Car.blog.br

Pesquisar este blog

Nissan Leaf será vendido no Brasil em 2014

Categorias: , , , , 55 Comentários

A Nissan do Brasil está em processo de homologação do seu carro elétrico Leaf, conforme informa Anderson Suzuki, Gerente de Novos Negócios da empresa, e, se tudo ocorrer bem, o modelo estará à venda na rede de concessionários da marca no início do próximo ano.

Nissan Leaf 2014

O Nissan Leaf não é, porém, o primeiro carro elétrico à venda no Brasil, visto que a Mitsubishi já oferece no Brasil o i-Miev - carro que tem preço proibitivo na casa dos R$200 mil reais.

Nissan Leaf 2014

A Renault-Nissan é líder global de vendas de carros elétricos, sendo a marca japonesa vem dando eloquentes demonstrações de que o segmento elétrico é um aspecto estratégico em seu planejamento, sendo a primeira montadora do mundo a nomear um executivo para tratar exclusivamente de carros elétricos.

Nissan Leaf 2014

No Brasil, a Nissan já estabeleceu uma parceria com a Polícia Militar do Rio de Janeiro para um projeto piloto no qual fornece duas unidades do Nissan LEAF para uso da Corporação. Esse projeto terá duração de três meses, a partir de agosto, sendo que tais unidades farão o patrulhamento da orla marítima da cidade do Rio de Janeiro.

Nissan Leaf 2014

Além do Rio de Janeiro, a Nissan também já testa em São Paulo, desde 2012, duas unidades do Leaf como taxis, em uma parceria entre a Prefeitura, a Nissan e a Eletropaulo.

Nissan Leaf 2014

O Nissan Leaf 2014 recebeu alterações estéticas e mecânicas com o objetivo de deixá-lo mais confortável, eficiente e com maior autonomia. Assim, foi adotado um novo conjunto motriz que integra um motor de 80 KW AC alimentado por um módulo de baterias de íon-lítio, montadas na parte de baixo da cabine, de forma a reduzir o centro de gravidade do carro.



Com as alterações introduzidas, o Nissan Leaf agora tem uma autonomia certificada de 199 quilômetros, segundo a norma européia - um avanço de 24 KM em relação ao modelo anterior.



Além disso, o novo sistema de recarga permite que o tempo de carga total tenha se reduzido de 8 horas para 4 horas.

Fonte: CrossBrasil

55 comentários:

  1. Nem sabia que o i-miev era vendido aqui .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma vergonha, enquanto os países lá fora te incentivam pagando 30% do valor do carro elétrico, aqui o Brasil desincentiva com uma carga tributária de 120%.

      Eles nem produzem nem viabilizam a importação, qual será o objetivo do governo com isso?

      Excluir
    2. Industria do petróleo e do etanol pressionando o governo pra não deixar os eletricos entrarem.

      Excluir
    3. Lobby mesmo pois se analisarmos os interesses puramente governamentais Itaipu também é do Brasil e eles arrecadam imposto do mesmo jeito com energia elétrica.

      Excluir
    4. óbvio que não existem muitos comerciais apoiando o carro elétrico. Não dá dinheiro para as petroleiras!!! Triste!

      Excluir
  2. tive o prazer de dirigir esse carro ano passado durante um inova show da nissan que teve aqui na minha cidade, fui no primeiro dia e o "piloto" que acompanhava o test drive me deixou dar mais de uma volta no circuito e acelerar legal pois na hora que fui estava bem vazio, pena que com certeza vira muito caro gracas ao lobby das petroliferas em cima dos carros eletricos ainda mais aqui no brasil aonde os legisladores e governantes trabalham em prol dos seus interesses e não em prol dos interesses da sociedade, quem sabe daqui uns anos nao da pra comprar um com 20 anos de uso rsrs!?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí? O que achou do carro? Anda bem?

