Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW Polo 2018 nacional terá alterações em relação ao alemão

Categorias: , , , 101 Comentários

A Volkswagen do Brasil já confirmou o início de produção comercial do novo Polo 2018 em sua planta na Anchieta, a partir de setembro, com disponibilidade comercial ainda no último trimestre deste ano. Neste post relacionamos as primeiras informações (extraoficiais) sobre as alterações que o modelo nacional terá relativamente ao europeu fabricado na Espanha.

Novo VW Polo 2018

A primeira alteração é em relação ao motor tri-cilíndrico 1.0 MPI. Enquanto o Polo Europeu terá esse motor configurado em duas opções de potência - 65 cv e 75 cv - o modelo nacional terá uma versão flex aperfeiçoada com 90 cavalos - 10% a mais que o mesmo motor usado no Up!, Fox e Gol nacionais.

Novo VW Polo 2018
Novo VW Polo 2018  - motor 1.0 MPI com 90 cavalos
Outra alteração está na dianteira do modelo nacional que terá um acabamento preto na parte inferior da grade do radiador - deixando-o com um aspecto parecido com a frente do modelo R-Line.

Novo Polo 2018

Na traseira temos uma outra alteração funcional. Enquanto o Polo europeu usa o sistema de abertura da tampa do porta-malas no logotipo VW, o Polo nacional usará um sistema de abertura convencional, posicionado na parte inferior da tampa.

Novo Polo 2018

Em relação ao interior, o Polo nacional terá menos peças de acabamento estampadas - solução adotada pela engenharia para evitar a ocorrência de ruídos internos decorrentes de uso em pavimentação de baixa qualidade.

Versão GTI em análise

Em relação ao line-up, enquanto o Polo europeu chegará às concessionárias do Velho Continente em setembro com uma versão GTI com motor 2.0 TSI de 200 cv, esta configuração não é certa no Brasil.

Novo VW Polo 2018 GTI

Esse modelo não foi totalmente descartado, mas há aspectos que pesam contra ele, como o fato de o motor ter que ser importado da Europa.

Novo VW Polo 2018 GTI

Esse propulsor, em versão gasolina, faria essa versão incorrer em uma alíquota de IPI de 13%, contra 7% dos 1.0 MPI e 1.0 TSI, tornando seu preço muito elevado.

101 comentários:

  1. ...... E terá mais alterações, aguardem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Outra alteração sera o painel, o velocímetro será igual a todos VW, a central multimídia será mais simples, senão terá um interior melhor que o Golf brasileiro. E claro será "abrasileirado"

      Chuto preços em:
      Polo 1.0 MT Preço de 52~55mil
      Polo 1.0 AT Preço de 58~60mil
      Polo 1.6 MT Preço de 63~65mil
      Polo 1.6 AT Preço de 68~70mil
      Polo 1.0T MT Preço de 70~73mil
      Polo 1.0T AT Preço de 75~78mil

      E o Golf 1.0T vai para + de 80mil

      Excluir
    2. Sim esqueceram de dizer que os itens de série na versão europeia serão todos opcionais de uma enorme lista. Podemos ver como itens de série os seguintes recursos: Super calotas, retrovisor do lado direito com espelho, volante emborrachado e bancos revestidos em tecido Oxford... Quem viver verá.

      Excluir
    3. Vai depenar o carro! Aí Fiat Argos vai dá mais trabalho!😐

      Excluir
    4. kkkkkkkkk parece que o jogo virou nao é mesmo?

      Excluir
  2. Seria ótimo se fizessem ele com opções de motor 1.0 turbo e 1.4 turbo, esse 1.0 3 cilindros vai ficar um pouco acanhado para um carro que é intermediário ao Golf.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Terá a versão 1.0TSI, mas o motor 1.0MPI será o aspirado deste volume mais potente do Brasil, provavelmente com um torque máximo em torno dos 11kgfm e potência de 90cv, desempenho não será excepcional, mas também não será decepcionante, chuto 0-100 em 13s e velocidade final de 170km/h.

      Excluir
  3. Alterações excelentes. O motor 1.0 MPI com 90 cv nesse carro com 1 tonelada provavelmente resultará em um desempenho similar ao do Up! 1.0 MPI, ou seja, 0 a 100 km/h em menos de 14 segundo.

