Car.blog.br

Pesquisar este blog

VW Passat V6 3.6L DSG-6: desempenho, consumo, detalhes

Categorias: , , , 17 Comentários

O Volkswagen Passat vendido nos EUA é uma variação exclusiva para o mercado norte-americano do Passat B7, submetido a um facelift recente, e oferecido em versões com motor quatro cilindros 1.8 TSI associado com um câmbio automático de seis marchas, e neste V6 3.6L aspirado, associado com uma transmissão automática de dupla embreagem DSG de seis marchas. Neste artigo mostramos seus detalhes.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

O motor V6 certamente já não é uma opção normal nem mesmo para os carros ditos médios nos EUA, e que são os mais vendidos nesse mercado. A maioria dos compradores opta por modelos quatro cilindros e cerca de 50% dos competidores do Passat nem sequer oferecer um V6 como um upgrade. Economia, regulamentos, tendências do mercado e avanço tecnológico conspiraram contra os seis cilindros.


2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6 - motor

Um motor de alto torque como o quatro cilindros 1.8 TSI do próprio Passat, polui menos, custa menos e satisfaz as demandas da maioria dos compradores, e surpreende muitos com seu desempenho.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

E, no entanto, os seis cilindros ainda vivem, pelos menos nos EUA e Canadá, não só no Passat, mas também em versões topo de seus concorrentes - Toyota Camry, Honda Accord, Nissan Altima, Subaru Legacy e até mesmo no novo Ford Fusion Sport, que adota um V6 turbo. Mas são versões que responde por pequena parte das vendas.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

Este Passat é um típico sedã alemão, mas adaptado para se travestir de sedã médio americano. O chassi é robusto, a estética convencional, o tamanho é exagerado ao gosto americano, direção é leve e mais lenta que os europeus, e a suspensão é bem mais macia. Há porém uma abundância de torque e a visibilidade é excelente.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6 - painel

Nos EUA, o Passat Highline 3.6 sai de US$ 27.540 dólares, mas pode chegar a US$ 40.000 dólares com todos os opcionais. Em termos dimensionais, mede 4,87 metros de comprimento, 1,83 metros de largura, 1,48 metros de altura, e a distância entre-eixos é de 2,8 metros.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

Desempenho e consumo

O Passat tem tração dianteira, um motor V6 DOHC 24V com 280 cavalos @ 6200 rpm e torque máximo de 35,7 Kgfm @ 2500 rpm, e pesa 1.619 Kg. Associado à transmissão automática DSG-6, ele é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 5,7 segundos, e retomar de 80 a 120 km/h em 4 segundos.

VW Passat V6 2017

São números não apenas bem melhores que os do Passat 1.8T (0 a 100 km/h em 7,8 segundos), mas que deixam para trás até mesmo o Golf GTI (0 a 100 km/h em 6,2 segundos). Este é um Passat com performance verdadeiramente esportiva, mas cobra um preço em termos de consumo 16% pior.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6 - interior

Segundo a norma americana, em cidade o consumo é de 8,4 km/l de gasolina, e 11,7 Km/l em estrada.

Concorrentes

O Passat disputa o segmento de mercado onde estão os carros mais vendidos dos EUA, entre os quais o mais vendido, que é o Toyota Camry. Partindo de US$ 27,9 mil dólares, e chegando a US$ 40 mil, ele enfrenta uma concorrência pesada. O mais poderoso é o Fusion Sport V6 2.7 EcoBoost, de US$ 44 mil dólares, mas há também o Honda Accord EX-L V6 e Touring V6 (US$ 35.685 e US $ 8.185) Toyota Camry V6 (US$ 37.485 dólares), Subaru Touring de US $ 32.590.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

O Passat V6, portanto, parte de um preço convidativo, mas fica no nível dos concorrentes quando se colocam opcionais.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6  - espaço traseiro

De série ele vem bem equipado: rodas de 18 polegadas, bancos esportivos eléctricos, sistema de navegação, teto solar elétrico, sistema de audio Fender de 400 watts, acesso por aproximação, monitorização do ângulo morto e muito mais.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

O Passat também tem um aspecto de modelo americano de luxo, graças a alguma semelhança com o Audi A4.