      Excluir
    2. o carro anda bem, qdo pisei ele respondeu na hora, mas é o tipo de carro pra cidade mesmo, ou seja, um segundo carro pra economizar combustivel, mas o que me chamaram a atenção foi o painel e o acabamento interno, nunca vi até hj em carro nenhum um banco de couro ecologico tao bom ao toque e macio ao sentar, ar dele gela muito, o carro tava um freezer qdo entrei, é o tipo de carro que se eu fosse deputado eu teria kkkkk, agora é esperar pra ver o preço que virá mas só de já vim pro Brasil já é um começo, como eu disse daqui uns anos capaz que compensa ter um eletrico pro dia a dia e um a combustão pra viagens/ fim de semana

      Excluir
  3. Eu dirigi um e simplesmente é um sonho. Torque excelente, silencioso, bonito, ecológico... Vc sabia que a GM detém 30% das açoes da Shell? Por isto eles não querem carros elétricos... Nota 10 para a Renault-Nissan!

    ResponderExcluir
  4. FAPANDO HARD AQUI

    QUE VENHAM OS ENGARRAFAMENTOS, CANSEI DE SUSTENTAR A VAGABUNDAGEM DA PETROBRAS!!!

    ResponderExcluir
  5. Carros elétricos são MUITO econômicos em baixas velocidades e rotações. Perfeitos pro trânsito contemporâneo das capitais do Brasil, especialmente em horários de pico.

    O dispêndio de energia desses motores é muito mais próximo do trabalho realizado do que dos motores à combustão, que ficam girando independente do carro estar parado ou em movimento.

    ResponderExcluir
  6. Com a arrecadação pelo Governo Federal de mais de 50% de imposto em cima do preço do litro da gasolina, não espero qualquer tipo de incentivo por parte dele para a vinda mais barata de carros elétricos e híbridos. Isso significa que a cada tanque que você coloca no seu carro, 1 tanque inteiro irá para o governo. Isso demonstra que a preocupação do governo brasileiro não é com o meio-ambiente, mas simplesmente com arrecadação de tributos.

    Sabemos que o governo anda bem na contramão em relação à economia de combustível, seja aumentando a quantidade de álcool anidro na composição da gasolina para 1/4, seja aumentando o IPI da bicicleta, seja impondo cotas aos modelos importados que mesmo com elevada potência consomem menos do que os nossos nacionais 2.0 flex. O negócio é estimular o consumo de combustível ao máximo, estimular carros beberrões (flex), porque a arrecadação de mais de 50% é algo de outro planeta, é fazer o consumidor comprar 2 e entregar só 1, muito lucrativo e sem precisar fazer nada em troca.

    Achei espetacular o "dia sem imposto" que a cidade de Campo Grande realizou no dia 25/05/2013. Quem não viu, veja aqui: http://g1.globo.com/mato-grosso-do-sul/noticia/2013/05/gasolina-sera-vendida-r-135-no-dia-sem-imposto-em-campo-grande.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só complementando, não sou contra o pagamento de impostos, eles são necessários para a manutenção do Estado e dos seus serviços que deveriam ser bem prestados como saúde, educação, segurança, mas o nosso sistema tributário é irracional, a arrecadação é absurda e quase nada é efetivamente revertido, o Governo manda dinheiro até para outros países, como Cuba, e nem terminou de limpar o próprio quintal.

      Um país que está devendo até os lençóis não pode ser dar ao luxo de gastar 1 bilhão e meio em um estádio em Brasília para 2 jogos de Copa do Mundo enquanto o usuário do serviço público diagnosticado com câncer tem a cirurgia marcada para meses/anos depois. Muita gente morre por causa dessa administração equivocada dos recursos, entre saúde e desporto, até uma criancinha sabe que a saúde/educação/segurança merece prioridade.

      Excluir
  7. Enquanto os países lá fora te incentivam pagando 30% do valor do carro elétrico, aqui o Brasil desincentiva com uma carga tributária de 120%.

    Eles nem produzem nem viabilizam a importação, qual será o objetivo do governo com isso?

    ResponderExcluir
  8. Acredito que a Nissan vai começar a crescer no Brasil e isto é ótimo para o mercado. Nos EUA ela é uma das empresas mais confiáveis!

    ResponderExcluir
  9. em termo de design esse é carro é uma D E S G R A Ç A

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais bonito que gols, palios, unos, colbats e outros....