    Na prática, o Polo 1.0 MPI será mais rápido que o Onix 1.4 e que o Argo 1.3.

    O Polo 1.0 TSI seguirá em classe própria, sem concorrentes.

    O ajuste estético na dianteira já parece ser relfexo da maior autonomia da filial brasileira para adequar à realidade nacional.

    Sobre a abertura no porta-malas, também uma alteração interessante no brasil, pois o povo é mais acostumado a abrir desse jeito, e não no logotipo.

    O design interior não deve mudar, então será tão lindo quanto o alemão...

    em resumo. este Polo só poderá ser comparado em termos técnicos e de qualidade com BMW, Audi e Mercedes. E também Golf. E só.

    Só que terá preço a partir de R$ 50 mil. Em resumo: provocará uma hecatombe no mercado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse Polo 1.0 mpi será um lixo. Virará Mico, assim como virou o primeiro polo no brasil com motor 1.0 16v. Ecosport 1.0 e por ai vai. Se vier 1.0 e 1.4 TSI será um puta carro. Acho ate que o 1.6 mpi também não vira não, apesar de ter um desempenho razoavel.
      NUNCA que um polo 1.0 será mais rapido que onix 1.4 mesmo ele sendo zuado.

      Excluir
    2. Primeiramente o Polo TSI terá um concorrente de muito repeito que será o Fiesta reestilizado, com o Ecoboost (muito superior ao TSI e multipremiado) e câmbio AT6 convencional.

      Comparar com BMW, Audi e Mercedes, só você mesmo que é cego pelo fanatismo.

      As outras alterações acho justas. Não gostei do acabamento colorido do painel do europeu. Acredito que um acabamento mais sóbrio fique melhor e agrade mais gente. E quanto a abertura da tampa, por mim é indiferente.

      Excluir
    3. Não viaja na alteração da abertura no porta-malas, isso foi um erro do site em achar que vai mudar isso. O Fox possui essa abertura de série, é simples e fácil, sei bem por conta de ter um Fox em casa, o Polo como carro mais caro com certeza vai possuir essa abertura.

      Excluir
    4. Puxa vida o Fox Highline já abre o porta malas pelo logo. VW dando um passo para traz.

      Excluir
    5. [Na prática, o Polo 1.0 MPI será mais rápido que o Onix 1.4 e que o Argo 1.3.]

      Argo Drive 1.3 GSR foi exatamente 2 segundos mais rápido do que o Move Up! MPI manual, no teste de 0 a 100 km/h do site Carplace/Motor1.

      Excluir
    6. O Up concorre com o Mobi,o polo se encarregará do Argo.

      Excluir
    7. Na realidade o Up! não concorre com o Mobi. O Up! tem preço médio de R$ 50 mil. O Mobi de R$ 30 mil.
      O Up! é um carro classe mundial, com segurança e tecnologia classe mundial, com motor turbo e acabamento top. E é caro, como deve ser.

      O mobi é uma boquetagem feita com base no Uno, que, por sua vez, foi uma boquetagem feita com base no palio de 1996.

      Então, não. O Up! não concorre com o Mobi.

      Excluir
    8. verdade Carlos, uma coisa é uma coisa outra coisa é outra coisa. não se compara o Mobi com o Up.

      Excluir
    9. Se realmente a abertura do porta malas não for mesmo pelo logo, além de ser uma tremenda idiotice, vai significar que não terá camera de ré e portanto nem pensar em Park Assist.

      Excluir
    10. Na verdade, o Take Up compete com o Mobi, as demais versões, com o Uno, que, apesar de mais comprido que o Up, tem entre-eixos menor.

      Excluir
    11. Carlos, descordo quanto a abertura do porta malas, o próprio Fox, inferior ao polo, utiliza esse método de abrir pelo logo. Deveriam manter como no Alemão isso.

      Excluir
    12. A relação peso/potência do Pólo 1.0MPI será melhor que a do Ford Ka 1.0 (o aspirado 1 litro mais potente do país) e pior que a do Up MPI, fica claro que o carro não será manco, está bem dimensionado para rodar na cidade e não decepcionará na estrada.

