 mil nessa versão topo de linha pode assustar alguns - mas há versões partindo de R$ 58,7 mil reais com câmbio manual, e R$ 68,7 mil com transmissão CVT (versão Personal).


Entretanto, é um carro que oferece, nesta linha 2018, melhor relação custo x benefício: manteve-se versátil, confiável, e ganhou um sistema de infotainment melhorado, estética mais sofisticada, condução mais refinada e a generosa oferta de recursos de segurança de série.

35 comentários:

  1. Esse veículo é um grande sucesso.
    Inclusive, na época, roubou uma grande fatia de vendas de carros como Stilo, Golf (mk4 e mk4,5), Astra etc, pois tinha maior espaço interno e conforto, além da confiabilidade Honda.
    E isso tudo longe de ser uma pechincha, pois a versão mais vendida é a EX CVT de R$ 75.000.
    Eu mesmo não compraria outro carro com essa cifra, a menos que pudesse adicionar um pouco de dinheiro e subir de patamar para um Kicks ou HRV.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só não tem Motor e cambio. Só isso tsctsc

      Excluir
    2. O cambio cvt é bom. Só o motor que um 1.0 turbo seria o ideal. O mesmo vale para o city.

      Excluir
  2. Não testei, não testarei e criticarei. Esqueceram do polo ?
    Anda mais, bebe menos e ainda por cima é mais barato. Tem que internar quem.compra isso aí.
    Fatos apenas fatos o resto é relincho
    Oferecimento: carlota4patas

    ResponderExcluir
  3. O Carro em si é bom, porém manco. Mortorzinho de enceradeira.

    ResponderExcluir
  4. Não concordo que ele é um hatch medio

    ResponderExcluir
  5. Esse sem dúvida é o melhor e mais versátil carro urbano q existe. Só falta um motor decente q só virá na próxima geração: o 1.0 turbo da linha Earth Dreams q já existe lá fora.

    ResponderExcluir
  6. Puro lixo. Viajei com o Top de linha da minha tia que tem 25 mil km rodados por 400 km e só passei raiva com esse carro. Bate tudo por dentro, os encaixes são bem mal feitos, além do motor que sua pra levar o carro com 4 pessoas mais bagagem. Não recomendo, ainda mais pelo preço pedido.
    Por ser bem econômico, compraria um usado por até uns 50 mil reais pra usar na cidade. Passou disso, simplesmente não vale.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um LIXO! Lerdo, caro, péssimo em curvas. Vc pisa no acelerador e o CVT decide que dia vai enviar o torque às rodas. Um perigo para ultrapassar. Mas como tem espaço interno e não estraga, brasileiro acha que é um carrão. Piada...

      Excluir
  7. Deviam colocar o motor 1.8 do hr-v nele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O argo tem motor 1.8 e reclamam mas querem fit com motor 1.8.

      Excluir
    2. São motores totalmente diferente cara, o motor 1.8 do Honda é bem melhor do que do fiat argo. Pesquise antes pra não falar Mérida.

      Excluir
  8. Boqueta! Posição de dirigir ridícula! Quem tem mais de 1.70 vai com as pernas dobradas e com o assento lá em cima, sobra dois dedos para o teto. Carro de anão. Motor manco, lerdo beberrão e gritador. Acabamento de Gol. Querjapa boqueta vai de Etios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Engano seu meu camarada!!!
      A ergonomia em relação a posição de dirigir do Fit é quase perfeita, bem melhor que no Polo 1.6 MSI, onde sua posição de dirigir deixa a desejar por falta de ajustes do volante e, painel alto.Mesmo com regulagem do banco, não tem uma boa ergonomia comparada a muitos veículos da categoria.

      Excluir
    2. Esse Vidigal tem um Ka e acha o "carrinho muito show".
      Um espécime que tem um Ford Ka e ainda acha bom, certamente não está gozando da plenitude de suas faculdades mentais.
      Desconsidere. Só fala besteira.

      Ei Vidigal, procure um lugar que fale de Ka, que é o seu naipe. Aqui se fala de Polo, carro, que vc não sabe o que é.

      Excluir
    3. Gostei muito da posição de dirigir do novo Polo, inclusive mais que a do Jetta que possuo.

      Excluir
    4. Tb acho a ergonomia do Fit muito boa! Ótima visibilidade. Quem tem mais de 1,70 fica de boa como eu. Aliás, conforme mencionado pelo Fábio, o Fit possui o maior espaço interno comparado aos carros do mesmo segmento, fora que o sistema ULT é único, e seu porta-malas, muito superior aos seus concorrentes. Sua câmera de ré com 3 ângulos é fantástica. Facílimo de dirigir e perfeito para cidade e levar passageiros e bagagens. Claro que com a chegado do Pólo TSi mais barato, poderá perder algumas vendas, mas de qqr forma ele tem seu público fiel desde seu lançamento qdo ganhou por 4 vezes a melhor compra do ano pela 4 rodas (não lembro de outro carro que conseguiu essa façanha).

      Excluir
    5. Se vocês sentarem no banco do motorista de um Jac T40 irão saber qual é o carro com a melhor ergonomia. É Show!!!