      Excluir
    2. Eu acho interessante ,partir de uma vez por todas contra o monopólio do combustível. Não abastecer seu carro de uma vez,coloque 10,00 reais mas 1,50 a 2,00
      em cada posto pedindo nota fiscal.
      Sendo o principal problema e que ,os brasileiros aceitam tudo ,principalmente os mais velhos,os senhores de idade que reclamam reclamam reclamam, mas no final pagam a conta .
      Que tipo de brasileiros somos nós .
      Visite a Argentina ,e abasteça seu carro ,e veja o quanto voce gastou
      Não adianta participar de debates de carros elétricos e não fazer nada ,só papo .Estou montando o meu carro elétrico ,modelo antigo com motor de empilhadeira 48v cc ,baterias tracionárias e carregadores de celulas foto fotovoltaicas no quintal.
      se andar 80 ou 60km por dia está ótimo.
      Monte o seu e chega de papo furado.
      E viva o nosso pais O Brasil um lugar na terra aonde podemos sim fazer algo diferente e melhor,em vez de copiar os outros paises.
      Eu acredito no Meu Pais. Só precisamos mudar o velho conformismo e parar de enriquecer politicos...
      Att:Professor de mecãnica e elétrica sem trabalho por causa da copa

      Excluir
    3. Design???? compra um quadro e poe na parade!!!
      A proposta aqui é dar um tapa na cara dos governos e sheiks do petróleo.
      Por isso esse carro é tão especial para mim, Japão não é autosuficiente em petróleo, mas é em tecnologia, esse carro é para mim a SONY, a NIKOM, dos carros vendidos hoje no Brasil.

      Ou voce acha que um bugate de 2 milhoes de dolares não foi pensado apenas para os sheiks do petróleo. Agora poe um Nissan GTR de R$ 500,00 na cola de uma FERRARI ou uma LOTUS ou JAGUAR. De 0 a 100 em 2,7 segundos. ISSO É OUTRO TAPA NA CARA DAS INDUSTRIAS DE AUTMÓVEIS,

      Excluir
  10. Eu pensei que já tivesse visto carros feios, mas esse supera todos inventados até hoje... que desgraça!
    200 mil? Se eu tivesse 200 conto sobrando, eu pagaria somente pra nunca dar de cara com esse carro.!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto é foda!!!

      Excluir
    2. Compra um celta pra vc amigao!

      Excluir
    3. CAra, da uma lida no texto e veja se fala algo sobre duzentos mil em relação a este carro ai. ta falando sobre outro carro. É por estas e outras que um cara como voce nunca vai ter nem milão sobrando meu amigo.

      Excluir
    4. o carro é lindo!!!!!!!!

      Excluir
    5. Vi em outra matéria que o preço está estipulado entre 80.000 e 120.000 mas que a Nissam negociará a redução de icms entre outros impostos para reduzir o preço o que eu duvido muito que relata em algo mas seta o carro elétrico mais barato do Brasil sem dúvida isso Bom porque está se aproximando da realidade acredito que se atingi-se 60.000 seria líder em vendas o que impulsionaria o preço mais prata baixo em uma produção em maior quantidade

      Excluir
    6. Esse tal de sitio da barra é bobinho mesmo não? procure conversar de forma util e talvez vc apareça mais.

      Excluir
    7. Zé do sítio, andador de carroça, 200 mil é o da Mitsubishi, essa ai é da Nissan e não é tão feito assim, por dentro por exemplo é lindo, eu teria um tranquilamente por um preço justo é claro.

      Excluir
    8. Zé do sítio, andador de carroça, 200 mil é o da Mitsubishi, essa ai é da Nissan e não é tão feito assim, por dentro por exemplo é lindo, eu teria um tranquilamente por um preço justo é claro.

      Excluir
  11. O governo nunca vai deixar de nos saquear com a petrobras...pra vcs terem uma idéia, a gasolina na Venezeual custa 0,10(dez centavos de real)e olah que é gasolina pura, sem mistura. Pro governo, quem tem carro é classe média, mesmo que seu carrinho seja um uno 1990. Pro governo, só é brasileiro quem pega onibus ou invade terras alheias ou necessita do bolsa-família.