      Excluir
  4. Será um bom carro!
    Só não vindo com a merda do DSG tá otimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca teve um câmbio SEG, ne? Não fala besteira.

      Excluir
    2. Eu tive e ele estourou 2 meses depois de acabar a garantia do meu Golf alemão.

      Excluir
    3. Vc mexeu no motor do carro? Com certeza deve ser daqueles que chipam e depois reclama. Senão, foi azar seu e a fábrica fez a reposição.

      Excluir
    4. O DsG7 do Polo é úmido.

      Excluir
    5. Carro lacrado, todas as revisões feitas na autorizada. A fábrica cobriu sim, mas me fez pagar a mão de obra e levou 28 dias pra me entregar o carro. Qual é a cota de azar desses modelos? A cada 10, 3 quebram? Por muito menos se faz recall

      Excluir
  5. "Sobre a abertura no porta-malas, também uma alteração interessante no brasil, pois o povo é mais acostumado a abrir desse jeito, e não no logotipo."
    Isso é sério?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também achei cômico! Tanto a mudança quanto a explicação para ela! Hahaha.

      Excluir
  6. Top, parabéns a Volkswagen tomara que os preços sejam competitivos.

    ResponderExcluir
  7. Respostas
    1. Se o carro fizer sucesso, a VW não hesitará em trazer a versão GTI.

      Excluir
  8. "Sobre a abertura no porta-malas, também uma alteração interessante no brasil, pois o povo é mais acostumado a abrir desse jeito, e não no logotipo."

    Cara, na boa, vc não tem mesmo o senso do ridículo não é? o golf tem exatamente essa abertura pelo logotipo e nunca vi ninguém reclamar disso.

    A VW é como qualquer outra montadora e não tem respeito pelo consumidor brasileiro. Seu único objetivo é aumentar ao máximo sua margem de lucro, e se pra isso for necessário vender um produto inferior ao que é vendido lá fora, o farão sem qualquer problema.

    Como vc mesmo gosta de dizer, pare de relinchar.

    ResponderExcluir
  9. Outra alteração sera o painel, o velocímetro será igual a todos VW, a central multimídia será mais simples, senão terá um interior melhor que o Golf brasileiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Golf reestilizado também terá algumas mudanças no interior e será lançado próximo ao Polo.

      Excluir
  10. fiquei desapontado com o fato da abertura não ser por meio do logo.
    É uma solução adotada até mesmo na saveiro e ajuda a deixar o visual da tampa traseira muito mais clean.
    Do resto imaginava tudo..
    É lógico que o painel seria mais recatado, essa coisa muito colorida não cola muito por aqui. Quanto mais sóbrio mais fácil de vender para diversos públicos.
    Com relação da GTI não esperava ela por aqui mesmo, apesar de querer muito. O golf já ocupa muito bem esse nicho.
    Talvez uma versão um pouco mais apimentada 1.4 tsi ( já que o motor é nacional ), mas quem sabe mais para frente.

    ResponderExcluir
  11. Versão GTi em dúvida?
    Poxa, na Europa ela será 2.0 de 200cv, pq não uma versão nacional GTi 1.4 de 140cv, já seria ótimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, talvez com uma reprogramação esse motor 1.4 salte para uns 170 cv. Assim teríamos uma versão bem forte sem rivalizar tanto com o Golf GTI

      Excluir
  12. Não precisa nem ser o motor 2.0 TSI na versão GTI, o 1.5 TSI com o novo câmbio já estaria ótimo.

    ResponderExcluir
  13. Chuto preços em:
    Polo 1.0 MT Preço de 52~55mil
    Polo 1.0 AT Preço de 58~60mil
    Polo 1.6 MT Preço de 63~65mil
    Polo 1.6 AT Preço de 68~70mil
    Polo 1.0T MT Preço de 70~73mil
    Polo 1.0T AT Preço de 75~78mil

    E o Golf 1.0T vai para + de 80mil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vai existir o 1.0MPI automático.

      Chuto o 1.0MT entre 55-60 e as demais versões nessa faixa que você colocou. Claro, sem os pacotes de opcionais. Com tudo, acredito que o 1.0TSI AT6 irá esbarrar nos 88-90mil.