Comportamento dinâmico

Desconsiderando o aspecto racional, que mostra que o Passat 1.8 TSI AT é melhor custo x benefício, este Passat V6 tem argumentos bem emocionais, como o som de motor discreto mas tipicamente V6, apesar de sutil ao estilo alemão. Na cabine não se ouve muito o ruído do motor, pois ela é suave.

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

O desempenho porém é vigoroso e se ouve o V6 quando se exige mais do carro, especialmente quando se usa a caixa de marchas em modo S, mas todo o ajuste confortável de suspensão não combina com esse nível de performance.

Conclusão

2017 VW Passat V6 3.6L DSG-6

O Volkswagen Passat 3.6L V6 tem um motor de sedan desportivo, mas ainda assim é um tradicional sedã familiar americano.

17 comentários:

  1. Creio que se colocar esse 3.6 de 280 cv e 35,7 no dinamômetro ao lado do nosso Passat de 220 cv e 35,7 de torque haverá praticamente um empate técnico. Aposto que o brasileiro vai mostrar uns 270 cv e 40 kgfm de torque....

    ResponderExcluir
  2. Um Voyage esticado e com 16 válvulas a mais no motor haha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E o Croma tá no mercado?o dia em que a Fiat emplacar um médio-grande vc volta aqui.

      Excluir
    2. O designer da VW anda sem criatividade a uns 10 anos e a culpa é da Fiat? Nossa.

      Excluir
  3. Acho o Passat um belo sedã, nessa atual geração ficou ainda melhor. Tenho uma dúvida, se alguém souber e quiser compartilhar ficarei grato.
    Porque alguns modelos EA888 tem a calibração 220cv 35kgmf e outros 211cv 28kgmf?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os motores 220 cv tem 35 kgfm de torque. Os 211 normalmente 28,5.

      Já diferença na turbina e no 220 cv há 8 bicos injetores

      Excluir
  4. 3.6 ou 1.8T...tanto faz, por que esse carro é másculo com M, sóbrio e perfeito em qualquer versão.

    ResponderExcluir
  5. Em outro tópico o car blog desceu a lenha no DSG em relação ao câmbio Aisin. Não sei por qual motivo a VW continua usando nem carro desse porte o câmbio pior do que por exemplo no GOLF nacional.

    ResponderExcluir
  6. Não existe imparcialidade nesse blog. A depender do lado o DSG e Multlink são sensacionais em outro casos a combinação não presta porque os carros não precisam chegar a 200km/h.

    A verdade é que os carros estão cada dia mais parecidos e a diferença entre os carros do mesmo segmento são pífias.

    Já aluguei esse Passat com motor 2.5 e é um carro muito bacana e espaçoso.

    ResponderExcluir
  7. Aisin é câmbio baixo custo, tanto é que a que VW/Audi utilizam câmbio ZF 8 marchas em seus modelos premium (touareg/q7/a6/a7/a8).

    ResponderExcluir
  8. A VW realmente está acertando a mão nos sedãs grandes. Essa semana andei em um Phaeton aqui. Realmente está de parabéns, é de tirar o chapéu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, aqui tem muitos desses carros que chegaram por importadores independentes. É muito fácil regularizar um importado aqui.

      Excluir
  9. Carro com muita tecnologia embarcada mas que não vingou aqui no BR.. ninguém vai deixar de ter uma mercedes, bmw e audi pra comprar Passat...

    ResponderExcluir
  10. Acabamento primoroso e o GPS continua no joelho como nos outros VW

    ResponderExcluir

Comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões),conteúdo ofensivo, racista ou homofóbico serão apagados sem prévio aviso.