    ResponderExcluir
  12. O governo nunca vai deixar de nos saquear com a petrobras...pra vcs terem uma idéia, a gasolina na Venezeual custa 0,10(dez centavos de real)e olah que é gasolina pura, sem mistura. Pro governo, quem tem carro é classe média, mesmo que seu carrinho seja um uno 1990. Pro governo, só é brasileiro quem pega onibus ou invade terras alheias ou necessita do bolsa-família.

    ResponderExcluir
  13. Queria saber como vocês acham que vai ser gerada a energia elétrica necessária para abastecer uma frota grande destes carros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Brasil tem o maior potencial hidrico do planeta, não estou falando em grandes hidroeletricas, mas em PCHs, estas podem ser construidas praticamente em qualquer lugar. Investimento mais baixo e lucro garantido para abastacer uma frota grande destes veículos. Sou Engenheiro Civil, sei o que estou dizendo, se não temos isto aqui é por causa de outros interesses e não falta de energia. O que não falta aqui, na verdade, são "especialistas" no assunto para criticar sem nenhuma base de conhecimento justificavel, não é colega?

      Excluir
    2. Boa tarde, existem muitas formas de gerar energia, não somente com hidrelétricas, minha casa é 100% energia solar, na parte de geração de energia, energia fotovoltaica pra quem não conhece. Pretendo comprar um e também converter um carro e uma moto para energia elétrica e recarrega-los aqui em casa. Temos muitas opções, quem quer consegue, moro em Itapecerica da Serra em São Paulo e ao invés de investir em energia elétrica, pois moro em uma chacara e me pediram 9 mil reais somente de postes para puxar os fios até aqui, investi 8.500 em placas, inversores e controladores e resolvi o problema. Quem mora em lugares onde tem boa incidência de ventos pode optar por energia eolica. Sucesso a todos e que venham os VEs.

      Excluir
    3. Já ouviu falar de energia SOLAR? Pois é, ela existe e a Nissan vende inclusive um poste coletor que vc instala na sua residência e recarrega seu carro sem pagar UM TOSTÃO FURADO.

      E não, o postinho não é grande nem estupidamente caro. Basicamente a pessoa só recarregaria o carro no grid público em alguns dias nublados (alguns pq vc pode comprar baterias extras, carregar no poste solar, e guardar pra usar de noite/dias chuvosos). Considerando que isto aqui é Brasil e temos sol durante cerca de 75% do ano, mesmo que metade da frota de carros fosse elétrica não teríamos grandes problemas pra recarregá-la.

      Excluir
    4. Ei lu parabéns pela sua iniciativa posso conhecer as sua estações solar em itapecerica da Serra sou aqui de Divinópolis/MG
      Att. cordeiro

      Excluir
  14. Vejam como funciona em Paris:http://www.gazetadopovo.com.br/mundo/conteudo.phtml?id=1341667&tit=Carro-eletrico-conquista-ruas-de-Paris

    ResponderExcluir
  15. Aproveitando as manifestações que se inrromperam pelo país, vamos também pra rua fazer manifestação a favor da redução dos impostos que deixa os carros elétricos inacessíveis à população.

    ResponderExcluir
  16. Vou pedir um desses pro papai noel. Só assim mesmo pra eu ter um desses com os impostos que vai ter.......

    ResponderExcluir
  17. Muito bonito. Se grana tivesse, compraria sem medo de ser feliz. Um dia o petróleo irá acabar. E é bom já ir pensando em alternativas viáveis.

    ResponderExcluir
  18. R$200 mil??? Isso está cheirando lobby dos petroleiros. Fora os vende-pátrias se vendendo a preço vil e tributando até o olho da cara.

    ResponderExcluir
  19. Com certeza um carro com estas características me atrai e incentivos para a aquisição de mobilidade urbana individual, apesar de utilizar quase que exclusivamente o transporte público, trens (malha ferroviária ainda menor que 1920) e ônibus (quase sempre lotados em horário de pico) e ser defensor de ciclovias, gostaria de compor minha garagem com um modelo híbrido e se possível que voasse ou teletransportasse para fugir dos congestionamentos que inviabilizam qualquer expectativa de conforto por mais recursos que os carros ofereçam.