      Excluir
    2. Havendo um versão TSI/MT na faixa dos 60k, com bons itens de série, será meu próximo carro. Acima dos 70k fica completamente descartado.

      Excluir
  14. Não entendo... O Fox tem abertura do porta malas na logo. Por que o Polo, que é um carro superior, não terá...

    ResponderExcluir
  15. Vão capar o carro e colocar um bilhão de pacotes opcionais k

    ResponderExcluir
  16. Pessoal fala no motor, nas eu queria saber é dos opcionais: vai vir com o Infotainment top? Com o active info display? Com ACC e outros mecanismos de segurança? Em que versões?

    ResponderExcluir
  17. Vai vender bem a depender do preço e se terá versão automática

    ResponderExcluir
  18. E a alteração mais óbvia não foi mencionada. A suspensão elevada pra passar pelos quebra-molas e valetas brasileiras.

    ResponderExcluir
  19. Qual a mágica da multiplicação dos pães?? 1.0 não turbo com 90 cavalos? Se o PEUGEOT 1.2 tem apenas 90cv e é 20% maior o motor?????
    Mesmo sendo com injeção direta e Dual CVVT ... ou seja, trata-se de um motor TSI sem o turbo, mantendo as demais modificações em relação ao aspirado convencional e claro um aumento/ajuste na taxa de compressão? .. Enfim, isso sim é tirar leite de pedra! parabéns!!

    ResponderExcluir
  20. Já começo a duvidar se teremos o motor 1.0 de 125cv.
    Se lançarem com 1.0 aspirado de 90cv OU 82 cv que seja, teremos o de 105 CV e o 1.6 16V e só. Qual é a questão? Está claro que estão preocupados com volume de vendas para viabilizar o carro, e isso envolve custos. Para vender pelo menos 5 mil por mes vai ter que ter uma versão aspirada 1.0. Sobre usar a grade preta, é para dar um aspecto mais esportivo e diferenciar o carro ainda mais do Gol.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse Polo, mesmo com previsões bem otimistas, nao passará de 1500 vendas mensais. Esse nicho de vendas está escasso.
      Na minha opinião, que nao vale de nada hehe. Deveriam ter essas versões:
      1.6 trendline MT/AT
      1.0T comfortline Mt/AT
      1.0T Highline AT
      1.4T GTI MT/AT

      Excluir
  21. Sobre o motor e grade até concordo, mas alterar peça estampada interna para evitar ruídos e alterar a abertura do porta malas por um sistema de maçaneta própria ou apenas com fechadura, soa no mínimo, ridículo. Só em alterar esse sistema, já eleva os custos, só para adaptar algo em prol de uma economia porca ou "adaptar ao gosto dos brasileiros"...kkkkk

    ResponderExcluir
  22. POLO GTI, motor 1.4 tsi ou novo 1.5 tsi e bem recheado de equipamentos, na casa dos 75 e 85 mil e GOLF GTI continua fazendo alegria de quem pode desembolsar +/-30 mil extra...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Queria muito esse Polo GTI, mas acho que sairia na casa dos 100k. Só olhar os preços dentro da própria VW que podemos ver do que são capazes hehehe

      Excluir
  23. Se vim do jeito do europeu vai ser melhor do que nosso Golf nacional, vão capar tudo no Polo nacional

    ResponderExcluir
  24. Se eu fosse a VW aproveitaria pra mudar as lanternas por algo mais próximo do Seat Ibiza. Eu, que estou aguardando o Polo pra comprar, achei que ficou muito parecido com o Gol naquela outra matéria em que tem os 2 lado a lado. Uma lanterna mais horizontalizada já resolveria essa questão perfeitamente.

    ResponderExcluir
  25. Incrível o motor MPI atingir 90 CV, uma pena que por uma questão de custos não exista uma impossibilidade de adotar a injeção direta e câmbio de 6 velocidades, acredito que viria mais cavalos nesse motor.

    Se esses 90 cavalos virem apenas com reprogramação da injeção será um salto magnífico e mostra o quantos esses motores 3 cilindros são interessantes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O câmbio manual do 1.0 aspirado será de seis marchas.