      Excluir
  9. Tenho um desde o lançamento em 2014. Vai para 30 mil quilômetros agora. Não vi nenhuma reportagem explicando o porquê dos parachoques maiores mas a Honda provavelmente tentou corrigir a fragilidade. Meu parachoque dianteiro já foi arrancado duas vezes, a última vez foi um desgraçado num Logan dando ré, o Renault nem arranhou. Agora estes gênios dizendo que o carro não anda não dirigiram direito ou mais provavelmente não leram os números de aceleração e retomada. Por mais que o carro continue sendo econômico, mais até que modelo 1.0 , isso sendo bem ágil, por mais que tenha recebido mais itens de série e seja extremamente seguro, estável e confiável, agora há SUVs com câmbio automático e também dois com o excelente CVT, com mais equipamentos de série, mais espaço, que se impõem muito melhor no trânsito violento das cidades e que por uma diferença muito pequena de preço são opções melhores no custo benefício. O Fit ficou muito caro porque é vendido na Honda como prêmio de consolação para quem não pode comprar o HRV, que por sua vez é muito mais caro que os rivais diretos dele também. De maneira alguma eu compraria um Fit zero hoje.

    ResponderExcluir
  10. Quem comprar fit por 80k pode internar direto. Tem polo 200 tsi automático a 66k.
    Piada essa preço da Honda. Tá pensando que e semi-peemium? Semi_premium so a vw!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ue mas n era premiuim, a moça de caloi aí está tendo crise de idntidade ou é mais uma das suas contradições?

      Excluir
    2. Contradições igual quando fala de tração traseira obsoleta em outras marcas, mas nas do grupo VW é correto, kkkkkkkkk

      Excluir
    3. Na verdade meu caro você está equivocado. Se você perguntar para quem tem dinheiro para comprar um carro aqui no Brasil, 99% colocarão a Honda em bons degraus acima da VW e reconhecerão ela como uma marca "semi-premium" enquanto a VW, aquela do Golzinho, como generalista ao extremo.

      Ou você nunca ouviu a expressão "mas é um Honda..." correto ou não, ninguém fala isso da VW, só pra vc não esquecer, a do Golzinho.

      Agora uma coisa tem que ser dita. Já tive as duas marcas e o pós venda da Honda é incomparável. Preços justos, serviço de primeira e principalmente respeito ao cliente. Na VW era uma empurroterapia que dava raiva, revisões de 500 reais os caras mandavam orçamento de 1.200,00, de tanta bobagem que tentavam embutir, fora que nunca entregavam o carro no horário combinado.

      Enfim, as japas deitam e rolam devido a um excelente serviço de base, onde conseguiram fidelizar os clientes com um atendimento anos-luz frente as demais. Cabe as outras correrem atrás do prejuízo, e com isso, reduzirem suas margens de lucro.

      Excluir
  11. esse carro é uma minivan, vcs ficam exigindo uma alta performance de um carro familiar, geralmente de senhorinhas que adoram o estilo, a segurança, o espaço interno e o tamanho compacto, além de uma otima visibilidade. Não é um carro para todos, mas conseguiu o que quase ninguém consegue: um publico fiel!

    ResponderExcluir
  12. Honda tem os melhores modelos do segmento.civic então é um exemplo soberano de status,modernidade e requinte.hehe

    ResponderExcluir
  13. Fiat, vw e gm criaram modelos similares (Idea, Fox, Meriva) que nao conseguiram a aceitação do fit e Ficaram pelo caminho. Parabéns a Honda pela visão estratégica. Em complemento ao elogio do amigo mais acima, Honda e Toyota estão em patamar superior as outras e por isso conseguem vendas expressivas mesmo a preços mais altos. E não vejo quem as ameace.

    ResponderExcluir
  14. As Oficinas mecânicas odeiam Honda !!! Passe em qualquer Oficina mecânica e verifique se tem carro da Honda para conserto !!

    ResponderExcluir
  15. Honda FIt é carro de quem não sabe dirigir. Prestem atenção e verão: o carro representa 1% das vendas do mercado, mas 50% das vezes que você vir alguém fazendo m&rd@ no trânsito é um Fit (farol desligado a noite, parando em local proibido, retornado onde não deve, agarrando o trânsito) enfim, parece carro escolhido a dedo por quem não sabe dirigir.

    P.S.: na outra metade das vezes é um Fiat.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde vc mora Alexandre, em São Paulo os motoristas do fit são tudo o que vc disse, e ainda te fecham bastante, a visibilidade do carro deve ser zuada!

      Acho que pela motorização fraca eles aceleram bastante e tentam sempre entrar na frente dos outros!

      Fora o fato que em valetas eles se arrastam, e deve ralar muito, pois o carro é pesado, e nas rodovias são bem lentos!

      Mas parabenizo a Honda por ouvir os clientes e colocando itens que faltavam, além de colocar muitos leds nos carros, mas torço para que não venda muito, por causa dos motoristas folgados.

      Excluir
  16. "Esse Vidigal tem um Ka e acha o "carrinho muito show".
    Um espécime que tem um Ford Ka e ainda acha bom, certamente não está gozando da plenitude de suas faculdades mentais.
    Desconsidere. Só fala besteira.

    Ei Vidigal, procure um lugar que fale de Ka, que é o seu naipe. Aqui se fala de Polo, carro, que vc não sabe o que é"
    Carlotinha continua implicando com o Kazinho.Calma Carlota!
    KAzinho e C4 Lounge THP, são os meus carros no momento sem nenhum problema Carlotinha. Quando for troca-los, avisar-lhe-ei.Calma Carlota!

    ResponderExcluir
  17. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.