    ResponderExcluir
  20. Com certeza um carro com estas características me atrai e incentivos para a aquisição de mobilidade urbana individual, apesar de utilizar quase que exclusivamente o transporte público, trens (malha ferroviária ainda menor que 1920) e ônibus (quase sempre lotados em horário de pico) e ser defensor de ciclovias, gostaria de compor minha garagem com um modelo híbrido e se possível que voasse ou teletransportasse para fugir dos congestionamentos que inviabilizam qualquer expectativa de conforto por mais recursos que os carros ofereçam.

    ResponderExcluir
  21. Gostaria de saber se alguém já pesquisou o valor R$$$$$ por carga ou mensal :>) porque dependendo do R$$$$ que se gastará no brasil para abastecer mensalmente melhor rodar a etanol ou gasolina mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, o custo de uma carga para rodar 160 km é de aproximadamente R$ 6,00.

      Excluir
  22. Amigo Posso sempre, com uma carga você gastará em torno de R$3,50 e rodara 200 KM!!!! Por isso as petrolíferas estão desesperadas não somente aqui no Brasil, más no mundo inteiro!.
    Só para você entender os primeiros carros no mundo eram movidos por motores eléctricos porém, quase ninguém naquela época tinha energia eléctrica em suas casas (1879, em Berlim, na Alemanha site: http://www.infopedia.pt/$carro-electrico;jsessionid=JgWMdc0j13o0vXtEtz-vCA__ ) e por este motivo ficou mais viável na época o motor a combustão, porque era fácil o deslocamento do combustível por ser liquido e de fácil manuseio, porem hoje quase todo o mundo tem energia em sua casa, e estes veículos eléctricos que estão vindo por ai pode ser carregando na tomada de sua residência por apenas R$3,50 por recarga e estas bateria não viciam e duram em média 10 Anos.

    ResponderExcluir
  23. Compro um fácil, é só ter din-din... Imagina: Nunca mais parar em um posto de gasolina!?!?!? Que lindo

    ResponderExcluir
  24. Esse azul metalico e show,vi la miami.

    ADEUS PETROSSAURO,ELETROPAULO, COMBUSTIVEL BATIZADO, ETC

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ou melhor... Petrossauro, Eletrossauro e Combustivelssauro...

      Excluir
  25. BOM DIA-O GOVERNO COM CERTEZA FARÁ TUDO PARA DIFICULTAR O SEU COMÉRCIO,MAS VAI SER QUESTÃO DE TEMPO E OS CARROS ELÉTRICOS SERÃO REALIDAD.

    ResponderExcluir
  26. Sinceramente eu acho que o governo poderia sim lucrar ( roubar ) investindo em ernegia e outras coisas sustentáveis. Se eles querem roubar OK, eles vao se entender com o povo, mas eu tenho certeza para isso eles nao precisam jogar o nosso planeta no lixo.
    Até eu que tenho 14 anos sei disso, qual a dificuldade deles de enxergar o mal que estao provocando???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A dificuldade é que são velhos. Não importa mais para eles deixar o planeta no lixo, quando o problema vier, estarão já mortos. Já viu algum ruralista novinho? Tudo acabadaço e com pé na cova. A mesma coisa com os magnatas do petróleo... se o mundo explodir em 2050 eles não vão ligar, pois já vão ter morrido.

      Excluir
  27. Estão anunciando a 30 mil! Tá barato!

    ResponderExcluir
  28. Sempre é assim enquanto alguém ou concorrência não entra e ameace a vida tranquila do cartel existente em todo pais nos interesses existentes entre empresas - governo- refinarias- Montadoras... nada muda então vamos nos unir e reivindicar não contra a copa 2014 que só aumenta a divulgação do evento mas sim contra esse controle absurdo existente nesse circulo vicioso de interesse econômico criminoso.

    ResponderExcluir
  29. Vou adorar se o petróleo não estiver mais valendo nada quando o pré-sal tornar-se viável....Brasil sempre em dia com o passado !!!
    Que venham os elétricos e que vá a Petrossauro, enquanto vale alguma coisa. Privatiza logo !!!

    ResponderExcluir
  30. Como comprar? Já está a venda ou é apenas marketing ecológico? 2014 já está ficando acabando.

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.