      Excluir
  26. “Em relação ao interior, o Polo nacional terá menos peças de acabamento estampadas - solução adotada pela engenharia para evitar a ocorrência de ruídos internos decorrentes de uso em pavimentação de baixa qualidade.“

    Pq a Audi não utiliza essa mesma solução para seus carros nacionais?

    Está cada dia mais difícil inventar desculpas, né?

    A verdade é que a VW fará suas gambiarras para diminuir os custos.

    ResponderExcluir
  27. Bom, acredito que a versão GTi poderia vir com preço de 94 mil igual o Golf era em 2014. Seria muito bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se vier nesse preço BEM completo troco meu A4 nele na hora!

      Excluir
  28. Não são apenas super calotas, são super calotas integradas!

    ResponderExcluir
  29. - Painel de instrumentos igual do Fox até mesmo aquela telinha (padrão VW).
    - Suspensão elevada (moramos na lua).
    - Midia inferior.
    - Painel de plastico inferior com menos peças.
    - Sem o alfabeto de letrinhas de opcionais ACC....
    - Super calotas.
    - Grade preta (para no futuro pintar de falar modelo novo).
    - Sem led.
    - Sem DSG (ótimo).
    - Farol diferente.

    Ajuda ai pessoal...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Versões de entrada Trendline vem com calotas na Alemanha. Se tiver Trendline aqui também provavelmente terá calotas. Qual o problema?
      Suspensão elevada, correto.
      No fim, vemos que todo mimimi em relação às supostas mudanças do Polo são irrelevâncias, que naõ alterariam em nada o carro que ele é.

      O impotante é a plataforma MQB-A0, com segurança classe mundial, ESP, ASR, no mínimo 4 airbags, construção sólida e resistente, e leve, motor MPI de 90 cv. acabamento de carro premium.

      Isso é o que importa em um carro. Nãoesse mimimi de grade de uma cor ou de outra. papagaiada.
      |Reparar nesse tipo de irrelevânica é coisa de quem não entende nada de carro. Não sabe analisar um carro em seus fundamentos, então ficam nesse mimimi..."calota"..mmimi "grade dessa cor"...
      que piada esses comentaristas...

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  30. As alterações são boas e são necessárias mas por favor menos o fato de o interior não ter peças estampadas está mais ligado a corte de custos e ajustes de custo do que de fato a barulhos em pavimentação precária

    ResponderExcluir
  31. Eu vou procar de carro em alguns meses....esse polo ja descartei nao espero muita coisa....provavelmente vou em um golf 15/16 ou jetta 1.4 manual

    ResponderExcluir
  32. Considerando verdadeiras as informações, certos itens não fazem o menor sentido, quando não parecem ser apenas um "engana trouxa" ao mercado brasileiro:


    - fazer o acabamento preto na frente, "dando um ar esportivo" é uma tristeza, primeiro, porque não parece fazer sentido por conta do desenho da frente. Segundo, é triste ver que mesmo com um carro totalmente novo, a marca prefere "ajambrar" soluções em vez de oferecer MESMO o kit R-Line;

    - usar fechadura convencional num modelo totalmente novo, moderno, de novo, se for mesmo ocorrer, é outra ajambrada canhestra, se pensarmos que aqui no Brasil, além do Golf, Fox, o carro imediatamente inferior ao Polo tem abertura do porta malas através do dístico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Novamente um sujeito se apegando a irrelevâncias ridículas. mimimi reclamento de grade inferior preta sem ao menos ter visto o carro. que piada.

      Fechadura convencional tem sua funcionalidade. A VW pode estar querendo colocar uma abertura elétrica do porta-malas, como no up!. e então faz sentido a fechadua na parte inferior, invés da cara fechadua no logotipo.

      Mas, novamente, coisas irrelevantes, e o povo dá uma importância enorme a esse tipo de baboseira. que piada.

      Excluir
    2. Nao vai ser fechadura, sera na logo mesmo nao sei de onde tiraram isso. Alterar um projeto pronto

      Excluir
  33. A versão com o motor 1.0 MPI é totalmente desnecessária para o proposito deste carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este não é qualquer 1.0 MPI. É um 1.0 MPI de 90 cavalos equipando um carro de 1020 Kg. Veja as relações peso/potência:

      Up!: 950 Kg e 82 cv - relação peso/potência 11,6 Kg/cv
      Polo: 1020 Kg e 90 cv - relação peso/potência 11,3 kg/cv
      Argo 1.3: 1.150 kg e 101 cv - relação peso/potência de 11,3 kg/cv

      Ou seja, o Polo 1.0 MPI terá uma relação peso/potência mais favorável até que a do Up! MPI, que é carro 1.0 não turbo de melhor desempenho do mercado, com 0 a 100 km/h abaixo de 14 segundos.

      E quem anda no Up! MPI sabe que ele aparenta ser um carro 1.4 ou 1.6. Então com este Polo será a mesma coisa. Um modelo de acesso, acessível, com preço baixo.

      E com padrão da acabamento premium, segurança classe mundial.

      E, de mais a mais, quem define se é necessária ou não é a VW, e não vc. Se vc não gosta dessa versão, compre outra. Terá inúmeras outras opões, com motor 1.0 TSI, 1.6 MSI e falam até ma 1.4 TSI e 2.0 TSI.

      Não sei qual o motivo que certas pessoas ficam de mimimi com opções a mais para o consumidor. O problema são opções de menos, não a mais.

      Excluir
    2. Isso que me refiro, o que achei muito interessante é a versão 1.0 TSI. Em minha opinião poderia partir desta. Não que esta versão MPI seja ruim, talvez poderia equipar O FOX algo assim.

      Excluir
  34. Como tem muito mimimi sobre irrelevâncias neste post, então vamos colocar os pingos nos is e fazer uma análise desapaixonada sobre o que representa este lançamento da VW à luz dos seus concorrentes.

    Então vamos começar pelos concorrentes.

    Fiat Argo: é o Tipo Europeu? Não. É nada além de um Punto requentado, enxertado para resistir a teste de impacto, que ficou pesadíssimo (peso de Golf). Mesmo tamanho do Polo, muito menos espaço interno. Acabamento boqueta, motor ridículo 1.0 8V, 1.3 8V e 1.8 do século passado. Em resumo: uma boxta.

    Chevrolet Onix: motores defasados de quatro cilindros. projeto gambiarra exclusivo para o Brasil (não é vendido na Europa, nem na China, nem em lugar algum). Tomou zero no Latin NCAP.

    Toyota Etios: projeto indiano. feio até dizer chega. Acabamento mais boqueta impossível. motores razoavelmente modernos, segurança razoável. É vendido na Europa? Não. É vendido nos Japão? Não. Ou seja: carro para sub-desenvolvido.

    Hyundai HB20: visual emperiquitado. Motores de concepção menos ultrapassada , mas de pouca eficiência (é o que mais bebe do segmento). É vendido na Europa? Não. È vendido na Coréia do Sul? Não.

    Agora vemos o Polo. lançado agora na Europa. Projeto alemão para ser vendido a Europeus. Carro é tão sofisticado para um hatch desse porte que não será vendido nem nos EUA, mas será vendido na Europa, China e Japão. E chega ao Brasil junto com a Europa.

    isso são fatos. O resto é mimimi.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você poderia dizer isso do up também. Mas brasileiro sempre reclama que aqui só tem carroça que precisamos de carros iguais os da Europa aí quando temos brasileiro reclama ! Brasileiro adora reclamar

      Excluir
    2. Nunca ri tanto aqui, essa foi com requintes de crueldade, adeus concorrência.

      Excluir
  35. Tbm concordo e acho uma boa ter o motor 1.0 90cv no polo, com pre ço mais competitivo, aliquota de ipi menor inclusive no ipva tbm, fora q teremos ao mesmo tempo aqui no Brasil um carro de padrão europeu num valor mais acessivel e é a resposta da vw pra tirar as vendas do onix, hb20 e do argo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você realmente acha que o Polo vai ter preço competitivo frente aos que você citou? Infelizmente vão colocar um bom 1.0, mas insuficiente pro Polo, num preço alto. Tipo mais de 50k
      E o acabamento premium do europeu vai ficar por lá

      Excluir
  36. Que lindo duelo seria com o Fiesta 2018, mas o custo Brasil vai nos privar desse prazer!

    ResponderExcluir
  37. Já que no final do ano pretendo trocar de carro, esse sem dúvida entra na lista de pretendidos. Atualmente tenho um Fox 2013.

    ResponderExcluir
  38. VW vai tentar emplacar o Polo MPI dando esse "tapa" no motor, precisa evitar que os fantasmas do passado assombrem novamente...

    ResponderExcluir
  39. A mudança mais sentida será na oferta dos novos recursos de segurança, por certo. Seu lançamento aqui e na Argentina antes de 2018 pode indicar uma tentativa de fugir de alguma obrigatoriedade de lei nessa área, indicando a possibilidade de surgimento de alguma versão de entrada (1.0) sem ESP... Esteticamente, as versões mais simples deverão ter faróis sem DRL, já obrigatórios na Europa. Não acredito que terá abertura de tampa de porta-malas diferente da do europeu, pois no primo pobre Fox já é via logo. Nosso Polo deverá ser mais careta na oferta de cores internas e externas também. A central multimídia mais sofisticada junto com o painel digital deverão constar só na topo da gama a preços inacessíveis para a categoria, o que seria uma pena. Já tive um Polo Sedan e sua ergonomia e dirigibilidade eram únicas. Torcendo que a marca acrescente uma bela traseira no Virtus, diferente do que fez na geração anterior do Polo Sedan para Rússia e Índia. A VW há tempos carece de um sedã compacto bonito. Vamos esperar como a concorrência reagirá com seus futuros produtos. O Polo é um ótimo parâmetro e um lançamento importante para a evolução do nossos produtos locais. Que surjam mais desse nível!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vazou foto da traseira do virtus. Inclusive o funcionário que vazou foi demitido. Procure no Google.

      Excluir
  40. Podem usar aquele motor 2.0 do Jetta.
    Aquele que tem 120 cavalos!! :P

    ResponderExcluir
  41. Meu palpite:

    1.0A MT Trend R$55K
    1.0T MT Conf R$65K
    1.0T AT Conf R$70K
    1.0T MT High R$75K
    1.0T AT High R$80K

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que esses preços que você citou são bem reais. POr mim essa trend teria o 1.6MPI e acima da highline teria um GTI 1.4T por 90k.
      SOnhar nao custa nada hehehe

      Excluir
  42. Se a VW casasse o motor MPI com o câmbio de 6 marchas, acho que ficaria até interessante.

    Não duvido do potencial do motorzinho 1.0 aspirado. Tenho um Up e considero o 3 cilindros MPI a parte mais fantástica do carro. É praticamente um 1.4 no desempenho e com economia surpreendente. Sem contar que é uma delícia esticar os giros dele pra escutar o ronquinho de motor Boxer...rsrs. É um motor de elasticidade impressionante. Tô muito curioso pra conferir a atualização que a Volks irá aplicar nele pra render 90cv. Com certeza irão aumentar a taxa de compressão, usar pistões mais leves e óleo de baixa viscosidade, mais ou menos a receita que a GMB usou nos motores VHC.

    Acho meio difícil, mas o Polo de entrada com preço logo abaixo dos 50 mil ia ser show.

    ResponderExcluir
  43. Carros da WV deveriam ser identicados apenas como P, M, G e GG...kkk Pois são todos iguais...

    ResponderExcluir
  44. Faz sentido nenhum essa abertura do porta-malas. Até o Fox tem abertura na marca da VW, até saveiro.

    ResponderExcluir

  45. So falta a VW me colocar aquela abertura de porta malas tipo "lingueta" igual do Up!.

    economia besta....deve vim com os cubos furacao 4x100 do jeito que ja estao cortando os custos do carro...


    ResponderExcluir
  46. Mas o que a VW não divulgou até agora foi a massa do novo Polo. Isso definirá se ele será realmente eficiente. Não creio que ele venha com 1020Kg como falou o Carlos. Me parece que ele terá massa mais próxima dos 1150Kg do Fiesta. Se vier com mais massa será menos eficiente. Já procurei está informação em todos os meios e ainda não obtive a confirmação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deixa de ser orelha. O Golf nacional pesa o mesmo que o Golf alemão.
      Logo, o Polo nacional, que usa a mesma plataforma do Golf, pesará o mesmo que o alemão (ou espanhol), ou seja, 1020 Kg.

      Excluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.